Nota da Cúria da Administração Apostólica Pessoal São João Maria Vianney.

A propósito da presença do Exmo. Sr. Bispo Dom Fernando Arêas Rifan na inauguração do Centro de Produção Multimídia da Canção Nova em Brasília (DF), no dia 5 de maio de 2010, a Cúria da Administração Apostólica Pessoal São João Maria Vianney, a pedido do Sr. Bispo, vem esclarecer o que segue:

1) A presença do Sr. Bispo Dom Fernando a essa inauguração, para a qual foi duas vezes convidado, junto com cerca de sessenta outros Bispos, não significou nem significa apoio a tudo o que veicula esse meio de comunicação, como aliás não significou nem significará esse apoio sua presença em quaisquer outras inaugurações de veículos de comunicação a que comparece ou abençoa, por ofício ou educação. Ademais, é por demais conhecida a nossa posição litúrgica na Igreja, conservando como forma ritual própria, concedida pela Santa Sé, o Rito Romano na sua forma extraordinária, nossa identidade e razão da nossa existência.

2) O encontro com a Sra. Dilma Roussef, que, na ocasião, veio até ao Sr. Bispo para cumprimentá-lo e a cujo cumprimento ele correspondeu por educação, foi fortuito e inesperado, considerado pelo Sr. Bispo como estranho e ardiloso por parte de quem a convidou, pois tal presença não constava no convite e, se constasse, o Sr. Bispo não o teria aceitado, para não dar motivo a más interpretações.

3) A foto, em que aparecem o Sr. Bispo e a pré-canditada, não significa qualquer apoio à sua candidatura e muito menos ao seu partido ou programa de governo, como aliás, não significam nem significarão qualquer apoio outras fotos com outros candidatos que eventualmente visitarem ou cumprimentarem o Sr. Bispo, coisa muito comum em épocas pré-eleitorais.

4) A Cúria da nossa Administração Apostólica e seu Bispo, S. Exa. Dom Fernando Arêas Rifan, aproveitam a oportunidade para, até em defesa dos verdadeiros direitos humanos, corretamente sempre defendidos e apoiados pela Igreja, expressar seu total repúdio ao PNDH 3 (Plano Nacional de Direitos Humanos 3) do atual governo, pois, embora contenham boas proposições, que reconhecemos, no entanto sua linha de princípios e grande parte de suas diretrizes, metas e sugestões, expressa ou veladamente, contradizem a moral natural e cristã, especialmente quando pretendem, entre outras posições errôneas, adotar o aborto, a união civil entre pessoas do mesmo sexo, a adoção por casais homoafetivos, a regulamentação profissional da prostituição, a proibição dos símbolos religiosos nos estabelecimentos públicos e a proteção aos invasores de propriedades.

Campos dos Goytacazes, 10 de maio de 2010
Mons. José de Matos Barbosa
Chanceler e Vigário Geral.

41 Comentários to “Nota da Cúria da Administração Apostólica Pessoal São João Maria Vianney.”

  1. 2) O encontro com a Sra. Dilma Roussef, que, na ocasião, veio até ao Sr. Bispo para cumprimentá-lo e a cujo cumprimento ele correspondeu por educação, foi fortuito e inesperado, considerado pelo Sr. Bispo como estranho e ardiloso por parte de quem a convidou, pois tal presença não constava no convite e, se constasse, o Sr. Bispo não o teria aceitado, para não dar motivo a más interpretações.
    Aaah, o povo deles leem o Fratres, que bom. Então lá vai:
    ELe n está com cara de espanto pelo cumprimento e MUITO MENOS com cara de gente que n se adaptou ao ambiente. Com atitudes e notas bipolares, forçam e insultam a inteligência de muitos!

  2. Diga-me com quem tu andas…

  3. Uma nota clara e direta espero que a administração S.João Maria Vianney realmente realize o que prega.

  4. Evitar-se-ão, pois, os juízos temerários sobre o próximo: condenar os nossos irmãos por simples aparências e por motivos mais ou menos fúteis, sem conhecer a fundo as suas intenções, é usurpar o direito de Deus, único juiz supremo dos vivos e dos mortos, é cometer injustiça para com o próximo, pois se condena sem ser ouvido, nem conhecidos os motivos secretos das suas acções, e as mais das vezes sofre o império de preconceitos ou de qualquer paixão. A justiça e a caridade exigem, ao contrário, que nos abstenhamos de julgar e interpretemos o mais favoravelmente possível as acções do próximo. (Pe. Tanquerey)

  5. O PNDH3 contém “boas proposições” ??? Quais? Por que esta necessidade de ser sempre diplomático? Ainda mais com o PT?
    Que pena que fotografaram D. Rifan bem a vontade com a ex-guerrilheira! Que azar! Pois, tiveram de emitir esta nota de desmentidos.

  6. Creio que a nota não força a inteligência de ninguém. Foi esclarecedora e suficiente para cessar “más interpretações”. Não queiramos julgar as intenções…

    Moisés Gomes de Lima

    http://verdadeiromododever.wordpress.com

  7. Jesus também andava com publicamos, fariseus, escribas, saduceus, samaritanos, gregos e romanos.
    Nem por isso deixou de ser o que era, e para que veio.
    Dom Rifan parabéns

  8. É lamentável a crítica obstina e apaixonada. Julgar a intenção alheia ( ainda por cima depois desta mesma intenção ter sido pessoalmente manifesta) é simplesmente juízo temerário, não próprio de quem quer carrega o nome de católico.Por mais que amemos e defendemos a Verdade, devemos ter cuidado de não faltar com a caridade.
    Que Deus conceda à Dom Fernando, meu amado pastor muita sabedoria e paciência contra seus detratores.

  9. Digamos que foi uma nota de esclarecimento “polida”: se por um lado reflete um posicionamento, por outro não deixa de adotar certos cacoetes politicamente corretos.
    Se o sr. Bispo não concorda com “tudo aquilo”, por que um presença completa perante “tudo aquilo”?
    Uma maneira clara e insofismável de marcar posição com relação aos abusos e excessos de uma “comunidade” que cresce e se ramifica à margem da ortodoxia – só um louco ou um “ecumênico intra-eclesial” não nota… – não seria comparecer, que dá um ar de legitimidade com tantos incardinados presentes, mas uma notinha respeitosa de “felicitações” com alguns avisos e alertas anti-progressistas.
    Se o sr. Bispo “abençoa” algo com que não concorda, ainda mais se tratando de um fato ou instituição que flagrantemente se eleva e mantém em “criatividade teológica”, flanqueando os costados da neo-catolicidade modernista, o dever de estado deveria ser ensinar, exortar e corrigir: não se trata de um obséquio de função “abençoar” a tudo e a todos, mas tocar o espírito e instruir a fazerem o que deve ser feito; mesmo à custa de “popularidade”…
    O dever de ensinar é determinar limites para a ação e fazer cumprir a obrigação, o dever de cada um; ainda mais àqueles que possuem projeção e meios de divulgação de idéias alienígenas ao verdadeiro catolicismo.
    Edificar, até mesmo com uma negação clara de aprovação, com uma recusa de “benção” – mesmo que isso implique “falta de educação” ou declinar de uma “visita”… – é dever de função!

    Post Scriptum: Essa de “total repúdio” ao tal PNDH3, mas ver “boas proposições” é demais…
    A cabeça modernista é assim: acata o dupli-pensar sem nenhuma dificuldade.

  10. Um alerta, para não deixar a conversa desequilibrada:
    José Serra introduziu o aborto no Brasil quando ministro de FHC, em 1998, com uma simples canetada, sem sequer consultar o congresso. A única candidata contrária ao aborto é Marina Silva, e num eventual 2º turno entre Dilma e Serra, se deve escolher o ‘menos pior dos dois’ abortistas, aqui, Dilma Roussef.
    Se fosse pro bispo receber o Boff, tinha que fazer cara feia e repreendê-lo duramente ou não cumprimentar. Mas na política não se faz cara feia para quem pensa errado; ainda mais católicos que devem sempre transparecer caridade, na esperança de converter o próximo e dar bom exemplo. Neste caso o bispo deveria ter aproveitado a oportunidade de demover Dilma de sua posição pró-aborto.
    No mais, parece que muitos odeiam Dilma, o que denota uma tendência da direita brasileira de classificar simplóriamente quem é ‘ruim’ e quem é ‘tolerável’.
    Lembrem-se que a dicotomia Esquerda X Direita também é uma farsa.
    Foi FHC que fundou o PT com 200 mil dólares (muito $$$ na década de 70) da Fundação Fulbright (CIA). Mas depois que viu que não ia dar certo – não conseguiria segurar as rédeas, controlar o partido, com a entrada de tantos católicos e sindicalistas que buscavam sinceras mudanças no país) pulou fora e abriu o PSDB.
    Informemo-nos melhor sobre política, afinal não somos, como diz o Filósofo, animais políticos?

  11. Congratulo-me com o fato de Sua Excelência Revma. D. Rifan ter se preocupado em esclarecer sua presença no meio daquela Alcatéia.
    Mas enxergar “pontos positivos” na cartilha marxista do PT apelidada de PNDH-3 não me transmite boa impressão.
    Em todo caso, rezemos.

  12. “em muitas coisas concordam comigo, e, numa poucas não; mas por causa daquelas coisas em que não estão de acordo comigo, para nada lhes aproveitam as muitas coisas nas quais concordam comigo.” Santo Agostinho (Enarrationes in Psl. 54, 19)

  13. Acho curioso como alguns “católicos” não pensam duas vezes antes de criticar Dom Rifan por sua drástica mudança de posição, mas idolatram a “defesa da fé” da FSSPX como se ela não fosse uma organização cismática, repleta de sedevacantistas e que por vezes insultou Sua Santidade o Santo Padre Bento XVI e seus antecessores com respostas extremamente mal-educadas. Hipocrisia?

    Isso é pensamento revolucionário. Só o revolucionário julga-se superior e ciente da Verdade, querendo implantar seu modelo de perfeição a todo custo. Não adianta discutir com ele pois ele não está em busca da Verdade, ele já “a conhece” – julga-se infalível. Mas graças a Deus o único que recebeu o poder das chaves da Verdade é o Papa, e por isso a ele é devida toda a obediência.

    Dom Rifan soube muito bem corrigir seus erros e acatar o modelo e a verdade do Papa, e a sua mudança de pensamento só demonstra o quão realmente ele não é revolucionário, isto é, não se julga dono da Verdade mas está em Sua busca.

    Lembrem-se: nenhum de nós é infalível, a não ser o Papa! Viva o Papa Bento XVI!!!

  14. A Administração Apostólica deveria exporto os pontos positivos do PNDH 3, à luz da Doutrina Católica.

  15. UM alerta para postagem sem noção:
    Marina Silva É meio termo pra tudo, veja frase da mulher:

    Ninguem busca aborto porque quer abortar, mas busca em momento de dificuldade…. não se pode satanizar o aborto.

    http://sucessaoaapostolica.blogspot.com/2009/10/vejam-bem-quem-e-marina-silva-nao-emite.html

    Essa mulher é abortista! A Única que vi falar claramente CONTRA o aborto foi a Eloísa Helena.

  16. Para os neo-católicos “quequetem” tudo é permitido e tudo é lindo, todo mundo sempre é bem intencionado. Não se pode julgar, a não ser os que não concordam com suas opniões.
    Tempos difíceis.

  17. Acho curioso como alguns “católicos” não pensam duas vezes antes de criticar Dom Rifan por sua drástica mudança de posição, mas idolatram a “defesa da fé” da FSSPX como se ela não fosse uma organização cismática, repleta de sedevacantistas e que por vezes insultou Sua Santidade o Santo Padre Bento XVI e seus antecessores com respostas extremamente mal-educadas. Hipocrisia?

    Isso é pensamento revolucionário. Só o revolucionário julga-se superior e ciente da Verdade, querendo implantar seu modelo de perfeição a todo custo. Não adianta discutir com ele pois ele não está em busca da Verdade, ele já “a conhece” – julga-se infalível. Mas graças a Deus o único que recebeu o poder das chaves da Verdade é o Papa, e por isso a ele é devida toda a obediência.

    Dom Rifan soube muito bem corrigir seus erros e acatar o modelo e a verdade do Papa, e a sua mudança de pensamento só demonstra o quão realmente ele não é revolucionário, isto é, não se julga dono da Verdade mas está em Sua busca.

    Lembrem-se: nenhum de nós é infalível, a não ser o Papa! Viva o Papa Bento XVI!!(2)
    Viva Dom Rifan, Viva a Administração Apostólica São João Maria Vianney

  18. Salve Maria, Sr Jucken !
    Qual documento pontifício que diz que a FSSPX é cismática?

  19. É, Sr. Marco…
    E como ficam os que vosso “amado pastor” detrata?

  20. Carta apostólica de Bento XVI, em forma de “motu proprio”Ecclesiae unitatem

  21. N julguei ninguém e muito menos a intenção.
    A FOTO É CLARA, mostra uma realidade e a nota fala de outra coisa.

    N sou da FSSPX, pq aqui em São José n tem priorado, se tivesse eu seria.

    *******************
    Marcos, vc é igual ao seu amado bispo, duas cara. Tô cansada de vc ficar jogando piadinha para mim. Vê se toma vergonha na cara e aprensenta nos seus posts a caridade que vc diz que n tenho.

    Aqui quem tá com crítica lamentável, obstina e apaixonada é vc contra minhas postagens, tanto que já se referiu ao bipolar como “seu amado bispo”. Vai cuidar da sua vida!

    ****************

    Santo Ezequiel Moreno:

    “…muitos dos que se dizem católicos ajudam os «revolucionários». São esses, sempre «moderados», que estimam a «tranquilidade pública» como o bem supremo.

    ‹‹Esses católicos tolerantes, condescendentes, brandos, doces, amáveis ao extremo com os maçons e furiosos inimigos de Jesus Cristo, guardam todo seu mal humor para os que gritam «Viva a Religião!» e a defendem sofrendo contínuas penalidades e expondo suas vidas. Para eles, esses últimos são «exagerados e imprudentes, que tudo comprometem com prejuízo dos interesses da Igreja»”

  22. Claro que a FSSPX é cismática. Afinal de contas, católicos são todos aqueles que colocam a obediência acima da razão, da fé, do bom senso e da justiça.

    Se a Santa Sé diz: sejamos pró-vida e anti-liberais, então começemos a guerra ao mundo.
    Mas se destoa e diz sim para o ecumenismo, para a libertinagem religiosa, para a reconciliação com os neo-valores de 1789, então obedeçamos também, porque andam tentando nos fazer engolir que católicos reais são um monte de homens que tem titica de galinha na cabeça, que chamam a luz de trevas e as trevas de luz, desde que a autoridade assim determine.

    Pela vontade destes, a tecnologia robótica já teria sido implantada nas pessoas há muito tempo. Basta progrmar para obedecer cegamente, então se o papa mandasse adorar a Satã, nós queimaríamos incenso ao demo, pois somos católicos e não precisamos de cérebro… Certamente Deus vai recompensarr a nossa obediência cega, já que o plano dele deve ser o de criar máquinas, e com certeza a culpa só cairá nas costas dos mandantes, não é?

    Dom Rifan poderia evitar menos polêmicas se evitasse este tipo de contatos espúrios. Ele é bispo, só deve satisfações ao papa. Ele não precisava se misturar com aquele antro que é a CNBB, não precisava misturar seus sacerdotes dito tradicionalistas com estes neo-conservadores a La Legionários de Cristo, nem precisava sequer tomar parte em nenhuma Missa Nova ou com carismáticos.

    D. Rifan parece que sente satisfação em causar celeuma. Já que ele renunciou a defender a fé, porque então não se limita a ensinar o catecismo? Mas não. Ele tem uma agência com o mundo moderno. Ele precisa mostrar que aceita a modernidade através de atos deste tipo.

    Neste passo, não tardará a vermos a Administração Apostólica na Canção Nova… Quem sabe na próxima rave?
    Já que eles fizeram um acordo com a Santa Sé, não precisavam causar tanto escândalo… Não vejo ninguém se escandalizar com o iBP ou com o Instituto Cristo Rei.

    E o que tem a FSSPX a ver com isso tudo? D. Rifan se mistura com carismático e comunista, e a FSSPX ainda é chamada para o meio desta baderna?

    Eu não ia comentar esta notícia, para mim já não é surpresa D. Rifan sair fotografado com o que há de pior no século. Mas o povo provoca, aí não consigo me calar.

  23. Na boa,devo muito à Administração Apostólica, tenho por Dom Fernando um respeito muito grande. Não estou aqui – nem em lugar nenhum estarei, para “bater boca” com ninguém. O trabalho da Administração eu posso dizer que é excelente, falo isso por experiência própria. Não vou me arvorar em juiz de ninguém, não entrarei numa briga infrutífera de jeito nenhum. Convido à todos a rezar por Dom Fernando ou quem sabe escrever-lhe um e-mail, uma carta ou mesmo irem pessoalmente ao seu encontro. Não acho razoável usar este espaço para lançar críticas que nada constroem e que ainda por cima causam dissenssões e rixas entre irmãos que amam a Tradição católica. Não digo isso por mim: tanto me importa ser tratado bem ou mal. Devemos dar sim crédito à Administração, assim como devemos admirar o extraordinário trabalho realizado pela FSSPX, ambas fazem parte da mesma e única Igreja, não são partidos opostos que lutam por objetivos diferentes. Quanto a foto “ser clara” e “mostrar uma realidade” discordo de você Ana, acho que isso seria “querer demais”. Se um dia Dom Rifan ( libera nos Domine) Vir a apoiar Dona Dilma – o que EU considero dificílimo, EU VOU SER O PRIMEIRO, por bom senso e simplesmente por ser católico – a me colocar ocntra, mas isso é outra história.
    Ana, não vou brigar com você de jeito nenhum, não é do meu feitio e não vejo que bem isso pode trazer, para ninguém! Acho pesado mandar alguém “tomar vergonha na cara”, mas você deve ter seus motivos. Além do mais não fico jogando piadinha não – sou péssimo nisso, além do mais o que eu ganharia ocm isso?? Leio seu blog eventualmente e gosto dele – com algumas ressalvas, mas é só. Só mesmo.
    No mais, fique com Deus e pode ficar sossegada.
    Só me tira uma dúvida: onde foi que eu joguei essas tais piadinhas para você? Quase nem posto aqui? Talvez – acredite! – seja um mal entendido.

  24. Sr. Diego, vide por gentileza mensagem do sr. Lucas.

    Sra. Ana Maria, cuidado para não se tornar uma “pseudo-conservadora”. A FSSPX é claramente revolucionária, e querer afiliar-se a ela é portanto uma atitude revolucionária. Não me surpreenderia se, num futuro próximo, a ala sedevacantista da FSSPX elegesse seu próprio “papa”, oficializando o cisma.

    A sra. está certa em criticar a moderação com a citação de Santo Ezequiel Moreno, mas cai na falácia do falso dilema e acaba tomando uma posição arriscada. Lembre-se: somente o revolucionário se pensa infalível, e a FSSPX está nestes termos. Temos, no entanto, de nos submeter ao escrutínio do Santo Padre – coisa que a FSSPX evidentemente não faz…

    Santo Ezequiel Moreno termina seu discurso muito sabiamente mostrando que devemos defender os interesses da Igreja. A FSSPX está defendendo os seus próprios interesses, e não os da Igreja. A intersecção dos dois conjuntos é não-nula, sim, mas a disjunção também é óbvia.

  25. “A FSSPX é claramente revolucionária, e querer afiliar-se a ela é portanto uma atitude revolucionária.”

    Pois graças a esse ‘revolucionalismo’ que a Tradição em Campos sobreviveu, seus ingratos! Quem era que formava os padres da Administração antes do acordo feito pelo então Pe. Rifan? Quem foi que deu um bispo à então União Sacerdotal quando da morte de Dom Castro-Mayer? Campos, quando da proximidade da morte de Dom Licínio, veio ‘rastejando’ aos pés de Roma pedindo perdão e um bispo ‘legítimo’ para sua Administração. Nem um pio sobre o Vaticano II eles deram… Pois a FSSPX, revolucionária como dizem, consegue a ‘liberalização’ do rito de São Pio V, e ainda por cima estão em debates sobre o Vaticano II. Pois é… Dom Rifan deve ter se mordido todo com a história.

    E, como um amigo aí resolveu citar a Ecclesiae Unitatem, em linha alguma ela fala de cisma, mas em ‘comunhão imperfeita’. Ora, no cisma não existe ‘comunhão imperfeita’ mas sim rompimento total. Tanto que várias personalidades da Cúria Romana já se pronunciaram a respeito, afirmando que a FSSPX não é CISMÁTICA e tampouco sua EXCOMUNHÃO foi juridicamente legítima. O Papa é infalível quando fala de fé e moral, mas pode perfeitamente errar quando fala de direito canônico.

    Pax Christi!!!

  26. Jucken

    N sou da FSSPX já disse, mas eu prefiro a FSSPX inteirinha, do que essa gangue da plena comunhão. Aliás, se eu tivesse dinheiro bancaria um priorado aqui em São José dos Campos.

    Essa frase de D. Lefebvre é propícia : nasci católico e n quero morrer protestante.

    Acato o Papa n a cnbb, eis um dos motivos:

    http://sucessaoaapostolica.blogspot.com/2010/05/plena-comunhao-da-desobediencia-43.html

  27. Importante é frisar isso aqui :

    “O encontro com a Sra. Dilma Roussef, que, na ocasião, veio até ao Sr. Bispo para cumprimentá-lo e a cujo cumprimento ele correspondeu por educação, foi fortuito e inesperado, considerado pelo Sr. Bispo como estranho e ardiloso por parte de quem a convidou, pois tal presença não constava no convite e, se constasse, o Sr. Bispo não o teria aceitado, para não dar motivo a más interpretações.”

    Tenho certeza que Dom Rifan pelo que conheço não é favorável a PT , Dilma ou PNDH;e tenho ainda mais certeza que essa ida de Dilma lá na CN foi um ardil.
    E pela foto fica claro quem está armando este ardil.

    A nota da Adminsitração foi satisfatória e boa.

    Dom Rifan não é culpado pelo que aconteceu; se alguém tem culpa de alguma coisa é a Canção Nova e não Dom Rifan.

  28. Pois então, Rafael, tire a conclusão lógica. Quem se mistura com Canção Nova, farelos come…

    É pouco. Quem sabe agora o bispo não pensa duas vezes antes de se meter com grupos protestantizantes?

    Mas a pérola mesmo é a que está escrita lá em cima: “FSSPX revolucionária”.

    Essa é demais… Deveria até ofender, se não fosse tão risível… Imaginem D. Fellay cantando a Marselhesa…

    Rsrsrs, eles têm um Talleyrand e nós é que somos revolucionários… Mas muito cuidado: o papa da FSSPX está sendo concebido. Ele virá… No carnaval…

    Francamente, uma bizarrice deste naipe só poderia vir de mentes realmente obtusas. Nem os piores inimigos da Igreja diriam uma sandice destas sem enrubecer… Se aqui colecionassemos “pérolas” como a dos vestibulares, a frase em questão seria forte candidata ao prêmio do chacrinha. Bacalhau ou abacaxi…?

  29. O “NOSSO POVO” LÊ O FRATES, POR QUE NEM TODAS AS NOTICIAS SÃO TEDENCIOSAS, O “POVO DE VOCÊS” DEVERIA PARAR DE PERSEGUIR O “NOSSO POVO”, ISSO NÃO É O DEVER DO VERDADEIRO CRISTÃO, PRINCIPALMENTE COMO FOI DIVULGADO NA INTERNET.
    PENSEM NISSO!

  30. Engraçado… Todo mundo critica e reclama da CNBB: que nenhum Bispo faz nada, toma nenhuma atitude. Aí, quando um Bispo sério como D. Rifan está lá tentando ajudar e fazer o bem, todo mundo critica. Caso vocês não saibam, está para sair o documento sobre a formação presbiteral da CNBB. Neste documento, há um tópico que fala da importância de Sto. Tomás de Aquino na formação filosófica e teológica. Sabem quem conseguiu introduzir isso no documento? Foi D. Rifan.

    Não se iludam. Esses bispos cismáticos que ficam gritando fora da Igreja acham que conseguem alguma coisa, mas o que eles dizem não influencia em nada. Esse povo da FSSPX acha que o Papa e a Cúria Romana ficam 24h preocupados com eles: muita pretensão… O Papa tem muitas outras coisas importantes a tratar…

    Vocês precisam entender que só poderão ajudar a Igreja quando estiverem dentro dela. Essa história de que o Papa liberou a Missa Tridentida por causa da FSSPX é chamar o Papa de mentiroso, pois ele próprio disse no carta anexa ao Motu Proprio que liberava para o bem dos membros da Igreja e que o problema da FSSPX é pior: problema doutrinal da não aceitação do Concílio. Além disso, quem conhece o Cardeal Ratzinger sabe que desde há muito tempo ele é favorável à Missa Tridentina como um auxílio para realizar a “reforma da reforma” que ele sempre defendeu.

  31. João dos Andes,

    Parece-me que o senhor, que defende o CVII, não aceitou as “conquistas” deste concilio, pois coloca:
    “Esses bispos cismáticos que ficam gritando fora da Igreja…”
    “…só poderão ajudar a Igreja quando estiverem dentro dela.”

    O senhor utiliza de um linguajar pré-conciliar e que, a partir do CVII, já não se usa mais. A FSSPX, segundo a ótica do CVII – e portanto de Roma atual – assim como as diversas denominações cristãs, está em comunhão com Roma. Essa comunhão só não é plena. Existem graus de comunhão, e não simplesmente o estar dentro ou fora.

    Saudações em Cristo Nosso Senhor!

  32. Caro Renato Sales,
    O João dos Andes e o Vitor José são a mesma pessoa, que não é senão um padre da Administração Aapostólica São João Maria Vianey. è padre C. Silva Souza que em sua livraria vende os livros heréticos do irracionalismo mística da Canção Nova.

  33. João dos Andes,Vitor José,José Vitor,São José,São João,lucas,São Lucas…é um padre da ADM que vende livros “heréticos”…bah tchê ! Tu és vidente ?

  34. Gostaria de afirmar a todos os internautas que eu não sou o Vitor José.

    Penso que o sr. Luciano deveria informar-se melhor antes de afirmar certas coisas…

  35. A Bola de Cristal do sr. Luciano Padrão parece precisar de manutenção, pois cada hora ela “mostra” uma pessoa diferente para os “pseudônimos” da caixola dele. Talvez essa Bola de Cristal já esteja gasta, e então ele comece a consultar os búzios.
    —————————————————–

    Prezado sr. Bruno Santana,

    Quando Dom Williamson ou Dom Tissier serão os papões da FSSPX?

    ——————————————————

    Prezado sr. Diego de Mello Castelan,

    Qual documento pontifício que diz que a FSSPX NÃO É cismática?

    ——————————————————

    Como sempre, o sr. Marcus Moreira Lassance Pimenta muito brincalhão e fazendo os outros rirem!!!

    ——————————————————

    Sr. Jorge Luis,

    Eu não sabia que foi a FSSPX quem fez a Reação pela Tradição em Campos!!! Será que eu já pertenci à FSSPX e não sabia??? E Dom Antônio de Castro Mayer e seus Padres, estiveram sob as ordens e jurisdição de Dom Marcel Lefebvre??? Eu não sabia!!!

    Mostre aqui pra gente, o Documento da Santa Sé no qual está Declarado que a Excomunhão dos Bispos da FSSPX não foi “juridicamente legítima” (como o sr. mesmo diz), e que os Bispos da FSSPX e a FSSPX têm Ministério de Ensinar, Governar e Santificar dentro da Igreja Católica. Tente comprovar!!!!!!!!!!!!!!!!

    Desde já agradecido pelo envio dos Documentos, ou ao menos de citações.

    Ah, não se esqueça que se a FSSPX está em “‘comunhão imperfeita’” (como o sr. diz), e é verdade, ela está no grupo das seitas e igrejas separadas (fora da Igreja Católica), têm Elementos de Igreja, mas estão fora, embora com algumas ligações.

    “Pois Cristo Senhor fundou uma só e única Igreja. Todavia, são numerosas as Comunhões cristãs que se apresentam aos homens como a verdadeira herança de Jesus Cristo. Todos, na verdade, se professam discípulos do Senhor, mas têm pareceres diversos e caminham por rumos diferentes, como se o próprio Cristo estivesse dividido. Esta divisão, porém, contradiz abertamente a vontade de Cristo, e é escândalo para o mundo, como também prejudica a santíssima causa da pregação do Evangelho a toda a criatura.”(Unitatis Redintegracio, n.1).

    “Mas, ninguém está nesta única Igreja de Cristo e ninguém nela permanece a não ser que, obedecendo, reconheça e acate o poder de Pedro e de seus sucessores legítimos.”(Mortalium Animos, n.17).

    “Aproximem-se, portanto, os filhos dissidentes da Sé Apostólica, estabelecida nesta cidade que os Príncipes dos Apóstolos Pedro e Paulo consagraram com o seu sangue; daquela Sede, dizemos, que é “raiz e matriz da Igreja Católica” (S. Cypr., ep. 48 ad Cornelium, 3), não com o objetivo e a esperança de que “a Igreja do Deus vivo, coluna e fundamento da verdade” (1 Tim 3,15) renuncie à integridade da fé e tolere os próprios erros deles, mas, pelo contrário, para que se entreguem a seu
    magistério e regime.”(Mortalium Animos, n.18).

    ——————————————————

  36. Como é presunçoso esse tal de Vitor José… Impossível ler sua diarréia verbal sem perder a paciência antes de chegar à metade.

    Depois que seu Bispo apareceu se arreganhando para a guerrilheira comunista abortista e anti-católica Dilma Roussef, você devia colocar suas barbas de molho!

  37. QUE ABSURDO! Senhor N Prado e Sr Vitor José, quanta falta de caridade de vocês, discutam soluções e não se ofendam, se o senhor Vitor José não é o João dos Andes apenas diga que não é, e o senhor N Prado não ofenda seu próximo.
    (1º comentário já é ofensivo) Srª Ana Maria Nunes quando se dirigir aos tradicionalistas não use de ironia dizendo “O povo deles leem o fratres” o que a senhora quer dizer com “povo deles” a religião da senhora prega esse tipo de atitute?.E além disso acho que todos os tradicionalistas devem sim ler o fratres, pois ele traz materias interessantes.
    Não quero ofender ninguém, só gostaria que vocês parassem com essas ofensas que não levam a nada.
    Afinal de contas somos todos irmãos ou não?
    Att Felipe Costa

  38. Um brinde à harmonia caridosa e temente à Deus da Tradição brasileira!
    Salve Maria!
    Salve Bento XVI o Restaurador!
    Salve Monsenhor Lefebvre o Guardião da Fé!

  39. Dada à impossibilidade de se manter uma discussão dentro dos limites da caridade e do respeito, este post está sendo fechado para comentários.