Brincadeira de criança.

Bispo da diocese argentina de Merlo-Moreno (curiosamente, onde está localizado o seminário de La Reja, da FSSPX) pede perdão por seu passeio luxuoso no México com “amiga de infância”. O bispo, conhecido militante da opção preferencial pelos pobres na Argentina, também é responsável pela gestão dos fundos doados à Caritas da América Latina e Caribe.

O Globo, Buenos Aires — O Vaticano estuda nesta quarta-feira se vai punir ou forçar a renúncia de Fernando María Bargalló, bispo da Diocese de Merlo-Moreno, em Buenos Aires, e presidente da Cáritas na América Latina e Caribe. Bargalló foi fotografado abraçado com uma mulher em um resort de luxo na costa mexicana. Os dois teriam um romance há meses.

Bargalló, de 59 anos, garante que a mulher é apenas uma amiga de infância. A Santa Sé já foi avisada das imagens do bispo. Segundo fontes eclesiásticas citadas pela agência argentina Diários y Notícias, Bargalló pode ser destituído do cargo imediatamente. Outras pessoas próximas ao caso, no entanto, dizem que o bispo já tinha apresentado sua demissão antecipada “para evitar um escândalo ainda maior”.

As imagens, que mostram o bispo junto com uma mulher na praia de Puerto Vallarta, no México, teriam sido tiradas em janeiro do ano passado. A mulher nas fotos seria uma empresária do ramo da gastronomia, dona de restaurantes em Buenos Aires.

A divulgação das imagens causou revolta entre membros da Igreja e políticos, sobretudo porque Bargalló, que também chefia a Cáritas na Argentina, contestou várias vezes o governo de Buenos Aires por políticas sociais e mais atenção aos setores mais pobres do país. Muitos se perguntam quem pagou o custo das férias em um resort de luxo. Além disso, a polêmica reacende a discussão sobre o celibato sacerdotal.

18 Comentários to “Brincadeira de criança.”

  1. Esse não precisa de um reconhecimento canônico né!?

  2. “E S.Bernardo, ao considerar os que se fazem padres, não para salvarem almas,mas para terem uma vida mais cômoda, exclama com dor: Ai! Melhor seriapara eles cavar a terra ou mendigar, do que serem revestidos do sacerdócio;porque no dia de juízo se levantarão contra eles as lamentações de todas asalmas que a sua preguiça fez condena.” (A Selva, Santo Afonso Maria de Ligório).

  3. Monsenhor Galarreta está em La Reja, poderia substituir esse que deverá ser “levantado” pelo Papa.

  4. Olha o Vaticano II aí. Quando agente pensa que já viu tudo…De Bispos assim, valha-nos , Deus Nosso Senhor. Senhora de Guadalupe, rogai por nós.

  5. Ainda somos obrigados a ouvir este desgraçado dizer que é totalmente comprometido com deus e a igreja.
    Esse não precisa de um reconhecimento canônico né!?[2]

  6. “Perigosíssimos” FRATRES;
    Ah, o amor é lindo…
    Porém, a pornografia é ridícula.
    O amor, entre os esposos é maravilhoso.
    Agora este espetáculo aí é ridículo.
    E o que vai acontecer?
    NADA!!!
    No máximo este senhor aí será transferido de diocese, ou irá para a Cúria Espúria, onde terá muitos amigos e colegas, ainda que não da mesma “orientação sexual”, claro…
    Ridículo.
    Espero que ao menos diante de um escândalo público como este, o Papa tome alguma atitude.
    Ah, chega de historinhas, chega de choramingos, chega de “fumacinhas… frestinhas…capetinhas…” Muito pueril, muito Hamletiano… Muito “fresquinho”…
    Chega!
    Esperamos uma atitude de Homem, de Pai!
    Queremos ATITUDE !!!
    Depois não adinta ficar com sermõezinhos e choramingos…
    Dante do “marasmo”, do “dulce far niente” dos altos escalões da Cúria Espúria, ou de quem quer de direito, lembro-me sempre da história daquele último Califa de Granada…
    Quando ele podia ter enfrentado os Reis Católicos, durante o incêndio da Santa Fé (acampamento dos Cristãos), ficou admirando de sua sacada no Al Alhambra…
    Quando os Reis Católicos penetraram com suas tropas na última praça-forte do Islã na Europa, o jovem Califa começou a correr e a chorar dentro do palácio, desesperadamente…
    Foi quando sua mãe parou-o e deu-lhe uma bofetada dizendo:
    “Não lutaste como um homem, agora, não chores como uma donzela!”
    Espero que, enfim, alguém tome alguma atitude.
    Atitude de Homem, de Responsabilidade, enfim, Atitude de Pai ! (quem for Pai saberá o que digo)
    Chega de “criancinhas mimadas”…
    Chega de não fazer nada!
    Afinal, estamos cheios de “fumacinhas… frestinhas…capetinhas…
    Cansamos de sermõezinhos, de “caretinhas de “bundões”, de beicinhos de zangadinhos e choramingos de donzelas…
    Queremos atitudes!
    Chega Alice, você NÃO está no concílio das maravailhas.
    Acorda, Alice, e vê se cai na real!

  7. Sei, amiga de infancia? Então vocês brincavam de médico? A mentira tem perna curta e o diabo é o pai dela. Deveria ter seguido outra profissão. Mas a mim não me engana não: este escandalo a mais saiu propositadamente na midia só para abalar a Igreja com a conivencia dos dois brincalhões. Aliás faz tempo que se brinca com coisa séria.

    Todos estes católicos comunistas que só falam do pobre, coitadinho do pobre. Mas do pecado nada falam. Ou melhor para eles pecador não é o homossexual e a abortista mas sim o que tem dinheiro, que destroi a natureza e que Jesus pregou a igualdade, mas gostam do bom e do melhor, frequentam os melhores restaurantes o que eu não acho pecado desde que você gaste com o seu dinheiro.

    Aí as velhas vão a missa de jeans e camiseta surrada com imagem de Nossa Senhora… véu e saia e paleto e gravata é coisa de evangélicos da congregação cristã do Brasil cuja doutrina ensina que se deve apresentar diante de Deus no culto dignamente. Católico tem que ser pobre.

  8. Fernando Zanelatto ele não precisa de reconhecimento canônico; pois, está ele “totalmente comprometido com a igreja” do CVII. Esse é o tipo de vida casta que levam esses padres socialistas empenhados nas “causas sociais”; se não são gays são por “outro lado” fornicadores.

  9. Ahh pelamordeDeus… nem se fosse a mãe dele, isso é jeito de ficar? abraçadinhos, semi-nus? Olha aí as lágrimas de Nossa Senhora…

  10. Muito embora reconheça que a atual crise decorre de um modo de proceder inspirado no Concílio, querer atribuir somente a ele a responsabilidade por tais fatos é uma falácia. Todos nós sabemos que antes do Vaticano II, algumas Reverendíssimas, Excelências Reverendíssimas, Eminências e Santidades tinham o seu “cobertorzinho de orelha”. Até parece que Isso só começou depois de 1962.

  11. Culpar o Concílio Vaticano II pelo mau-caratismo dos outros é tirar a responsabilidade particular dos mesmos! Lembrem-se que maus bispos sempre existiram, séculos anteriores do CVII.. Não disse um santo da Igreja que o inferno era pavimentado com crânio de bispos? Pois bem, ele disse isso séculos atrás.. gente boa e ruim dentro da Igreja sempre vai existir.

    Acho que falta um pouco de maturidade para o comentário alheio.

  12. importante que ele é plena! Rezemos pela conversão plena dos padres e bispos pelo mundo inteiro! Cristo Tem Misericórdia de nós e do mundo inteiro!

  13. A questão vai além de uma suposta “inspiração” do CVII sobre as mentalidades de porção do clero. Como já alertaram alguns amigos, comportamentos sexuais aberrantes dentro do próprio clero não são novidade. O que é notável é o tipo de doutrinação mundana e deturpada tipicamente pregada dentro dos seminários em que se ministra teologia da libertação, que tira a carga de reprovabilidade sobre o próprio pecado. Esse é o problema. No passado, os piores bispos e padres, quando pecavam, tinham, na sua maioria, noção exata da extensão do mal que faziam. Hoje, pelo menos para esses padres, toda a licenciosidade por eles cometida não se impõe sobre suas respectivas consciências como um pecado. Pelo contrário, provavelmente ele pensar que o Magistério da Igreja é que está errado e ele está agindo corretamente. Eis a gravidade: este sacerdote provavelmente, no seu íntimo, não vê nada de mais em cuspir nos seus votos e manter um caso com uma mulher e com ela divertir-se em um resort de luxo (provavelmente pago com o dinheiro da diocese). Daí a dificílima regeneração espiritual desse tipo de sacerdote, pois a sua formação doutrinária partiu de bases absolutamente corrompidas.

    Se ele tiver o mínimo, o mínimo, de amor a Cristo e à Sua Igreja, não hesitaria em largar o sacerdócio, unir-se aos leigos e passar o resto da vida se penitenciando.

  14. Opção preferencial pelos pobres e pelas mulheres, é claro.

  15. James e Ricardo,

    É evidente que não começou depois de 1962, mas agravou-se depois que abriram a porteira.

  16. Fugindo um pouco do post, agora o Lugo, não será mais nem bispo e nem presidente, de acordo com as notícias, o impeachment já foi aprovado pelos deputados, falta decisão do senado. Motivo, “mau desempenho de suas funções”, não desempenho bem as funções de bispo nem de presidente, não serve mais!

  17. Oremus pro invicem.