Ad limina Santanorum.

Da coluna de Sonia Racy no Estadão de 16 de julho de 2013: Orani Tempesta, arcebispo do Rio, recebeu ontem Luan Santana. Para conhecer melhor o cantor antes de sua apresentação, durante a Jornada Mundial da Juventude.

8 Comentários to “Ad limina Santanorum.”

  1. Luan Santana, resumo do perfil:
    Vive e prega tudo o que é diametralmente oposto aos ensinamentos de Deus e da Santa Igreja a respeito de 6º mandamento. O mesmo já afirmou fazer sexo com fãs depois dos shows e manter uma coleção de calcinhas destas mesmas.
    Uma figura que para mim é um desprazer conhecer e saber que se apresentará ao Santo Padre. Colocar esse moloque na JMJ, ao meu ver é promover e legalizar o mau-exemplo.

  2. Isto deveria ter sido feito antes de convidá-lo………Se bem que, em uma arquidiocese “politicamente correta”, não faria diferença, ele iria se apresentar independentemente do resultado da conversa…….

  3. Meio em cima da hora, essa avaliação, né?

  4. Dizem que o Luan Santana aproveitará sua apresentação na JMJ para lançar uma nova modalidade de música . Ainda está na dúvida se o chamará de “Sertanejo Gregoriano’ ou de “Canto Gegoriano Universitário”.
    Rindo para não chorar.

  5. Dom Tempesta para Luan Santana.
    Caro filho não vai desmunhecar na frente do papa hem!!!
    Ou vai fazer parte do “Lobby Gay” do vaticano…

  6. Péssima figura foi escolhida para participar da visita do Papa. Mas, pensando bem, Jesus não andava acompanhado somente de pessoas santas. Ele veio para salvar as almas, e quem sabe o Espírito Santo possa fazer uma mudança no coração deste homem?
    Se eu fosse da equipe de Comunicação do Vaticano, escolheria um, ou uma cantora menos promíscuos.

  7. O meu juízo final podem se preparar pq será dose, mas eu n perco o da hierarquia da Igreja.

  8. É claro, que todo mundo sabe, que esta jornada não é uma coisa inteiramente católica. As pessoas realmente católicas não foram lá. Também não vamos ser juízes de cada ato deste evento. Só Deus pode julgar os corações. Eu sei que muitos jovens, adultos, adolescentes estão vibrando com a famosa jornada. Que certamente estão pensando em fazer somente a vontade de Deus.
    Que alegria, das pessoas quando veem o Santo Padre. Isto é sobrenatural. O Vigário de Jesus Cristo na terra, possui um carisma divino para atrair as multidões. Isto independente de quem é o Papa. Isso é bom, é católico. Não podemos censurar esta manifestação espontânea dos fiéis.
    Mas o demônio não dorme, ele aproveita de todas as ocasiões para envolver as suas astúcias malignas no meio. Por esta razão, que todos nós; sobretudo as autoridades eclesiásticas, devem ficar atentos para não “engolir” o erro com a verdade.
    É sempre bom lembrar, que a Santa Igreja, possui uma doutrina cristalina, inconfundível com as demais falsas. Sua missão é conquistar todos para o Seu reino. Não conformando, que Ela pode haver harmonia com as demais falsas. O Divino Esposo, tem um ciúme infinito, para com sua Esposa. Ele não quer misturar-La com as falsas divindade.
    Joelson Ribeiro Ramos.