Procurador-geral pede a STF que abra inquérito para investigar Chalita. Acusação de que Canção Nova teria também se beneficiado.

Folha de São Paulo – O procurador-geral da República, Roberto Gurgel, enviou ao STF (Supremo Tribunal Federal) um pedido de abertura de inquérito para investigar o deputado Gabriel Chalita (PMDB-SP). O  inquérito pretende apurar denúncia feita pelo analista de sistemas Roberto Leandro Grobman, 41, que trabalhou durante anos com o grupo educacional COC e diz ter sido indicado para se aproximar de Chalita para prospectar negócios para o grupo. Como a Folha revelou no início do ano, Grobman disse ao Ministério Público que o COC pagou despesas com a locação de aviões e helicópteros, viagens, presentes e uma reforma feita num apartamento de Chalita em Higienópolis, na zona central de São Paulo. O grupo também comprou milhares de livros escritos por Chalita e computadores para a emissora de televisão da Canção Nova, grupo católico ao qual o deputado é ligado. O advogado de Chalita, Arnaldo Malheiros Filho, refutou todas as acusações e disse que enviou à Justiça documentos que afastam as suspeitas, entre eles toda a movimentação bancária do deputado, a declaração de imposto de renda e um laudo pericial contábil. Devido à entrega destes documentos, o caso passou a tramitar no STF sob segredo de Justiça.

11 Comentários to “Procurador-geral pede a STF que abra inquérito para investigar Chalita. Acusação de que Canção Nova teria também se beneficiado.”

  1. Eu acho é poucoooooooooooooooooooooooooooooooooo.
    Vai apoiar Dilma, vai mentir dizendo que ela é contra o aborto.
    Teu dedo, Chalita, está sujo de sangue pelas crianças não nascidas que são assassinadas pelas mães impunemente.
    Se fechar a concessão da canção nova para atuar com seu canal for cassada, melhor ainda.

  2. Se fosse aberto a contabilidade da canção nova mas também das dioceses veríamos quanto dinheiro a esquerda católica utiliza para promover revolução comunista dentro da Igreja. Mas no dia do julgamento final Cristo irá mostrar todas estas e muitas outras sacanagens.

  3. Na campanha de 2010, muitos padres apoiaram Chalita, pois era garantia de emendas parlamentares a suas OBRAS SOCIAIS. Para recordar: http://fratresinunum.com/2010/10/09/os-tubaroes-soltaram-rojoes-e-deram-vivas-a-chalita/

  4. Uma vergonha esse senhor, que tem sua base eleitoral na Igreja Católica e é um traidor dessa mesma Igreja. Nela busca apenas os seus interesses políticos e eleitoreiros. Me recordo bem quando na eleição de 2010 ele contrariando as orientações do Papa Bento XVI se aliou ao partido que agora aprovou e sancionou a Lei do Aborto. Deve estar satisfeito.
    Ainda tem o descalabro de escrever livro sobre ética.
    Dou graças a Deus por nunca ter ouvido uma palavra dita por esta criatura, nem uma frase escrita por ele.
    Agradeço à Canção Nova por ter sido uma ajuda no início da minha caminhada de conversão:Mons. Jonas Abib, Pe Léo, Pe José Augusto… Mas gente desse tipinho aí, dentre outros, me dá náusea!

  5. Corrigindo: “nem lido uma frase escrita por ele”.

  6. Ui! Perdeu!!!!!!!!!!!

  7. Para mim, a única inverdade nessa matéria e chamar a “Canção Nova” de grupo “católico”.

  8. Como diz o BOPE:
    “Perdeu playboy!”

  9. Não defendo o fim da Canção Nova, mas sim sua reestruturação! Isso passa pela demissão do senhor ETO que é um “grande amigo” dos supostos catolicos Edinho Silva e Gilberto Carvalho! Ele ainda não explicou o porque de perseguidor de cristãos, Edinho Silva, conseguiu aquele maldito programa no ar!

    Eu acho que a canção nova é um otimo meio para evangelizar (veja exemplo da KTO na França), mas precisa passar por uma reforma catolica no seu seio, expurgando assim os crapulas que lutam contra a igreja de cristo à partir de dentro (PS.: Não digo que Eto seja um infiltrado, longe disso, mas o que não se pode admitir é ceder para o inimigo aquilo que é de Deus, abrindo o caminho para que o inimigo passe a conquistar as ovelhas de Cristo).

    • Tá aí uma Associação Internacional de Direito Pontifício que deveria sofrer uma intervenção da Santa Sé.
      E ainda tem gente que acha que a intervenção nos Franciscanos da Imaculada é por conta de “irregularidades”. Quanta inocência!!!!

  10. Gabriel Chalita, que se vendeu ao PT da Dilma, por um prato de lentilhas (a exemplo de Esaú), constitui o JOIO misturado no meio do Trigo. Como diria Abraham Lincoln: “Pode-se enganar a todos por algum tempo; pode-se enganar alguns por todo o tempo; mas não se pode enganar a todos todo o tempo”.