Até quando os bispos apoiarão o “Sussurro dos Possuídos”?

Eles estão sempre se superando. No ano passado, eram mil participantes. Neste ano, dos 120 mil que visitaram o Santuário Nacional de Aparecida no último final de semana, uma vultosa massa de… oitocentos gatos-pingados se uniram para gritar fazer uns ruídos por igualdade (entenda-se comunismo), direito das minorias (entenda-se gayzismo), reforma agrária (entenda-se o pecado contra o sétimo mandamento), direito das mulheres (entenda-se a liberação do aborto), etc, etc, etc. E os ocupantes de postos importantes na Igreja, que vivem numa eterna década de 70, insistem. Por exemplo, o Cardeal Raymundo Damasceno Assis, ao mesmo tempo em que se intromete em assuntos que não são de sua  alçadaafirma:

Miado dos excluídos em Aparecida: "Bem vindos médicos cubanos!"

Miado dos excluídos em Aparecida: “Bem vindos médicos cubanos!”

“A Igreja apoia manifestações como o Grito dos Excluídos, porque acredita que a igreja muitas vezes se faz a única voz dos excluídos. Nos incluímos como um instrumento em defesa dessas minorias.”

Também Dom Odilo Pedro Scherer, Cardeal Arcebispo de São Paulo, se uniu a essa patifaria, embora colha amargos frutos  de anos de libertinagem esquerdista na PUC-SP.

Missa de Dom Odilo na Catedral da Sé em São Paulo.

Missa de Dom Odilo na Catedral da Sé em São Paulo. Créditos da imagem: https://www.facebook.com/DomAntonioDeCastroMayer

Uma leitora relata o “Grito” em Congonhas, MG, Arquidiocese de Mariana — cujo Arcebispo é o antecessor de Dom Raymundo Damasceno na presidência da CNBB, Dom Geraldo Lyrio Rocha:

‹‹ O evento estava cheio de militantes do PSTU, do PT, de feministas e até de grupos estudantis pró-gayzismo bradando pelo “fim da homofobia”… Durante o evento, houve protestos contra o “capetalismo” (é assim que eles chamam o sistema que nos garante liberdade e prosperidade), brados contra a “homofobia” (ou seja, o movimento gayzista se fez representar neste evento pseudo-católico), músicas carnavalescas que nem de longe lembravam oração e penitência (que foi o que o papa pediu que fizéssemos neste dia) e presença de militantes feministas (não sei se abortistas ou não, mas a camisa roxa que usavam era parecida com a da Marcha Mundial de Mulheres, que são abortistas irredutíveis). Além disso, não faltaram membros de partidos anticristãos e totalitários de esquerda ››.

Quando acordarão os bispos do Brasil?

32 Comentários to “Até quando os bispos apoiarão o “Sussurro dos Possuídos”?”

  1. Sem querer pecar contra a Esperança ou contra o Espírito Santo, mas o Brasil não tem jeito mais…

  2. no site Deus lo vult a imagen do Arcebispo dom fernando saburido no gritodos excluidos….vergonha.

  3. Respondendo sua pergunta; “Quando acordarão os bispos do Brasil?” respondo que ele acordarão quando sentirem o calor do fogo do inferno.
    Abraço.

  4. Caros, vemos a cada ano que tais pensamentos “libertadores” não encaixam com a EVANGELIZAÇÃO, a nossa Igreja Católica tem perdido fiéis por unicamente pensar em política (reformas pra dar e vender), com tristeza ouvir na cadeira de uma faculdade “católica – libertária” que a igreja é PT. Deus me doeu o coração, em ver que esse vírus ainda consegue causar estragos nos “padres” em nosso tempo. O que pergunto é: Onde está Jesus? Sua Realeza? Será que o sistema que eles tanto usam para enricar, mais criticam é do demônio? O povo com cede de uma liturgia que fale ao coração e de ouvir a palavra de Deus, se compara com tamanha barbárie. O povo já mostrou que sabe protestar, pra onde vai (mesmo contra os valores morais), o que falta para essa Nação é Deus, não Igreja que se confunda com partido político. Sou Católico e peço a Deus perseverança diante de tanto deslize das “lideranças” da Igreja no Brasil.

  5. Triste situação, percebemos claramente a apostasia tomando conta dos membros da Igreja

  6. A apostasia está tomando conta dos membros da Igreja

  7. Não acordarão! São conscientes! Falo por experiência própria. Infelizmente.

  8. há coisas que não entendo no brasil…como é que permitem isso? o povo não se levanta para expulsas á força essa gente? na catedral de notredame entraram á uns meses umas mulheres nuas (grupo feme ou lá como se chama) e a polícia expulsou-as ao pontapé e á bastonada. LEVANTA-TE BRASIL!!

    • O povo e a polícia não fazem nada porque – entre outras coisas – quem colocou esses grupos lá dentro foram membros da Igreja. Podemos processar um padre por ir contra a Igreja? Seríamos ridicularizados, pois, para as autoridades, a Igreja é o padre, até que algum superior seu (do padre) diga alguma coisa. E sabemos que não dizem, nem dirão nada.
      Esses movimentos infiltrados na Igreja são simplesmente a TL (e o diabo) agindo. Quer exemplo melhor de a quem essa gente obedece do que a invasão que promoveram no desfile de 7 de setembro em Maceió? Lá não tinha black blocs, então a “mente articuladora” de tudo isso usou o grito dos excluídos mesmo. É só uma prova de que obedecem à mesma voz.
      TL é Judas Iscariotes, nada mais, nada menos. Só não sei se vai chegar o momento do suicídio.

  9. É inacreditável que D. Odilo participe, ou melhor, celebre, incentivando essa zorra chamada “grito dos
    excluídos”. Que os Bispos de Olinda e Recife, de Volta Redonda, de Goiás Velho, de Chapecó, de Crato, de Jales, de S. Félix do Araguaia e de tantas outras Dioceses arrasadas e entorpecidas pela tl maldita o fazem, não nos espanta, mas o CARDEAL SCHERER, Arcebispo Metropolitano de São Paulo???

    Logo ele que sofreu e sofre horrores dos partidários da velha guarda do cardeal Arns e companhia, que, diga-se de passagem, foi um cardeal inteligente, bem formado, bom pregador, mas, totalmente sedado pela tl, que vendeu por uma ninharia o Palácio Pio XII, e nem essa ninharia foi recebida totalmente, que deixou o Seminário do Ipiranga se transformar numa gaiola e loucas, que deixou cada padre agir nas Paróquias como bem queria, totalmente avessos à Roma e a doutrina Católica, que uma numa coisa foi brilhante, receber centenas de títulos e mais títulos pelo mundo a fora; enquanto sua Arquidiocese estava entregue aos excrementos bofados e betados…

    D. Odilo já se esqueceu da situação patética e humilhante que a PUC passou???

    E pensar que D. Scherer foi candidato forte no último conclave…dá até um frio na espinha, mas, entre 6 e meia dúzia, ficaram com meia dúzia…

    É… cardeal Scherer…Penso que sua decepção por ter entrado papa num conclave e saído cardeal o deixou meio decepcionado…

    • Cardeal D.Scherer é um excelente político: a Reitora que ele escolheu organizou a Oficina para Jornalistas, realizada antes da chegada do papa Francisco ao Brasil, com Afonso Maria Ligório Soares João Décio Passos – organizadores do livro “Francisco – renasce a esperança” – Fernando Altemeyer e Manzzato, todos teologos da libertação. Ela tambem outorgou o título de Doutor Honoris Causa ao dominicano Frei Carlos Josaphat. Os dois eventos foram apresentados pela Reitora como sendo os mais importantes da sua gestão ate o momento.

  10. Corrigindo: “que numa coisa foi brilhante”…

  11. Olhando a foto da missa, eu pergunto: alguém chamou a polícia? Bastava o 190. O bom-mocismo está matando nossa civilização.

  12. Esses Bispos se aliaram ao Demônio na Campanha “Dai-me almas”.

  13. Oséias 4,6-8: “O meu povo está morrendo por falta de conhecimento. Porque você rejeita o conhecimento, eu também o rejeitarei como meu sacerdote; você esqueceu a lei do seu Deus; eu também esquecerei os filhos de você. Quanto mais se multiplicaram, tanto mais pecaram contra mim; trocarei a boa fama deles pela desonra. Esses sacerdotes vivem do pecado do meu povo e querem que o povo continue pecando.”

    E ainda: “Pode um cego guiar outro cego? Não cairão os dois num buraco?” (Lucas 6,39)

    Devemos rezar e muito para que a cegueira espiritual seja extirpada dessas pobres almas.

  14. Não acordarão! São conscientes! Falo por experiência própria. Infelizmente (2)

  15. O gigante não acorda mesmo: está em coma profundo e em morte cerebral…

    Os místicos visionários acertaram: nos últimos tempos, pessoas frívolas, ignorantes ou de má-fé ocuparão as altas hierarquias dos poderes civil e eclesiástico, dando o péssimo exemplo aos seus súditos…

  16. Lutar pela reforma agrária é pecado?
    Para mim, pecado foi o que os europeus fizeram com os índios e negros. Tomaram terras enormes para si e o pobres de hoje são “herdeiros” dos pobres daquele tempo, vítimas também desse roubo das terras.

    Lutar contra a injustiça dos senhores das terras é que é ser cristão. Não sabia que o Fratres apoiava essa exploração dos pobres.

    • Talvez lutar por reforma agrária não seja pecado – muitos países tiveram sua reforma agrária e isso não foi o fim do sistema, em alguns casos foi o contrário. No entanto, os movimentos que pregam uma reforma agrária aqui no Brasil tem duas características que os tornam impossíveis para qualquer católico:

      1) São controlados por grupos socialistas, partidários ou não, e pregam a luta por reforma agrária como uma bandeira para implantação de um futuro socialista (que vai contra qualquer reforma agrária, pois visa abolir a propriedade privada e concentrá-la nas mãos dos burocratas do partido – mas isso fingem que não sabem). Sendo que, em muitos dos casos, não querem reforma agrária coisa nenhuma. Os camponeses são usados como massa de manobra nas mãos dos líderes, que querem ascender politicamente.

      2) Pregam a luta armada e flertam com o terrorismo.

      Isso pra ficarmos no campo moral. No campo econômico, o modelo de reforma agrária brasileiro tem se demonstrado fracassado em muitos dos casos, exatamente pela falta de compromisso do movimento em um desenvolvimento rural, mas sim em aumentar o poder do próprio grupo.

      Pra piorar, veja quem são os aliados desses militantes (só olhar quem são os outros grupos que estavam no “grito dos excluídos”), quais são os partidos que levam essas bandeiras, e o que fazem com a fé católica os religiosos que os apoiam (modernistas descarados).
      Se não for suficiente, perceba que não são simplesmente pessoas com o senso moral deturpado (chamam ao bem de mal, e ao mal de bem), mas que são aproveitadores psicóticos sem lógica interna, que fazem exigências mas que não as cumprem quando tem poder para isso (o partido que está mandando no Brasil mostra claramente isso – por que não fez a famosa reforma agrária já que está tantos anos aí? É possível fazer uma reforma agrária pacífica, mas se fizessem isso, perderiam essa bandeira, essa militância – camponês quando ganha a terra tende a ficar mais conservador, aí não interessa para o partido). Ou seja, usam as pessoas como escada.

      Quando a Igreja se meteu nessa história nos anos 70, poderia ter sido uma voz que orienta os fiéis para uma reforma agrária que não fosse contraditória ao Cristianismo, tirando o monopólio da reinvidicação por melhorias no campo das mãos do movimento comunista (que só via nisso uma oportunidade de fazer guerrilha, como sempre). Mas a teologia da libertação conseguiu se aliar aos próprios comunistas e usar a Igreja e a fé dos brasileiros como mero palanque para apoiar causas revolucionárias (foi aí que ela pariu o PT).

      Hoje em dia não dá pra ser ingênuo.

  17. Infelizmente, não me surpreende em nada.

    Surpreendente seria ver a CNBB católica. Ao invés dessas presepadas, realizar campanhas católicas.
    Uma campanha contra o aborto, contra a imoralidade, a favor do casamento entre homem e mulher.
    Isso sim, seria uma surpresa boa.

  18. Que nojo ver esta fumaça (ou fogueira) de Satanás sujar nossa sagrada Igreja. CRUX SACRA SIT MIHI LUX.RETIRA-TE SATANÁS.

  19. Venicio,

    os membros da igreja que apoiam esta revolução comunista não são apostatas e sim hereges e pelo catecismo estão fora da Igreja.

    São só os fies do Padre Beto de Bauru que apoiam esta bobagem socialista.

  20. A que horas foi esta Missa? Estive na Catedral no dia 07 na parte da manhã, por ocasião da coroação de N.Sra. promovida pelos Arautos, e só havia um pessoal fazendo manifestação em frente a igreja, e pouco antes das onze horas entraram todos num fusca e foram embora rsrs.

  21. cisma torna-se inevitável !

  22. @Robson, não fizeram nada quando as vadias inseriram um crucifixo no ânus durante a JMJ, você acha mesmo que vão fazer algo quanto a isso?

  23. Desde que transformaram o Convento de Perdizes dos frades dominicanos em quartel-general do Marighela [isso há quase 60 anos], nunca mais essas giárdias desencalacraram das nossas Igrejas. Essa bispaiada não está dormindo. Ao contrário: são agentes bem conscientes de seu papel na degeneração da sacralidade e servem à introdução de todos os males na sociedade. São lobos!

  24. Com essa quantidade de pessoas o grito dos excluídos não fará eco.

  25. Meu caros,

    Façamos penitência e busquemos indulgências pq Nosso Senhor está voltando, NÃO É POSSÍVEL que não o seja!!!

    Leia esta matéria e agora lembre dos seguintes casos: 1. Franciscanos da Imaculada; 2. Frei Thiago de São José, OCarm; 3. Roma e FSSPX… Acredita agora que é o fim do mundo?

  26. O que me dá mais raiva é quando os que se dizem ministros da Santa Igreja, fazem cara de pastel (perdoe-me, mas infelizmente é esta a palavra) ante os órgãos de mídia secular. Ora, não podeis servir a 2 senhores, inclusive dentro da organização da Igreja vemos descaradamente os tentáculos partidários, muitos de ideologia condenados pela Igreja, portanto, por Nosso Senhor; bispos, padres e religiosos comunistas, liberais, ateus pregando nos púlpitos. Aí de alguém repreender, é marginalizado, pois não se entende a nova evangelização, sem fazer média com os erros, heresias do mundo atual.

  27. O mundo todo parece que adormeceu no erro. Os sucessores dos Apóstolos que deveriam bradar bem alto, os santos deveres de Deus. Transformaram em “cães mudos” como diz o profeta. Aqui na minha cidade, os dois bispos não tomam nenhuma atitude pública para condenar estes erros atuais, reinantes em nossa pátria.
    Aborto, casamento gay, socialismo globalizado, profanação dos lugares santo…Parece que existe um compro entre eles. Qualquer atitude nossa, poderá afetar os nossos cargos… Os santos direitos de Deus, isto para eles; não existe mais. O negócio agora é, o verdes das matas, o direito dos animais, a defesa da Amazona… Este tal de pecado de omissão, isso era só do tempo de Pio XII para trás. Nós agora estamos com uma mentalidade “evoluída”. Não sei se estes prelados ainda lembram que um dia vão prestar conta dos “talentos” que Deus deu. O céu, o inferno, o demônio vedou as suas inteligências para não enxergar mais estas verdades sobrenaturais.
    Joelson Ribeiro Ramos.

  28. Grito dos Excluídos? Está mais para miadinho. Esses esquerdinhas tão tolinhos.

  29. @Alberto, deixe de ser racista contra os brancos. É muito fácil ficar de coitadismo e culpar sua pobreza nos outros. Meus avós pertenciam a uma geração arrasada pela guerra que veio para o Brasil da Itália sem nada. Toda a riqueza que temos foi construída em duas gerações. Negros e índios, por outro lado, tiveram muito mais gerações e não fizeram nada, e a culpa é nossa? Deixem de vitimismo, parem de ser anti-europeus e vão trabalhar que rapidinho vocês deixam de ser pobres!

    O que os europeus fizeram não foi pecado. Pecado é a sua inveja!