O que Francisco fará com os Legionários de Cristo?

Alguns se perguntam por que o tratamento dispensado aos Legionários de Cristo não é tão rápido e rigoroso como aquele dado aos Franciscanos da Imaculada…

IHU – Primeiro, uma das mais altas autoridades dos Legionários de Cristo saiu abruptamente da ordem devido à lentidão com que se processam as mudanças. Depois, os sacerdotes facultaram aos protegidos e sócios do fundador caído em desgraça, Marcial Maciel, para que elegessem o novo líder.

A reportagem está publicada no sítio Religión Digital, 13-12-2013. A tradução é de André Langer.

Durante o mês passado houve vários retrocessos no processo dos legionários para se reformarem mediante a eleição de um novo dirigente, com o que terminará a supervisão do Vaticano, que durou três anos. Mas, embora osLegionários de Cristo queiram mostrar uma nova cara, seus mais altos dirigentes seguem falando com nostalgia e veneração de Maciel, que violou vários seminaristas, tinha três filhos e foi definido como alguém “carente de escrúpulos e autêntica vocação religiosa” pelos investigadores designados pelo Vaticano para indagar os abusos dos quais estavam sendo acusados.

Isso significa que se reduzem as possibilidades de sucesso de uma reforma drástica dos Legionários de Cristo como deseja o Vaticano e colocam a seguinte pergunta: o que o Papa Francisco fará com a outrora poderosa e abastada congregação, uma vez que terminar o mandato do enviado papal?

O antecessor de Francisco, Bento XVI, encarregou-se dos Legionários em 2010 e nomeou um cardeal para dirigi-los depois que os investigadores viram que a ordem necessitava “purificar-se” da influência de Maciel. Na realidade, oVaticano conhecia os crimes de Maciel há décadas, mas os ignorou, impressionado com sua habilidade para arrecadar milhões de dólares e oferecer milhares de seminaristas à Igreja.

A incapacidade de Roma para detê-lo é o caso mais atroz da indiferença para com as vítimas de abusos sexuais que mancharam o legado do Papa João Paulo II, que será canonizado em abril de 2014, porque ele apresentou osLegionários de Cristo como modelo a seguir para os fiéis.

Sem dúvida, houve alguns progressos durante a regência vaticana sobre a ordem. Os Legionários reescreveram seus estatutos, divulgaram estatísticas sobre os casos de abusos sexuais e sacerdotes respeitados pediram perdão às vítimas de Maciel por ignorá-los e difamá-los. Mas as eleições recentes demonstraram que os membros da congregação votaram a favor da ordem tradicional.

Essa mentalidade provocou que dezenas de sacerdotes desiludidos e centenas de seminaristas e consagrados saíssem dos Legionários: no sábado , 14 de dezembro, foram ordenados 31 novos ministros, a metade dos que eram ordenados há três anos.

No mês passado, Deomar de Guedes, o conselheiro governante de orientação reformista, anunciou não apenas que renunciava ao seu cargo, mas que abandonaria a congregação, um golpe duro que ocorre antes da assembleia de 8 de janeiro, na qual se aprovarão os estatutos e se elegerá um novo superior.

Em sua carta de demissão, De Guedes disse que não tinha forças para continuar, mas o porta-voz dos Legionários, o sacerdote Benjamín Clariond, disse que muitas vezes De Guedes estava em “minoria”, que pedia mudanças mais rápidas e profundas e que isso era uma fonte de “tensão” para ele.

“Sabemos que a reforma foi lenta até agora”, disse Clariond em um correio eletrônico. “Isso se deve a que tratamos de fazer mudanças que não sejam apenas cosméticas, mas que resolvam as causas dos conflitos. Isso leva tempo”.

Mas após a assembleia, quando terminar o mandato do delegado papal, o cardeal Velasio de Paolis, fará várias perguntas que o Papa Francisco deverá responder. Os Legionários abandonaram as práticas de culto que os bispos franceses denunciaram recentemente em uma carta às vítimas de abuso sexual? Francisco aprovará os estatutos e dará aos Legionários um visto de aprovação? Fará algum tipo de cláusula que prolongue a supervisão do Vaticanouma vez que De Paolis sair?

Francisco disse que a assembleia dos Legionários de Cristo não é o fim da reforma, mas um “passo” a mais.

11 Comentários to “O que Francisco fará com os Legionários de Cristo?”

  1. creio que a congregação maravilhosa não acaba

  2. Um sábio dominicano certa vez disse que quando o vício da sodomia contamina um seminário ou instituto religioso, as autoridades da Igreja só tem duas opções: fechar aquele lugar e mandar todo mundo embora ou simplesmente não fazer nada e esperar que a corrupção moral se espalhe até suas fundações e a casa caia por si mesma.
    São Pedro Damião em seu tratado O Livro de Gomorra ( Liber Gormorrhianus) pergunta:
    “Quem pode esperar que o rebanho prospere quando seu pastor desceu ao mais baixo nível dos demonios? Quem por sua própria luxúria teria coragem de entregar um filho spiritual à escravidão da tirania satânica? Tal Superior não apenas dana sua própria alma como leva outros com ele”.
    São Pedro Damião também compara os sodomitas que buscam a Vida Consagrada com com aqueles cidadãos de Gomorra que ameaçavam usar violência contra o justo Lot e estavam prestes a invadir a casa quando foram golpeados por dois anjos com uma súbita cegueira e não conseguiam mais achar a porta.
    Da mesma forma, por um justo decreto de Deus, esses prelados sodomitas caem numa produnda cegueira interior. Se algum deles for humilde, ainda será capaz de encontrar a porta que é Cristo. Mas aqueles cegos pela arrogância, orgulho e impenitencia, perdem Cristo devido ao seu apego ao vício. Esses não conseguirão jamais encontrar a Porta que poderia levá-los à morada dos santos.
    Todos os acusadores do famigerado Padre Maciel são unânimes em afirmar que com a mesma naturalidade que ele se engajava em sodomia e outras perversões sexuais com seus filhos espirituais, em seguida celebrava Missa e outros deveres clericais. Quanto sacrilégio! São Pedro Damião exclamava:
    _ Se os impuros não terão herança no reino de Deus, como pode um sodomita ser tão arrogante a ponto de pensar que ele tem direito a uma posição de honra no reino de Deus na terra que é a sua Santa Igreja?
    E o Santo vai mais adiante questionando até a validade das confissões dos prelados sodomitas aos seus parceiros no crime:
    _ Por qual direito e por qual lei alguém teria o poder de ligar e desligar se ele mesmo está encarcerado ao mal comum a ambos?
    No tocante à Eucaristia, São Pedro Damião ainda é mais contundente:
    _Se pelas leis da Igreja Primitiva um leigo culpado de sodomia era privado da Eucaristia até por 25 anos ou dependendo do caso, até o fim de sua vida, como é possível que um membro do clero culpado do mesmo crime, possa receber penitencias leves e ainda ser julgado digno de celebrar os Santos Mistérios? Se os Santos Padres ordenavam que tal homem fosse entregue aos demonios, de quem ele se tornou filho e escravo, como tal religioso pode ainda esperar exercer dignamente o oficio sacerdotal como mediador entre Deus e o seu povo?
    São Pedro Damião não poupa aqueles ecclesiasticos em postos de autoridade que tendo o conhecimento do escândalo permitem que sodomitas não apenas entrem na Vida Consagrada mas permaneçam em suas posições ou ofícios.
    O santo desencadeia palavras de condenação severa aos hierarcas coniventes lembrando-os que eles deveriam tremer e temer por terem se tornado “parceiros ou cúmplices nos crimes dos outros” ao permitirem que a abominação avance como praga nos locais santos.
    Diante das condenações e revelações do Livro de Gomorra, há que se perguntar se a Santa Sé caiu em tal estado de dissolução que já não se importa mais em proteger os interesses de Deus e a santidade da Vida Consagrada dessa abominação?
    “Tirem o perverso do meio de vós”.

  3. Usar o turíbulo!

  4. A decisão de Francisco sobre esse assunto irá mostrar também o que este papa fará com a igreja…

  5. É verdade, deveriam ter enviado o padre Volpe para os legionários. Dispenso maiores comentários.

  6. O que Francisco fará com os Legionários de Cristo?
    É simples: Vai passar a mão na cabeça, porque estamos na civilização do amor, então, nada de punições, excomunhões, suspensões… Isso é coisa de uma Igreja velha, carcomida, anacrônica, que não se adequa aos tempos modernos. Hoje vivemos a era da primavera do Concílio Vaticano II, que libertou o homem do peso da lei.

    Agora, de os Legionários celebrassem a Missa Tridentina…

  7. Lembrando que o Papa recorre muito à misericórdia, mas para os pecadores. Para os corruptos, diz ele, não há remédio, porque estes não o querem (recado para quem, como acima, acha que SS. Francisco é do “libera geral”)

  8. Seria bom uma intervenção como foi feito com os Franciscanos da Imaculada, a fim de que os Legionários possam “sentir com a Igreja”…

    • Não compreendi em que sentido se daria esta intervenção, Karlos? O que seria solicitado ou privado aos Legionários?

  9. Os LC detém as melhores escolas particulares do mundo, centros de formação de cunho conservador e “militarista”. A maioria dos cursos renomados de especialização em teologia pertencem aos LC, como também cursos internacionais em Roma para futuros e atuais reitores de seminários diocesanos. Além de cursos para novos bispos, congressos de teologia e filosofia. Os LC é uma congregação milionária.