“Recebei a luz de Cristo! A vós pais mães e padrinhos, se confia o encargo de velar por esta luz…” O batismo da filha de duas lésbicas foi realizado na Catedral de Córdoba, Argentina.

Por Secretum Meum Mihi - Sábado, 5 de abril de 2014| Tradução: Fratres in Unum.com – Ontem, 4 de abril de 2014, a ACI publicou um artigo baseado na entrevista do bispo de Córdoba, Argentina, Monsenhor Carlos Ñañez, em que explicava a situação do batismo que  duas lésbicas realizaram para a filha de uma delas na igreja catedral, 5 de abril de 2014.

- Ele enfatizou que o direito de batismo é da menina.

- O prelado desmente ter falado com as mulheres, como foi informado previamente. Esse ponto não é de todo claro, porque o par de mulheres afirmaram que falaram com Monsenhor Carlos Ñáñez.

- Ele também negou ter autorizado que recebessem a confirmação na catedral.

- Ele disse ter explicado o assunto ao cardeal Antonio Cañizares, Prefeito da Congregação para o Culto Divino e Disciplina dos Sacramentos. Assim o assunto “já é de conhecimento da Santa Sé”.

- Com relação à escolha da Presidente argentina como madrinha que garantisse a educação cristã da batizada, disse: “O pároco já tem as instruções de que ao menos um padrinho tem que comprometer-se em garantir a educação”.

- Lamentou a manipulação feita pelos meios de comunicação.

Isso basicamente, porém, pode-se ler a nota completa na fonte supracitada.

Isso foi ontem, porém hoje a menina, de nome Umma, foi batizada…

… Com ampla divulgação dos meios de comunicação, incluída a secretaria de comunicação da presidência argentina. Isso aconteceu porque a madrinha de facto é a presidente, que não assistiu ao batismo.

Que lindo que desde o princípio a madrinha mostre tanto interesse, desde agora se vê que está garantindo que cumprirá cabalmente seu papel de educação cristã de sua afilhada! E as “mães”? Pois bem, vamos celebrar! (imagens de La Voz Del Interior).

* * *

Nota do Fratres: Segundo o site Página 12,  as “mães” explicaram as razões do convite à presidente: “é uma maneira de dizer obrigado a ela e ao ex-presidente Néstor Kirchner por essa lei que nos deu direitos [ao casamento igualitário]” .

Mas a audácia não pára por aí: uma delas, Carina Villarroel, destacou a “mudança social que se deu no catolicismo ao dizer sim ao batismo de uma criança de família homoparental, de lésbicas”. E a companheira Soledad Ortiz disparou: “agora esperamos poder celebrar o nosso matrimônio pela igreja e vamos lutar por isso”.

Libera nos, Domine!

Tags:

48 Comentários to ““Recebei a luz de Cristo! A vós pais mães e padrinhos, se confia o encargo de velar por esta luz…” O batismo da filha de duas lésbicas foi realizado na Catedral de Córdoba, Argentina.”

  1. o importante é que a criança teve seu batismo.

    • São José de Anchieta e os primeiros e autênticos jesuítas não batizavam os índios em hipótese nenhuma, se não tivessem a absoluta certeza de que eles iriam professar a fé católica, cumprindo fielmente os preceitos da Santa Igreja. Somente batizavam se tivessem a certeza da vivência posterior na fé católica, ou, em caso de morte iminente, como manda a doutrina católica. E esses modernistas agem como se o sacramento fosse para dá sorte ou um direito civil, como deixou bem claro a presidente apóstata, mandando uma “representante oficial”. E ninguém será punido! Que Papa é esse?!!!!

  2. Prelado padrão, sempre com uma explicação que nada explica. Ah! E sobre o beijo na Catedral? É como digo: se eu for pedir para me casar com minha futura esposa, à guisa de introdução, com Missa Tridentina celebrada por um padre FSSPX, é não na cara!

    Adorei a fotinha do beijo onde as sapatas seguram a foto da “dindinha” Kirchner. Se o Papa tivesse colhões, excomungava elas no mesmo dia, mas, esperem, é Francisco, aquele que não é ninguém para julgar alguém, exceto os “pelagianos” e “retrógrados” padres da FSSPX, esses sim ele é alguém para julgar.

    Para quem já leu pessoas dizerem que é mais provável Marcial Maciel ter se salvado e Dom Marcel, em nível de comparação com o padrecito devorador de mulheres e crianças, estar no inferno, mostra o nível que essa porcaria de apologética católica na internet chegou e especial a praxis da fé. Se leio tais opinocratas? Exceto quando alguém implora com justo motivo para que eu leia, de resto, são todos iguais.

    Fiquem com os templos católicos caóticos, não que eu os despreze, mas nós ficamos com a fé, custe o que nos custar. Oremos pro Pontifice nostro, Franciscus, porque cada dia somos mais açoitados pela “igreja” do Concílio inculpável de suas reais culpas.

  3. É parece que não só a fumaça, mas todo o enxofre…. está dentro do templo santo.
    Se na terra do “Papa” se deixa isso acontecer o que não ocorrerá nos outros países. Parece-me que estamos vivenciando a loucura humana a desafiar Deus, sem limites e sem temor….
    Eis que a justiça divina paira sobre nossas cabeças.
    Miserere nobis Iesus.
    Rezemos em reparação.

  4. 16/09/2013 – Papa Francisco “Ouso dizer: a Igreja nunca esteve tão bem como hoje”. Cidade do Vaticano. Tá.

    Elas se beijam dentro da Igreja, Que compromisso com a Doutrina Católica tem esse padre, essas mulheres, etc? Será que num caso desses não se deve negar o batismo pela evidente dificuldade de se encaminhar a criança na Doutrina da Igreja? Aonde está a fidelidade desse povo? Muitos não vêem a GIGANTE crise em que nos encontramos. A Igreja está minguada, está por um fio. E começa do cimo a derrocada, Sei que não prevalecerão as portas do inferno, mas que Satanás encontrou um lugar para, temporariamente habitar, ainda que nas sacristias, nos seminários, nas cúrias, em nossas igrejas, isso ele encontrou. E está revirando de ponta cabeça a casa do Senhor. Não dizer, não ver, não denunciar, é um pecado. ACORDA POVO MEU SAI DESSA BABILÔNIA POVO MEU. … Acorda!
    Pode ter imagem da Virgem, pode ter padre, bispo e incenso, ainda assim, o que temos visto já não parece fazer parte da Igreja de Cristo, a Esposa do Cordeiro, seu Corpo Místico, da Igreja Católica. Não tenhamos medo de falar às claras aquilo que parece católico, mas já não o é.

  5. o importante é que a criança teve seu batismo.

    Será que alguém percebeu que esta alminha batizada só foi batizada para chamar os holofotes da mídia e propagandear a engenharia social usando sacerdotes retardados como instrumento de manobra? Não! Imagina! Teoria da conspiração Eduardo!

    O Papa toca sua harpa enquanto Roma é incendiada!

  6. <> E a harpa é feita de materiais ecologicamente corretos…

  7. Absolutamente lamentável. Este caso deve ser levado ao Vaticano.

  8. Ah Satanás, tu és astuto mesmo! Quem ousaria não dizer que “ao menos a bebê foi batizado”? Poucos ou ninguém. Assim, você pai da mentira e da confusão, usa a Santa Igreja, porque pensaste bem como usaria a artimanha, espalhar a engenharia social de gênero, a subcultura gay, usando de um bebê, do sacramento e de um templo católico com seu sacerdote. Tu és astuto para chamar a atenção do mundo para a sodomia, essa possessão coletiva que nos assalta. E um bando de pessoas não vê a artimanha do pai do engodo, da mentira, da confusão.

    Satanás não está nem aí para o efeito do batismo do bebezinho, mas sim, usou de algo sagrado para espalhar em escala global a ideologia de gênero, este o efeito buscado por Lúcifer. Se a alma deste bebezinho se salvar é indiferente para Satanás, porque ele cede a salvação de uma alma para buscar outras centenas de milhares com este ato. Saiu barato pra ele!

  9. Se eu não acreditasse que a Igreja transcende os muitos erros de nosso Papa, já teria deixado de ser católica… É tanta coisa errada acontecendo. Antes diziam que eram os padres desobedientes, mas a desobediência já chegou no cume faz tempo… Não estamos longe das catacumbas.

  10. “- Ele enfatizou que o direito de batismo é da menina.”

    Me enoja profundamente esses malditos filhos do demônio usarem uma criança como instrumento de subversão para dar proseguimento as novidades doutrinárias que os hereges modernistas fizera com o conciliábulo modernista de Metz!!

    Ora, se as lésbicas acham importante batizar uma criança de forma cristã, então como ela permanecem paraticando um pecado gravíssimo que clama ao céus por vingança e que fez Deus destruir sodoma e gomorra?

    Assim como as “católicas” pelo direito de assassinar usa da retórica “direitos humanos” para infringir as Leis de Deus, assim os hereges modernistas usam as crianças inocentes como instrumento de subversão e revolução!!

    “- Ele disse ter explicado o assunto ao cardeal Antonio Cañizares, Prefeito da Congregação para o Culto Divino e Disciplina dos Sacramentos. Assim o assunto “já é de conhecimento da Santa Sé”.

    É claro que todo mundo sabe que a “igreja” conciliar sabe dessas profanações, aberrações e blasfêmias pois isso tudo foi arquitetado durante anos e anos pelos hereges modernistas.

    Um dos lemas dessa “igreja” conciliar é:

    “Se uma pessoa é gay, busca Deus e tem boa vontade, quem sou eu para julgá-la?”

    “- Com relação à escolha da Presidente argentina como madrinha que garantisse a educação cristã da batizada, disse: “O pároco já tem as instruções de que ao menos um padrinho tem que comprometer-se em garantir a educação”.

    Volto a dizer se elas acham importante batizar uma criança e garantir uma educação cristã para a criança, como elas continuam praticando esse pecado gravíssimo que fez Deus destruir duas cidades?

    Hipocrisia, incoerência e contradição é prova de mentira e heresia e não de que a pessoa seja cristã!!

    Maldito sois vós “clérigos” modernistas, essas Divinas palavras de Nosso Senhor Jesus Cristo (o católico e não o humanista maçôn) cabe bem para vocês:

    “Vós tendes por pai ao diabo e quereis satisfazer os desejos de vosso pai; ele foi homicida desde o princípio e não se firmou na verdade, porque não há verdade nele; quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio, porque é mentiroso e pai da mentira” (Jo VIII,44).

    • Tão ruim quanto o modernismo exacerbado e irresponsável dos religiosos em questão, também a inoperância dos fiéis locais.

  11. Pertence a Deus o julgamento e, se for o caso (como parece ser), o castigo. Quanto a nós, simples fiéis, como não não sentir dor, vendo tantos fatos lamentáveis ocorrendo na Igreja? Podemos, acaso, ficar calados? Aceitar tais coisas passivamente não seria conivência?

  12. A igreja tem que batizar sim, mas as duas infelizes nem podiam pisar dentro da Igreja. A Igreja tinha que exigir que a criança fosse adotada por uma família. Porque elas querem dar a criança uma Fé que desaprova a união maldita que elas tem? Isso tem lógica? Se elas quisessem realmente dar a Fé a esta criança, a primeira coisa que elas fariam seriam se separar e se confessarem.
    Essa é a igreja fundada por NS Jesus Cristo? Não parece.

  13. Virgem de Guadalupe, afastai a ideologia do gênero de nossa América!

  14. Isto está me cheirando a estratégia…O interessante é que a madrinha ( Cristina Kisrtner), a responsável em transmitir a fé católica à criança nem apareceu no batizado…e as duas lésbicas já sonham em casar na Igreja. Não cheira à estratégia de Gramsci para tomada de poder ou derrubada da fé católica? Veja o beijo das duas na Igreja. Nem um casal hetero beija na Igreja após o batizado da filha…Acorda católico!!!!!!

  15. Vamos ter que reclamar com o chefe da Igreja(Nosso Senhor) . Jesus Cristo , Nosso Senhor , dai-nos força!

  16. “Temei a Deus, e dai-lhe glória, porque é chegada a hora do seu julgamento” (Ap 14,7)

    Preparemo-nos, irmãos, para os Novíssimos (Céus, Inferno ou Purgatório).
    O dia do julgamento da nova Sodoma e Gomorra está próximo.
    Vem Senhor Jesus, há tantos Sinais dos Tempos que nos avisam sobre a sua proximidade.

    PS.: Eu nunca beijei (na boca) a minha única e eterna esposa dentro de um templo católico.

  17. Hoje em dia, vivemos numa sociedade onde se relativiza tudo. Não há verdades absolutas. E ser cristão num ambiente assim é um desafio diário. A contaminação dos valores do mundo é patente dentre católicos praticantes, inclusive sacerdotes. Percebe-se claramente que a ideologia do “Carpe Diem”, da cultura do descartável, são aplicadas ao “senso de pecado”, na tentativa de extingui-lo ou diminuir sua força. É comum ouvir o argumento da “Misericórdia Divina” como forma de diminuir o sentimento de culpa do pecar e justificar a continuidade do erro. Se Jesus estivesse nesse mundo diria aos cristãos: “Bem profetizou Isaías acerca de vocês, hipócritas; como está escrito: ” ‘Este povo me honra com os lábios, mas o seu coração está longe de mim.” (Marcos 7,6).
    Eu considero que a melhor forma de se manter longe do pecado é considerar Deus como um justo juiz e amar imensamente a ELE, de forma a querer sempre fazer a SUA vontade. Aí sim, se tem força para dizer “não” ao pecado e felicidade por viver na santidade.

  18. Lamentável tudo isso, uma mãe e sua parceira gay usar sua própria filha para atingir seus interesses escusos, o que era licito a criança receber o batizado, se tornou ilícito por que o desejo de coração não era proporcionar o batismo a criança e sim obter propaganda favorável a estado pecaminoso do casal supra citado, Rezo a Deus por essa criança. Que tristeza, Senhor nos perdoe!

  19. FRATRES;
    Mas para que tanto escândalo?
    Afinal, “Deus é Dez!”
    Quanto ao beijo… Hummm..
    Daí pergunto:
    ESSA IGREJA CONCILIAR É SÉRIA ???
    Rir para não chorar…

  20. Observem que o sacerdote já é idoso. Portanto, conhece a fundo a doutrina de sempre!!! lamentável ele permitir que elas de beijem dentro da Igreja!

  21. Se beijaram dentro da igreja…

    Minha avó, hoje católica jujuba que se esqueceu da Doutrina que aprendeu, que foi ensinada pelos padres da época e por Frei Damião, que foi quem lhe ministrou a primeira Comunhão, tem um livreto de orações da época anterior ao concílio Vaticano II. É um livreto tão tradicional, que mesmo sendo da década de 1930, conservou a escrita do português anterior à reforma ortográfica de 1911.

    Esse livreto, no exame de consciência, diz assim: Pecados contra o 3° Mandamento: deixar de ouvir missa nos domingos e dias santos sem motivo grave; vir tarde á missa por culpa propria; postar-se mal na egreja, conversando, rindo, distrahindo os outros; profanar a santa casa de Deus por olhares indiscretos e maliciosos, namoros ou immodestia na traje (braços nús, vestido decotado ou muito curto); trabalhar ou mandar trabalhar nos domingos ou dias santos sem grave necessidade. (…)

    Antigamente se dizia às crianças na catequese que olhares indiscretos e maliciosos na igreja é pecado grave. Hoje lésbicas se beijam e batizam uma criança que não será criada na Fé Católica, numa catedral católica!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  22. Eu aprendi que a Igreja batiza as crianças na fé dos pais. Essas duas não têm fé, já que fé é a adesão as verdades de Deus confirmadas pela Igreja.
    A intenção aí, pode-se supor, é desmoralizar a Igreja de Cristo.

  23. Reparei outra coisa, o asqueroso beijo das sapatonas além de ter sido no Templo de Deus,Lugar Santo, ao fundo tem a escultura de Nossa Mãe pelo testamento de Nosso Senhor no alto da cruz!!

    É de fazer chorar o que essas víboras modernistas fantasiados de clérigos fazem desde o conciliábulo modernista de Metz!!

    “Esses tais são falsos apóstolos, operários desonestos, que se disfarçam em apóstolos de Cristo,o que não é de espantar. Pois, se o próprio Satanás se transfigura em anjo de luz,
    parece bem normal que seus ministros se disfarcem em ministros de justiça, cujo fim, no entanto, será segundo as suas obras.”
    (II Corintios,XI,13-15)

    Minha Santíssima Imaculada Mãe, hoje eu choro com essas profanações mas sei que no fim esses hereges modernista da “igreja” conciliar serão jogados no fogo eterno e Seu coração Imaculado triunfará!!

  24. A abominação da desolação no lugar onde não deveria estar. Não há o que comentar..só chorar, se lamentar e fazer inúmeros atos de desagravo pois Roma se tornou a sede do Anticristo.
    E depois essa cambada ainda fala em Ecumenismo! Até herege e cismático que tem vergonha na cara não quer conta com essa Babilônia que estão transformando a Igreja de Cristo.

  25. Noosa, o Bergoglio conseguiu ser pior que o Bertone!
    Kyrie Eleiso!

  26. Gostaria de lembrá-los do desabafo do Pedro http://fratresinunum.com/2014/03/11/desabafo-de-leitor/
    Oremos por esse rapaz e por tantos outros católicos que convivem com a homossexualidade e são obedientes. Essas notícias não são boas, mas que elas nos façam lembrar daqueles que tem a verdadeira fé católica.

  27. Seria ótimo se ficasse claro: este específico batismo, neste específico lugar, não era um direito do bebê pagão, nem um dever da Igreja.
    Talvez nem tenha sido válido. Pois é indubitável que o que aconteceu foi um ato de militância política ideológica, usando uma criança, com a cumplicidade da Presidente da Argentina e de alguns sacerdotes, um pelo menos Prelado. Por que não batizaram a menina no banheiro da casa de alguém?Ou por que não o fizeram em um modesto templo da periferia urbana, absolutamente sem propaganda e sem presenças de pessoas politicamente destacadas? Se a pessoa que batiza é batizada, mas não tem a real intenção de batizar em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, porém de fazer militância político/ideológica, se conscientemente não quer garantir condições de uma verdadeira educação católica, há batismo? Não sei, mas seguramente isto não teria que ser numa catedral, com muita propaganda, presenças VIPs e duas sapatonas se beijando.

  28. Qual a fé que as sapatas passarão para criança?

    E as duas ……..( imaginem o nome que elas merecem…), como duas larvas de satã, se beijam dentro da Igreja…

    “Se o Papa tivesse colhões, excomungava elas no mesmo dia, mas, esperem, é Francisco, aquele que não é ninguém para julgar alguém, exceto os “pelagianos” e “retrógrados” padres da FSSPX, esses sim ele é alguém para julgar.”…

    Excomunhão???

    Coisa anti conciliar…medieval…retrógrada…deve ser usada, COM TODA DUREZA, só para quem ousa colocar em dúvida qualquer frase, ou mesmo pensamento, sobre o SACROSSANTO SUPER DOGMÁTICO CONCÍLIO INFALÍVEL VATICANO II ou que admira o tal rito tridentino, que santificou legiões de fiéis por mais de 400 anos, PELO MENOS!!!!!

    Afinal, se as duas sapatas buscam a Deus…”quem sou eu para julgá-las”???
    Posso até oferecer o palácio apostólico, aquele negócio grande… medieval…para as duas passarem sua lua de mel….

    Pensando bem…quem sabe… depois de “fazer teologia de joelhos”, meditando no texto kapetiano apresentado SOLENEMENTE PARA OS SRS. CARDEAIS, depois do Sínodo que acontecerá no final do ano, não farei eu mesmo o “casamento” das duas na DOMUS S. Marta; só não me peçam para usar os paramentos que meu antecessor usava nos “carnavais” aqui em Roma…

  29. Absolutamente lamentável. Este caso deve ser levado ao Vaticano.

    Já foi levado antes mesmo de acontecer, foi autorizado por Roma! E mesmo que fosse levado depois de realizado, o “humilde” Papa Francisco, que governa absolutamente, diria: – quem sou eu pra julgar?

  30. Isso cheira a estrategia,Senhor! Piedade!

  31. No caso do batismo, o sacramento não pode ser negado.
    Mas NÃO existem duas mães para uma criança. apenas uma mulher, a mãe verdadeira, deveria estar presente.

    A promiscuidade da mãe NÃO deveria usar a igreja para ficar explícita.

    Jamais uma dupla gay, mesmo no caso de batismos deve ser reconhecida dentro de uma igreja..

  32. Amanhã vão batizar a primeira filha de pais muçulmanos. Sabe como é né, inclusão…

  33. E ainda somos considerados mundanistas neo-pelagianos, com um cuidado excessivo da liturgia e pretendendo dominar o espaço da Igreja.

    Eis aí quem domina o espaço da Igreja baseado nas suas próprias palavras, mentiroso.

  34. o que faria qualquer cristão ,de verdade ,em uma situação dessa?tentaria evangelizar estas moças..è claro que elas fazem parte de uma militância e estão usando o batismo como um navio quebra gelo.Mas, Jesus Cristo usou o poder das palavras e são elas que muitos não sabem usar. Estou falando besteira?

  35. Chesterton dizia que a tolerância é tudo o que resta depois que a pessoa perdeu todos os seus princípios.

  36. São Pio X, por sua vez, definia o Modernismo como a síntese de todas as heresias e seus adeptos são os mais perigosos inimigos da Igreja, pois coisa alguma poupam da verdade católica e constituem um rito de passagem para o ateísmo.

    Nota: O jovens que recebem o sacramento da Primeira Eucaristia/ ou doCrisma nem sabem fazer o sinal da cruz, outros não conhecem sequer a oração do CREDO ou mesmo do Pai-Nosso e Ave-Maria. Ridículo tudo isso. É verdade que o Espírito Santifica os crismandos, mas Jesus diz tb que é a partir dos frutos que se vê a vivência no Espírito (Mateus 12, 33). E onde estão os frutos? Que mundo deixaremos para os nossos filhos, netos e gerações futuras? O casamento normal agora é considerado Anormal. Temos pela frente uma sociedade consumista, comunista, materialista, ateia, venal e relativista.

  37. Quando Bergoglio abriu a boca, usando o ofício de Papa pra dizer aquela famigerada sentença:
    _ Se uma pessoa é gay, quem sou eu pra julgar?
    Ele abriu uma terrível caixa de pandora. Daqui pra frente os papólatras de plantão terão que engolir essa e muitas outras. As degeneradas já avisaram que o segundo passo da luta é ter o “casamento” reconhecido pela Igreja.
    Estou vendo dias de perseguição dura à sacerdotes que se recusarem a fazer parte dessa palhaçada, devido ao precedente aberto por esse triste episódio.
    Eu vou rezar muito pra essa criança, para que ela seja o chicote de sua progenitora.

  38. Desgraçadamente, a “causa acidental” dessa balbúrdia francEscana é Bento XVI. Tivesse ele aguentado o tranco mais uns 2 ou 3 anos, inda q lhe custasse caro e caríssimo, não estaríamos nesse beco sem saída (humana).

  39. Se fosse inevitável batizar a criança no dia marcado, e isso por um grave motivo (embora sabendo-se que ela não receberá uma educação cristã, sendo criada por duas mulheres que vivem em pecado grave), que, ao menos, fosse uma cerimônia o mais discreta possível só com a participação dos padrinhos.
    Nunca se deveria admitir a presença da dupla de lésbicas e, menos ainda, a imprensa.
    Mas, a maneira como foi planejada, anunciada e realizada a cerimônia, deixou claro que ela já seria instrumento para chamar a atenção positiva sobre o homossexualismo feminino. Usou-se uma criança inocente para, astuciosamente, colocar em relevo as figuras das duas “mães”.
    Era sobre elas que deveriam estar os holofotes.
    E assim foi.
    Ou seja, tudo foi planejado e realizado para passar a idéia falsa do pecado grave não ser pecado, ou ser coisa de pouca monta, a ponto das duas mulheres se beijarem na boca dentro da igreja, e declararem querer um dia, no futuro, um “casamento” religioso. É como se não existissem a condenação bíblica e a do catecismo aos atos homossexuais.
    O evento, sem dúvida, renderá dividendos positivos diante do mundo (esse grande inimigo de Deus), na medida em que passar a idéia de “inclusão”, palavra tão em voga hoje. Os grupos gays poderão, de agora em diante, bater palmas e dizer que a Igreja, na prática, já os “inclui” e aceita seu modo de viver.
    Não se trata da inclusão do pecador arrependido (o que é algo bom e louvável), mas da inclusão do pecado grave, ou (o que vem a ser o mesmo) inclusão do comportamento de alguém que ama seu pecado e quer continuar nele, sem nenhum sentimento de ter ofendido a Deus, sem arrependimento. As duas lésbicas não estão arrependidas e continuarão a viver como querem.
    Quantos fiéis católicos desavisados não se confundirão com tal evento? Quantos não pensarão que a doutrina moral mudou nesse ponto? Parece cedo para se avaliar o verdadeiro alcance do que ocorreu na catedral de Córdoba. Mas, ele certamente não é pequeno.
    Assim como não é pequena a responsabilidade das autoridades eclesiásticas nesse triste episódio da profanação de um templo católico, em que essas mesmas autoridades pareceram, desde o início, estar de acordo com a idéia de apresentar o pecado grave contra a natureza como se fosse algo normal.
    O Cardeal Canizares foi informado, segundo o Bispo.
    E o que fez a Santa Sé?
    Nada.
    Espantoso. Mas, é simples assim: nada.
    A pergunta que não quer calar: e onde está o Papa Francisco? Ele poderia impedir ou, pelo menos, protestar contra isso. Afinal, ele não é o superior de todos os Bispos do mundo e, assim, também do Bispo de Córdoba?
    Ele não poderia prever que o batismo da criança inocente, com a presença das duas lésbicas dentro da igreja, seria usado para passar a idéia de que a Igreja já está aceitando as relações homossexuais como se fossem algo bom?
    Onde está a palavra do Pontífice reafirmando a doutrina moral da Igreja quanto aos atos homossexuais? Silêncio total.
    Silêncio conivente.
    Para a alegria do mundo.
    Quo Vadis, Franciscus?
    Nosso Senhor disse: “Quando virdes a abominação da desolação colocada no lugar santo…”
    Ele alertava sobre o juízo divino contra a geração que O havia rejeitado. O juízo veio, de fato, no ano 70, através da catástrofe trazida pela espada de Vespasiano e Tito, que arrasou o Templo e matou milhares de judeus.
    Não devemos esperar menos para nós mesmos. Esta geração está fazendo por merecer.

  40. Quem sabe o casal de lésbicas estariam encenando esse achincalhe público à fé a mando de alguma sociedade secreta para desmerecer a Igreja?
    Não se duvide disso, pois ela está infiltrada especialmente de maçons, comunistas e protestantes e vários desses já foram citados como tais, e a intenção deles é destruí-la de dentro para fora – implosão – e há décadas empenhados nessa estratégia, apesar de ainda ser o último bastião ao Anti Cristo; o resto está sob total controle.
    Há suspeição até de uns pes Fabio de Melo da vida e afins, de uma rede de tv, como a CNova, de serem desses nesse empenho, cada qual numa trincheira diferente, mas todos em prol da introdução do relativismo doutrinário na Igreja.
    Que essa encomendada profanação sob forma de beijo gay dentro da Casa de Deus oportunamente terá uma resposta à altura da parte do Senhor Deus é certo!
    O lamentável nessa historia também é que o ambiente onde a recém batizada será criada é o de Sodoma e Gomorra!

  41. Eu realmente não sei como ainda existe Católico relativista que se escandaliza com o fato de padres negarem sacramentos. Quanta hipocrisia!
    Eu já cansei de ver padres modernistas se recusando a dar a Comunhão a fiéis que por reverência à Presença Real preferem receber a comunhão na boca e de joelhos.
    Já ouvi um dizer em palestra que se não estiver de pé e com as mãos em forma de troninho ele não dá mesmo, pois ele não é babá pra ficar dando alimento na boca de ninguém.
    Funeral então nem se fala! Eu duvido que esse padre que “batizou” a cria de pai desconhecido é solícito àqueles que pedem a Missa Tradicional ou qualquer um que o chame em caráter de emergência pra encomendar um funeral.
    Todos os dias esses lobos em pele de cordeiro negam Sacramentos. Negam presidir cerimônia de casamento se não tiver $$$$$ e pago de uma só vez com pelo menos 6 meses de antecedência. Estive numa Igreja de Chicago que se os noivos não pagarem quase 1000 dólares e com 6 meses de antecedência, o padre não faz o casamento.
    E essa invasão da mídia dentro da Catedral? Provavelmente se fosse um casal normal e não uma dupla de pervertidas usando a Igreja como palco do escândalo, o tal padre se comportaria exatamente como esse aqui:

  42. Ainda nos resta o “FSSPX”. A coisa mais pura que existe na face da terra. Graças a Deus nunca se esqueceram de grandes Papas e a tradição é viva e vivida.
    Nunca assisti a uma Missa Tridentina por motivos familiares mas estou a chegar ao limite de tanta
    podridão a decorrerem nos altares.
    O que esperamos? Talvez em breve virá a ordem de a tradição da Santa Igreja Católica se tornar crime religioso. Rezemos pelos Padres de FSSPX. Rezemos pelo Santo Padre para que Nosso Senhor o ilumine.
    Rezemos pelo Fratres por pôr ao dispôr tão belos comentários.

  43. As vezes fico imaginando o que seria melhor para a Fé Católica: Se a Sé vacante ou um papa que a cada dia esvaia mais o que restou dessa Fé. É muita permissividade! Uma coisa eu sei: Bergoglio nunca me enganou nem me decepcionou. Ele é exatamente o que eu esperava que fosse. Disso não posso reclamar.

  44. O que eu acho ainda mais paradoxal é que em alguns lugares a Igreja exige curso de preparação para o Batismo tanto para os pais como padrinhos. Já em outros o Batismo é automático até que pra quem não tem noções rudimentares da Fé.
    Aos sacerdotes e futuros sacerdotes que futuramente terão que se deparar com essas situações vexatórias com as crias de sodomitas, eu deixo a seguinte sugestão:

    1- Não os refute de cara, pois essa gente está sendo manipulada pelo próprio Demônio a quem eles tem como pai. O que eles buscam é assegurar uma sólida cabeça-de-ponte dentro da Igreja. O Sacramento é o que menos lhes interessa, mas podendo usar uma criança pra atingir esse meio, eles usarão na maior cara de pau. Se baterem a porta na cara deles devido ao ultraje, eles correrão para a Imprensa pra rasgar as vestes e gritar discriminação. É capaz de apelarem até pra Bergoglio e não faltarão até Católicos que se colocarão ao lado deles, como alguns que vieram aqui defender o “direito da criança” ser batizada sem nenhuma pré-condição. Como se isso fosse parte da Doutrina da Igreja. Então tape o nariz, respire fundo e os receba com um sorriso no rosto e convide-os para um diálogo.

    2- Submeta-os a um questionário procurando saber por qual motivo querem batizar uma criança na religião Católica. Obviamente que nesse questionário deverá constar os nomes dos pais da criança. Se forem duas lésbicas elas terão que dizer o nome do pai da criança. Se forem dois sodomitas do sexo masculino eles terão que dizer o nome da mãe. Posto que dois homens ou duas mulheres não podem ser progenitores de uma criança, deixe claro que terá que constar no documento de Batismo que a criança tem apenas um pai ou uma mãe e que o outro progenitor é “desconhecido”. Se tentarem bater o pézinho pra dizer que o parceiro é pai ou mãe, deixe claro que a Igreja não reconhece esse tipo de união. Só por isso eu já duvido que eles terão vontade de prosseguir com o sacrilégio.

    3- Supondo que depois do segundo passo eles ainda queiram prosseguir, deixe claro que a situação de pecado público em que eles se encontram os impede de fornecer um ambiente propício pra que a criança cresça professando a Fé Católica. Nesse ponto interrogue a respeito dos padrinhos: são casados na Igreja Católica? Estão dispostos a educar essa criança dentro da Fé Católica, inclusive ensinando-a no momento propício que a vida que seus pais levam é uma abominação aos olhos de Deus? Qualquer encontro da Igreja com sodomitas é ocasião mais que propícia pra lhes lembrarem, até por uma questão de salvação de suas almas, que o estilo de vida deles é porta escancarada pra o inferno.

    4- Supondo que tenham concordado com o terceiro passo…o que eu duvido muito, mas tudo bem. Passamos ao quarto que é falar da cerimônia do Batismo em si. Pode ser que tenham concordado com tudo, mas usando de uma má-fé demoníaca querem fazer do Batismo um evento midiático como foi o das degeneradas de Córdoba. Deixe claro que não haverá data pré-estabelecida. Que tal data será de acordo com a disponibilidade do sacerdote pra que não tenham tempo pra armar o circo. Deixe claro que por ser um evento em que apenas o bem e a privacidade da criança tem que ser resguardadas não haverá presença de câmeras, o batismo se dará na sacristia da Igreja apenas com a presença dos padrinhos e o eventual parceiro no crime da mãe ou do pai não poderão presenciar.

    Eu simplesmente DUVIDO que diante dessas condições, qualquer sodomita aceitará batizar sua cria na Igreja Católica ou qualquer igreja que lhes apresente esses pré-requisitos.

  45. Se eu estivesse presente nesta cerimônia, iria – a exemplo de Jesus – pegar um chicote e expulsar essa filhas do cão de templo sagrado cristão, bem como os demais VENDILHÕES DO TEMPLO (religiosos…). Pena que Deus me poupou de presenciar mais esse escândalo na sua Igreja. Não duvido que exista uma loja maçônica no interior da Basílica de São Pedro em Roma, frequentada por altos prelados e elite mundial…
    Como a “Antiga Serpente, Satanás, Lúcifer, Diabo” é CARA DE PAU, agora nem esconde suas reais intenções de destruir a Igreja Católica. Mas as portas do inferno não prevalecerão…
    Estamos próximos dos primeiros cristãos, das igrejas das catacumbas…
    Quem viver, verá!