É neste domingo: não dê um tostão na coleta da Missa.

solidariedade_coleta_2014

As razões podem ser lidas aqui: entidades socialistas — até sindicatos!! — empenhadas na promoção da agenda anti-católica receberão parte dos valores arrecadados no “Dia Nacional de Coleta da Solidariedade”.

Tags:

28 Comentários to “É neste domingo: não dê um tostão na coleta da Missa.”

  1. Broken link.

  2. Não doou um centavo pra comunas podres, mesmo tendo um padre como intermediário!

  3. Boicote à CNBB e paróquias anticristãs!!!

    Se quiserem dinheiro, terá que ser usado na catequese decente, na devoção verdadeira e em outros objetivos católicos, não de comunistas nem de hereges!!!

  4. Game over, CNBdoB!

    Conte comigo, assino embaixo.

    Renato e família
    BH-MG

    Em tempo: sugiro que tb seja iniciado uma campanha contra a construção da futura capital dos mineiros: Cristo Rei, projetada pelo comunista ateu marxista Oscar Niemeyer, no formato de dois ícones comunistas: a FOICE e o MARTELO, conf. maquete abaixo:
    http://www.catedralcristoreibh.com.br/catedral.php

    Detalhe: a meu ver está mais para Torre de Babel que verdadeiramente uma catedral cristã.
    Senão, vejamos:
    A nova catedral de BH constitui um Edifício de Cimento sem janelas, com duas elevadas e caríssimas torres, sem quase nada em cima, denunciando uma bela falha econômica e ecológica. Trata-se de um templo quase todo fechado, exigirá eternos gastos de energia com Iluminação e Ar-condicionado, tornando-se um templo anti-ecológico e autossuficiente (vide crítica do papa Bento XVI abaixo).
    Sugiro um Concurso de anteprojetos para reformar tal Torre de Babel, que seria bem-vindo, pois traria novas e brilhantes ideias para essa obra dita cristã e de tão grande vulto. Ainda há tempo para que isso seja feito.

    Nota: a futura catedral necessitará de 90 mil sacos de cimento, que serão utilizados na atual fase das obras.

    Catedral dos mineiros Cristo Rei X discurso do papa Bento XVI no parlamento alemão:

    Advertência do papa Bento XVI no PARLAMENTO ALEMÃO – Berlim (22 de setembro de 2011): “assemelha-se aos edifícios de cimento armado sem janelas, nos quais nos damos o clima e a luz por nós mesmos e já não queremos receber estes dois elementos do amplo mundo de Deus. E no entanto não podemos iludir-nos, pois em tal mundo autoconstruído bebemos em segredo e igualmente nos “recursos” de Deus, que transformamos em produtos nossos. É preciso tornar a abrir as janelas, devemos olhar de novo a vastidão do mundo, o céu e a terra e aprender a usar tudo isto de modo justo”. Detalhe: A futura catedral necessitará de 90 mil sacos de cimento, que serão utilizados na atual fase das obras.

    • É mesmo pavorosa a projetada catedral mineira, e bem-vinda seria qualquer possibilidade de deitar por terra a construção que tanta fé há de destruir. Se tamanha questão se faz de se chamar atenção pelos edifícios, quem nos dera ter, em lugar do comunista Niemeyer, um devoto Antoni Gaudí.

    • Bem lembrado, os blogs católicos deveriam se unir e fazer campanha contra a construção de igrejas que além de feias, tem estilo anticristão, ideológico e não são nada baratas.

      A nova catedral de Niterói também é de Oscar Niemeyer e tão feia e anticristã quanto a nova de Belo Horizonte. Deveria haver campanhas alertando as pessoas para não contribuírem com tais construções de igrejas modernistas que em momento algum lembra de Cristo.

      Talvez se as pessoas não ajudarem na construção dessas catedrais, em outros lugares não mais se construiriam igrejas modernistas, que refletem tão somente a falta de fé na igreja moderna, o que é um fato facilmente percebível.

  5. Queridos, sejam muito coerentes então… Acumulem a doação de vocês e entreguem em dobro na sexta santa, para a coleta dos lugares santos… ou no domingo de páscoa… enfim… a Cesar o que é de Cesar e a Deus o que e de Deus… e aos comunas, nada, rss

  6. Como se eu já desse qualquer coisa para a neo-igreja…

  7. Valeuuu pelo nobre e oportuno conselho, pe. Alessandro!

    Assim seja feito.

  8. horrendo……………….
    e ninguem avisa a Fransisco????

  9. Prefiro distribuir essa doação para os mendigos de minha cidade!

  10. Eu não dou um centavo para a igreja conciliar, mas dou até as calças no dia em que disserem não ao liberalismo em todas as suas formas e se dedicarem a pregar apenas o catolicismo. Não precisam nem ser exemplares, tentar dar o melhor já me satisfaz. Dar dinheiro para sustentar a missa nova? Por mim cai tudo aos pedaços, se é para permanecer nessas crendicies equivocadas, será apesar de mim, e não com minha ajuda.

  11. Por favor contribuam com a obra social da Madre Virginia em Bom Jesus do Itabapoana:
    https://www.facebook.com/edino.domlicinio/media_set?set=a.1417215788537455.1073741869.100007471416500&type=3

  12. Vamos divulgar esse post a todos…

  13. No dia da Coleta para o Anti Cristo, cada católico deve depositar na sacolinha um papel, até mesmo manuscrito( com letra legível), dizendo:Nem um tostão para o demônio , ou não financio o anti cristo.Para aqueles mais organizados, que possam preparar isto em 24 horas, pode-se imprimir um pequeno passe, com estes dizeres, e uma ilustração com um feto abortado, uma cruz partida ou coberta de sangue.
    Pedindo-se a todos que assim o façam, filmando, pode-se ter um ” viral” no teletube, e alguma notícia( que erá dada a contragosto) que o fato aconteceu.No domingo seguinte, TAMBÉM nenhum óbulo, os quais serão dados do lado de fora do Templo, aos pobres convidados a aparecerem.Inicie. Comece. Tenho a impressão que o Espírito Santo está interessado em virais da internet.

  14. Lamartine, correção: sugiro colocar “que será dada a contragosto”, e não ” que erá dada…” Erá foi erro meu de digitação. o Certo é será” .

  15. Nós já pagamos uma alta carga tributária ao estado comunista do Brasil que a CNBB ajudou a construir que duvido que os católicos irão dar algum donativo, mas até para os ricos sindicatos e para subversão social o clero lembrou, mas as santas casas que eram instituições católicas estão esquecidas.

  16. Parte do dinheiro arrecadado (40%), no próximo Domingo de Ramos, vai para a Cáritas (órgão da CNBB).

    Veja os parceiros e apoiadores da Cáritas (órgão da CNBB): CUT, MST, CPT…

    Quem for S. Tomé, basta acessar o link abaixo:

    http://caritas.org.br/parceiros-e-apoiadores

    Para reflexão:

    “Quem poupa a vida do lobo, condena à morte as ovelhas” (Victor Hugo)

    “O caminho do inferno está pavimentado de boas intenções” (Karl Marx)

  17. Nosso dinheiro, devemos doar para a Tradição. Lá sim! Temos certeza que é convergido para maior glória de Deus e a salvação das almas. Hoje temos que ter muito cuidado para estarmos colaborando com a destruição da Santa Igreja. Quando vemos estas colaborações misteriosas, tenhamos cuidado para não ajudar os inimigos de Deus. De ofensa à Deus, basta! Vamos empenhar na restauração da Santa Igreja. E não na destruição da Mesma.
    Joelson Ribeiro Ramos.

  18. FRATRES;
    Alguém aí pediu para que se ajuntassem as ofertas e depois seriam oferecidas às “obras pias da Terra Santa”. Bem discordo completamente. Ofereçam para as obras do Mosteiro de Santa Cruz ou para alguma obra de caridade, um Hospital ou uma creche, porém, se evitarmos doações para a CNB do B e seus bispos e suas paróquias, mudarão o enfático discurso.
    Como me disse um colega que é muito fácil para o “frei” Betto falar de pobres mas viajar de primeira classe, tomando bons vinhos de Borgonha e vivendo uma aprazível vida num Convento com tudo do bom e do melhor. Já que ele fala tanto de pobres, que fosse viver numa favela do Rio de Janeiro. Sejam coerentes, senhores libertadores.
    Não façam como aquele velho arcebispo, que com a graça de Deus já está aposentado!, que detestava champagne que não fosse francesa e a 0ºc.
    E viva a libertação!
    Hoje tive o desprazer de ver a “procissão de ramos” da neo-igreja, uma balbúrdia, mas com a Graça de Deus, poucas pessoas participando do ballet improvisado, onde até o sr. “padre” e seus assessores (ou seriam asseclas?) bailavam rua a fora…
    Devem ter se inspirado no “grande liturgo mor” que também já está aposentado…
    Rezemos, FRATRES, coisas bem piores, muito mais dolorosas virão…
    A começar as canonizações do cãocílio das maravilhas…
    A todos uma frutuosa Semana Santa!
    Felipe e Helena.

  19. Renato Assis: Veja como seu comentário é contraditório: “Parte do dinheiro arrecadado (40%), no próximo Domingo de Ramos, vai para a Cáritas (órgão da CNBB)….” Aí vc já cai matando nos apoiadores da CNBB e tal… Ora o dinheiro vai pra CNBB, ou para quem está apoiando ela? Quem apoia é quem faz doações, logo os “apoiadores” da CNBB, não recebem dinheiro, e sim doam, apoiam, patrocinam, não seria isso??? O problema hoje em dia é que as pessoas leem uma frase e montam toda uma discussão, muitas vezes com direito a nervosismo e quebra quebra… Deveriam aprofundar melhor nos assuntos que querem discutir.

    “Jesus disse também a seus discípulos: É impossível que não haja escândalos, mas ai daquele por quem eles vêm! Melhor lhe seria que se lhe atasse em volta do pescoço uma pedra de moinho e que fosse lançado ao mar, do que levar para o mal a um só destes pequeninos. Tomai cuidado de vós mesmos.” (LC 17,1-2)

  20. Meu Deus! Ver entre os parceiros e apoiadores da Cáritas o MST, a CUT, Movimento dos Atingidos por Barragens(que é isso hein?) e até mesmo a execrável Fundação Ford é de deixar qualquer católico de boa fé perplexo. Que entidadezinha mais “Cáritas de Pau”.

    Nossa Senhora Aparecida, salvai o Brasil do comunismo!

  21. No que a CNBB se mete, trás o diabo junto. E a côr do diabo é vermelha.

  22. Não socorrer a Igreja nas suas necessidades é pecado e propagar que devemos deixar de fazê-lo por suposto desvio de finalidade é heresia. Mas violar a própria consciência, destinando dinheiro suado para a obra de Satanás por meio da igreja também é pecado grave. Então a solução é ajudar quem se opõe ao grande dragão vermelho. Sugiro a ajuda ao único Sacerdote no Brasil que tem arriscado o pescoço com clergyman e tudo contra a infiltração do comunismo na Igreja: Pe. Paulo Ricardo. Esse sim, merece todo o nosso apoio financeiro. .