Missa tradicional por Dom Oliveri em visita aos Beneditinos da Imaculada

Informa Rinascimento Sacro: Dom Mario Oliveri, bispo de Albenga-Imperia, celebrará, no dia 28 de setembro, a Santa Missa Gregoriana, na igreja da recém surgida Comunità Monastica dei Benedettini dell’Immacolata.

Relembramos a excepcional carta que Dom Jehan, um dos fundadores da nova comunidade, escreveu a este mesmo bispo:

É evidente que esta escolha comunitária [de não celebrar a nova missa], canonizada pela Igreja, repousa sobre convicções de fé, que a hierarquia nem sempre compreendeu e ainda menos aceitou. Vinculados “colegialmente” às instituições eclesiais em crise, os bispos, freqüentemente impregnados em demasia do espírito do mundo e às suas ideologias, não fizeram mais que paralisar a vida sobrenatural nas almas. Após quarenta anos de tal regime, as conseqüências dramáticas estendem-se tristemente sob os nossos olhos. E os que entre eles reconhecem-no e lamentam-no, não chegam sempre a reagir com os meios e a vigor necessários.

A nossa ligação ao rito tradicional é um casamento de fé e de amor que, à imagem da união conjugal, obriga-nos a uma fidelidade exclusiva. Supõe e manifesta uma teologia e uma pastoral que não podem estar de acordo com uma liturgia que volta às costas a Deus em favor do diálogo e do “estarmos juntos”.

%d blogueiros gostam disto: