A reação da FSSPX após a Nota da Secretaria de Estado: “silenzio stampa”

De Corriere della Sera de hoje:

Após a nota da Secretaria de Estado que pede uma pública retratação a Williamson de suas afirmações negacionistas da Shoah, os seguidores de monsenhor Lefebvre estão fechados em “silêncio de imprensa”.

Não quiseram comentar nem o superior do distrito italiano da Fraternidade Sacerdotal São Pio X, don Davide Pagliarini, nem padre Emanuele du Chalard, “embaixador dos lefebvrianos” no Vaticano. […] “Toda a comunicação será através de nossos sites na internet”, afirma monsenhor Emanuele.

Está programada para dia 11 de fevereiro uma Conferência em que Dom Fellay falará. Provavelmente não haverá pronunciamentos até lá. Rezemos.

Tags: