Curtas da semana.

“Sou a favor do amor” – Cardeal Philippe Barbarin

barbarinEm mais outro ataque ao Papa diante de uma igreja francesa, cerca de sessenta membros de organizações homossexuais se posicionaram nos degraus da Basílica de Fourviere em Lyon esta manhã para “denunciar a irresponsabilidade do Papa Bento XVI relativamente à AIDS.” Enquanto os fiéis entravam dentro da igreja para a Missa de domingo celebrada por seu arcebispo, Cardeal Philippe Barbarin, manifestantes representando o Orgulho Lésbico e Gay, o Fórum Gay e Lésbico, e AIDS Rhône abriram uma faixa com o texto “O Preservativo é vida – A Igreja o proíbe” enquanto cantavam, “Não ao callote (solidéu), vida longa ao capote (preservativo)”.  Enquanto isso, em frente da Basílica, cerca de sessenta pais e filhos católicos, reunidos em apoio ao Santo Padre, portavam adesivos com os dizeres “Tirem as mãos do meu Papa”. “Há uma dolorosa falta de compreensão” reclamou o Cardeal Barbarin. “A questão dos preservativos é um assunto proibido e devemos criar condições para um diálogo de respeito mútuo.” Ele continuou, “Devemos ouvir a todos os clamores porque eles procedem do coração, porém, isso não cria as condições para o diálogo.” Ao ser indagado se ele era a favor do “capote” (preservativo) ou “abstinência”, o Cardeal respondeu: “Eu sou a favor do Amor.” Depois da Missa, Sua Eminência convidou uma delegação de sete manifestantes para a arquidiocese para um “diálogo respeitoso”, “em uma atmosfera cordial e relaxada”, segundo uma fonte próxima da arquidiocese. Tradução: T. M. Freixinho – Fonte: Rorate-Caeli.

Bispos Mexicanos para a Alemanha.

México. (Kreuz.net) A Conferência dos Bispos Mexicanos saudou o levantamento das excomunhões contra os quatro Bispos Lefebvristas em uma resposta à carta do Papa de 10 de março sobre a Fraternidade. Os bispos mexicanos asseguram ao Santo Padre suas orações, solidariedade e comunhão. Eles lamentam “as reações injustas e inapropriadas ao gesto de misericórdia do Santo Padre”. A revista mensal americana dos lefebvristas indaga se os bispos mexicanos também poderiam ser nomeados para a Alemanha. Tradução: T. M. Freixinho

Pe. Lombardi: Adeus, Good-Bye, Adiós, Adieu…

federico-lombardiAndrea Bevilcqua, em Italia Oggi: “[Padre Federico Lombardi] será convidado nos próximos meses a deixar a direção da Sala de Imprensa Vaticana”. Paolo Rodari diz que a despedida pode se dar logo após a visita do Papa à Terra Santa.

Mons. Salvatore Cordileone, novo arcebispo de Oakland (EUA).

Mons. CordileoneLe Forum Catholique – Bento XVI com efeito nomeou, no último dia 23 de março, Mons. Salvatore Cordileone (Salvador Coração de Leão!), até então bispo auxiliar de San Diego (Califórnia, foi ordenado bispo em 2002), à cabeça desta importante diocese californiana (406 947 católicos, 433 padres, 12 diáconos permanentes e 843 religiosos, segundo as últimas estatísticas).

Mons. CordileoneO novo prelado, jovem (tem 52 anos), aparentemente atencioso e voluntário (fotografia), foi ordenado padre em 1982. Doutor em direito canônico, foi membro do Tribunal Supremo da Assinatura Apostólica (de 1995 até 2002) cujo atual prefeito, o arcebispo Raymond Burke, é um dos seus grandes amigos… Este infatigável defensor da vida e vibrante promotor da “Proposição 8” (este referendo venceu visando proibir o “casamento” homossexual na Califórnia) é também, e isso é menos conhecido, um ardente partidário da “forma extraordinária” da liturgia que celebra e promove.

Bispos Americanos – Reiki: Superstição.

Numa das raríssimas atuações das Comissões para Doutrina da Fé das Conferências Episcopais, os bispos americanos condenaram como superstição o Reiki, cuja prática já havia se espalhado em casas de repouso católicas nos Estados Unidos, nos seguintes termos:  “Em termos de cuidado com a saúde espiritual, há perigos importantes. Ao usar o Reiki se teria que aceitar no mínimo de  maneira implícita elementos centrais de uma visão de mundo que sustenta a teoria Reiki, elementos que não pertencem à fé cristã nem à ciência natural. […] um católico que põe sua confiança no Reiki operaria no domínio da superstição […]. É responsabilidade de todos que ensinam em nome da Igreja eliminar tal ignorância o máximo possível.

One Comment to “Curtas da semana.”

  1. Qual amor é apoiado pelo Emo. Cardeal Barbarin? Até quando as autoridades da Igreja ficarão inertes diante dos ataques dos gayzistas e dos libertinos?
    Sobre o Rev. Pe. Lombardi…já vai tarde!!! Mais um que nada acrescentou, só espalhou (joio, claro!). Que bom saber que S.S.Bento XVI está realizando uma limpeza nos diversos setores do Vaticano. Falta agora o infeliz Monsenhor Fisichella.
    Enquanto isso, do outro lado do Atlântico, o México (por meio de seu episcopado) mostra que sua fé ainda é digna de reconhecimento e admiração!
    E a nomeação de um bispo como Monsenhor Cordileone é um sinal cristalino da política reformadora de Nosso Santo Padre! Que Nosso Senhor o anime e fortaleça para que possa restituir à Santa Igreja, a ordem e a paz!