Tradi-ecumenismo em Roma.

Congresso sobre Summorum Pontificum em Roma. À direita, conversam os Padres Pierpaolo-Maria Petrucci, da Fraternidade São Pio X, e Joseph Kramer, pároco da Fraternidade São Pedro na Cidade Eterna. Ao redor encontram-se alguns membros do IBP, entre eles os Padres Stefano Carusi e Mathieu Raffray, responsáveis pelo site 'Disputationes theologicae'.

Congresso sobre o motu proprio Summorum Pontificum em Roma, 16 - 18 de outubro de 2009. À direita, conversam os Padres Pierpaolo-Maria Petrucci, da Fraternidade São Pio X, e Joseph Kramer, pároco da Fraternidade São Pedro na Cidade Eterna. Ao redor encontram-se alguns membros do IBP, entre eles os Padres Stefano Carusi e Mathieu Raffray, do site 'Disputationes theologicae'.

Fonte: Ennemond – Le Forum Catholique

11 Comentários to “Tradi-ecumenismo em Roma.”

  1. Um encontro de católicos! E não de torcidas desso ou daquele.

  2. Gostei do título rsrs

    Já está mais do que na hora de uma efectiva união, de esforços nesse sentido, entre os que sinceramente defendem a Tradição e a restauração católica.

    A regularização canónica da Fraternidade… quando deixará de ser um sonho?

  3. Creio que tudo caminha para uma regularizaçao. Queira Deus!

  4. Ué? Cadê o pessoal do Opus Dei, Legionários e Arautos? Cadê aquele pessoal que se diz fidelíssimo ao Papa (desde que este não faça nada ao Concílio Vaticano II)?

    Será que eles não querem aprender o Rito Gregoriano, não?

    Eu acho que não. Aprender este Rito é lembrar que, sem o Concílio, nenhum deles teria existido. Melhor pra sobrevivência deles é lutar desesperadamente pela salvação do Rito paulino, que afunda a cada dia mais.

  5. Há muito tempo não vejo padres assim… vestidos de padres!

    Vejo homens comuns, playboys e artistas!

    Que bela imagem!

  6. Em nenhum momento, em nenhuma linha, de qualquer pronunciamento ou escrito da Fraternidade São Pio X existem evidências de acordo ou coisas semelhantes.
    O que realmente acontece é que certas pessoas inconformadas com o catolicismo tradicional querem, por puro ressentimento, que a FSSPX , afunde pelo mesmo buraco que eles afundaram.
    A presença da FSSPX em Roma é para discussões teológicas e tão somente isso. O que acontecerá no futuro só Deus sabe; o que se sabe no presente é somente as tais discussões.

  7. Pois é, João… Cadê essas figuras “conservadoras”?
    Estão se “conservando” em seus lugares.

    Onde estão os “conservadores” da Cúria, dos institutos religiosos, das Ordens religiosas, das congregações, das prelazias, das agremiações mais diversas?

    Que fiasco. E é um congresso sobre um motu-proprio que é para a Igreja inteira…
    Ao menos essas coisas evidenciam em quem não devemos procurar!

  8. Se não repararam essa notícia é irônica.É da Radio Cristiandad….

  9. É verdade,reparei depois…mas que a foto é irônica…

  10. Não importa a ironia, não importa o ecumenismo, o importante que o objetivo do motu proprio não é ridicularizar os “modernistas”, mesmo pq Deus usa do mal para tirar um bem maior,é chamar a todos, modernistas, tradicionalistas, hereges, ateus, gregos e troianos, à uma conversão verdadeira, diferente da dos fariseus, “FAÇA O QUE EU FALO MAS NÃO FAÇA O QUE EU FAÇO”é ensinar a todos a prestar a Deus o verdadeiro culto que somente a Ele é devido. A MISSA DE SEMPRE.