O novo bispo liberal de Rodez.

Gloria TV – Em abril o padre François Fonlupt foi nomeado o novo Bispo de Rodez, no sul da França. Até agora ele atuava como vigário episcopal na diocese ultra-liberal de Clermont. Enquanto estava lá escreveu um artigo no jornal “Chercheurs de Dieu “, que faz parte do corpo catequético na diocese. O título do artigo é “Comunhão Fraterna e comunhão com o Corpo de Cristo”. No artigo ele afirmava que a Presença Real de Nosso Senhor na Eucaristia era somente mística, não material [substancial], e que Cristo estava tão presente na congregação quanto nas hóstias consagradas e no preciosíssimo sangue. Assim, a nomeação do padre Fonlupt enfureceu os católicos e os bispos ortodoxos que formam cerca de 1/3 da conferência de Bispos Franceses. Centenas de cartas chegaram nas semanas passadas na nunciatura em Paris. Os fiéis de Rodez estão tristes que um tal bispo tenha sido dado a sua pequena diocese rural. No passado, a diocese resistiu o movimento de secularização e permaneceu católica.

Tags:

8 Comentários to “O novo bispo liberal de Rodez.”

  1. Ele parece o facilitador deste vídeo:

  2. O “parece” que coloquei acima é de aparência física com “Mr. Stanford Nutting”. Só o cabelo do Mons. François (nomeado trata-se por Mons.) é mais ‘ajeitado’…

    Qual seria a reação do Monsenhor à Chesterton? A mesma do “Stan”

  3. Esse padre é um herege. Agora um bispo herege. Já não se faz padres como antigamente. Tem que haver uma reforma profunda nos seminários. A educação tem que ser mais rígida. Igual antes do VII.

  4. Como diz a nossa Ana Maria em plena comunhão! Rs

  5. Muito triste, como a Igreja pode permitir que um sacerdote assim seja ordenado bispo?

  6. Quando se lembra do “Masterplan” e “plano Roca” alguns podem achar que são fantasias, que nunca existiram, mas, ao constatarmos a situação atual tem-se a nítida impressão que eles realmente existem e foram (ou estão?) sendo postos em prática.

    PS.: Ferretti, queira, por favor, corrigir INFURECERAM para ENFURECERAM.

  7. Thiago, qual o problema dele ser bispo, se o kasper quando era cardeal – sob o teto do papa -, disse que Jesus n ressuscitou? fábio de melo tb diz que n há presença real e está ai; e aquele que fez o catecismo para jornada mundial da juventude, está ai. Tudo normal! Viva o sacrossanto CVII!!!

    ************
    Paulo Morse :)