Dom Fellay endurece o tom em Ruffec.

Por Austremoine – Fecit Forum | Tradução: Fratres in Unum.com

Ontem, em Ruffec (36), Dom Fellay recebia os primeiros votos de uma religiosa da Fraternidade. No fim de seu sermão, ele abordou as discussões em andamento com Roma.

Para não trair substância do que o Superior Geral da FSSPX declarou, eis um breve resumo que retoma de memória os termos empregados.

Se nada ou nada muito grande foi dito, é porque as coisas são mais complexas do que podem parecer.

Roma apresentou duas propostas à Fraternidade São Pio X: uma doutrinal, outra canônica. Nem uma nem outra são claras. Esses dois textos são modificáveis, podem ser reescritos, sendo salva a substância. O problema é saber qual é a substância. Há muitas questões e poucas respostas.

Roma dá um passo em direção à Fraternidade. Ela deve examiná-lo seriamente. Os textos serão objeto de um estudo muito atento. A Fraternidade não assinará um texto que não seja claro. Ela não fará nada que possa diminuir a sua Fé ou o seu espírito de Fé. Assim como não dará o passo se não estiver certa das boas intenções a seu respeito. E conforme se questiona um ou outro prelado da cúria, obtém-se uma ou outra resposta.

Trata-se de uma fase decisiva, que qualquer que seja o seu desenlace, não será sem conseqüências.

5 Comentários to “Dom Fellay endurece o tom em Ruffec.”

  1. Alguém irá ceder algo? Creio quase impossível!!!.

  2. Há um bom artigo em inglês no site do John Vennari informando sobre as inúmeras dificuldades para um acordo. Nesse artigo denuncia-se inclusive aqueles que dizem ser essa a última chance da Fraternidade, pelas ocasiões serem ‘favoráveis’. Imaginem só??? Última chance….

  3. Que seja feita acima de tudo a vontade de Deus !

  4. Até agora, só especulações. Vamos esperar o pronunciamento oficial da FSSPX sobre estas duas propostas: a doutrinal e a canônica.

  5. Rezemos… e esperemos. Sejamos como Maria.