O Papa é denunciado por não usar o cinto de segurança no papamóvel.

Religión en Libertad | Tradução: Fratres in Unum.com – Uwe Hilsmann (João Pecador, traduzido ao português), um cidadão da localidade alemã de Dortmund e identificado como “não crente”, apresentou na quinta-feira passada uma ação contra o Papa Bento XVI por não utilizar o cinto de segurança no papamóvel, quando atravessada o Estádio Olímpico de Berlim, durante sua última visita à Alemanha.

Mais de 70 mil pessoas aclamavam o Papa em sua passagem, a cinco quilômetros por hora, em direção a uma histórica homilia na qual reconheceu que “na Igreja há peixes bons e maus, trigo e joio”.

Para a ação legal interposta ante o juizado de Freiburg im Breisgau, Hilsmann contratou os serviços de um advogado, Johannes Sundermann, assinala o diário Westfäslische Rundschau.

“João Pecador” afirma em sua denúncia ter observado reiteradamente, durante a última visita do Papa à Alemanhã, que ele não andava preso [ao cinto], o que viola as normas de circulação, pelo que estaria obrigado a pagar uma multa de 80 euros.

Igualmente, alega que conta com duas testemunhas presenciais dispostas a garantir que efetivamente o Papa não usava o cinto e observa ainda que várias pessoas que acompanhavam Joseph Ratzinger em sua visita, como o presidente da Conferência Episcopal Alemã, Robert Zollitsch, “seguramente” também observaram esta infração por parte do Papa e poderiam, portanto, sustentar seu testemunho no julgamento.

O diário, que retoma declarações do advogado do demandante, aponta que a viabilidade da ação pode depender da consideração de Bento XVI como simples cidadão alemão ou chefe de Estado (Vaticano), em cujo caso sua infração, uma vez provada, poderia ficar neutralizada por imunidade diplomática.

O advogado enfatizou que a denúncia não tem intenção alguma de causar danos a Bento XVI e que responde unicamente ao espírito da legislação de trânsito vigente na Alemanha. A denúncia tem como fim, portanto, garantir a segurança do Papa.

Tags:

19 Comentários to “O Papa é denunciado por não usar o cinto de segurança no papamóvel.”

  1. Pura parvoíce. O Papa possui imunidade diplomática, além de o “Papa-móvel” nem poder ser enquadrado no conceito de automóvel propriamente dito.

  2. Pra quem tem o nome de “João Pecador” e é identificado como um “não-crente”, ponho meu pé atrás com a questão de querer a “segurança do Santo Padre.”

  3. Por experiência sabemos que todo argumento é válido para atacar a Igreja e o Papa, mas este é particularmente ridículo!

    Eu ri…

  4. É meio óbvio que o Papa possui imunidade diplomática. Imaginem se fosse o Papa Móvel em que João Paulo II ficava de pé em cima do carro? Com tantas coisas para se preocupar, esse alemão vai implicar com o fato de o Papa andar a 20km/h sem o cinto de segurança, num lugar que não havia tráfico algum, só pessoas, razão pela qual o carro andava devagar!

  5. Evidentemente não conseguem achar nada mais para atacar o Santo Padre mas se existisse o premio Idiota do Ano Querendo Aparecer Por 5 Segundos esse non crente seria o ganhador do seculo!

  6. Grande crime, não usar cinto de segurança, hein!!? E ainda virar assunto internacional!
    Depois fazem piada de português! Pode?
    Se p/uma república laica o Papa é considerado um simples cidadão, pague-se a multa, e acabou!
    Um abraço, alfredo.

  7. Já quiseram prender o Papa,agora querem multá-lo.Lendo esta noticia me lembrei daquela coisa de a pessoa prender uma melancia no pescoço para aparecer.Vamos esperar qual vai se a próxima tentativa de criminalizar o Papa.

    Fiquem com Deus.

    Flavio.

  8. Quer chamar atenção…nada mais que isso.

  9. Acho que se o nosso amigo João Pescador amarrasse uma melancia no pescoço e se atirasse da Torre Eiffel, chamaria mais atenção.

  10. Que bom! Assim podiam aposentar o papamóvel e voltar com a Sedia Gestatória!

    Mas acho tudo isso muito curioso, pois geralmente as leis de trânsito valem para o… trânsito! Pelo menos no Brasil – corrijam-me se estou errado – esse tipo de lei só vale em via pública, não? Se eu quiser andar sem cinto no quintal da minha casa ninguém vai me impedir. Pelo menos por enquanto.

  11. A próxima ação será contra as missas celebradas no planeta Terra, que será declarado “planeta laico” pela ONU. Aguardem…

  12. Aqui no interior da Ilha de Santa Catarina, um autêntico manezinho (‘nativo’ de origem açoriana) responderia assim à esse bocó desocupado:
    ” Ô juão-pecadô, vai dá meia-horinha…vai, seu mandrião ! ”
    O João ficaria roxo de vergonha, calaria a boca e sairia de fininho.
    Ah! se no lugar do Pe. Lombardi houvesse um manezinho!

  13. Tenha a Santa Paciência!! Que cara mais sem noção!

  14. Esse sujeito é um brincalhão… mas, sendo um pouco mais viajante, pode ser também um esperto que, maldoso, pretende que o Papa pague essa multa e, então, no outro dia, estará aberto o caminho para processar o Santo Padre por “conivência com os pedófilos”. Pretendem como que criar uma jurisdição e quebrar a imunidade de chefe de estado.

  15. Eu ri muito!!
    Quando a gente pensa que já viu de tudo…

  16. Daqui a pouco vão “denunciar” a falta de air bags, ABS, EBD e etc. Haja paciência…

  17. O número dos idiotas é infinito…

  18. Por mais idiosincrático que seja a argumentação do fulano, se real… abriria-se um precedente: a possibilidade de alguém se arrogar a autoridade para julgar o papa.
    Se bem que, até onde me lembro de ter lido num dos meus livros sobre Pio XII, o governo italiano multou umas duas ou três vezes o papa Pio XI por excesso de velocidade.

  19. O cidadão exemplar alegar ter ‘boas intenções’… e delas o inferno está cheio!!!