Gabriel Chalita critica “pessoas perigosas” de “grupo restrito”. “Mas com força suficiente para impor sua vontade”, nota entrevistador.

Trechos da entrevista concedida pelo Deputado Federal Gabriel Chalita ao portal IG no último dia 1º e publicada hoje.

Preocupação? A Canção Nova não pega em São Paulo mesmo!

“Essa polêmica fez com que uma parte da Canção Nova refletisse se não era melhor, durante um tempo, não deixar que pessoas em cargos públicos apresentassem programa (sic)”.

Uma parte? Quem?… Alô, Eto, você está vivo? Que tal sair do sepulcro? Felipe Aquino?…

Quanto ao “durante um tempo”, seria uma tática para deixar o assunto cair no esquecimento?

Não se preocupem, Chalita e comparsas da Canção Nova! Este blog “restrito”, que desencadeou um “bombardeio de internet”, ficará de olho!

* * *

‘A religião está sendo usada de maneira desonesta’, diz Chalita

Em entrevista ao iG, pré-candidato fala sobre eleições 2012, relação com o tucanato, religião, aborto e vida amorosa

Nara Alves e Ricardo Galhardo, iG São Paulo

Ávido por concorrer à Prefeitura de São Paulo pelo PMDB, o deputado Gabriel Chalita (PMDB-SP) descarta ceder às pressões para se retirar da disputa. “Eu não aceitaria ser ministro da Educação ou de qualquer outra área, ou candidato a vice-prefeito de São Paulo. Eu só aceito ser candidato a prefeito de São Paulo”, garante o deputado, que minimiza a afirmação de que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva trabalha para demovê-lo da ideia de concorrer. Recém-filiado ao PMDB, ele afirma em entrevista ao iG que entra na campanha com a consciência de que ainda paga o preço pelo apoio à então candidata à Presidência Dilma Rousseff, no auge da polêmica sobre a descriminalização do aborto em 2010.

“Quando eu resolvi apoiar Dilma, começou uma rede de boatos na internet de que eu havia virado abortista”, lembra o deputado. Ele insiste em exaltar sua afinidade com a presidenta e deixa claro que não se arrepende de apoiá-la. Chalita também critica o uso da religião como ferramenta de campanha eleitoral, reforça sua posição contrária à descriminalização do aborto e faz críticas ao fundamentalismo religioso. “A religião está sendo usada de maneira desonesta”, diz o parlamentar. Segundo ele, um “grupo restrito” comandou “um bombardeio na internet”, que culminou, por exemplo, no cancelamento de seu programa na emissora de televisão Canção Nova, na semana passada.

Para a disputa na capital paulista, o deputado cobra uma postura ética dos demais candidatos, que terão por trás de suas campanhas três máquinas governamentais – o governo federal, que trabalha pela pré-candidatura do ministro da Educação, Fernando Haddad (PT); o governo estadual, que dará sustentação ao candidato do PSDB do governador Geraldo Alckmin; e o governo municipal, que poderá ser representado na corrida pelo PSD do prefeito Gilberto Kassab. “Espero que as máquinas não sejam usadas”, afirma.

Na entrevista ao iG, o deputado fala, ainda, sobre sua relação com o ex-governador tucano José Serra. “Ficou uma relação difícil. Em alguns momentos eu tentei cumprimentá-lo e ele não me cumprimentou”, conta. E completa: “Mas eu era muito pequeno para ele (Serra) ter tanta raiva de mim”. Já com relação a Alckmin, ele nega enxergar qualquer possibilidade de o governador, seu padrinho político, trabalhar nos bastidores a favor de sua candidatura: “Alckmin não é dissimulado”.

Sobre seus 63 livros publicados, Chalita analisa, sem falsa modéstia, que “todos são bons”. Admite ter ficado chateado com críticas, mas propõe um desafio: “Seria interessante se as pessoas, antes de não gostarem, lessem primeiro”. Solteiro aos 42 anos, ele desconversa sobre sua vida amorosa, mas não descarta a possibilidade de se casar em um futuro próximo. Ele conta que seu pai se casou aos 44 anos, apenas três meses depois de conhecer sua mãe. “Ainda tenho dois anos”, brinca.

40 Comentários to “Gabriel Chalita critica “pessoas perigosas” de “grupo restrito”. “Mas com força suficiente para impor sua vontade”, nota entrevistador.”

  1. Deixando o programa na Canção Nova terá menor risco de cometer o erro que condena, a saber, o uso desonesto da religião. Não estou, é claro, dizendo que o faz; tem bispo que não teme dizê-lo.

  2. Capaz!!!
    O “grupo restrito” e “perigoso” é o Fratres in Unum?!

    PARABÉNS, FRATRES IN UNUM!!!!

  3. Como assim? Eles são sempre os fracos e oprimidos. Se nós tivéssemos de fato força suficiente para impor nossa vontade muita coisa estaria diferente por aqui.

  4. Curiosamente até onde eu sei, nenhuma pessoa que ocupa algum cargo eletivo, participa efetivamente ou tem algum programa na TV aberta. Se alguém conhecer algum Vereador ou Deputado, me diga, pois eu não conheço. Parece me ainda que um deste motivos, é exatamente a impressão que passaria de um uso eleitoral da emissora. Mas Chalita construiu sua carreira política, a partir da religião e de uma TV religiosa, e “critica o uso da religião como ferramenta de campanha eleitoral…”.

    De qualquer forma, é evidentemente claro, que, não foram os grupos restritos os responsáveis pela retirada do programa dele do ar, mas sim, pura e simplesmente, as razões apresentadas. Há não ser, é claro, que os dirigentes da Canção Nova, não sejam suficientemente formados religiosa e moralmente, para resistir a pressão de grupos restritos, pois sair cancelando programas por conta de pressões, é uma injustiça contra os apresentadores, os envolvidos no programa e também contra os telespectadores. E é isto exatamente, que o “sapientíssimo” Chalita, afirma nas entrelinhas e ainda tem a coragem de dizer que, “todos os seus livros são bons”. É muita vaidade para quem se diz religioso!

  5. Para o deputado,apoiar uma presidente de um partido marxista,e que um membro deste mesmo partido participe de uma emissora que se diz católica,não tem nenhum problema,é a coisa mais normal do mundo.E fala isso com a maior tranquilidade.

    Ai católicos apontam estes absurdos,e o errado e perigosos são estes católicos? É uma inversão total o que faz este senhor.Na verdade,só o fato dele,como apoiador da presidente,estar numa emissora católica,já é um absurdo.Ele não podia estar lá há muito tempo.

    Fiquem com Deus.

    Flavio.

  6. Quem dera, se o referido deputado se candidasse mesmo a prefeito e PERDESSE na grande cidade de São Paulo! Aí, sim seria muito bom!
    É uma pena, que católicos ainda votem em gente como essa…

  7. Como dizia o grande Hilaire Belloc:

    “Esse ataque moderno, que é mais que uma heresia, é indiferente à autocontradição.”

    Isso explica como o Sr. Chalita pode ser tão contraditório.

  8. Ad sum!

    Também fazemos parte do grupo restrito.

    VIVA CRISTO REI!

  9. Salafrário, deturpador.

  10. Viva a sã doutrina da fé católica!!!

  11. “Guardai-vos do fermento dos fariseus que é a hipocrisia. Porque nada há de oculto que não venha a descobrir-se, e nada há de escondido que não venha a saber-se. Por isso as coisas que dissestes nas trevas, serão ditas às claras, e o que falastes ao ouvido no gabinete será apregoado sobre os telhados” (Luc. XII,13)

  12. Este fulano é tão verdadeiro quanto uma nota de 6 reais…

  13. Gabriel Chalita é mais um dos oportunistas que aproveitam da religião para o sucesso pessoal! Quando ele diz que a religião está sendo usada de forma desonesta, ele está acusando os outros daquilo que ele está fazendo… ou será que a ascensão política dele não foi por usar a religião de forma desonesta, usando uma linguagem politicamente correta e se omitindo de defender a moral católica mesmo diante dos adversários? Será que ele tem a coragem de defender a vida ante a presidente favorável ao aborto?
    Sem vergonha esse cara!
    Alex do http://www.catolicosconservadores.wordpress.com

  14. É necessário criar uma campanha nacional de divulgação da doutrina dos papas a respeito do marxismo, cuminando com a excomunhão NUNCA REVOGADA contra quem apoiar o marxismo. Urgente!!!!

  15. Bruno Luís Santana, eu apoio a sua campanha.

    Mas o problema é o Vaticano II!

    Esse Concílio dos infernos não condenou o marxismo. Tanto é que os papas concíliares, o atual e os seus antecessores, não criticaram, e até muitas vezes elogiaram determinados pontos dessa ideologia malígna.

    E por isso, os modernistas carismáticos e libertacionários irão usar para defenderem o indefensável.

    Alías, não foi o mesmo Chalita que em uma entrevista ano passado para o porta voz do Edir Macedo, Paulo Henrique Amorim, não falou que esse último Concílio não condenou o socialismo?

  16. “Uns confiam em carros, outros em cavalos, mas a nossa força está no nome do Senhor nosso Deus!” (Sl 20, 8)

  17. Tenho um amigo que trabalha na câmara de SP, e me disse que a fama deste senhor por lá é muito ruim. Comparecia pouquíssimas vezes às sessões, quase nunca aparecia para trabalhar.

  18. A excomunhão é automática e reservada à Santa Sé, Bruno. E foi ratificada explicitamente por dois papas diferentes e implicitamente por todos os papas recentes! Sem dúvida alguma ela se aplica ao sr. Chalita e, que eu saiba, ele não buscou a remissão da Santa Sé, portanto só podemos chegar à conclusão lógica de que ele está excomungado.

    Acho que dá pra contar nos dedos das mãos os bispos do Brasil que não estão excomungados devido a esse decreto.

  19. Ele disse que e contra o aborto mas não e contra a mulher que faz o aborto. Alguém pode me explicar.

  20. Fiquei confuso: Como assim ‘um grupo restrito’ que bombardeia pela internet? Essa é uma ofensa enorme, melhor fariam se amarrassem bombas ao corpo e explodissem a sede da Canção Nova ou a casa do deputado, não é Gabriel Chalita? Pelo menos é isso que dá a entender…

  21. Coitadinho dele !

  22. Tá dentro e tá fora, antes estivesse fora de uma vez – caminho esse que tem escolhido por livre e espontânea vontade…

  23. Noooooooossaaaaaaaaaaaaaaaaaaa…

    Uiiiii, teve gente que ficou nervosim por causa de um “grupo restrito”…

    Ou deveria ser um grupo “reaça”???

    Uiiiiiiii…

    Gentem!!! O grupo restrito somos nós!!!!!!!!

    Que beleza!!!

    Apesar de poucos já incomodamos àqueles que usam da Fé para atingir objetivos escusos!
    Apesar de poucos, nos fizemos ouvir!
    Apesar de poucos fazemos barulho e o pior, podemos até atrapalhar a “eleição” de certos “cãodidatos”!

    Cãodidato, não precisa ficar nervosim, nós apenas somos contrários àqueles que vendem sua consciência e, até mesmo seu Deus por trinta modinhas… Precinho módico, de liquidação!
    O que valem trinta moedinhas?
    Nada!

    O Apóstolo JUDAS ISCARIOTES, seu exemplo e seu modelo político (vendendo o Mestre em “liquidação”, pela bagatela de trinta moedinhas), bem como seus seguidores neste país (CNB do B, CN e Mon$enhoR$, e todos os seus “irmãos separados” – para nós todos hereges) não têm nada a temer desse pobre “grupo restrito”!

    Afinal, você$ e$tão do lado do $enhor de$$e mundo, Lúcifer.
    Gente “chique, colegaaaa!!!”

    Somos gente simples, sem nenhum livro publicado, sem programa na TV CN, sem nenhum cargo eletivo…

    Porém, saiba que não somos “integristas”, nem “fundamentalistas” tampouco “xiitas”.

    Tentamos e lutamos para ser apenas Católicos, fiéis ao Cristo, em meio a um mundo hostil à nossa Santa Fé Católica e sufocados pelas mentiras do maaaraaavilhooosoooooooooo concílio…

    (mundo relativista, fiel ao $eu $enhor – o Demônio; concílio modernista e apóstata, fiel ao $eu $enhor – o Demônio)

    Somos fiéis ao Cristo, nosso Senhor e Rei, à Sua Igreja: Una Santa Católica e Apostólica (seguimos os “outros” 12 [doze] Apóstolos) e combatemos as heresias, sendo a pior delas o Modernismo, do qual vosse mecê é “um frutim dos mais minguadim”… sem sabor, sem expressão… Só com o viscoso veneno modernista conciliar e liberal maçônico…

    Nosso modelo de Sacerdote é o homem pobre, que LUTA CONTRA A VAIDADE, A SOBERBA, A SENSUALIDADE vivendo na humildade e na discrição… um exemplo: hummm deixe ver, são tantos… São Pio de Pietralcina, e cá nestes Brasis, Padre Donizetti Tavares de Lima (que previu as desgraças do vitaminaaaaaaado concílio) e a Irmã Dulce da Bahia (que se recusou a mudar o hábito religioso e seguir as “novas regras”, segundo o liiiindoooooo concílio)

    Lutamos pela verdade, ainda que possa desagradar a muitos, como vossa senhoria…

    Finalmente, saiba, cãodidato:

    Estamos e sempre estaremos de olho!

    Uiiiiiiiiiiii…

    Fora Herges!

    Viva Cristo Rei!

  24. O Pe.Cassio acertou.

    É o típico amoral, oportunista, dissimulador.

  25. Na minha opinião, o grupo restrito que ele cita é o Fratres, e as pessoas perigosas são os que comendam o Fratres e comentam aqui. “Nunca antes na história da bloguefera cumpanheiros e cumpanheiras” um blogue fez o barulho que o Fratres fez.

    Duas coisas: 1) Cuidado com o que falam, eles vão nos caçar e estão lendo o Fratres.

    2) Façam cópias do Fratres, n duvido nada que ele suma de uma hora pra outra.

  26. Na caminhada contra o aborto ecumênica, n lembro o ano ( acho que 2009), eu fui lá. Ouvi de repente uma gritaria de vozes femininas (jovens, de meia idade e velhas), quando me virei para ver o que era, o chalita estava sendo abraçado, beijado ao som de gritos estéricos. Elas votam :( Ele ganha para a prefeitura de SP e na próxima eleição para presidente descepaiz.

  27. Nós católicos somente com protestos pela internet conseguimos tirar o Chalita e o Edinho do PT com a campanha de boicotar financeiramente a Canção Nova. Isto é só uma pequenina fatia do que somos capazes de fazer neste país…

  28. Bom dia, grupo restrito e perigoso capaz de impor sua vontade!

    É impressionante o modo como Gabriel Chalita assumiu o perfil psicológico esquerdo-petista: o de eterna vítima de tudo e de todos! Relativamente jovem, o moço teve ascensão relâmpago nas colinas douradas da política, é milionário e queixa-se estar sendo vitimado por “fanáticos da internet”?…

    Bem observou o confrade Urbano Silvestre acima – Chalita não sabe o que é um “fanático”, e se depender de nós não saberá… Não temos um IRA por aqui, graças a Deus!

    Chalita, líderes romano-pentecostais e bispos liberteiros não merecem tiros ou bombas – merecem uma baldada d’água fria ou de outro líquido qualquer, de preferência em público, quando invariavelmente estão ocupados na auto-glorificação e engrandecimento de si próprios. Sou contra até mesmo o uso de tomates e ovos nessa gente, pois DESPERDIÇAR COMIDA é pecado!

    Sobre a vida amorosa do promissor mancebo (a entrevista também trata disso), faço votos de que arranje boa moça e case-se logo. Um solteiro carola rondando o clero pode oferecer perigo…

    Por enquanto é isso. Até mais tarde, grupo restrito de alta periculosidade! Parem de por medo no pobre menino, vítima do poderio de vocês, seus malvados!

  29. Bom dia Pedro Pelogia e ‘cumpanheiro’ do grupo restrito e perigoso capaz de impor sua vontade.

    Por anda o nossos queridos e perigossímos Osires, Christiano, Galvão, Rodrigo Ruiz ….

    Liga da justiça Fratres in unum em ação!!!!

  30. Avante, “cumpanheiros”!

    Ana Maria, sempre muito feliz em suas colocações!

    Realmente, somos os “perigosíssimos” “reaças”… Porém, não somos um grupo fanático!

    Somos um “grupinho extremamente”… CATÓLICO!!!

    Alguém tem que falar para esse “cãodidato” que apenas defendemos nossa Santa Fé, coisa que ele poderia ter feito, mas em nome de seu”bom-mocismo”, uiiiii, nunca o fez!

    Quanto ao ficar “solteirinho, solteirinho”, caríssimo Pedro, é porque ele “está casado com o Povo de Deus”, está enamorado “das causas populares”, noivo “dos pobres e oprimidos”, portanto, esse é o motivo de sua “opção preferencial” pela vida de solteiro…
    Assim, o “bom-mocinho”, tem mais tempo de politicar, de escrever seus “graaaaandes tratados” e escrever cartas para seu amigo e querido companheiro da CN…

    Amigos e blogueiros, nunca imaginei que essas nossas reflexões e comentários de notícias fossem “tão perigosas”!

    Bem, como o “cãodidato” é um bom-moço, ele será apoiado pela CNB do B (até mesmo porque está a defender a religião dela, ou seja, a apostasia total) e pode até conseguir o apoio de políticos como a Senadora Marta “Suplício”, uma vez que defensor do aborto, agora poderá defender os direitos gayzistas…

    O palanque desse “cãodidato” será uma graciiiiiinhaaaaaaaa (by Hebe Camargo), CNB do B, Marta “Suplício”, Eto, Dunga$ e, claro, seu “padim” Mau$enhor$, com shows de Fábio de Melo super star super sexy e super botox, terminando com uma apresentação de Lady Gaga e Madonna…

    Amigos: essa gente aí se diz “católica”… São “tão católicos” quanto o rei Henrique VIII e sua filha bastarda Isabel I de Inglaterra, que “em nome da verdade e da fé” ( e não do interesse político e econômico – lembrem-se eles são “irmãos separados” dessa gente aí), perseguiram, martirizaram e tentaram aniquilar a Fé Católica na Inglaterra!

    Mas a Fé de Sempre resistiu!

    Ou são “tão católicos” como os milicianos republicanos-liberais-maçônicos na Espanha de 1936, aprovando e defendendo o “direito ao aborto, às minorias gays” e totalmente contrários aos integristas e fundamentalistas fanáticos…

    “Perigosíssimos amigos do Fratres”, só temos que tomar cuidado, uma vez que estes hereges têm poder, muito dinheiro e muita influência, graças ao pai deles: Lúcifer, e nos perseguirão!

    Mas é bom que eles saibam: que nos presigam, pois, ainda que perseguidos, seremos vitoriosos!

    Abraços, “perigosíssimos cumpanheiros”!

  31. Ana, outro que sumiu e também deixava comentários aqui no Fratres era o Cleir.

    Po inde anda o Cleir?

  32. Eu quis dizer : por onde andam

  33. Eu me pergunto, por vezes, se esse pessoal tem noção real do que faz… E chego à conclusão infeliz de que sim… Mas a isso se impõe uma outra questão : por quê faz? Quero estar errado (rezo para isso) porém só consigo pensar em uma resposta: venderam a alma…

  34. Renato, n lembro desse comentarista mas se é perigoso precisa voltar voltar.

    Felipe, entrando em ano eleitoral uma perseguição à Liga da justiça Fratres in unum em ação é tiro no pé.

  35. Ana, o Cleir é um “excelênte intolerante”.

  36. Meus amigos, eu estou por aqui, nem sempre comento, mas ando por estas plagas prazeirosas.

    O demagogo, poetador e encalhado Gabriel Chalita, o mala sem alça e sem rodinhas, abriu novamente sua boquinha para soletrar mais uma das suas filosóficas constatações. Agora, a pistolinha de espoleta do velhaco parlamentar aponta para as bandas de cá, do outro lada da margem do rio, justamente para nós, humildes defensores de uma doutrina que ele jogou pela privada em troca de fame and fortune.
    E que sujeito azarado esse tal…
    Não acerta uma, nem espremendo seus neurônios, nem apelando para um remedinho faixa preta…
    É tão desafortunado que uma das namoradas dele, trocou-o por um padre recém saído do Celeiro…
    Tá ruim mermão!

    Mas, voltando à vaca fria…

    Atribui à nós a responsa pela resistência que ele e toda a corriola anti-católica enfrentam.
    Que bom!
    Somos jagunços sim sinhô!
    Mas não trabalhamos para nenhum burocrata, nenhum posseiro dos infernos, trabalhamos para Aquele que é, para o Alfa e o Ômega, Nosso Senhor Cristo Rei à Quem ele, Chalita, trocou por alguns milhares de votos. Uma versão “democrática” de Judas Iscariotes.

    E tenho dito.

  37. Falando sério: é uma pena que moramos em estados diferentes, seria até interessante formar de fato um grupo de estudo.

  38. Ser Católico Apostólico Romano é bom demais, viu dr. Chalita, aprenda isto!

  39. De fato este senhor se elegeu e conseguiu fama através deste canal, vendeu livros e tudo mais, o triste é ver que pessoas que se dizem Católicas não viram ou não queiram ver no que se transformou esta TV, por um lado tem alguém que fala da história gloriosa da Igreja, de outro lado, colocam um deputado apresentador de programa que apóia o movimento gay, um padre que fala contra o comunismo e a TL, de outro lado um Sr. Chalita que defende a Presidente abortista. Se esta Tv fosse um caminhão poderíamos escrever na parte de trás “NÃO ME SIGA, TAMBÉM ESTOU PERDIDO”.