“Nós precisamos voltar, precisamos corrigir as coisas”.

“O apelo da beleza”: palavras do Cardeal Raymond Leo Burke, Prefeito da Assinatura Apostólica, por ocasião dos cinco anos de Motu Proprio Summorum Pontificum. Créditos: Una Voce Brasil

9 Comentários to ““Nós precisamos voltar, precisamos corrigir as coisas”.”

  1. Grande cardeal Leo Burke

  2. Por que não ele para prefeito da Doutrina da Fé? Por que não ele, Santo Padre?

  3. Ótimo vídeo! Se alguém achar a entrevista completa, por favor me avise…
    Achei tb esse outro video, muito semelhante:

  4. No livro da inocência primeva do prof. Plínio Correa de Oliveira, se não me falhe a memória, o Prof. Plinio fala da beleza, bondade, e a verdade em contraposição a feiura, maldade e a mentira: não é preciso dizer que cada vez que a sociedade se afasta de Deus, mais feia, mal e mentirosa fica a humanidade e, o único meio de voltar a beleza foi expresso no vídeo acima, que é retorno aos sacramentos hoje desaparecidos com a derrocada da civilização cristã.


  5. O vídeo dessa menina é ótimo, seria bom por legendas e publicar.

  6. “Por que não ele para prefeito da Doutrina da Fé? Por que não ele, Santo Padre?” (2)

  7. Como será que se sentem dom Burke e dom Müller ao cruzarem-se pelos corredores do Vaticano?

  8. Por que ele não é o prefeito da CDF ?

    Quem sabe o próximo Papa !
    (apesar que não saiba todas as suas posições).

    Mas espero que isso demore ainda muito tempo.

  9. O Cardeal Burke é “plena”, mas não é plenamente tradicionalista. Como a Santa Igreja é divina, temos certeza que um dia teremos muitos “plenas” em todo sentido: plenamente fiéis à Doutrina de Nosso Senhor Jesus Cristo e plenamente “sub Petro et cum Petro”. Da mesma maneira que Nosso Senhor Jesus Cristo deixou a Doutrina, também deixou na Sua Igreja o Seu Vigário Visível, o Santo Padre, o Papa. Atualmente a Santa Igreja sofre um como eclipse. Mas todo eclipse passa: Ela voltará em toda a sua beleza!!!
    Os modernistas são lobos invasores. Estão dentro da Igreja e alguns em postos elevados.
    Jesus Cristo disse: “Eis que eu vos mando como ovelhas no meio de lobos. Sede, pois, prudentes como serpentes e simples como pombas. Acautelai-vos, porém, dos homens porque vos farão comparecer nos seus tribunais…” (S. Mat. X, 16 e 17).
    Hoje, a coisa está invertida: os verdadeiros filhos fiéis foram expulsos de casa. E, agora, não têm como voltar a ser reconhecidos como fiéis, e serem recebidos em casa, sem enfrentar os lobos invasores.
    No Tribunal do Santo Ofício (CDF) está um homem do qual D. Fellay deve se acautelar. Acho que seria mais prudente dar tempo ao tempo. Mas, é claro, D. Fellay é suficientemente piedoso e prudente para fazer o melhor para a maior glória de Deus e a salvação das almas. D. Fellay é um homem que ama a Santa Madre Igreja com todas as veras de sua alma. É um homem de piedade, de fé, de oração. Rezemos muito pela Santa Madre Igreja, rezemos muito pela FSSPX!