Caça ao Ramalhete.

O artigo “Perversão da adoção” , do colunista Carlos Ramalhete, no jornal paranaense Gazeta do Povo, causou furor na “elite pensante e descolada” — daquela mesma súcia “republicana e democrática” que atacou Dom Bertrand em Franca. Os paladinos da liberdade (que não inclui os Católicos, claro), então, partiram para o ataque e pedem, ensandecidos, a cabeça de Ramalhete.

Para além de eventuais divergências com o Professor articulista sobre outras questões, indicamos a nossos leitores que manifestem o seu repúdio a mais essa tentativa de amordaçamento de todo e qualquer indivíduo que destoe da ladainha politicamente correta que inunda os veículos de comunicação no Brasil. O que está em jogo, de fato, é o domínio avassalador e impiedoso da “ditadura do relativismo” sobre qualquer esboço de reação e sanidade da sociedade brasileira.

Estão disponíveis uma página no Facebook e um abaixo-assinado em favor da liberdade de expressão do Prof. Carlos Ramalhete. “Ceder à pressão deles [picaretas do bom-mocismo], na ilusão de aplacar-lhes a fúria, é suicídio: sirva-lhes hoje a cabeça do prof. Ramalhete, amanhã eles exigirão a sua”.

17 Responses to “Caça ao Ramalhete.”

  1. Petição assinada. E já participo da página do Facebook.

  2. Ainda que não se concorde com as idéias expressas por um cidadão , impedir que as mesmas sejam divulgadas , desde que formuladas em linguagem decente é uma violência que mostra o caráter ditatorial de quem assim procede.
    O nazismo e o comunismo são os principais representantes desta odiosa forma de vencer os debates impondo pela força bruta que os adversários fiquem calados.
    A história já os julgou.
    Estou convencido que a ” Gazeta do Povo ” não se alinha com o nazismo nem com seu irmão o comunismo que querem um Estado capaz de impor a todos as idéias da minoria que comanda seus respectivos Partidos.
    Cláudio Márcio Ferreira

  3. Gostaria de saber em quais meios estão acontecendo as críticas.

  4. É fundamental mandar e-mails em apoio ao conteúdo do artigo e, quando dele se discordar, ao menos à liberdade de expressão, para o jornal: leitor@gazetadopovo.com.br

  5. Caros irmãos,

    Atendi vosso chamado: assinei a petição em favor da liberdade de expressão do prof. Carlos Ramalhete.

    Nos extremos das manifestações em qualquer meio de expressão, vemos os católicos monarquistas que entendem a *piada de salão* da “res publica” e a espuma da democracia por um lado, e de outro os leninistas, trosquistas, stalinistas, maoistas, polpotistas, castristas, etc. que entendem o genocídio como um bem necessário e a **distribuição da miséria**.

    Neste século XXI, todos já deveriam entender que o respeito à pluralidade dos pontos de vista é a base da democracia. Mas, o que se vê é a prevalência da ditadura comunista manifestada, à falta de qualquer argumento se não a vontade em si, em defesa violenta da mentira. Nesse sentido não há coisa pública, democracia e muito menos sociedade que resista a essa irracionalidade.

    * royalties para Delúbio Soares.
    ** ver as duas Coréias à noite via satélite no maps google.

    Imaculado Coração de Maria, seja nossa salvação. Viva Cristo Rei!

  6. Perversa intromissão do Estado para destruir a ordem natural das coisas disposta segundo os os designios de Deus contra a qual não há como deixar de manifestar total repúdio.

  7. A tão falada liberdade que surgiu com a Revolução Francesa pouco importa com a liberdade para praticar o bem: “Só lhe interessa a liberdade para o mal. Quando no poder, ele facilmente, e até alegremente, tolhe ao bem a liberdade, em toda a medida do possível. Mas protege, favorece, prestigia, de muitas maneiras, a liberdade para o mal.” (Prof. Plínio Correa de Oliveira).

    Não tenhamos duvida que o maior plano dos que querem estar no final do mundo a esquerda de Deus, é cercear principalmente a internet, proibir a livre manifestação para depois empreender uma perseguição sangrenta.

    É dever de todos que enviem seu protesto.

  8. Apesar de não ter afinidade com o Professor Carlos Ramalhete, pois, pelo pouco que o conheço, está infeitiçado e entorpecido pela utópica “hermenêutica da continuidade”, é preciso reconhecer sua capacidade que subsiste nesse excelente artigo (aqui subsiste = “subsist” mesmo).
    Também assinei a petição.

  9. Ops.: onde está escrito “infeitiçado”, corrija-se para “enfeitiçado”.

  10. Já assinei. O abaixo assinado mais ativo é AINDA o da enfermeira que matou que o cachorro. É uma vergonha que quem se diga Católico, n assine este abaixo assinado em favor do prof. Ramalhete, por divergências de opiniões dentro da Igreja. Tomem vergonha na cara!

  11. Tentei assinar, mas pedem o estado e o “RG”, sendo de Portugal, não tenho como preencher…

    Defendamos os valores cristãos da VIDA e da FAMÍLIA, perversamente raptados pelos governantes anti-católicos, que não suportam a são Doutrina da salvação nem aceitam chamar os “bois pelos nomes”.

    Da perversidade deste mundo,
    Livrai-nos, Senhor!

    Nossa Senhora do Rosário de Fátima,
    salvai Portugal, o Brasil, a Espanha e a Rússia,
    salvai o mundo que em Vós confia!

    Pastorinhos de Fátima, Francisco e Jacinta,
    rogai por nós, por Portugal e pelo Brasil!

  12. Como poderei assinar, não sendo do Brasil?

    Mostremos a nossa força, contra os perversos que querem dominar e subjugar o mundo, porque sabem que o tempo lhes é propício, mas curto…

    No fim, será o próprio Jesus Cristo e Sua Mãe, Maria Santíssima, que colocarão todos os inimigos debaixo dos Seus pés!

    “Por fim, o Meu Imaculado Coração triunfará” – Nossa Senhora, Fátima – 1917

    Apressai então o Vosso triunfo, Senhora!

    PS (nada a ver com o texto): [Alguém sabe de uma lista divulgada ou actualizada recentemente pelo Vaticano sobre santuários onde ocorreram milagres autênticos e reconhecidos? Foi noticiado por um Jornal português e pelo que percebi, as “aparições” de Medjugorje foram retiradas dessa lista… Têm mais informações?]

  13. Já assinei também. Está sendo bastante divulgado, vamos ver no que vai dar.
    Novamente uma estratégia dos marxistas, que gostam de usar o que há de mais baixo no ser humano, instrumentalizar, para perverter a sociedade mais ainda. Foi assim que criaram o movimento gayzista.

  14. Prezados Monarquistas,

    Infelizmente não pude responder as indagações do dia 30/8/2012, pois os comentários seguintes aconteceram após às 18h.00 e não mais acessei o Fratres, fazendo-o agora. Almir, escreveu dizendo que faço comentários curtos. O faço para evitar de escrever tantas asneiras e morde e assopra de muitos que aqui comentam. Sou curto e grosso e narro fatos que leio, vejo e vivencio na paróquia. Inclusive já comentei, aqui, uma “conversa” que tive com o diretor do colégio salesiano sobre o livro ecumênico adotado pelo colégio, onde a Igreja Católica estava nivelada com as outra religiões. Não poupei argumentos contra o Padre-Diretor- Cantor da Instituição. O interessante nisto tudo é que não leio todos os comentários dos que aqui escrevem, mas sempre dão um olhadinha nas tolices que escrevo.

  15. “Tomem vergonha na cara!”

    No Brasil de catolicos modernistas? Esqueça.

Trackbacks

%d blogueiros gostam disto: