Participação ativa: Presidente do Paraguai interrompe Missa para se defender de críticas de Bispo.

Por Rafael Montiel, ABC Color – 6 de setembro de 2012

 Fonte: Secretum Meum Mihi | Tradução: Fratres in Unum.com

O presidente do Paraguai, Federico Franco, interrompeu uma missa celebrada por Dom Mario Melanio Medina, em Villa Florida, quando o religioso incluiu em sua homilia críticas ao presidente pela liberação das sementes transgênicas.

Dom Medina estava celebrando a Missa na Paróquia de Villa Florida, ocasião em que questionou as sementes transgênicas e defendeu a necessidade de um estudo cuidadoso antes de aprovar o seu uso.

Neste momento, o presidente Franco pediu a palavra para responder às críticas do bispo. “Se me permite, vou explicar isso, Monsenhor”, afirmou e subiu ao púlpito.

O bispo concedeu o microfone e o chefe de Estado – em plena celebração da Missa – se defendeu das críticas. “O senhor acredita, Monsenhor, que se os transgênicos prejudicassem a saúde e o ambiente, eu faria algo parecido?”, questionou.

Franco pediu a Medina que apresentasse um documento de uma pessoa competente que demonstre que os transgênicos prejudicam a saúde e a vida.

“Se me apresentar esse documento, nós agora mesmo mudaremos de atitude”,  afirmou.

O mandatário assegurou que os transgênicos são sementes “que Deus e a ciência permitiram que fossem modificadas para o benefício dos produtores”.

Assegurou que, com estas variedades, os camponeses poderão contar com cultivos resistentes às pragas e ervas daninhas.

“Com os transgênicos, os agricultores usarão menos inseticidas e terão uma melhor produção”, garantiu.

Dom Medina, por sua parte, respondeu que pessoas entendidas na matéria lhe informaram sobre os prejuízos das sementes transgênicas e insistiu na necessidade de se realizar um estudo profundo antes de se aprovar o uso das variedades geneticamente modificadas.

A missa foi celebrada em comemoração à fundação de Villa Florida, departamento de Misiones.

No último 20 de agosto, Franco decretou a liberação do uso e da comercialização do algodão transgênico.

Esta decisão lhe rendeu críticas de vários setores que advertem sobre possíveis danos ambientais e à saúde humana.

Tags:

28 Comentários to “Participação ativa: Presidente do Paraguai interrompe Missa para se defender de críticas de Bispo.”

  1. O bispo não tinha o documento? Nenhum assessor o conseguiu? Os dois – presidente e bispo – estão errados ao fazer da Missa palanque político. E viva os transgênicos!

  2. Para um Bispo falar sobre isso durante o sermão, o assunto tem de ser de extrema importância para a salvação das almas!

    Ai de mim! Eu estava me esforçando para conhecer o que Deus espera de nós através de seus Mandamentos, seus Conselhos Evangélicos, pelo exemplo dos Santos, pelas Virtudes de Nosso Senhor e de Nossa Senhora, e só agora fico sabendo que serei julgado pela minha opinião a respeito dos transgênicos!

    Ai de mim! Preciso me confessar logo! Padre, perdoa-me porque pequei: não segui o ensinamento da Igreja a respeito das sementes geneticamente modificadas!

    Enquanto isso, as almas se perdem por não terem quem lhes fale da Verdade de Cristo.

    Façam-me o favor.

  3. “O sábio, para falar, antes medita o que dizer, ou a quem dizer, em que lugar e tempo.” (Santo Ambrósio)

  4. Bem feito para o bispo! Missa não é lugar para falar sobre transgênicos!

  5. Provavelmente o bispo é um seguidor a nefasta teologia da libertação. Então, em primeiro lugar, o que os teólogos da libertação celebram não é Missa, e sim politicagem da mais hipócrita. Em segundo lugar, a provocação veio do próprio bispo, que como todo teólogo da libertação, adora fazer politicagem da mais mequetrefe.

    Me condenem os moderninhos, mas para mim o presidente do Paraguay, Federico Franco, fez certo. Sacerdotes medíocres da teologia da libertação adoram essas palhaçadas, mas como teve reação, coisa que o bispo moderninho não esperava, ficou sem graça.

    Quem dera se tivéssemos políticos que respondessem a altura todos os farsantes da teologia da libertação nesse país! Esses servos libertacionários dos infernos não teriam dominado a Igreja no Brasil.

    Volto a repetir:

    O que os teólogos da libertação celebram, como provavelmente é o caso desse bispo, não é Missa; é politicagem marxista. Então, tem que se tomar os microfones deles mesmo.

    E viva os transgênicos! (2)

  6. Parabéns ao Bispo, pois já existem estudos que comprovam que a transgenia é prejudicial à saúde dos animais e humana. Infelizmente aqui no brasil, foi aprovada , encaixada num pacote , apesar da da luta travada com a Monsanto x Requião. Que Deus nos ajude!

  7. Eu não sei até que ponto não foi arquitetado esse “encontro”, afinal… como o presidente saberia que o bispo iria falar dos transgênicos? E pq permitiu que falasse?
    O Paraguay vai de mal a pior, em termos de presidentes.
    A Igreja… tem cada bispo que até “desacorçoa”!!!

  8. Tenho certeza, que os católicos do Paraguai, como nós, padecem !

  9. Não posso deixar de notar o seguinte: no que pese a atitude péssima do Presidente do Paraguai de interromper a missa (que é uma missa juridicamente válida), o próprio bispo atraiu sobre si a vergonha de ser interrompido na homilia. E isto não teria acontecido se ele usasse este tempo para o seu fim próprio: instruir sobre a doutrina da Igreja, pregar a Palavra de Nosso Senhor Jesus Cristo e lutar pela salvação das almas. Mas, contaminado pelo marxismo-TL, foi fazer campanha política, recebeu uma resposta política do acusado presente — que não creio que teria se atrevido a interromper uma homilia correta. Errados estão ambos, mas o bispo é muito mais culpado que o Presidente.

  10. Podem ficar com os transgênicos!
    Eu estou fora!
    Se um passarinho não come, eu vou comer?
    Ademais, os dois sabem o que é uma MISSA?

  11. Peraí… um monsenhor “melancia” (vermelho por dentro, mas verde por fora)?!

  12. “Se um passarinho não come, eu vou comer?”

    Visite um campo de soja ou milho transgênicos e dê uma olhada na diversidade de aves que vivem direta e indiretamente dos grãos. (Há outras espécies de vegetais transgênicos)
    E não pense que você não come! Quase toda carne produzida é de origem (vegetal) transgênica, parcial ou totalmente.
    Temer os transgênicos no longo prazo é como temer morrer e ver todo mundo dizer (inclusive pecadores não-arrependidos): PEGADINHA DO MALLANDRO! TODO MUNDO SE SALVA! (O que é irreal, obviamente, pois o Inferno existe de fato.)

  13. “pois já existem estudos que comprovam que a transgenia é prejudicial à saúde dos animais e humana”

    Isto é “delírio de interpretação” (psicose), pois não há esses estudos, apesar de você interpretar a realidade de maneira errada, visando a atender a seu desejo ecomarxista. Vá ao psiquiatra e/ou vá se confessar (dizendo o falso testemunho).

  14. Todo católico leigo deveria tirar o microfone das mãos dos padres TL para falar sobre catecismo católico: estado de graça, pecado mortal, novissimos, São Miguel versus Lucifer. Chega de blablablá dos modernistas que vem deixando o católico burro e ignorante.

  15. E homilia é lugar pra falar de transgênicos? Faça-me o favor! Está tudo errado!

  16. Muito bem feito, o bispo agiu errado, e o presidente não fez nada de mais uma vez que o bispo consedeu o microfone a este.

  17. Uma discussão que até poderia ter lugar, desde que fora da Missa. Imagino o que aconteceu depois dessa “homilia” compartilhada: “Bom, agora, vamos rezar o Credo” (sobre o que mesmo que falava o Evangelho…?)

  18. Que argumento falacioso, o da autoridade civil! Como exigir provas que ainda não existem sobre a nocividade dos transgênicos? Ainda não existir não significa que nunca haverá…

    Já há suspeitas de que os transgênicos sejam perigosos para a saúde. É uma atitude prudente arriscar?

    Falar sobre os riscos dos transgênicos não é ruim – cuidar da saúde do corpo não é ruim, apesar da preferência ser pela saúde da alma.

    Seria assunto para o Bispo tratar em uma mensagem escrita ou em outro momento. Hora do sermão é combustível para a maior glória de Deus e para a salvação da alma.

    O Presidente do Paraguai deveria manter-se em seu lugar e comunicar sua opinião em outro momento também.

    Alguns pensam que, se errado é ser comunista, o certo é ser capitalista. São dois erros a serem detestados. O certo é ser católico.

  19. Discutindo assuntos que realmente interessam na hora mais conveniente o possível.

  20. “Já há suspeitas de que os transgênicos sejam perigosos para a saúde. É uma atitude prudente arriscar?”

    Márcio, fontes desses “perigos” (SIC), por favor…

  21. Parabéns ao presidente Franco, apesar da ocasião ser inoportuna para o que fez.
    Mas é evidente que o tal bispo foi o primeiro a desrespeitar a missa, adotando a lenga-lenga da esquerda melancia (verde por fora; vermelha por dentro) na hora em que deveria pregar a palavra de Deus.
    E a maneira mais efeciente para calar a boca dessa gente “que quer salvar o planeta” – e não as almas – é essa mesmo: contra os slogans ecológicos vazios que o bispo aprendeu da turma do Fórum Social Mundial, interpelar de frente, na cara, exigindo que mostre algum estudo científico sério que sustente as balelas apocalípticas que espalham como papagaios.

  22. O Bispo deveria falar sobre sementes de Cristãos, mas sementes de transgênicos!!!. Quanta mudança.

    • Observando o evangelho de hoje, percebo a quantidade de fariseus que tentaram fazer contra Jesus, o mesmo que estão tentando fazer com o bispo. As pessoas colocam na cabeça que um padre ou um bispo têm que ser alienados do mundo, e não se meter em assuntos que dizem respeito ao que é bom para a humanidade. Eles são muito cultos, estudam muito, e podem sim usar da homilia para assuntos de atualidades, aludindo e aliando o assunto ao evangelho.
      Vejam a comparação entre os fariseus de hoje e os do tempo de Jesus>-

      “Eu pergunto a vocês: o que é que a nossa Lei diz sobre o sábado? O que é permitido fazer nesse dia: o bem ou o mal? Salvar alguém da morte ou deixar morrer?
      Jesus olhou para todos os que estavam em volta dele e disse para o homem:
      – Estenda a mão!
      O homem estendeu a mão, e ela sarou. Aí os mestres da Lei e os fariseus ficaram furiosos e começaram a conversar sobre o que poderiam fazer contra Jesus”. Lucas 6,9-11

  23. Neuza Maria Spínola (Poetaminas), farisaísmo não é exigir que um bispo fale de assuntos espirituais. Farisaísmo é falar uma coisa e viver outra.

  24. Neuza Maria, é óbvio que continuo como antes, exigindo que o bispo fale de assuntos espirituais na missa.
    Você, provavelmente ambientalista, também continua como antes…

    • Não sou ambientalista, amigo! Sou uma pessoa que estuda, e que conhece o que é permitido ou não dentro da Igreja. Quase todos estão se preocupando em crucificar o bispo que estava dentro da sua Igreja, celebrando sua missa, fazendo sua homilia (e é permitido falar de atualidades, se há uma preocupação com o povo),
      O Presidente estava na missa, mas usou do altar para discutir com o bispo, não provou que estava certo; autorizou o uso dos transgênicos sem ter certeza de que não fariam mal à saúde da população, e ele continua certo, não é?
      Não pretendia mais discutir este assunto, pois todos os argumentos de nada vão valer, mas deixo aqui uma mensagem de Cristo a todos.
      “Sempre que a Igreja opera mudanças – e isto desde os primeiros tempos – a rebeldia contra os novos regulamentos se faz presente! E não é diferente agora, quando a Igreja, na tentativa de proporcionar caminhos mais abertos a seus filhos, é combatida, ridicularizada e desprezada. Os que se acham donos da verdade, os auto-suficientes, jamais aceitarão qualquer lei ou fórmula que não se encontre de acordo com suas ideias e criam problemas, causando divisões ou cismas.”
      “Tais atos de rebeldia contra as autoridades, estão contribuindo para a divisão da Minha Igreja e disso o Pai acertará também contas, pois Eu fundei a Minha Igreja una, santa, apostolica e institui Meus pastores, instruindo-os e ainda hoje o faço, através do Espirito Santo, para que lutem sempre por este ideal de unidade. Não sejam rebeldes, filhos, sejam submissos!Não dividais, pois nesta divisão, podereis ser o grande esquecido do Pai!”

      Se esta mensagem suscitar ainda alguma dúvida, não adiantará responder a mais nada.

  25. Neuza, não teremos concórdia. Eu desejo sermões sobre as circunstâncias do pecado, arrependimento, Rosário, mistérios da Fé, virtudes, apologética, hagiografias; você quer sermões sobre um assunto específico de Genética (!)…