O Papa aos jovens: “Enraizados e edificados em Cristo, firmes na fé”.

Ocupais um lugar privilegiado no meu coração e na Igreja inteira, porque a Igreja é sempre jovem. A Igreja confia em vós; conta convosco. Sede jovens na Igreja. Sede jovens com a Igreja. A Igreja precisa do vosso entusiasmo e criatividade.

[…] As frustrações presentes não devem levar-vos a buscar refúgio em mundos paralelos, como por exemplo o mundo das drogas de todo o tipo ou o mundo triste da pornografia. Quanto às redes sociais, são interessantes mas podem, com facilidade, levar-vos à dependência e à confusão entre o real e o virtual. Procurai e vivei relações ricas de amizade verdadeira e nobre. Cultivai iniciativas que dêem sentido e raízes à vossa existência, lutando contra a superficialidade e o consumismo fácil. Estais de igual modo sujeitos a outra tentação: a do dinheiro – este ídolo tirânico que cega até ao ponto de sufocar a pessoa e o seu coração. Infelizmente os exemplos que vedes em redor não são sempre dos melhores. Muitos esquecem-se da afirmação de Cristo: não se pode servir a Deus e ao dinheiro (cf. Lc 16, 13). Procurai bons mestres, guias espirituais que saibam indicar-vos o caminho para a maturidade, pondo de lado o que é ilusório, aparência e mentira.

Sede os portadores do amor de Cristo. Como? Voltando-vos sem reservas para Deus, seu Pai, que é a medida do que é justo, verdadeiro e bom. Meditai a Palavra de Deus. Descobri o interesse e a actualidade do Evangelho. Rezai. A oração, os sacramentos são os meios seguros e eficazes para ser cristão e viver «enraizados e edificados em Cristo, firmes na fé» (cf. Cl 2, 7).

[…] Sede os mensageiros do Evangelho da vida e dos valores da vida; resisti corajosamente a tudo o que a nega: o aborto, a violência, a rejeição e o desprezo do outro, a injustiça, a guerra. Deste modo, propagareis a paz ao vosso redor. No fim de contas, não são os «obreiros da paz» aqueles que mais admiramos? E não é a paz o bem precioso que toda a humanidade procura? Porventura não é um mundo de paz aquilo que mais profundamente desejamos para nós e para os outros? سَلامي أُعطيكُم (dou-vos a minha paz): disse Jesus. Ele venceu o mal não com outro mal, mas tomando-o sobre Si e aniquilando-o na cruz com o amor vivido até ao fim.

Do discurso do Santo Padre, o Papa Bento XVI, aos jovens – Patriarcado Maronita de Bkerké, Líbano, 15 de setembro de 2012.

Tags:

3 Comentários to “O Papa aos jovens: “Enraizados e edificados em Cristo, firmes na fé”.”

  1. Impressionantes as palavras do Papa! Quanta sabedoria esse homem possui! É verdadeiramente um sábio. Grande Papa!

    A única coisa que eu queria comentar é sobre a internet. Ela é um meio precioso de comunicação. Pode servir de ponte entre o mundo virtual e real. No entanto, infelizmente muitas pessoas de má índole usam-na sem escrúpulos. Um exemplo disso são os perfis falsos nas redes sociais, e outros tipos de fraudes.

    Ao que me parece as pessoas tendem a reproduzir na internet o seu comportamente na vida real. Assim pessoas dissimuladas e mentirosas, costumam usar de mentira e de fraudes na internet. Por outro, lado pessoas honestas e descentes, não haverão de fazer tais coisas boas e dignas também na internet.

    A tendência as pessoas se isolarem já existia antes da internet, apenas foi se acentuando com ela. Isso me parece estar relacionado com o egoísmo, com o individualismo e com o materialismo.

    Talvez uma maneira de acabar com o isolamento das pessoas seja criando na sociedade situações ou atividades que permitam as pessoas se encontrarem corpo a corpo (por favor, não entendam mal essa expressão), face a face, para fazerem alguma coisa que permita conversar, dialogar, dançar, etc.

    Infelizmente, a maioria das pessoas só se encontram para divertimentos mundanos, como bebederias e orgias e isso não ajuda as pessoas a se relacionarem de forma humana e correta, apenas as faz verem umas as outras como objetos de prazer que podem ser usadas ao bel prazer e depois descartas. São duras essas palavras, eu não concordo de forma alguma com essa mentalidade, deploro-a extremamente, mas infelizmente é a dura e crua realidade que precisa ser mudada!!!!

    P.S.: Achei muito interessante o seguinte artigo (Contos de fadas são chave para compreensão do mundo, diz pesquisador), pois, ao tratar do tema dos contos de fada, mostra uma faceta da sociedade atual.

    Destaco este trecho:

    Hoje em dia, a coisa é diferente: na era digital, a disseminação dos contos mudou. “O que antigamente demorava décadas, hoje espalha-se com uma rapidez absurda. A questão é só saber se os novos contos e provérbios vão continuar sobrevivendo. Em sua maioria, eles desaparecem com rapidez. Mas na internet dá para perceber exatamente qual será a repercussão de uma coisa”, observa Minder. O fato de que histórias podem ser acessadas de qualquer lugar surte efeitos sobre a narrativa, acredita.
    Hoje em dia, as histórias quase não são mais contadas, mas em primeira linha consumidas, seja no cinema, na TV ou na internet. “Se você pedir para alguém contar um conto de fadas no meio da rua, quase não vai achar alguém. Embora conheçamos os contos, não estamos mais acostumados a contá-los”, conclui Minder.

    http://www.dw.de/dw/article/0,,16235506,00.html?maca=bra-newsletter_br_Destaques-2362-html

  2. Correção:

    Por outro, lado pessoas honestas e descentes, não haverão de fazer tais coisas (que foram mencionadas anteriormente) MAS SIM boas e dignas também na internet.

  3. Sinceramente, eu AMO o Papa Bento XVI, ele pode ter seus erros, como qualquer humano tem, até Pedro, seu primeiro antecessor teve erros. Porém não podemos negar que ele é sim O Grande Homem da Igreja hoje, ele é o Grande Papa que a Igreja precisava. Essas palavras ressoam como música nos meus ouvidos, essas palavras são como se fossem as maravilhas de Deus que só ele, Bento XVI, consegue passar!
    Oremus Pro Pontifice Nostro Benedicto
    Deus, Pastor e Guia de todos os fiéis, olhai com benevolência para o vosso servo o nosso Santo Padre, o Papa Bento que quisestes colocar à frente de vossa Igreja. Concedei-lhe, nós Vos suplicamos, a graça de a edificar com suas palavras e seu exemplo. E que, desta maneira, chegue um dia à vida eterna com todos os que lhe foram confiados. Por Cristo nosso Senhor.
    Amém

%d blogueiros gostam disto: