Cardeal Meisner, arcebispo de Colônia, abre as portas à “pílula do dia seguinte” em casos de violência sexual.

“Alternativa católica” à pílula do dia seguinte. Segundo o cardeal de Colônia, Meisner, os novos conhecimentos científicos permitiriam distinguir entre evitar a fecundação e impedir a implantação no útero.

Por Andrea Tornielli, Vatican Insider | Tradução: Fratres in Unum.com – Após as polêmicas por causa da menina que foi vítima de estupro, a quem dois hospitais [católicos] de Colônia negaram a administração da pílula do dia seguinte, o Cardeal Joachim Meisner, arcebispo da cidade, pronunciou essas palavras, que abriram a possibilidade de oferecer a pílula e que foram recebidas com satisfação pelos agentes sanitários da Alemanha.

Cardeal Joachim Meisner.

Cardeal Joachim Meisner.

O delegado da associação dos hospitais católicos, Thomas Vortkamp, em uma entrevista com http://www.domradio.de, disse que as declarações do purpurado contêm “muitos esclarecimentos sobre como deveriam se comportar os hospitais católicos no futuro em relação às vítimas de violência. Para nós é importante que os colaboradores nos hospitais tenham as coisas claras: que seja um dever oferecer ajuda às mulheres em dificuldades, desde a acolhida até a ajuda posterior”.

Vortkamp explicou também que “muitas incertezas foram eliminadas” e que sob o nome de “pílulas do dia seguinte” encontram-se muitos produtos com diferentes princípios ativos: “No passado, a pílula do dia seguinte era sempre considerada como uma pílula abortiva e condenada somente desse ponto de vista. Estaremos sempre contra a pílula abortiva. Porém, nos casos de mulheres violentadas, é útil esclarecer as coisas para poder oferecer-lhes uma pílula do dia seguinte como prevenção. Se a mulher, com a pílula do dia seguinte, recebe ajuda no sentido da prevenção, tudo bem. Porém, se, por exemplo, a implantação já ocorreu, há que se discutir como se pode proceder. E se a mulher opta pelo aborto, então há que explicar que ele deve ser realizado em outro hospital”.

Segundo as palavras do delegado da associação de hospitais católicos, deduz-se que a pílula do dia seguinte não é considerada abortiva, porque não atua depois da implantação, mas sim antes, para impedir a fecundação ou a implantação do ovócito fecundado. Porém, o cardeal, para dizer verdade, fez a respeito desse tema uma distinção muito clara e precisa, pois explicou que se a pílula “é utilizada com a intenção de impedir a fecundação, então, no meu ponto de vista, é sustentável”.

Por outro lado, seu uso “não é aceitável” quando se usa para impedir que um óvulo já fecundado se implante no útero. Meisner, o cardeal alemão mais em sintonia com Bento XVI, de quem é amigo pessoal, indicou que com as novas tecnologias científicas é possível distinguir entre uma e outra situação.

Em 2005, a Pontifícia Academia da Vida expressou-se sobre esta pílula com uma declaração que diz: “A pílula do dia seguinte é um conjunto de hormônios, que, administrada antes do transcurso de 72 horas depois de uma relação sexual presumivelmente fértil, sofre um mecanismo prevalentemente de tipo ‘anti-nidatório’, ou seja, impede que o eventual óvulo fecundado (que é um embrião humano), que já alcançou o estágio de blastocele (de 5 a 6 dias após a fecundação), se implante na parede uterina, mediante um mecanismo de alteração dessa mesma parede. O resultado final será, portanto, a expulsão e a perda deste embrião. Somente se a administração de tal pílula pudesse ser anterior ao evento da ovulação, esta poderia atuar como um mecanismo para bloquear esta última (neste caso se trataria de uma ação tipicamente “anticonceptiva”)”.

O mesmo documento indicava que o uso da pílula do dia seguinte, “na realidade, não é outra coisa que um aborto que se realiza por meios químicos. Não é coerente intelectualmente, nem justificável cientificamente, afirmar que não se trata da mesma coisa. Ademais, parece bastante claro que a intenção de quem pede ou propõe o uso da chamada pílula está direcionada diretamente à interrupção de uma eventual gravidez em ato, exatamente como no caso do aborto. A gravidez, de fato, começa na fecundação e não a partir da implantação do blastocele na parede uterina, como se trata de sugerir implicitamente”.

Devemos recordar que normalmente as legislações estatais e nos protocolos sanitários o efeito de impedir a implantação do óvulo fecundado não se considera abortivo, visto que muitos casos se verificam naturalmente, enquanto se define aborto como a destruição de um óvulo já implantado no útero (efeito que não se obtém com a pílula do dia seguinte, mas sim com a pílula RU486). Para a Igreja, pelo contrário, a ação de evitar a implantação deve ser considerada abortiva.

21 Comentários to “Cardeal Meisner, arcebispo de Colônia, abre as portas à “pílula do dia seguinte” em casos de violência sexual.”

  1. O delegado da associação dos hospitais católicos, Thomas Vortkamp disse: “Se a mulher, com a pílula do dia seguinte, recebe ajuda no sentido da prevenção, tudo bem. Porém, se, por exemplo, a implantação já ocorreu, há que se discutir como se pode proceder. E se a mulher opta pelo aborto, então há que explicar que ele deve ser realizado em outro hospital”.

    Quase não consegui ler o resto.

    Tenho pena que esta geração venha a ser conhecida no futuro como ‘geração assassina’.

    Onde estais, Meu Deus?!

  2. A palavra de ordem é “DEMOLIR A IGREJA”, alguem já viu ser tomada alguma medida contra os demolidores, nesse meio a impunidade Impera.

  3. são os que possuem plena comunhão rsrs

  4. Após, ou no durante o acto sexual (consentido ou não):
    – Impedir que ocorra a ovulação é separar o acto gerativo do acto sexual
    – Destruição ou impedimento de nidação do óvulo fecundado é impedir que uma vida continue
    A Igreja, a isto, chama MATAR! Mesmo que alguns rotulados de igreja (que Segundo eles só tem +-50anso) digam o contrário.

    A meu ver somente pelas armas é que pomos isto no lugar (basta ver o caso de Pelaio que teve de lutar contra os bispos moçárabes e sultões árabes)

  5. Realmente estamos no fim dos tempos … da Igreja do Vaticano II com certeza !!! Como pode isso ? Eles querem a todo custo cumprir a agenda da maçonaria e implantar o aborto, a eutanásia, a anticoncepção, o casamento gay e toda essa sorte de lixo que o inferno reuniu na escuridão das lojas e que agora, impunemente, pior, sem que ninguém denuncie com vigor, despejar sobre nós e ainda saírem aplaudidos como cidadãos do mundo !!! Essa é a Igreja do Vaticano II com sua Cúria … quem pertence a esta igreja é católico ???

  6. É possível desfazer um cardeal?
    Pois, estamos precisando disso também.
    A Grande Apostasia da Verdade já se encontra alastrada no seio da Igreja de Cristo. Guardemos a fé, e lutemos dignamente o bom combate.
    Brademos com veemência contra as ideias lúpicas ainda que venham purpuradas.

  7. Interessante a atitude energica do delegado da associação dos hospitais católicos. Quanto ao Cardeal Meinser assim como tantos membros do clero, são os que hoje perseguem a igreja Católica destruindo sua doutrina e lei.

  8. Meu Deus, que absurdo é esse? Santa inquisição…
    Pílula do dia seguinte, ou pílula anticoncepcional, que diferença faz? São todas imorais. O ensinamento da Igreja de sempre é que não devemos utilizar, pois, a Deus cabe a decisão da vida.
    Que horror ver príncipes da Igreja falando dessa forma.

    Cor Jesu sacratissimum, miserere nobis

  9. Ele diz que é contra a ação abortiva, mas não faz nenhuma ressalva sobre qual é a “pílula do dia seguinte abortiva” e a “pílula do dia seguinte impeditiva da concepção”, e não sabemos nem se existe essa variação. Se o cardeal tem notícias dessa diferenciação, deveria pedir que fosse anunciada. Se não existe tal diferenciação, fica claro que ele só quis disfarçar que aprovou a pílula do dia seguinte (anti-conceptiva e abortiva).

  10. Lister Leão, os estudos mais recentes sobre a pílula do dia seguinte apontam o diagnóstico de que o medicamento possui duas finalidades: a primeira, se não houver a fecundação, os hormônios impedem que ela ocorra; a segunda, que está nas entrelinhas da bula, se já existiu a fecundação, provoca o abortamento do óvulo fecundado, do novo ser, impedindo que ele chegue ao colo do útero para que prossigam as etapas da gravidez.

  11. Antes de qualquer outra ação, gostaria de agradecer a Deus pela existência deste site. Cheguei a ele, por “acaso” ou por empurrão do meu anjo da guarda, quem sabe? Este espaço é o mais me informa do que acontece com a minha Santa Mãe Igreja. Sim! Santa, Mãe e Igreja de Nosso Senhor Jesus Cristo.
    Bem, quanto ao que vai acima e outras notícias aqui corajosamente vinculadas, o que dizer? Está-se cumprindo o que todos os colegas já sabiam: a atuação do anticristo está mais forte no seio da Igreja e no mundo todo. Mas, há um detalhe importante: se ele começou a agir com mais violência e despudor – como se fosse de outro modo! – deve ser porque já passou da hora do nosso testemunho corajoso começar. É, meus amigos queridos, a vitória do Sagrado Coração de Maria que se aproxima. Não nos desesperemos. A vitória de Cristo e de seus anjos e santos se aproxima. Sejamos fieis a ele e ao seu Evangelho! Fiquemos firmes ao lado do Papa, do Magistério da Igreja e da Tradição!

  12. Apostasia!!! Caríssimos, é gente como essa (mais o Schonborn de Viena, o Dom Odilo de São Paulo, o Ravasi da Cúria, aquele recém nomeado cardeal colombiado, etc.) que irão eleger (ou ser eleito) próximo Papa! Qual a chance de termos novamente um PIO XII???? Nenhuma!!!

  13. Daqui e dali vão minando a Doutrina da Igreja na tentativa de criar uma jurisprudência eclesiástica toda contrária à verdade. Mas, “autoridade que deriva do número é anarquia” (São Gregório de Nazianzo) e a melhor forma de combater esse assalto do relativismo é o Vaticano desmentir imediatamente essas iniciativas, venham de quem vier. Quanto a nós, cuidemos também, na nossa esfera de atuação, de não nos deixarmos influenciar por esse mal.

  14. Nós também não poderemos nos vangloriar de sermos Católicos se não aprendermos a contemplar a face desfigurada de Cristo.

    “…tão desfigurado estava o seu aspecto e a sua forma não parecia a de um homem…” (Is 52, 14).

    Se de fato fôssemos nos deparar diante de Jesus na Via Sacra, não iríamos ter coragem de olhar, pois Jesus ficou tão desfigurado que não parecia um ser humano, tinha uma aparência horrível. Nenhum ser humano seria capaz de suportar tão grande ultraje, ignominia, insultos e torturas que o Salvador suportou para que daí nos viesse a redenção.
    A Igreja que Ele fundou, a sua esposa há que passar pelo mesmo que seu Fundador passou, porque o discípulo não é maior que o mestre.
    Cada dia que passa assistimos a esse espetáculo triste, vemos essa Igreja desfigurada por seus pastores infiéis, negada por seus batizados que rezam o Credo em suas missas pra depois negá-lo no dia a dia, insultada pelos principes desse mundo e traída por tantos Judas disfarçados em defensores da Fé.
    Enquanto isso, Pedro vacila, titubeia, não tem coragem de defender o seu Mestre.
    Mas se temos fé realmente, não basta gritar que há fogo! Temos que ter esperança na chegada do bombeiro. Fé é uma virtude inseparável da Esperança e da Caridade.
    É preciso ter Fé e Esperança de que essa Paixão da Igreja vai passar e a Igreja será restaurada num Corpo Glorioso, não esse Corpo hierárquico podre, corruptivel, falho. E naquele dia, as próximas gerações poderão olhar pra esse período triste que estamos vivendo e cantar o Exsultet da Vigilia Pascal: “O felix culpa quae talem et tantum meruit habere redemptorem,”.
    Esses homens que compoem a hierarquia atual são todos parte da velha cria do Vaticano II. Eles estão comprometidos até a medula com os erros daquele Concilio e voltar atrás seria uma confissão de culpa que eles são orgulhosos demais pra admitir.
    É por isso que esses pirracentos claudicam no erro, é por isso que eles perseguem os que ainda mantém uma fé que eles ja perderam: “Cegou-lhes os olhos e endureceu-lhes o coração, para que … nem ouçam com os ouvidos, nem entendam com o coração, nem se convertam, e sejam curados”.
    Mas eles vão passar porque estão velhos e porque não há mal que dure pra sempre.
    É na futura geração que está a esperança da Igreja e quanto mais jovens abraçarem a Tradição da Igreja, quanto mais jovens ignorarem completamente o que foi ensinado nas Igrejas depois da década de 60, maior será essa esperança. Por isso é preciso parar com esse espírito de seita que afeta alguns dentro do Tradicionalismo a ponto de se julgarem um pequeno grupinho de eleitos.
    Diante do rosto desfigurado de Cristo, cabe a nós proclamar com alegria que a nossa libertação está às portas ao invés de ficarmos como aqueles discipulos de Emaús cabisbaixos, frustrados: “Nós esperávamos que fosse ele quem havia de restaurar Israel, e agora, além de tudo isso, já é o terceiro dia que estas coisas aconteceram”.
    Chega a ser irônico o modo como alguns se comportam diante da Paixão da Igreja. Agem igualzinho aos discípulos de Emaús que se dirigem rudemente a Jesus, lançando-lhe no rosto a sua ignorância a respeito da tragédia… do próprio Jesus! As primeiras palavras que o Senhor lhes dirige: De que vínheis falando pelo caminho, e por que estais tristes? Ao que os discípulos respondem de mau humor, num tom ríspido: Um deles, chamado Cléofas, respondeu-lhe: “És tu acaso o único forasteiro em Jerusalém que não sabe o que nela aconteceu nestes dias?”… É como se dissesse, meio admirado e meio irritado: “Todo o mundo sabe. Onde é que você vive? Só você está por fora?”
    Pois Jesus sabe melhor que ninguém sobre a tragédia que se abateu sobre a Igreja. O que Ele quer saber agora é como cada um de nós reagimos diante dessa tragédia.
    “Assim como todos que vivem para ver tempos assim, mas não cabe a eles decidir, temos de decidir apenas o que fazer com o tempo que nos é dado.” (J RR Tolkien)

  15. Cardeal Arns tb falou um dia, povo sem memória!
    As famílias [católicas] nesses almoços suplícios de domingos tb falam e tem gentes que fica horrorizada na net e na mesa n abre a boca para defender a posição Católica.
    Há padre aí que defendem a pílula faz tempo. N sei o pq tanto espanto, ou o povo n tem amizades ou vive no mundo da lua….onde tudo pode acontecer…

  16. Aos netos do cinquentão com carinho: a bula da pílula do dia seguinte pode estar escrito o que os donos quiserem, já na Gaudium et Spes n podia está escrito isso aqui –

    5 2 ….. Os cientistas, particularmente os especialistas nas ciências biológicas, médicas, sociais e psicológicas, podem prestar um grande serviço para bem do matrimónio e da família se, juntando os seus esforços, procurarem esclarecer mais profundamente as condições que favorecem a honesta regulação da procriação humana.

    Ah, e n adianta chamar pela Inquisição, pq hoje está sentado na cadeira mor ‘dela’ um herege pior que bispo Cauchon.

  17. Atenção: é perfeitamente lícito a uma mulher violentada, tentar evitar a fecundação. Nesse caso, o espermatozóide é considerado um agressor injusto. Isso é doutrina pacífica dos moralistas. Tendo ocrrido a fecundação, é preciso, evidentemente, continuar a gravidez.

  18. Gercione das 12:32 – “a nossa libertação está às portas” … não sei. Vc já pensou,Gercione, que talvez o tempo de Deus não seja o nosso e a situação atual demore 100 ou 300 anos para se resolver? Vc e os teus descendentes teriam tamanha fortaleza na Fé para resistir a toda corrupção que pode vir de certos membros da Hierarquia e do mundo em volta de nós?
    O que faz um ginecologista que tenta dar um conselho cristão às suas pacientes? É capaz de ouvir como resposta: “Ah, doutor, tem padre a favor da pílula e dom Meisner é bem mais moderninho e até admite um método que pode matar em embrião recém fecundado”. (Sim, por que não há um exame prático e sem riscos para a mulher que possa precisar o momento em que o espermatozoide fecunda o ovócito).

  19. Gercione Lima, já que vc citou Tolkien, vou responder à la senhor dos anéis: tivemos o bolseiro, tivemos a sociedade do anel, mas com problemas técnicos estamos esperando um Gandalf. Pq o chefe dele (e nosso) se aliou ao Sauron, então, o precioso precisa ser destruído. Mas, cadê o Gandalfo????

  20. Ricardo, enquanto tantos olham horrorizados pra os preparativos do Carnaval, eu me encho de esperança pela Pascoa que se aproxima. O tempo de Deus nunca é o nosso e essa é a raiz do problema. Queremos que Deus faça as coisas no nosso tempo e não no Dele.
    É claro que precisamos ser realistas. As noticias que nos chegam todos os dias não são boas, como também não o eram às vésperas da prisão e morte de Cristo. Mas assim como os discípulos desesperados na barca durante a tempestade, Cristo espera que vivamos nossa vida cristã contando com o “fator” mais real de todos, que é Ele e a fidelidade às suas promessas.
    É disso que nos fala a Carta aos Hebreus: A fé é o fundamento das coisas que se esperam, é uma certeza a respeito do que não se vê. Foi ela que fez a glória dos nossos antepassados.
    É a falta de fé nas promessas de Cristo que conduz a essa falta da esperança que a Fé deveria gerar.
    É essa falta de fé naquela promessa: “Pois também eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela”, que tem levado muitos, como ja levou em outros tempos, a juntar mestres para si. É a falta de Fé naquela promessa de Cristo: “e eis que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos” que tem levado muitos a cair em heresia negando ainda que por ignorancia o que a encíclica de Pio XII, Mystici Corporis Christi nos ensina sobre a visibilidade da Igreja.
    E foi por causa dessa falta de fé que Jesus repreendeu Tomé após a Ressurreição. Tomé não teve fé naquela promessa de Cristo: “ao terceiro dia o Filho do homem ressuscitará”. O que não falta hoje é Tomé diante da crise: “Se eu não ver missa tridentina em toda paróquia, se eu não ver o Papa consagrando a Russia, se eu não ver esse Papa excomungando todos esses Bispos eu não vou crer que essa é a Igreja de Cristo”. E depois dizem que querem defender uma Fé que eles mesmo não possuem!
    E respondendo `a sua pergunta, eu temo sim que eu ( e meus descendentes) não tenhamos tamanha fortaleza na Fé para resistir a toda corrupção que vem da nossa propria natureza decaída. Contra essa natureza decaida é que devemos estar vigilantes 24 horas por dia. Sem a graça dos Sacramentos ( válidos) e a fé nas promessas de Cristo é impossivel travar esse combate contra a carne, o demonio e o mundo.
    Enfim, tenho ouvido e lido de padres a Bispos, de Cardeais a Papas tanto absurdo que nem me surpreendo mais! Eis porque é necessario se ater ao que é doutrina e descartar tudo aquilo que é mera opinião.
    Qual é a doutrina da Igreja a respeito da finalidade do Matrimonio e do amor conjugal? Qual é a doutrina da Igreja no tocante ao sexo, a ética da reprodução humana que envolve não apenas evitar, interromper a vida como também criar vida em laboratório pra responder a anseios egoístas. É com isso que um ginecologista cristão deveria se preocupar.
    O Católico tradicional nem está preocupado com a pilula do dia seguinte…ele tá preocupado é com a pilula do dia anterior que as noivas Católicas guardam na bolsa enquanto estão prometendo a Deus diante do altar receber todos os filhos que Ele doará daquela união!
    Se eu tenho dúvidas quanto à validade de um Sacramento, simplesmente não recebo. Se uma paróquia me é motivo de escândalo, passo longe. Se usamos esse bom senso nas coisas simples do cotidiano, mais cuidado ainda devemos ter naquilo que diz respeito à nossa vida espiritual.
    O importante é nunca perder a esperança, porque se a tua fé te leva ao desespero, desculpe-me mas ela não vem de Deus. “Pois nessa esperança fomos salvos. Mas esperança que se vê não é esperança. Quem espera por aquilo que está vendo? … (Romanos 8:24).

  21. Faz tempo que vejo Padres e até bispos defendendo seja a contracepção seja o aborto.Quando estudei na OFM lia a REB ( Revista Eclesiástica Brasileira) que chegava sempre ao convento ….as matérias além de girarem em torno de Teologia da Libertação costumavam tocar em matéria de moral sexual buscando desconstruir a noção católica de sexualidade….A apostasia chegou!!