Bento XVI: “Senti quase fisicamente, nestes dias nada fáceis para mim, o amor que tendes por mim”.

O Papa na audiência de hoje.

O Papa na audiência de hoje.

“Caros irmãos e irmãs, como sabeis, decidi renunciar ao ministério que o Senhor me confiou em 19 de abril de 2005. Eu o fiz com plena liberdade para o bem da Igreja, depois de ter rezado bastante e tendo examinado a minha consciência diante de Deus, bem consciente da gravidade de tal ato, mas ciente também de não ser mais capaz de exercer o ministério petrino com a força que ele requer. Senti quase fisicamente, nestes dias nada fáceis para mim, o amor que tendes por mim. Continuai a rezar por mim, pela Igreja, pelo futuro Papa, o Senhor nos guiará. […] Me sustenta e ilumina a certeza de que a Igreja é de Cristo, o qual não deixará faltar a sua orientação e o seu cuidado. Agradeço a todos por seu amor e oração com me tendes acompanhado”.

Interrompido por um longo aplauso, Bento XVI agradeceu aos fiéis “por vossa simpatia” e concluiu: “Converter-se significa não fechar-se na busca do próprio sucesso, do próprio prestígio, da sua própria posição, mas fazer, verdadeiramente, que cada dia, nas pequenas coisas, a verdade, a fé em Deus e o amor se tornem as coisas mais importantes. Obrigado”.

Palavras que o Santo Padre acaba de pronunciar em sua penúltima audiência geral das quartas-feiras.

Tags:

2 Comentários to “Bento XVI: “Senti quase fisicamente, nestes dias nada fáceis para mim, o amor que tendes por mim”.”

  1. Muito bonito o discurso do papa

  2. “(…) me sustenta e ilumina a certeza de que a Igreja é de Cristo, o qual não deixará faltar a sua orientação e o seu cuidado.”

    Amém, Santo Padre!