Francisco, Papa. As primeiras palavras.

Bênção Apostólica “Urbi et Orbi”:

Irmãos e irmãs, boa-noite!

Vós sabeis que o dever do Conclave era dar um Bispo a Roma. Parece que os meus irmãos Cardeais tenham ido buscá-lo quase ao fim do mundo… Eis-me aqui! Agradeço-vos o acolhimento: a comunidade diocesana de Roma tem o seu Bispo. Obrigado! E, antes de mais nada, quero fazer uma oração pelo nosso Bispo emérito Bento XVI. Rezemos todos juntos por ele, para que o Senhor o abençoe e Nossa Senhora o guarde.

[Recitação do Pai Nosso, Ave Maria e Glória ao Pai]

E agora iniciamos este caminho, Bispo e povo… este caminho da Igreja de Roma, que é aquela que preside a todas as Igrejas na caridade. Um caminho de fraternidade, de amor, de confiança entre nós. Rezemos sempre uns pelos outros. Rezemos por todo o mundo, para que haja uma grande fraternidade. Espero que este caminho de Igreja, que hoje começamos e no qual me ajudará o meu Cardeal Vigário, aqui presente, seja frutuoso para a evangelização desta cidade tão bela!

E agora quero dar a Bênção, mas antes… antes, peço-vos um favor: antes de o Bispo abençoar o povo, peço-vos que rezeis ao Senhor para que me abençoe a mim; é a oração do povo, pedindo a Bênção para o seu Bispo. Façamos em silêncio esta oração vossa por mim.

[…]

Agora dar-vos-ei a Bênção, a vós e a todo o mundo, a todos os homens e mulheres de boa vontade.

[Bênção]

Irmãos e irmãs, tenho de vos deixar. Muito obrigado pelo acolhimento! Rezai por mim e até breve! Ver-nos-emos em breve: amanhã quero ir rezar aos pés de Nossa Senhora, para que guarde Roma inteira. Boa noite e bom descanso!

Tags:

36 Comentários to “Francisco, Papa. As primeiras palavras.”

  1. “Rezemos por todo o mundo, para que haja uma grande fraternidade.”
    Sem comentários… E a Fé católica vai pro ralo.
    Esse vai botar JP II no bolso.

  2. Desculpem por repetir o assunto, mas volto a falar do Pe. Malachi Martin.
    É no mínimo curioso que no seu livro, Windswept House, a renúncia do Papa era buscada justamente para promover o que o Secretário de Estado chamava de Unidade da Igreja, que nada mais seria do que igualar o poder do Papa ao dos demais bispos.
    Aí me vem o Cardeal Angelo Sodano, que também aparece no livro como sucessor desse Secretário de Estado (Casaroli), dizendo antes do conclave que o novo Papa deve buscar a Unidade da Igreja.
    Agora vem o novo Papa – que já tentaram eleger há 8 anos atrás – se dirigindo a si mesmo apenas como Bispo de Roma, evitando utilizar os paramentos papais, dando a entender que é apenas mais um bispo eleito.
    O que nos espera mais a frente, Senhor? Seja feita Vossa Vontade, e não a nossa.

  3. E os misteriosos “homens e mulheres de boa vontade” estão de volta!

  4. Também somos seu povo Santo Padre, não só Roma! Que Deus o guarde, o proteja. Que Deus o ilumine Santo Padre e ilumine a Santa Igreja.

    Agora, um apelo a todos os leitores do Fratres,

    Há um curto momento televisionado antes do Papa aparecer na sacada da Basílica. Neste momento, o séquito pontifício, se dirigindo para a sacada tem a marcha interrompida por Mons. Guido Marini. Ele anda depressa, com estola na mão e pede para o Papa usá-la. O Papa se nega a usar. Isto foi mostrado para o mundo. Estou vasculhando a internet procurando algum vídeo que mostre esse momento. Alguém pode me ajudar? Por favor! Grato!

  5. É o início da abominação da desolação… Ele não fala como Papa mas como Bispo de Roma: Triunfo dos Hummes, dos Boffes e etc… O poder colegial democrático na Igreja condenado pelos papas e severamente lembrado por Dom Mayer e Dom Lefebvre ! Grandes tribulações nos esperam !!!

  6. Penso que ele seja próximo ao Cardeal Hummes, já que foram criados no mesmo consistório, em 2001.
    Apesar de realmente ser contra – ou pelo menos não ser muito favorável à aplicação do Motu proprio Summorum Pontificum em sua diocese (o que penso que deve ser entendido no contexto imediato da Igreja na Argentina, onde, por obra de alguns, infelizmente, a Missa na forma extraordinária é bandeira de cismas e divisões) – chamou-me a atenção que ele tenha ido à Basílica de Santa Maria Maior e rezado junto ao túmulo de quem? De ninguém menos que São Pio V, que lá está sepultado.

  7. O que pensar disto?

    “Anoche -relató padre Lombardi- el Papa Francisco sorprendió a los cardenales cuando, tras la cena, les dijo:

    “Dios los perdone por lo que han hecho”, en referencia a su designación como sumo pontífice.”

    http://www.minutouno.com/notas/280902-que-dios-los-perdone-lo-que-han-hecho-les-dijo-los-cardenales

    ???

  8. Interessante que o Papa eleito nomeia a si mesmo “Bispo”. Se não me engano 4 vezes ele se dirige a si mesmo como Bispo de Roma. Será isso coisa pensada de antemão? Ou distração de discurso improvisado?

  9. Estou preocupada. Também prestei atenção na insistência na palavra “fraternidade” (fratellanza) e em se chamar de “bispo de Roma” e ao papa emérito “bispo emérito”, também a insistência no ‘povo’ junto com o ‘bispo de Roma’.

    Tudo estranho, muito estranho. Rezemos.

  10. O conclave queria dar um bispo a Roma ??? Apenas isso ??? Não quis então dar um papa a Igreja ? Dobremos os joelhos … e rezemos muito … Nossa Senhora de Fátima valei-nos !!!

  11. Sei que muito cedo dizer alguma coisa. Mas estou com receio quanto a esse pontificado. Só sei que as orações pelo papa e para pedir ao Senhor que me ensine amar o novo papa deve ser constantes. Contudo, veremos que Francisco poderá fazer a igreja.

  12. Quanto mais considero atentamente as palavras de Francisco I mais estupefacto fico: ” a comunidade diocesana de Roma tem o seu Bispo “… E a Igreja Universal Senhor Bispo de Roma, ela tem o seu Papa ???

  13. Evidentemente, ainda é cedo pada julgar esse pontificado que se inicia mesmo se ele apresenta um rosto nada catòlico desde agora. Por isso, eu rezo para que esse papa và e faça o que tiver que fazer. Talvez, tudo ficarà mais claro: quem não està com Nosso Senhor Jesus Cristo, està contra Ele. Pode ser que Ele morra em muitas almas, aì veremos então até onde a “Cidade dos homens” invadiu a “Cidade de Deus”, porque o rosto de cada uma das cidades ficarà mais nìtido: os hereges mais hereges e os catòlicos mais catòlicos, mesmo se o papa se encontra doutrinalmente em Avignon.

  14. Faço minhas as palavras deste trecho que transcrevo do Deus lo Vult: “Diz-se que Deus não manda o Papa que merecemos, mas aquele de que precisamos. Numa era de extremo egoísmo, autossuficiência, hedonismo e orgulho, Francisco parece ser o homem certo.

    Sua eleição tritura a presunção da mídia. A mídia falou que seria um Papa jovem. Francisco tem 76 anos. A mídia falou que seria brasileiro. É argentino. Seria um conclave longo. Foi brevíssimo. A mídia chutou 7 papabili como principais. Errou todos. Alguém ainda confia nos ditos “vaticanólogos”?

    Também exercita a humildade dos católicos ao ser, como disse no começo, o favorito de ninguém. Os tradicionalistas queriam Burke ou Ranjith, os “ratzingerianos” Scola ou Ouellet, os progressistas Maradiaga; quase todos eram o queridinho de um grupo: Erdö (o meu, inclusive), Tagle, Scherer, Dolan, O’Malley, etc. Menos, até onde sei, Bergoglio. Todos tinham um “projeto” para o Papa, e nenhum foi satisfeito.”
    As coisas que estou lendo aqui vindas de alguns leitores beiram ao afrontamento. Que pena! Agora é hora de rezarmos pelo Sumo Pontífice e de crer na Providência Divina. Papa Francisco, bem vindo!

  15. O papa é o Bispo de Roma, e assim Bispo da Igreja de Roma. Primaz da Igreja Romana e Vigário de Cristo. Se ele como papa não quisesse ser visto como papa tampouco teria utilizado a tradicional batina branca e muito menos ter dado a benção Urbi et Orbi, Ele é um papa da caridade. Um papa que busca na colegialidade estar presente na missão da pregação do Evangelho de Jesus Cristo. O papa é o Bispo de Roma. Ele mesmo disse …”Igreja de Roma”, oras, qual é a Igreja de Roma e de Cristo se não aquela que “preside todas as Igrejas na caridade”. O papa é um bispo, o primeiro bispo. Bispo da Igreja. Ele mostrando-se como bispo não mostra ruptura nenhuma com a tradição. Mostra sim uma humildade extrema em Cristo e na Sua boa nova.

  16. “Esta é a vossa hora e o poder das trevas” (São Lucas 22, 53).

    É noite em Roma e o céu esta coberto de trevas …

  17. “… E as portas do inferno não prevalecerão contra ela…”

    Não sei por que, mas vejo que infelizmente, muitos católicos esquecem desta passagem…
    Leio algumas coisas como: “Agora vem o novo Papa – que já tentaram eleger há 8 anos atrás “. Perdoem-me, mas não tentaram elegê-lo. Ele obteve votos (isso está confirmado oficialmente?) em um Conclave legítimo da Santa Igreja. O que tem de mal nisso? Qual o problema de o espírito Santo há 8 anos ter guiado os Cardeais a escolherem Bento e agora guiá-los a escolherem Francisco?

    “Mas ele é liberal”; “ele é TL”; “é contra a Missa Trodentina”; “ele falou em homens de boa vontade”; “adeus tradicionalistas”.

    Sinceramente a única coisa que percebi ontem foi um homem simples, assustado, talvez por nem ele mesmo esperar o que aconteceu.
    Com certeza nem ele mesmo teve tempo de preparar o que dizer. Não esqueçamos que ser papa não é das missões mais agradáveis que um homem pode receber… Com certeza o peso do ministério pesava sobre ele naquele momento.

    Não custa lembrar também que Pedro não iniciou seu ministério muito bem. Na sua primeira fala após ter recebido o poder das chaves do Senhor, foi por este mesmo Senhor chamado de “satanás”.
    Nem por isto deixou de ser papa. Nem por isto deixou de se tornar santo.
    O mesmo Pedro, que quando apóstolo fugiu da cruz e negou a Cristo, quando papa humildemente aceitou a cruz para si no seu martírio.

    Rezemos por Francisco. rezemos pelo Pedro que o Senhor nos concedeu.

    São Pedro, apóstolo; São Francisco Xavier, São Francisco de Assis; Beato Pio IX, papa; todos os santos e santas de Deus; rogai por nós. E rogai especificamente por Francisco nosso Pastor!

  18. É preocupante ver que este senhor refere-se a si mesmo apenas como bispo de Roma, e, aos olhos do mundo inteiro, não só católicos, aos olhos do mundo, dirige-se apenas àquela multidão ali reunida que é numericamente irrelevante diante de todo o mundo católico que o ouvia, e esperava por um novo pai. É muito preocupante que este homem se veja apenas como bispo de Roma. Rezo para que, tão logo os enormes problemas da Igreja começarem a lhe bater à porta, ele veja que não pode ficar com essa conversinha de bispo de Roma, ou ele age como Papa, ou a Igreja padecerá! Deus nos livre.

    A preocupação maior é com a liturgia, não vivemos mais no primeiro século, nem no segundo, nem no terceiro, vivemos no século XXI, e com o estado atual do mundo uma frouxidão litúrgica, um exemplo mal dado pelo Papa, terá efeitos ainda mais desastrosos em toda a Igreja. Vamos todos rezar pelo Papa, para que Deus o revele o tamanho de sua responsabilidade.

  19. É protestante que ora com os olhos fechados. Pois eu oro por esse Papa com os olhos bem abertos:
    A ti levanto os meus olhos, ó tu que habitas nos céus. Assim como os olhos dos servos atentam para as mãos dos seus senhores, e os olhos da serva para as mãos de sua senhora, assim os nossos olhos atentam para o SENHOR nosso Deus, até que tenha piedade de nós.

  20. E adeus tiara papal.
    Esse será Francisco, o Papa de Assis: Assis 4, Assis 5, Assis 6…

  21. “Pe. Ubirajara Vieira de Melo
    14 março, 2013 às 10:34 am
    (…)
    As coisas que estou lendo aqui vindas de alguns leitores beiram ao afrontamento. Que pena! Agora é hora de rezarmos pelo Sumo Pontífice e de crer na Providência Divina. Papa Francisco, bem vindo!” (2)

  22. A imagem mais expressiva foi mesmo da gaivota atacando a pomba.

    A CNBB comemora, dom Leonardo está exultante!

    Franciscanos entrevistados no jornal Bom Dia Brasil disseram que não querem mais uma Igreja “com a arrogância da verdade”

    Está aí o anti-Ratzinger!

    O sentimento geral dos que amam realmente a Igreja é de APREENSÃO!

    Duas Suas Santidades no Vaticano (dois adversários!)

    O beato João Paulo II foi enfático em seu último livro “Memória e Identidade!” em indagar: MAS AFINAL, DE QUE LADO ESTAMOS?”

    É isso que está no Deuteronômio: “Escolhe, pois, a Vida!”

    Estou com BENTO XVI! Cuja missão talvez seja agora seja o de dar a sua vida pelo amor à verdade que sempre sustentou. PELO BEM DA IGREJA!

  23. Eduardo Gregoriano, nesse link:

    Na primeira cena o Papa é abordado pelo Monsenhor, o diretor de TV corta, na sequência do 1 minuto e dezoito, vemos o Monsenhor com a estola na mão.

  24. Ele rejeitou os múleos, rejeitou a murça, o roquete, a cruz peitoral Papal… Tudo estava disponível na capela sistina, conforme fotos do site do próprio Vaticano.

    Hoje ele foi até a Basílica de Santa Maria Maior sem carro oficial e novamente sem múleos…

    Só falta rejeitar a férula papal e usar um báculo comum na Missa inaugural.

    É como se ele não quisesse o Papado ou que este deixasse de existir.

  25. Eu sempre fui um rebelde que visita este site. Nunca fui um adepto de teses modernistas. Nunca fui liberal. Mas acredito que agora seja a hora de dizer algo que há algum tempo eu meditava se valeria a pena dizer:

    Ok, o papa NÃO vai usar a Tiara.
    Grande porcaria (com a desculpa pelo termo). Tivemos papas santos que usaram a Tiara. E também verdadeiros crápulas que a usaram.

    Ah, mas a Tiara representa o poder do papa!!! Representa mesmo? Qual o poder da Tiara de Pio XI quando teve que assinar o Acordo Lateranense? Não quero um papa que seja um rei terreno.
    Quero um papa que seja o representante do Rei dos Reis, que zele pelo reinado de Jesus Cristo, não pelo reinado do papado.

    O poder do papa tem valor realmente quando é colocado a serviço de Jesus Cristo e de Sua Imaculada esposa, a Igreja. Nunca o poder temporal pode sobrepor o poder espiritual. E infelizmente hoje, a Tiara simbolizaria isso: a vitória do poder temporal da Igreja.

    A Igreja não pode ser submissa ao mundo. Mas também não pode fechar os olhos ao mundo. Nosso Senhor foi claro: “Vós estais no mundo, mas não sois do mundo”. Infelizmente muitos só leem a segunda parte deste versículo.

    Nossa, o papa não usou as roupas tradicionais… Não é esta a Tradição que eu espero do Papa. A Tradição que eu espero dele é que, mesmo vestido apenas com a batina branca, ele me confirme na fé,
    me direcione pelo caminho certo.

    A tradição que eu espero que o papa respeite não é o uso de uma tiara ou de uma mozeta. A Tradição que espero que ele respeite e me faça respeitar é a Tradição da Igreja: seus dogmas, suas verdades eternas, o verdadeiro Magistério de 2000 anos da Igreja.

    Perdoem-me se eu estou sendo rude. Perdoem-me se alguem se sentir contrariado pelo que eu disse.

    Acho muito bonito o significado das vestimentas e de tudo o que cerca o papa. Acho muito interessante olharmos se ele está vestido de acordo com os papas anteriores. Mas, sinceramente, muito mais importante é se ele seguira´o Magistério de 2000 anos e não se vestirá uma roupa de um papa de 20, ou 50 ou mesmo 1753 anos.

  26. O discurso dele foi terrível. Está todo o mundo dizendo que foi humildade em alto grau, pois eu achei de uma tremenda arrogância e a escolha do nome Francisco tb. A única coisa que ele falou que eu acato submissamente é que ele veio do fim do mundo! Lugar de onde n deveria ter saído, se Bento XVI tivesse punido ele quando recbeeu a ‘bênção’ dos hereges e as celebrações com os judeus!

  27. Gabriel, esse processo começou com a renúncia. O papado vai a falência, temos um bispo, ele o disse!
    Nosso 11 de setembro, começou em 11 de Fevereiro!

  28. Adeus Papa…agora a Igreja tem só “o bispo da dioceses de Roma”.
    Adeus mozzeta,
    adeus roquete
    adeus camauro,
    adeus paramentos,
    adeus latim,
    adeus canto gregoriano,
    adeus esperança pela sédia,
    adeus esperança pela falda,
    adeus esperança pelos flabelli,
    adeus esperança pela Tiara,
    e do que mais teremos de nos despedir durante este pontif…

    Bem, talvez seja apenas um pesadelo, uma alucinação…isso não pode ser real.

  29. Eu disse: Temo um conclave muito rápido!

    Com esta eleição, a primeira coisa que me ocorreu foi: “Eloí Eloí lamá sabactâni”, mas depois do choque veio a promessa “Estarei convosco até o fim dos tempos”. A Igreja passa pelos seus “três dias de trevas” para ressurgir gloriosa. Assim espero!

    Se Bergoglio flerta com a TL, não tardará até que Dom Muller se torne cardeal.

    A situação da FSSPX, ficará mais complicada, na verdade, quem sabe o juízo de Monsenhor Fellay volte ao devido lugar. Quem sabe, esse é o bem que Deus quer tirar deste possível mal.

    Queira Deus, iluminar o coração e a mente do Papa Francisco, para que faça a Sua Vontade.

    E que estejamos errados, quanto aos fatos que tememos que ocorram.

    Que Deus nos socorra!

  30. O Papa é o Monarca da Igreja,representante de Deus aqui na Terra e isso deve ser mostrado também de forma visível, com símbolos visíveis, incluindo a Tiara Papal !

  31. Ah e mais uma coisa, Cardeal Hummes novo Secretário de Estado ?

  32. A imprensa cogitava dois cardeais favoritos para a sucessão da Catedra de Pedro, Scola e Scherer. Mas pudemos perceber a ação do Espirito Santo, que não faz a vontade de homens, e age conforme a necessidade da Igreja. Papa Francisco, Deus continue abençoando o seu ministerio, agora como pastor da Santa Igreja de Deus.

    Pe Valdenilson Pedro de Barros

  33. Acho que vocês estão certos em uma coisa:
    Francisco não vai ser igual aos outros e já mostrou isso, há uma matéria mostrando que ele dispensou a limusine pra ir com os demais cardeais de carro, pagou suas despesas de estadia em roma (pra dar um bom exemplo aos demais cardeais) e colocou o “povo” e a “fraternidade” acima de tudo em seus dois primeiros discursos. Os tempos são outros e tenho convicção que Habemus um Bispo de Roma, humilde, fraterno e preocupado com os pobres, sinceramente, esse homem tem plena convicção das mudanças que vai causar e está preparado para elas, podem anotar: Francisco vai abrir o diálogo com o oriente e vai retomar a fé de milhares de almas no ocidente. Fujam pra outra igreja se quiserem… é novo tempo! é tempo de simplicidade! obrigado Francisco por renovar nossa fé nos homens e em Deus!

  34. Meu Jesus!Nunca imaginei tanta discórdia dentro da nossa propria igreja.E o Espirito Santo,ocupa que lugar?