Dois novos bispos para o Brasil.

Anunciadas hoje as nomeações do Reverendíssimo Padre Luiz Antônio Cipolini, do clero da diocese de São João da Boa Vista, como novo bispo de Marília, SP, e do Reverendíssimo Monsenhor José Aparecido Gonçalves de Almeida, até então Sub-secretário do Pontifício Conselho para os Textos Legislativos, como bispo auxiliar de Brasília.

Tags:

12 Comentários to “Dois novos bispos para o Brasil.”

  1. Alguém tem informações a respeito do Monsenhor Luiz Antônio Cipolini?

  2. Monsenhor Luiz Antônio Cipolini é irmão de Dom Pedro Cipolini, bispo de Amparo. Ambos são naturais se Caconde-SP. Até o momento ele é pároco na cidade de São João da Boa Vista-SP.

  3. O mais cômico é o teor da saudação que o secretário-geral da CNBB, D. Leonardo Steiner, escreve aos novos Bispos, sobretudo que o agora Bispo emérito de Marília, D. Osvaldo Giuntini, viverá o “tempo profícuo da emeritude” (sic). Em minha ignorância, nunca suspeitei da existência em português de tão esdrúxulo substantivo. Parece que é sempre tempo de enfeitar o pavão. Nem parecem os que pregam tanto despojamento na liturgia.
    Quem quiser conferir a íntegra da nota: http://www.cnbb.org.br/site/imprensa/noticias/11935-cnbb-sauda-o-novo-bispo-de-marilia-sp-e-auxiliar-de-brasilia-df

  4. Pe. Luiz até então era pároco, professor e reitor do Instituto Diocesano de Filosofia. Nasceu em Caconde, no Estado de São Paulo, na Diocese de São João da Boa Vista em 8 de julho de 1962. Estudou Filosofia (1980-1982) e Teologia (1982-1986) no “Centro de Estudos Arquidiocesano de Ribeirão Preto”. Formou-se em Teologia Moral no Alfonsianum de Roma (1992-1994).
    Foi ordenado sacerdote em 15 de agosto de 1986 e incardinado no clero de São João da Boa Vista, onde desempenhou os seguintes cargos: em Mogi Guaçu, foi Vigário Paroquial da Paróquia “Nossa Senhora do Rosário” (1986-1987) e Pároco da Paróquia “Nossa Senhora Aparecida” (1988-1992); Pároco da Paróquia de Sant’Ana em Vargem Grande do Sul (1994-2002); Reitor do Seminário diocesano de Teologia (2002-2005); Professor de Ética Geral Profissional, Filosofia e Bases Filosóficas da Psicologia no “Centro Universitário das Faculdades Associadas de Ensino – FAE” em São João da Boa Vista.
    Desde 2006, é Professor e Reitor do Instituto Diocesano de Filosofia e Pároco da Paróquia “Nossa Senhora de Fátima” em São João da Boa Vista.

  5. Mais um bispo auxiliar aqui para a arquidiocese de Brasília, com esse já são 03: Dom Leonardo, Dom Valdir Mamede (sagrado bispo recentemente) e agora Mons. José Aparecido, parceiro do site “Salvem a Liturgia”.

  6. E quanto à ortodoxia deles? E a prática, como é?

  7. Mons. José Aparecido é ligado ao Novo Movimento Litúrgico. Inclusive é membro do site Salvem a Liturgia. Ao que parece, uma boa escolha.

    http://www.salvemaliturgia.com/2013/05/membro-do-salvem-liturgia-e-nomeado.html

  8. Desses bispos só se percebe formalidades..ortodoxia católica nada ou quase nada

  9. O mais interessante é ver que os “ortodoxos” estão mais proximos da ortodoxia do que muitos do clero catolico .

  10. Como se vê, a Arquidiocese de Brasília pode ganhar e muito com Mons. José Aparecido!

  11. Parabéns a D. José Aparecido, bispo auxiliar nomeado de Brasília, meu grande amigo! Fiel à fé católica e grande amigo da Tradiçâo. Que Deus o abençôe e que Nossa Senhora Aparecida sempre o proteja! Estou certo – digo-o com conhecimento de causa – de que, dele, só podemos esperar o melhor. Rezemos muito por ele. Te Deum laudamus!

    Pe. Nildo Leal de Sá

  12. Entrevista de Monsenhor Luiz Antonio Cipolini no site da Diocese de Marilia/SP:

    http://www.diocesedemarilia.org.br/novobispo/9551-mons-luiz-antonio-concede-entrevista-sobre-sua-nomeacao

    Oremos!