Rezemos.

Pelos filipinos, castigados duas vezes em menos de quatro semanas por calamidades naturais com grandes perdas de vidas.

Refugiados em uma igreja, 10 de novembro. Manila Bulletin.Refugiados em uma igreja, 10 de novembro. Manila Bulletin.

Refugiados em uma igreja, 10 de novembro. Manila Bulletin.

O terremoto que atingiu a região central das Filipinas em 15 de outubro e o tufão Haiyan nos dias 8 e 9 de novembro ceifou milhares de vidas e destruiu algumas das mais belas igrejas do país – legado de mais de 300 anos do entreposto asiático da Espanha.

Igreja do século XVII em Guiuan - destruída em 8 de novembro.

Igreja do século XVII em Guiuan – destruída em 8 de novembro.

A Societas Ecclesia Dei Sancti Ioseph, uma afiliada da Una Voce nas Filipinas, informou o Rorate que ele solicita particularmente Missas de Requiem e a oração do Officium Defunctorum e rosários pelas almas dos fiéis que faleceram nessas calamidades.

Fonte: Rorate-Caeli | Tradução: Fratres in Unum.com 

Tags:

11 Comentários to “Rezemos.”

  1. Só Deus para explicar tanta catástrofe. É bom lembrar que as leis (fenômenos) da natureza regem por si só.

  2. O Reino de Deus está presente nas Filipinas espiritualmente e honradamente nas igrejas ou moradas do
    Pai celestial!

  3. Trabalhamos tantos anos com filipinos, ainda hoje, depois de aposentados ainda sentimos o carinho de muitos que aqui e além nos chamam para dar suas notícias e para saberem como estamos. Gente de muita fé.
    Para saber que numa cidade “Mississigauga” uma paróquia “ Igreja de Cristo Rei” construida pela comunidade portuguesa é hoje uma maioria filipina com o seu padre tambem filipino. Bem hajam, merecem o nosso carinho e muito mais as nossas orações e ajuda. Por ordem da diocese de Hamilton vai ser feito uma colecta para ajuda das Filipinas que os Bispos do Canada decretaram.
    Que Jesus Cristo, aquele que fez acalmar os mares, Aquele que os ventos obedeceram ao Seu gesto, que sôpre sobre as Filipinas a brisa da paz e aqueles que chamou para outra vida os guie até à Pátria Celeste.

  4. Essas calamidades naturais são o início do processo de purificação da Igreja. Só não vê quem não quer. A Igreja está sendo purificada diante dos nossos olhos.

  5. Quando ocorrem catástrofes como essa Deus sempre dá seus sinais. Que de tanta dor brote a graça e que Deus superabunde aquela terra com bençãos.

  6. Grande catástrofe nas Filipinas.Tanta gente com fome,sede e sem casa.Rezemos pelos mortos e pelos vivos também.

  7. Rezemos pelo povo filipino e pelas almas dos falecidos.

    Fiquem com Deus.

  8. No diário de santa Faustina Kowalska sobre a misericórdia divina, Jesus Cristo reclama da tibieza de Alma e que por isso destruiria cidades, igrejas e conventos como fez em Sodoma e gomorra, do qual havia elaborado um artigo que segue abaixo, pois creio que é melhor rezarmos para que os católicos deixem de ser tíbios e voltem a lutar pela defesa das Leis de Deus com fervor e sem esta songamonguisse que é a marca registrada do atuais católicos modernistas:

    http://devotosdamisericordiadivina.blogspot.com.br/2012/06/destruicao-de-varsovia-na-segunda.html

  9. Rezemos pelos filipinos. Milhares deles estão dormindo dentro das igrejas, pois são os únicos edifícios que restaram de pé em algumas regiões do país. Em alguns lugares, nem as igrejas resistiram. Um povo tão católico não merece tantas calamidades. Queira Deus confortar a dor daquela gente irmã, trazendo-os a paz e aprofundando-os na fé em Cristo.

  10. Um detalhe que ganhou destaque na imprensa: a estátua de Nosso Senhor ficou intacta, nem mesmo com alguma mancha.

    http://oanunciador.com/2013/11/13/imagem-jesus-cristo-permanece-intacta-apos-passagem-de-supertufao-nas-filipinas/

    “Admirados, diziam: Quem é este homem a quem até os ventos e o mar obedecem?” (Mt 8, 27)

  11. Se lá ocorre isso, imagina o que o Brasil merece…

    Para fazer doações, quem tiver paciência de ir no Banco do Brasil fazer um swift (só é possível fazer presencialmente embora os funcionários não acreditem e no Itaú as taxas são extorsivas) pode fazer doações para as vítimas conforme dados abaixo:

    http://www.asianews.it/news-en/PIME-launches-a-special-fundraiser-for-Typhoon-Haiyan-victims-29515.html