Fabio de Melo, um herege descarado. O sono profundo da Diocese de Taubaté.

Trechos seletos da participação de Pe. Fabio de Melo no programa “Altas Horas” de 18 de janeiro de 2014:

CASAMENTO GAY: A dicotomia entre a questão religiosa e a civil – Espezinhando a fé católica sem nenhum pudor – ver vídeo.

“A gente precisa dividir bem a questão. Uma é a questão religiosa, o posicionamento das religiões, que têm todo o direito de não aceitar, de não ser a favor. É um direito de cada religião. Se você faz parte daquela religião, daquela instituição, você vai submeter-se à regra. Só que há também a questão cível, que não podemos interferir, que não é religiosa, que é o direito de duas pessoas reconhecerem uma sociedade que existe entre elas.”

PALAVRÕES NA MISSA: “Meus fiéis já estão acostumados” – ver vídeo.

* * *

Nota do Fratres – A infeliz entrevista tem suscitado um acalorado debate nas redes sociais, inclusive gerando pronunciamentos — finalmente! — de alguns padres da linha “conservadora”, que se manifestaram publicamente a respeito. Lamentamos que seja esse o modelo de sacerdócio habitualmente apresentado aos católicos de todo o Brasil, tanto por parte de canais de TV ditos católicos — um deles, em especial, que vez ou outra promove uma missa tridentina em suas dependências, mas que não abre mão de ter como maior estrela de sua grade de programação um verdadeiro herege descarado como Fabio de Melo — como também por grande parte do episcopado brasileiro. Um católico não pode deixar de ficar embasbacado com a tolerância, ou melhor, a leniência criminosa da Diocese de Taubaté, onde Fabio de Melo é incardinado e na qual ele supostamente exerce seu “ministério”. Queremos repelir — e fazemo-lo com firmeza — os rumores, seguramente infundados, de que a diocese recebe mensalmente uma grande quantia proveniente dos shows do padre artista.

No discurso de Fabio de Melo no programa da TV Globo, observa-se claramente a exaltação do humanismo, em que algumas verdades fundamentais da Fé Católica são omitidas ou, no máximo, justificadas como crenças pessoais — a religião verdadeira é relegada ao âmbito privado da sociedade, conseqüência lógica do subjetivismo e relativismo de Fabio de Melo. A verdadeira Evangelização é substituída por regras de convivência pacífica entre as diversas maneiras de pensar. A realidade do pecado é totalmente omitida em temas polêmicos, como as uniões civis de pessoas do mesmo sexo ou a finalidade da sexualidade. A religião católica seria, então, um mero conjunto de normas de boa vizinhança entre os homens e nenhuma porta verdadeiramente estreita. 

* * *

Atenção: blog em recesso – comentários demorarão mais do que o habitual para serem liberados.

Anúncios

42 Responses to “Fabio de Melo, um herege descarado. O sono profundo da Diocese de Taubaté.”

  1. Padre fabio catequisando casais de segunda união: “Pode ser que a Igreja evolua para pensar nisso…” Isso cheira Darwinismo! Condenado pela santa Igreja… vejam esse video

    ” Na celebração eu sou muito mais sensivel a palavra do que ao pão e ao vinho…

  2. Minha gente, será ainda necessário falar alguma coisa sobre esse sujeitinho lamentável? Só fico triste por não estarmos mais nos bons e velhos tempos quando existia autoridade episcopal no Brasil. Um bobalhão feito esse “padre” Fábio já teria sido, ou penalizado com o silêncio por um bom tempo, ou convidado a deixar a batina (que, aliás, o garotão não usa de jeito nenhum. Já os óculos escuros…).
    E outra: notaram a pérola? Ele acha que os fiéis são dele!!! Santa Maria, até quando teremos que tolerar essa gente nefasta?

  3. Não concordo com posição de vcs padre Fábio de Mello defende sempre princípios da fé crista(católica)em seus pronunciamentos sempre vejo.Em várias entrevista emissoras não católica ele tem sempre posicionado contra casamento gay é nunca defendeu esse casamento gay.Em entrevista jovem programa Altas Horas(globo) ele mostrou postura de cristão não esta ali tacar pedra e sim respeitar direito de todos(dever todo cidadão).

  4. “Queremos repelir — e fazemo-lo com firmeza — os rumores, seguramente infundados, de que a diocese recebe mensalmente uma grande quantia proveniente dos shows do padre artista.”

    Rumores????
    Pra deixar um bicho doido desse vomitando heresias, metido a galã para delírio das tontas mau amadas e recalcadas, e mais um bando de “mocinhas”, que de moça não têm nada, delirando, só pode tá enchendo o bolso da Diocese de Taubaté….

    Mais um maluco ordenado, fazendo coro com Marcelo Rossi, com aquele tal de Olinda e Recife que fez aquela cena ridícula, parodiando o tal esterco que insistem em chamar de música da tal dona Anita.
    Ele parodiou o esterco ou tentou imitar a tal Anita????
    E o aloprado ainda se veste de clarygman…
    Que vergonha!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    O que os Bispos das respectivas Dioceses vão fazer com essas bombas relógios que eles próprios armaram, numa época em que tanto faz eles falarem ou um cão ladrar é a mesma coisas para esses padrequinhos “formados” e “doutorados” nos “GRANDES INSTITUTOS E CASAS DE FORMAÇÃO” onde se “estuda” tudo, menos a doutrina Católica, onde o “nível moral é altíssimo”????

    “A Igreja nunca esteve tão bem como hoje”, disse o Papa; ele quer nos fazer rir ou pensa que somos idiotas???

    Só um sentimento brota do fundo de nossa alma: “MEU DEUS, MISERICÓRDIA!!!!!!!!

    Mãe Aparecida, rogai por nós!

  5. Como a Inquisição não faz falta em um momento como esse. Mas deixa estar, se nenhuma autoridade eclesiástica o censurar a ira de Deus trará de reprimir a soberba língua deste sacerdote e aí vai doer…

  6. É preciso protestar para o Bispo de Taubaté (cliquem em http://dt7.com.br/contato/). Sugiro também que cada um proteste junto ao seu Bispo, porque se as palavras infames do referido do Sacerdote extrapola o âmbito da diocese, os Bispos locais precisam reagir. Sou de Brasília, e estarei protestando junto ao Arcebispo Dom Sérgio Rocha.

    • Meu caro Rogério Amaral Silva
      O Bispo de Brasília celebrou um culto ecumênico pelas vítimas da boite em Santa Maria, na Catedral com uma bruxa no altar! Precisa dizer algo mais?!

  7. A Diocese não pode se omitir, deve punir essas heresias! Nós que somos leigos não podemos mais nos calar diante de tamanho absurdo como esse!!

  8. Que interessante… ninguém comenta que o próprio Papa não condena os homosexuais. Muito menos que os pedófilos não passam pelo processo de excomunhão. Mas basta um padre falar um fato incontestável, que religião é religião e Estado é Estado (portanto: para todos, não somente para quem professa esta ou aquela corrente), que uma revoada de gente equivocada começa a crucificar – assim como fizeram com Padre Beto. E agora: vão excomungar Francisco e Pe. Melo?

    • Um dia, todos esses que expulsaram nosso Senhor da frente da nação, prestarão contas ao Justo Juiz. Estado laico é um crime contra Deus, e contra a Santa Madre Igreja. E foi uma invenção da satânica e infame revolução francesa.

    • ” Entende-se por “herege”: “chato que quer fazer a Mancha Verde torcer para o Corinthians”. É um tipo especial de chato que quer acabar com a unidade de um grupo. Ele não se contenta em se desassociar de uma determinada instituição com a qual já não tem mais compatibilidade. Ele quer continuar participando do grupo e falar em nome dele. Ou seja: Não há como ser herege fora da Igreja. O sujeito tem que se dizer católico e agir de maneira contraditória aos dogmas romanos. A toda instituição se reserva o direito de excluir dissidentes. Mas a ÚNICA instituição a quem se nega covardemente tal direito é a Igreja. De tal modo, cabia (como ainda cabe) à Igreja determinar se alguém era herege ou não.”

    • Se você acha que uma pessoa defende o catolicismo apenas por opção, e não pelo compromisso de uma Verdade Revelada, então você ainda não entendeu o que é o catolicismo.
      Você ao menos consegue entender que o compromisso de um sacerdote deve ser assim de tudo com a Verdade e não com o Mundo? Que o compromisso dele é salvar almas e não falar aquilo que as agrade?
      Vá estudar, depois volte aqui.

    • Prezado natal estefano, receio que você tenha entendido mal tanto o Papa Francisco quanto a crítica aqui feita aos dizeres do Pe. Fábio de Melo.

      1. O Papa Francisco não é “pro-gay”. Ele é, nas suas palavras, um filho da Igreja, esposando então a mesma visão do Catecismo:

      “§ 2358 Um número considerável de homens e de mulheres apresenta tendências homossexuais profundamente radicadas. Esta propensão, objectivamente desordenada, constitui, para a maior parte deles, uma provação. Devem ser acolhidos com respeito, compaixão e delicadeza. Evitar-se-á, em relação a eles, qualquer sinal de discriminação injusta.[…]

      § 2359. As pessoas homossexuais são chamadas à castidade. Pelas virtudes do autodomínio, educadoras da liberdade interior, e, às vezes, pelo apoio duma amizade desinteressada, pela oração e pela graça sacramental, podem e devem aproximar-se, gradual e resolutamente, da perfeição cristã.”

      Essa é a tua fé, rapaz! Não a despreze nem pisoteie. O Papa Francisco certamente não o faz. Sabe o que é verdadeiramente julgar um homossexual praticante? É não dizer a verdade pra ele (que a alma dele corre um grave risco se ele persistir no que faz). É dar dois tapinhas nas costas dele, pra que ele pule logo do viaduto. Ele se condena a si mesmo, mas você contribuiu pra condenação quando não teve coragem de falar a verdade pra ficar bem com o senhor do mundo.

      2. A respeito do casamento gay, o Papa, quando ainda Cardeal Bergoglio, se meteu em encrenca com a dona Kirschner quando disse que “a aprovação do casamento gay era um ataque destrutivo ao plano de Deus” (fonte: http://noticias.uol.com.br/internacional/ultimas-noticias/2013/03/13/novo-papa-sofreu-duras-criticas-de-cristina-kirchner-apos-campanha-contra-casamento-gay.htm). E isso não é porque ele é “anti-gay”, mas porque ele é a favor: da saúde das crianças, da salvação dos gays, da estabilidade social, do plano divino.

      Pe. Fábio de Melo, por outro lado, deu aprovação velada ao plano de satanás. Esse papo de “religião é religião e sociedade é sociedade” é justamente o instrumento dos inimigos da religião em todo o mundo, que querem nos empurrar pras catacumbas de novo. É justamente o argumento dos abortistas.

      Mas a fé do Cristão não se realiza se não for na sociedade, porque ela é evangelizadora, e tem propósito salvífico. O Cristão é o único que pode salvar o mundo. Mas o que acontece se ele começa a se envergonhar de ser cristão, e se tranca dentro de casa por medo de que riam dele, ou chamem ele de antiquado? O SAL SE TORNA INSÍPIDO.

      Espero que o Pe. Fábio se dê conta, logo, de que ele está fazendo a obra do príncipe deste mundo, e não de Cristo, com esse comentário.

  9. Oremos pelo Padre Fábio!!! Que será que está acontecendo com êle?…….Oremos!
    JESUS o perdoe e ilumine! Amém!

    • Não está acontecendo nada, Mariana, com todo o respeito, acredito que ele está apenas sendo o que sempre foi, um herege, servo de satanás, infiltrado na Igreja para ajudar tantos outros iguais a ele a destruí-la.
      Confiemos apenas em Nosso Senhor Jesus Cristo e nas promessas da Santíssima Virgem, para que nos consolem, disso e de tantas ofensas á Deus.

  10. O Padre Fábio de Melo foi um dos padres cantores que participaram da Missa de encerramento da JMJ, no Rio, ano passado. Portanto, certamente, ele conta com total apoio da CNBB, da sua Diocese e, também, do Santo Padre.

    • Nós estamos nos tempos em que ninguém quer pegar no arado.
      Estamos demasiadamente preguiçosos e tudo o que é penoso e dificíl,por definição dos tempos modernos, “Já está ultrapassado e não deve ser tocado”.
      Todas estas discussões,sobre heresias,de como o Pe. falou ou errou,deixou de fazer,não faz,não tem tempo,o diacono faz,hoje não dá… tudo isto é preguiça e comodismo.
      Padre,tem que rezar missa,atender confissão,dar extrema-unção, abençoar casas,fazer penitência,jejum,fazer retiros espirituais,fazer orfanatos,pregar para os nossos irmãos protestantes,fazer exorcismos,batizados e casamentos…etc…etc.
      Se o Pe. Fabio de Melo está fazendo estas coisas,basta ele calar a boca pras heresias e o restante tá tudo Ok. Maaaas se não estiver fazendo as coisas que ditei acima, cará eu não queria estar na pele dele.
      Louvado seja o Nome de Nosso Senhor JESUS CRISTO… SALVE MARIA IMACULADA… São Jerônimo rogai por nós…SOCORRO!!!

  11. Sr Natal, e Sr Walter,

    A função da Igreja é pregar o Evangelho. “Ide por todo o mundo”. Lembram da Jornada ?
    Mundo gay, lésbico, mundo das prostitutas, mundo dos governantes, drogados, mundo dos pecadores, (como Eu), em todas as instâncias de poderes públicos, executivo, legislativo e judiciário etc, pois a salvação é para todos (Deus quer que todos os homens se salvem e cheguem ao conhecimento da verdade). No momento que o padre Fábio coloca um limite/separação nesse anuncio, ele cria um espaço onde a Igreja (anuncio da Salvação) não deve intervir, logo isso acaba gerando um caminho contrário ao Evangelho (boa nova para todos)

    Ex .: “Ide por quase todo mundo, e anunciai o evangelho a quase todas as criaturas” ! Pode ser assim ? Se sim, não é a Igreja, é outra coisa, mas não a Igreja de Cristo, e se não, é a Igreja, obediente ao mandato do divino pastor.

    Espero ter ajudado

  12. “Que interessante… ninguém comenta que o próprio Papa não condena os homosexuais.”..

    Meu caro..menos..

    A doutrina da Igreja é claríssima tanto no CIC e mais ainda no velho Catecismo, sempre atual…
    Nenhum Papa condenou o homossexualismo, o que é condenável, e muito mais do que pelo Papa, mas pelo próprio São Paulo, são os atos homossexuais como “intrinsecamente perversos”, “os homossexuais que se entregam a tal torpeza, efeminados, nas palavras do Apóstolo, não herdarão o Reino do Céu,”

    “Muito menos que os pedófilos não passam pelo processo de excomunhão.”

    Meu caro, os pedófilos contumazes estão automaticamente excomungados pela Igreja, e se o sr. não sabe, o Papa atual apertou mais o processo para esses casos.

    “Mas basta um padre falar um fato incontestável, que religião é religião e Estado é Estado”…

    Ninguém está negando a separação entre o Estado e a Igreja, que tem seus prós e seus contras, o que estamos deplorando, sem medo e com coragem, é que alguém que se diz sacerdote, mas não vive como tal, vá na dona globo e fale em nome da Igreja, porque, querendo ou não, a mídia quer isso, qualquer padreco vagabundo,deformado, vomita uma bobagem e isso fica como se a Igreja pensasse como tal, como que a Igreja tivesse mudado, que esse vômito seja a doutrina agora…

    Nós temos, graças a Deus, a DOUTRINA IMUTÁVEL E PERNE DA IGREJA, DOGMATICAMENTE BLINDADA contra qualquer ataque herético, que não anda ao sabor de Joãos, de Franciscos, de Paulos, de João Paulos, e muito menos de betos, de melososos, de bofados, etc….

    “que uma revoada de gente equivocada começa a crucificar – assim como fizeram com Padre Beto. E agora: vão excomungar Francisco e Pe. Melo?”…

    Vá estudar a doutrina da Igreja, rapaz…Não fale asneiras…Leia as penas no CDC…
    O padreco Beto automaticamente se pôs fora da Igreja, como todos os outros, inclusive os Papas, que não é o caso do atual, podem incorrer nessas penas, se disserem de maneira contumaz coisas contrárias a DOUTRINA!!!

    Vc já reparou que o Papa atual está muito mais cauteloso com as famosas entrevistas????
    Já reparou que as catequeses das quartas feiras dele são totalmente dentro da doutrina da Igreja?
    Já percebeu que a tl maldita está furiosa porque ele não está dando o que esses vermes esperavam???
    Viu a chamada que ele deu no responsável, ou melhor, irresponsável, que publicou a entrevista que ele deu a um ateu italiano no L. Romano???

    Saiba de uma coisa rapaz… O Episcopado da época infeliz de 70, de Paulo VI, já passou, ou melhor, está passando. A Cúria, apesar das mazelas que andam por lá ainda, em matéria de Doutrina, não é a mesma, GRAÇAS A DEUS, da Cúria paulina…

    “A Diocese não pode se omitir, deve punir essas heresias! Nós que somos leigos não podemos mais nos calar diante de tamanho absurdo como esse!!

    Muito bem minha cara, unamo-nos sim, somos responsáveis pela Igreja…
    Chega de mais de 40 anos onde cada um fez o que quis na Igreja e ficava por isso mesmo, onde vimos a olho nu a DEMOLIÇÃO da FÉ CATÓLICA por parte de uma turminha diabólica que envenenou a Igreja…

    O Papa não falou “que pecadores todos somos, mas corruptos não, esses fazem muito mal à Igreja”? Pode existir maior mal que corromper a mente de tantos católicos que ficam como cegos em tiroteio com tantas baboseiras que pululam na televisão e mesmo nas Paróquias???

    Que o seu meloso, seu betoso, seu bofado, seu libaniado, seu infernado, junto com as iones buchadas, ivones gebaras da vida, fundem a seita deles, aí sim, podem defecar heresias pela boca a vontade…

    Se ficarem na Igreja nós mostraremos, com o Magistério PERENE da Igreja, que não começou com o Vaticano II, que esses srs.(as) NÃO SÃO CATÓLICOS, NÃO FALAM NEM NUNCA FALARAM EM NOME DA IGREJA!!!

    “Oremos pelo Padre Fábio!!! Que será que está acontecendo com êle?…….Oremos!
    JESUS o perdoe e ilumine! Amém!

    Isso sim, oremos primeiramente por nós e também por ele, para que nos convertamos cada vez mais!!!

  13. Caro Natal Estefano,
    Agradeço por recordar a todos aqui que o padre galã NÃO pode ser o único a ser merecidamente criticado por sua péssima conduta e seu desserviço à causa cristã.
    O papa Francisco também trouxe grande mal à Igreja neste assunto; falou de maneira irresponsável diante da mídia, que o incensa como um perfeito liberal (a ponto do mesmo ser capa da Time como o homem do ano), e aí dele se resolver destoar de sua trajetória até agora infelizmente coerente!
    Mas acrescento que sejam também censurados pesadamente todos os padres pedófilos do mundo, e todos os modernistas tão ou mais descarados que esse padre, sejam os de esquerda ou de direita.
    Aliás, que se emendem todos ou saiam!
    Já o celerado do padre Beto, excomungado num raríssimo caso de justiça da parte de um bispo – coisa rara de se ver em nossos tempos! – que se converta ao catolicismo do qual, pelo visto, ou perdeu a Fé ou nunca a teve!
    Excomungar Favo de Mel? Infelizmente não seria por falta de razões doutrinais, só que ele se beneficia da cumplicidade – e quem sabe do incentivo – de seus superiores.
    Feliz é o católico que observa o que a Igreja sempre ensinou e vive cristãmente, não se deixando enredar por esses mercenários e lobos roubadores.

  14. Infelizmente o Padre Demétrio Gomes apagou o texto em que fala da heresia do padre Fábio de Melo. Talvez por pressões… não sei quais nem por quem ao certo, mas tenho que insinuar. – Não gosto de fofoca, Deus sabe que eu não gosto, porém o que faço, apesar de uns católicos modernos dizerem que é fofoca, não é fofoca, é pura constatação! – parece que há pressões vindas da alta hierarquia para anular a ação dos Padres Católicos (como os Franciscanos da Imaculada) e deixar os padres hereges à vontade.

  15. “Se uma pessoa é homossexual e procura Deus e a boa vontade divina, quem sou eu para julgá-la?” (Papa Francisco)

    Aprendam com o Papa, e deixem nós gays em paz.

    E Pe Fábio de Melo tem razão em suas declarações, cada um é livre pra decidir o quer quer, a Igreja nao pode interferir no estado.

    Como disse Pe Fabio em seu twitter:

    “E do alto de onde se interpretam santos, imaculados, denunciam os que consideram heréticos, pedem por excomunhão.”

    “Mas há um fato que os desmoraliza. A maior prova de que o Cristianismo não é simulacro, hipocrisia, é a caridade fraterna.”

    “Os ateus nos observam. É provável que estas atitudes reforcem ainda mais suas convicções.”

    • Vinicius,a diferença está em que o papa Francisco falou dos homossexuais e os cristãos não condenam os homossexuais.Já a pergunta ao pe Fábio foi sobre o “casamento” homossexual.Se essa pergunta fosse feita ao papa com certeza ele teria dito que não aceitaria.O pe Fábio infelizmente ficou com o pé em duas canoas e como sacerdote ele deveria sim,assim como a igreja ir contra o Estado por que a prioridade é salvar almas e não fazer meio de campo com Estado.Deus em primeiro lugar,não tem essa de respeitar terreno inimigo de Deus.

    • Caríssimos irmãos do Fratres, não verifiquei se houve resposta mas aí vai …

      Vinicius,

      bastou esta frase para que vários algozes festejassem o que na opinião deles seria o consentimento da igreja para o ato homossexual. Nada mais falso. Antes da frase ele falou algo que a imprensa fez questão de não citar:

      “Segundo o Catecismo da Igreja Católica, a orientação homossexual não é pecado, mas os atos, sim.”

      Para não deixar nenhuma dúvida, vamos ler o trecho do Catecismo ao qual o próprio Papa remete. Assim não deixemos que haja dúvidas sobre um provável desacordo entre as palavras do Papa e o ensinamento moral da Igreja. Leiamos o parágrafo 2358:

      “Um número não negligenciável de homens e de mulheres apresenta tendências homossexuais profundamente enraizadas. Esta inclinação objetivamente desordenada constitui, para a maioria, uma provação. Devem ser acolhidos com respeito, compaixão e delicadeza. Evitar-se-á para com eles todo sinal de discriminação injusta. Estas pessoas são chamadas a realizar a vontade de Deus em sua vida e, se forem cristãs, a unir ao sacrifício do Senhor as dificuldades que podem encontrar por causa de sua condição.” (CIC§2358)

      Moral da história: a Igreja continua condenando o pecado, não o pecador. E, justamente porque o ama, chama-o à conversão, à castidade. Por causa de sua condição, eles não devem ser injustamente discriminados, mas tratados com respeito e dignidade. Este é o ensinamento da Igreja e esta é a referência do Papa.

      Graça e Paz

  16. Prezados,

    Nesses dias também vi uma colega minha postando o seguinte texto no Facebook:

    “Não quero ser membro de uma Igreja que jamais errou. Esta Igreja não existe nem existirá. Quero ser membro honesto de uma Igreja honesta. Até porque igrejas perfeitas não existem. Por mais porta-vozes que desejem ser de Deus, as Igrejas não são deusas. Há erro dentro delas. Aquela que se proclamar perfeita já cometeu uma inverdade. Só Deus é perfeito!” (Pe. Zezinho, scj — lendo Juventude: crises, cruzes e luzes.)

    Falei para ela que o livro não passava pelo Index nem a força e ela me chamou de Fanático. Então mandei ela ir os documentos do Concílio de Trento e o Catecismo da Igreja Católica. Ora se a Igreja Católica é Instituição Divina logo ela é Santa e não erra.

    E por fim deixo a lembrança de Santo Ezequiel Moreno:

    “… muitos dos que se dizem católicos ajudam os «revolucionários» . São esses, sempre «moderados», que estimam a «tranquilidade pública» como o bem supremo. Esses católicos tolerantes, condescendentes, brandos, doces, amáveis ao extremo com os maçons e furiosos inimigos de Jesus Cristo, guardam todo seu mau humor para os que gritam «Viva a Religião!» e a defendem sofrendo contínuas penalidades e expondo suas vidas. Para eles, esses últimos são «exagerados e imprudentes, que tudo comprometem com prejuízo dos interesses da Igreja» “.

    Demos, pois testemunho da verdade, não sejamos covardes, defendamos, pois, a verdade.

    • Puxa, o Padre Zezinho, o mesmo que defendia nas suas músicas a Santidade da Igreja. Mas o que é bom fica, algumas músicas são celestiais outras são modernistas. Agora digo uma coisa, perceberam que os “hereges” e modernistas acordaram este ano e já estão tentando fundar a nova Igreja? Ou já se esqueceram da frase um grande santo: Que iriam fazer uma Igreja totalmente diferente da Católica, ela será Católica só no nome.

      Nossa Senhora rogai por nós, São MIguel Arcanjo defendei-nos no combate.

      É triste ver que uma pessoa tão iluminada tenha sido infectada pela fumaça de Satanás. A Igreja é Santa e Pecadora, Santa porque Jesus fundou e Pecadora porque é administrada pro homens! Poxa, isso minha mãe me ensinou e padres falaram isso a algum tempo atrás. Será que por causa das ações do mal estamos reprimindo as palavras dos Padres fieís a Igreja? E se a Igreja é Santa, ela não erra, mas os homens sim. Heresia exposta quando diz que a Igreja erra. Os homens erram, a Igreja não!

  17. Ele saiu dos dehonianos alegando que precisaria estar mais livre. Se encardinou em Taubaté e não exerce nenhuma atividade diocesana, ele é padre somente para si próprio, para cuidar da sua carreira musical.

  18. Caro frates e seus leitores,

    peço venia para deixar registrado aqui este abaixo assinado pedindo retratação deste herege e peço que ajudem na divulgação:

    http://www.peticaopublica.com.br/psign.aspx?pi=BR68809

  19. Conversarei com Dom Carmo sobre esse assunto em nossa próxima reunião com ele.

  20. um deles, em especial, que vez ou outra promove uma missa tridentina em suas dependências

    Quanto às programações de TVs ditas católicas, confesso que estou mais por fora que traseiro de índio. Houve mais alguma missa tradicional off na CN depois da eleição do Papa Francisco?

  21. Certo domingo fui a uma missa em que o Fabio de Melo iria ser o celebrante… ‘cêis não tem noção da quantidade de flash dentro da igreja!

  22. “Descarado.” Concordo “ipsis litteris” com a “nota do fratres(sic)”. Igualmente “descarado” é o Bispo desta Diocese, Dom Carmo João Rohden, S.C.J. qur insiste em omisso silêncio sobre esse “showman” que enlameia o Sacerdócio Ministerial, este estando convicto de impunidade canônica.
    Sobre o subôrno que a Diocése de Taubaté receberia por parte deste herege para manter- se imparcial diante de tão graves erros doutrinais e comportamentais da parte deste Sacerdote, é algo dado como verídico oficiosamente pelo cléro da região. O mesmo,”ipso facto” aplica-se so Revm°. Sr. Marcelo Rossi e seu Bispo, Dom Fernando Figueiredo, O.F. M.
    NON NOBIS DOMINE

  23. Dom Carmo está omisso.
    Deixe o Ministério Cantor Padre Fábio de Mello. Vá cantar e pare de atrapalhar a Igreja.

  24. Mariah,

    não sei quem é o grupo que elaborou esta petição, eu a recebi via e-mail e repassei com prazer aos meus contatos.

    Seria interessante que o Prof. Hermes trabalhasse para uma petição especifica ao Bispo.

    E Mariah, aonde o padre fabio se retratou? Ele por acaso disse que o homossexualismo é pecado que brada aos céus e a Deus por vingança e que jamais o estado poderia pelo direito natural reconhecer a união civil de homossexuais.

  25. Herege descarado, pois para ele a verdade é questão de conveniência (basta ver a entrevista e em seguida o “esclarecimento” publicado pelo FRATRES. O que afirma hoje nega amanhã.

  26. Poderíamos acreditar: as heresias difundidas pelo Pe Fabio de Melo teriam cobertura nos “Bastidores teológicos” – aliás ele já se referiu a isso, sem detalhar – é o que se poderia deduzir, tantos e tantos anos disseminando heresias e as autoridades hierárquicas nem tomam uma posição de o expulsar do clero, e a tática dele seria a seguinte:
    ele solta as heresias, se os católicos reagem, ele volta atrás – mas nunca se emenda – passado algum tempo, volta à carga de novo e o tempo vai passando e cada vez mais o caminho de Sodoma e Gomorra fica mais nítido para onde seus (des)ensinamentos podem conduzir, sendo essa uma velha tática comunista de implantar algo, mesmo contra o povo, colocar em público algo que o povo condene, insistir, insistir – estilo sanfona, vai e volta – e com o tempo as resistencias diminuem até pegar.
    Disse Stálin e poderia ser aplicado a ele, particularmente numa sociedade permissiva e prá lá de relativizada, com ajuda de uns alienados á fé católica, como ele:
    Uma mentira sempre insistida, com o tempo torna-se verdade.

  27. Partindo do caso particular que está em foco para uma situação geral, pergunto: Será que um “Mestre” em filosofia e teologia seja sincero ao dizer que está evangelizando por meio dos seus shows em redes de televisão notoriamente sustentadas por inimigos da Igreja? Será que eles (os “Mestres”) não percebem que em vez de evangelizar, estão apenas formando fans clubes mundanos e se degradando a si mesmos e aos outros?

  28. ‘Ninguém comenta que o próprio Papa não condena os homosexuais. Muito menos que os pedófilos não passam pelo processo de excomunhão.”

    É interessante como os homossexualistas fazem de tudo pra desassociar o homossexualismo da pedofilia. Todos, mas todos os casos de abuso sexual de menores por parte do clero foram praticados por padres pederastas com apetite insaciável por rapazes jovens e adolescentes. Não se ouve mencionar abuso ou gravidez de meninas.
    Se não fosse a infiltração de homossexuais na hierarquia Católica (que não conseguem guardar castidade nem sob tortura,) não teríamos essa explosão de abusos de menores por parte dessa corja.
    Condenar a pseudo-pedofilia desses prelados é ter que dar a cara a bater e admitir que o problema está na admissão de homossexuais ao clero. É mais fácil sair com essa pérola:
    _ Quem sou eu pra julgar?
    Pois não julgue e deixe que a história o julgará como conivente ou cúmplice.
    Recentemente ninguém fez mais pela erradicação dessa chaga do que Bento XVI. Em apenas dois anos foram excluídos do sacerdócio cerca de 400 padres acusados de abuso sexual e entregues ao poder público para serem julgados. Muitos deles estão sim cumprindo pena em presídios americanos e europeus:

    http://www.cbsnews.com/news/pope-defrocked-400-priests-in-2-years-over-sex-abuse-document-shows/

  29. Sem fazer nenhum juízo de valor sobre o método dos abaixo-assinados, penso que o seguinte antigo material pode servir de subsídio para que se tenha uma noção mais clara de quem é o pe. Fábio de Melo e há quanto tempo se fala de suas declarações (pra dizer o mínimo) controversas:

    http://blog.veritatis.com.br/index.php/2009/05/26/derrapadas-do-padre-fabiofashion-de-melo/comment-page-3/

    Abraços,
    Jorge

  30. Misericórdia Senhor! Muito triste. Pastor Silas no Twitter dele divulgando como “Imperdível” o vídeo em que Padre Fabio “critica Idolatria à Maria…”
    Paz e Bem!

Trackbacks