Foto da semana.

Be6XHMaCAAA68-t

Um dos pombos soltos neste domingo pelo Papa Francisco e por duas crianças não teve paz e acabou atacado instantes depois por uma gaivota. O incidente ocorreu durante a tradicional oração do Ângelus, na Praça São Pedro (Vaticano). Fonte: O Globo.

* * *

Atenção: blog em recesso – Comentários demorarão mais do que o habitual para serem liberados. Atualmente há 210 comentários aguardando moderação.

Tags:

41 Comentários to “Foto da semana.”

  1. Eu vi essas fotos. Não só uma gaivota, mas também um corvo, conforme reportagem da Folha de São Paulo (http://fotografia.folha.uol.com.br/galerias/22334-pomba-libertada-pelo-papa-e-atacada-no-vaticano#foto-356757).
    Eis que antes da renúncia do Papa Bento XVI ocorreu algo parecido e também na eleição do Papa Francisco I, também.

    O que será que esses fatos nos dizem???

    Só Deus o sabe.

    Rezemos e confiemos em Deus.

    Doce coração de Maria sede nossa salvação. Amém

  2. Feia imagem! Como feio se tornou o mundo de hoje; onde rege a lei da selva, onde um devora o outro. Há muito tempo o mundo deixou de ser cristão. Ainda assim que a nossa esperança possa continuar sendo Cristo.

  3. Até a natureza tem dado sinais dos tempos conturbados em que vivemos. (Cf. Romanos 8, 19-23). Um gesto que era para ser símbolo e presságio de paz se transforma em algo “trágico” e de mau agouro. Não que o cristão acredite em destino, mas vê nos acontecimentos pequenos ou grandes uma mensagem espiritual, sabe ler os sinais dos tempos. Essa foto é um sinal do que o mundo de hoje se tornou: as dádivas de paz e de bem são devoradas e destruídas pelos maus! É preciso como nunca suplicar a Deus que as forças do mal sejam debeladas, sobretudo expulsas da Igreja!

  4. Completando meus comentários anteriores, gostaria de sugerir a recitação de uma oração a São Miguel Arcanjo, bem como outros tipos de orações de combate espiritual:

    Súplica a São Miguel Arcanjo.

    Gloriosíssimo Príncipe da Milícia Celestial, São Miguel Arcanjo, defendei-nos na luta que temos combatido “contra os principados e potestades, contra os chefes deste mundo tenebroso, contra os espíritos malignos espalhados pelos ares”. Vinde em auxílio dos homens que Deus criou incorruptíveis à sua imagem e semelhança, e a tão “grande preço resgatados” da tirania do demônio. Com os exércitos dos anjos bons peleja hoje os combates do Senhor, como outrora lutaste contra Lúcifer, chefe da soberba e contra seus anjos apóstatas. Eles não puderam vencer, e perderam seu lugar no céu. “Foi precipitado o grande dragão, a antiga serpente e denominado diabo e satanás, o sedutor do universo: foi precipitado na terra e com ele foram lançados seus anjos” (Apoc. 12,8-9)

    Eis que o antigo inimigo e homicida tem se erguido com impetuosidade. Transfigurado em “anjo de luz” (II Cor. 11, 14), com a escolta de todos os espíritos malignos, cercou e invadiu a terra inteira, e se instala em todo lugar, com o desígnio de manchar ali o Nome de Deus e de Seu Cristo, de roubar as almas destinadas à coroa da Glória Eterna, de destruí-las e perdê-las para sempre.

    O dragão maldito transvasou, como rio imundíssimo, o veneno de sua iniqüidade em homens depravados de mente e corruptos de coração: incutiu-lhes o espírito de mentira, impiedade, blasfêmia, e seu hálito mortífero de luxúria, de todos os vícios e iniqüidades.

    Os mais maliciosos inimigos tem enchido de amargura a Igreja, esposa do Cordeiro Imaculado, tem-lhe dado a beber absinto, tem posto suas mãos ímpias sobre tudo o que para Ela é mais sagrado. Onde foram estabelecidas a Sé do Beatíssimo Pedro e a Cátedra da Verdade como Luz para as Nações, eles tem erguido o Trono da Abominação e da Impiedade, de sorte que, ferido o Pastor, possa dispersar-se o rebanho.

    Ó invencível Príncipe, ajuda o povo de Deus contra a perversidade dos espíritos que lhes atacam e dai-lhes a vitória. Amém.

    indulgência de 500 dias (Leão XIII, Motu proprio, 25 de setembro de 1.888; S.P.Ap., 4 de maio de 1.934)

    http://doctorisangelici.blogspot.com.br/2009/07/exorcismo-do-papa-leao-xiii-forma.html

    Não deixar de ler também esta nota sobre o cânon 1172 do Código de Direito Canônico:

    http://doctorisangelici.blogspot.com.br/2009/07/exorcismo-do-papa-leao-xiii-forma.html?showComment=1265108641736

  5. É sinal de guerra à vista!

  6. Essa gaivota é da espécie larus argentatus (gaivota-prateada).

  7. Foram soltos vários pombos? Só um foi atacado? Então sigamos os que sobreviveram.

  8. Dessa vez, além da gaivota, a pomba foi atacada por um corvo.

  9. Bento XVI tb aconteceu isso.

  10. Gente, acho que não precisamos exagerar. Quem já esteve em Roma sabe que essa cena é extremamente comum. Diferentemente de uma cidade como São Paulo, em Roma há muitas gaivotas por conta rio Tevere, e não é novidade que gaivotas comem desde insetos até ratos e outros pássaros menores. Quando estive em Roma em 2012 vi essa mesma cena: uma gaivota atacou um pombo que estava pousado em um dos chafarizes da Praça de S. Pedro. Não consigo ver nada de sobrenatural na cena.

    • …MAS justamente com um publico que beira 100.000 mil fiéis,com alvoroço,com muito andar de pessoas,e justamente a pomba,em que o Papa Bento,o Papa Francisco solta,justamente naquele momento,justamente naquele minuto,justamente naquela hora…é muitaaaa coincidencia, é claro pra quem não entende leituras biblicas, vai dizer que é coincidencia,mas o que JESUS diria ?
      “HIPOCRITAS vocês sabem ver quando é tempo de colher e de plantar, mas não sabem ver os sinais dos céus”
      Uma vez tive um sonho – um corvo tentava se aninhar no peito de Sua Santidade o Papa Francisco I,mas ele caia,tentava de novo e caia,é claro que não entendo nada de sonhos,e nem me preocupo em entender,mas digo que este Papa está sendo atacado bem mais que o nosso querido Papa emerito Bento XVI;rezemos,rezemos e rezemos por nossos padres e lideres da Santa Igreja Católica Apostólica Romana.
      Não ataquemos os nossos padres,se tiver alguma coisa errada ou heresia,juntemos provas,5 ou 6 pessoas e vamos procurar o Bispo do local e expor o caso,como está na Biblía,não façamos ataques publicos,pois o mundo quer isto,que nós lutemos entre si.
      Tá errado,é heresia,vamos bater em cima e não deixarmos prá lá,mas dentro de nossas Igrejas e não em debates televisivos, que é ridiculo se não até mesmo covardia de nivel mais baixo.
      Louvado Seja Nosso Senhor JESUS CRISTO…SALVE Maria Imaculada.

  11. Isso significa apenas umas coisa: NADA. Rigorosamente nada.

  12. Jesus disse que nem um só dos pardais passa despercebido diante de Deus (Lc. 12, 6). Sabemos, também, que não existe mera coincidência, mas Providência Divina (ou estou teologicamente enganado?) . Logo, o acontecimento em foco, traumático e enigmático, deve ter uma significação não desprezível.

  13. Realmente, vivemos dias maus! Até os Céus nos deixam imagens IMPACTANTES como essa. Coisa boa, com certeza, não é. No Brasil, até o Cristo Redentor sofreu ataques da natureza (raios), sofrendo avarias no seu dedo, mesmo possuindo para-raios.
    O momento é de apreensão, vigia e oração.

  14. Eu vi isto numa manchete, parece que o S. Padre também estava pedindo paz não sei para que país… Não quero parecer supersticioso, mas eu vejo isso como um mau agoro.

    Quem viver, verá.

  15. Concordo com o comentario acima de que os pombos atacados representam um sinal de Deus que descreve bem a situacao do mundo e mandam uma mensagem de que devemos estar super vigilantes diante do caos moderno.

  16. Fico impressionado como atitudes pagãs – crendices, supertições e atos humanistas-onu-maçons – tornaram-se costumes do clero pos-conciliar. Que tem essa pomba-da-paz com o catolicismo?

  17. Católicos agora creem em gaivotas atacando pombos…
    Foi-se o tempo em que críamos em doutrina, em dogmas.
    Agora cremos em superstições: ah, mas a gaivota atacou a pomba. Digno de fé seria se a pomba atacasse a gaivota.
    Deus criou a gaivota como predador da pomba. logo, o que vimos não tem nada de especial…

    • Minha critica é no sentido de que os últimos papas adotaram práticas do mundo moderno. Por exemplo, um papa beijar o solo de um país. Pergunto: que mudou depois de o pretenso beato João Paulo II beijar o solo brasileiro?(acho até que ele tinha medo de viagens de avião, daí a atitude de beijar o chão quando aterrissava). Aliás, até piorou. A atual santidade em exercício, pois há outra santidade – a emérita (o graaaaaaaande) -; beijou tudo que viu pela frente, como se afagos fosse converter o povo – ganhou votos, e muitos; até do demonio – e o Brasil como ficou?

      Claro, isso é o mínimo. Há coisa de muito grave acontecendo no período pós conciliar: as inserções de orações dos hereges protestantes no missal… Fico pensando naquela tal roda dos pagãos que adoravam o demonio thor e agora inseriram na igreja no tempo do advento…Que fanfarrice!

      Olhamos, no bem da verdade, nós bem o sabemos que todo o contexto dúbio da nova liturgia é verdadeiro sacrilégio em vez de verdadeiro culto agradável a Deus. Sem falar das seitas agregadas ao corpo da Igreja de Deus por culpa das permissividades dos últimos papas, inclusive o graaaaaaaaaaande, esse chancelou praticamente todo o concilio, que faço questão de não ficar chorando sua “morte”. Rei posto rei morto(mesmo sentido?). Peço licença ao Fratres neste ponto, pois percebo certa sensibilidade quanto a questão do reinado de Bento XVI e também não é o caso de entrar no entrar neste mérito por enquanto.

      Enfim, para não ater-se a matéria em comento, a “pomba-da-paz-do-mundo”, não refiro as verdadeiras Teofanias ocorridas no antigo e novo testamento.

      Agora, o quadro acima, acho; nos dá sinais sobrenaturais também: corvos, gaivotas e pombos em contexto diversos tem suas peculiaridades de revelações.

    • Você tem toda a razão. Vou rever meus conceitos.

    • Com todo respeito, da forma como você falou parece que qualquer manifestação sobrenatural estaria descartada. Quantas vezes, Bíblia e tradição católica, Deus usou sinais da natureza para comunicar?

    • Kleber Santos.

      A gaivota se alimenta de peixes, ou de outros pássaros mortos, assim como o corvo….

    • Minha critica é no sentido de que os últimos papas adotaram práticas do mundo moderno. Por exemplo, um papa beijar o solo de um país. Pergunto: que mudou depois de o pretenso beato João Paulo II beijar o solo brasileiro?(acho até que ele tinha medo de viagens de avião, daí a atitude de beijar o chão quando aterrissava). Aliás, até piorou. A atual santidade em exercício, pois há outra santidade – a emérita (o graaaaaaaande) -; beijou tudo que viu pela frente, como se afagos fosse converter o povo – ganhou votos, e muitos; até do demonio – e o Brasil como ficou?

      Claro, isso é o mínimo. Há coisa de muito grave acontecendo no período pós conciliar: as inserções de orações dos hereges protestantes no missal… Fico pensando naquela tal roda dos pagãos que adoravam o demonio thor e agora inseriram na igreja no tempo do advento…Que fanfarrice!

      Enfim, para não ater-se a matéria em comento, essa “pomba-da-paz-do-mundo”, não se refere às verdadeiras Teofanias ocorridas no antigo e novo testamento.

      Agora, o quadro acima, acho; pode ser realmente apresetem sinais sobrenaturais também: corvos, gaivotas e pombos em contexto diversos tem as peculiaridades de revelações.

  18. Isso só pode ser um sinal! Deve significar que soltar pombas no Vaticano é uma grande perda de tempo.

  19. É típico de racionalistas querer ver nos acontecimentos apenas uma dinâmica mecânica, em que as coisas acontecem movidas por leis cegas da natureza e que exclui totalmente a Providência Divina e esvazia os fatos de todo significado sobrenatural. Tirar dos acontecimentos uma mensagem espiritual não significa superstição ou falta de racionalidade.

    “[…] que até nos acontecimentos, grandes ou pequenos, [os homens] consigam ver o que as coisas significam e qual é a vontade de Deus.” O Sacerdote MInistro da Misericórdia Divina, Subsídio para Confessores e Diretores Espirituais, n. 113.

    Fonte da citação:

    http://www.clerus.va/content/clerus/pt/notizie/viaggio-del-card–piacenza-in-slovacchia.html

  20. Eu vejo a pomba como o espírito santo, a gaivota como o falso profeta e o corvo como o anticristo.

  21. Não tem nada de maçônico ou superticioso em usar as pombas como símbolo da paz ou como desejo de paz. A sua simbologia está na Bíblia e é plenamente cristã. Ver o artigo.

    Por que representamos o Espírito Santo em forma de pomba?
    Conheça o significado deste símbolo, desde a época bíblica até os dias de hoje

    “Atualmente, a pomba simboliza sobretudo a paz, e isso também tem uma origem bíblica, pois faz referência à pomba que Noé soltou da arca três vezes e que voltou na segunda vez com um ramo de oliva no bico; na terceira vez, já não voltou (cf. Gênesis 8, 8-12), o que quer dizer que a paz e a normalidade haviam retornado ao mundo.”

    http://www.aleteia.org/pt/religiao/q&amp%3Ba/por-que-representamos-o-espirito-santo-em-forma-de-pomba-1537001

  22. Fala sério pessoal… isso é normal! A gaivota é um predador e para quem não sabe até o bonitinho tucano come filhotes de outras aves.Se quiserem discutir sobre aquele franciscano no dia do conclave é outra coisa…

  23. Independente do que aconteceu ou deixou de acontecer com as pombas, o Papa havia acabado de pedir a “paz” na Ucrânia – o que me parece lamentável. Torço é para que a contra-revolução na Ucrânia vá até o fim e derrube o governo pró-russo e pró-comunista. Não existe “paz” com comunistas.

  24. “Foram me buscar no fim do mundo”, declarou o Papa Francisco ao ser eleito. Realmente, segundo S. Malaquias, o papa Francisco seria o último papa legitimamente eleito. Não tenho dúvidas disso.
    Nota: Obama, presidente dos EUA, decidiu fechar a embaixada dos EUA no Vaticano. E segundo o ex-embaixador desse país junto a Santa Sé, James Nicholson, “é outra manifestação da antipatia deste governo tanto pelos católicos, como pelo Vaticano, e pelos cristãos no Oriente Médio”.
    PS.: Kleber Santos, é preciso reconhecer os SINAIS DOS TEMPOS. Lamentavelmente, os seres humanos perderam esse sentido sobrenatural, mas os animais irracionais não! Veja o caso do Tsunami ocorrido na Ásia: enquanto os domadores de elefantes não os levaram para regiões altas, eles ficaram agitados. Veio o tsunami e somente eles sobreviveram. Qdo há louva-a-deus voando no seu apto ou formigas andando pela cozinha é sinal de chuva. Isso eu apreendi com meus sogros, pessoas simples e santas. Desconhecia tais sinais, pois sempre vivi na capital. Quando S. AntÕnio (santo canonizado no prazo mais rápido da Igreja) não era recebido pelo povo da cidade, ele discursava para os peixes e estes prestavam bastante atenção nos seus sermões.

  25. Eu creio firmemente ser este um resultado da pesca predatória… e o papado está num ostracismo tão profundo que sequer apareceram ambientalistas pra aproveitar o ocorrido e fazer campanha pra comermos mais torresmo e menos peixe filhote.

  26. Não será que Isso significa o fim do ecumenismo? Veja que com a gaivota não tem conversa fiada de “somos todos de um mesmo deus etc e tal”. Oposição é oposição, inimigo é inimigo e pronto!
    É preciso ver a questão simbólica nisso e não ficarmos com limitação apenas a fatos. A não ser que o sujeito seja obtuso em matéria de simbolismos.

  27. Preocupado com comentários inequívocos sobre superstições e heresias, tão disseminadas hoje no mundo, julgando que o meu comentário feito em 27-01-2014 foi assim interpretado, pretendia pedir a retirada do mesmo, antes da sua aprovação. Porém agora é tarde. Até então, quando fiz o comentário, ignorava que é comum, em Roma, gaivotas e corvos atacarem pombos: pensava tratar-se de fato extraordinário, erro este agora corrigido. Que Deus me livre de superstições e apostasia.

  28. Pedro – em nenhum momento eu disse que Deus não usa sinais da natureza para se comunicar. É claro que Ele usa. A natureza é obra Sua…
    Ricardo – a gaivota e o corvo são predadores – e alimentam-se de animais de pequeno porte(além de ovos, por exemplo, de… pombos…) Nem de perto imaginei uma gaivota comendo uma pomba. Mas o ataque é natural…
    O que eu estou comentando é que as pessoas estão mais preocupadas, por exemplo, que uma gaivota tenha atacado uma pomba, do que com uma atitude estranha de Francisco (aliás já realizada pelos seus últimos predecessores…) que é esta história de ficar lançando pombinhas pelo ar como símbolo da paz… Símbolo da paz da ONU. Não a paz do Cordeiro, a paz de Cristo.
    A paz de Cristo não é ausência de conflitos externos. E os católicos estão se acostumando com esta descrição de paz. O que me estranha é que se dê maior valor ao ataque da gaivota à pomba do que a esta bobagem de soltar pombas… Ainda se fosse largar um cordeiro pelas ruas de Roma, pelo menos teria um significado maior para nós cristãos…
    Mas de maneira alguma eu quis ofender alguém. Peço desculpas se isto aconteceu

    • Kleber Santos,

      Não consigo enxergar naturalidade em uma gaivota que sai do seu habitat natural (que são regiões litorâneas, praieras) para voar atrás de um pombo em Roma e mordê-lo. A pomba não é um animal de pequeno porte (como um ovo, filhote de pombo ou um peixinho) e os estudiosos das gaivotas prateadas não incluem pombas como um dos alimentos favoritos destes pássaros. E ainda, por cima, para completar o desastre, vem um corvo, um animal que se alimenta de cadáveres humanos ( portanto, de grande porte), e ataca também o pobre pombo. Você não me ofendeu, mas discordo com todo o respeito da sua posição. Enquanto sua desconfiança do Papa Francisco e sobretudo da igreja conciliar, concordo contigo, e só posso concordar. Rezemos, Kleber, rezemos!

    • Kleber, o que fica patente em ver um papa buscar simbologia e costume do mundo – como essa pomba da paz – é o fato de, sem duvida alguma; esse gesto não pertencer ao catolicismo. E isso não é necessariamente uma teofania. Embora revele o período ruim pos conciliar(onde se deu início a esses maneirismos mundanos). Fosse um membro da ONU…vá lá…faria sentido. Pode-se até cogitar como sinais divinos os fatos de que essas pobres aves, logo apos de serem soltas, serem atacadas, e.g., reprovação do gesto pagão feito pelo papa.

  29. (Não tenho certeza se consegui postar corretamente meu comentário anterior. Por isso, vou tentar de novo. Me desculpe se sair duplicado. Ignorem-no!)

    Nesse ponto, eu concorco com você, Kleber. Penso que o Papa e os demais católicos deveriam parar de soltar pombas; até mesmo por motivos ecolôgicos, pois são aves frágeis e que podem ser atacadas e machudas por predadores. No entanto, gostaria de tocar em algumas outras questões que devem ser levadas em conta também. A pomba tem um simbolismo bíblico, que pode ser encontrado em Genêsis, nos Cânticos dos Cânticos, por exemplo. Acontece que os maçons usam vários símbolos cristãos ou judaicos como se fossem seus. Então, não é por isso que se deve renegar o valor cristão desses símbolos. Um outro símbolo cristão muito usado pela maçonaria é o pelicano. Infelizmente isso acaba gerando ambiguidade e confusão, pois fica parecendo que os católicos estão usando símbolos maçônicos, quando, na verdade, são os maçons que estão usando símbolos cristãos.

    Mas voltando a questão da pombinha atacada, DE FATO, O PAPA DEVERIA PARAR DE SOLTAR POMBAS, POIS HOJE EM DIA NÃO É MAIS CLARO A SIMBOLOGIA CRISTÃ DA POMBA.

    Por outro lado, nada nos impede de buscar um significado místico em acontecimentos banais do dia a dia. Isso não tem nada a ver com superstição, mas é um exercício cristão de ver por trás dos acontecimentos um sinal de Deus. O profeta Elias por exemplo conseguiu ver na suave brisa no monte Horeb a presença do Deus inefável!

  30. Reforçando meu último comentário, tirar uma lição espiritual de um acontecimento qualquer não significa superstição, mas um exercício cristão de cultivar uma atitude mais mística em relação ao mundo, evitando todo racionalismo. São Tomás de Aquino, que a Igreja hoje celebrou, por exemplo, foi um grande intelectual, mas era ao mesmo tempo um grande místico. Ter um olhar espiritual sobre o mundo não signifca ser irracional. Mas ser racionalista e enxergar nos acontecimentos meros desencadeamentos de leis naturais não combina com o cristão! A lection divina por exemplo e a direção espiritual ajudam muito a desenvolver um olhar espiritual sobre o mundo.

  31. Para solucionar o problema, talvez o Papa deva passar a soltar gaivotas.

  32. O que eu penso ser mesmo um……'”sinal”, é porque,há tantos pombos na Praça de São Pedro!!!…..e, justamente,…..nessa hora,……essa gaivota, e esse corvo foram “perseguir” a q u e l e pombinho lançado por Papa Francisco…………será: “coincidência”?……ou…..DEUSCIDÊNCIA”?????…………..

    Porque “escolheram” exatamente “aquele” pombinho?????…… Hã????????…………………………!!!!!!!!!!

    DEUS usa m e s m o, pessoas, coisas, animais, fenomenos da NATUREZA, acontecimentos e etc para Se comunicar conosco…..pois se caso ELE aparecesse para alguém,….NÂO acreditariam…..nas PROFECIAS ATUAIS…..NÃO acreditam…….!!!!!! Então,…..bem que ELE pode usar essas “linguagens” visuais, para nos mandar um………….MSM,ou um E-MAIL, etc CELESTIAL!!!!!

    Os Pintores, os Escultores, os Publicitários , os Grafiteiros, os Designers,os Figurinistas também fazem assim: figuras dão mensagens. Porque DEUS não o faria também?????…afinal de contas T O D O S os Dons e Talentos….. nos foram dados por ELE, !!!! ELE é a FONTE de tudo de BOM!!!!

    Quem tiver “olhos espirituais”, e Fé…………..que, olhe!!!! e entenda ….a MENSAGEM!!! Há vários significados…………………. ALELUIA! e, ….NÂo é superstição , NÂO!!!!!!!!! Não foi provocado, nem causado propositalmente, por ninguem!!!!

    AH!….e, DEUS (= SSMA TRINDADE!!!) está……..VIVO!!!! é uma PESSOA!!! tem SENTIMENTOS, INTELIGENCIA, DESEJOS, …… , Age, tem Atividades,,AMA e….Trabalha há ainda hoje, pela SALVAÇAO de Seus filhos, e, como todo BOM PAI, corrige…..avisa….passa “carão”…..abençoa….ajuda….!!!!! AMÈM!!!!! ELE pode, sim, comunicar-SE conosco, na hora em que desejar, e pelo meio que quiser……ALELUIA! Amém!

    CONCORDO com o EMANOEL, com o ALEX BENEDICTUS , e com o ALEXANDRE! CONCORDO!

  33. Ao ver esta foto, lembrei-me do versículo 19 do salmo 73 (ou, na versão hebraica, 74): “ne tradas bestiis animam confitentem tibi”, traduzido livremente, segundo a Liturgia das Horas no Brasil, como: “Não entregueis ao gavião a vossa ave indefesa”. A versão portuguesa é, como de costume, mais literal: “Não abandoneis às feras a alma dos vossos fiéis”. O salmo figurava no ofício da Hora Média da semana em curso, se não me engano, na terça-feira.
    De qualquer maneira, e sem qualquer motivo supersticioso, mas simplesmente refletindo à luz da Palavra de Deus, senti-me inclinado a intensificar a oração pela Igreja, nossa Mãe.
    Em tempo, recordo-me bem do seguinte: quando da ocorrência de um fato semelhante no pontificado de Bento XVI, choveram alusões na imprensa a respeito da inadequação do Papa aos tempos modernos, da inadequação de seu pontificado etc. Agora, pouco ou nada do gênero se falou em relação a Francisco. Isso uma vez mais demonstra a seletividade dos meios de comunicação e o desejo de usar os mínimos detalhes – quase que ordinários para quem conhece Roma, como o fato de gaivotas atacarem pombas – para fazer passar suas teses. Francisco ainda é o “querido” da imprensa. Veremos até quando.