Desabafo de leitor.

Palavras do leitor Pedro, que bem merecem um post:

Desabafo: “Vossa Santidade realmente quer saber o que leva as aprovações de uniões homossexuais pelos governos, Santo Padre? É porque não interessa a eles saber o que realmente é a tendência homossexual, e como ela causa tormentos na vida das pessoas. Com todo respeito e devoção que tenho por Vossa Santidade, eu tenho essas respostas para suas dúvidas, mas infelizmente não tenho a oportunidade de respondê-las. Por exemplo: Ser “gay” não é nada legal, não é bom, é aparência e ilusão. Ser “gay” já quase me tirou de vez a vida (biológica e espiritual). Ser “gay” me fez isolado, nada da “alegria” falsamente mencionada na propaganda tendenciosa. Ser “gay” não me permite ter filhos, uma esposa, colaborar na criação divina. Mas, hoje, mais amadurecido, usarei de tudo isso não para me lamentar, mas para tentar ganhar o céu, já desacreditado por tantos.”

Possuo tendência homossexual e não me agrada nem um pouco notícias com essas. Por mais que não há nenhum sinal de “aprovação” por parte do Santo Padre (e espero que nunca haja!), creio que logo virá mais uma opinião ambígua ou entrevista confusa por parte do Santo Padre, e lá vai mais sofrimento para eu e muitos levar a cruz na castidade e obediência. Tudo o que menos preciso (e perdoem-me a ousadia, mas tenho mais propriedade para falar disso por sofrer na própria vida esse tormento) é de ambiguidades no que o papa ensina ou mesmo opina. Alio-me à Santa Igreja para segui-la e conseguir levar minha Cruz. O sólido ensinamento da Igreja é meu único conforto. Logo, se eu perdê-lo, ou ainda ficar confuso por ele, não sei o que será de mim. É muito difícil nadar contra uma corrente cada dia mais forte. Tenho a devoção da confissão nos primeiros sábados do mês, porém, saibam que minha preocupação não é a toa, não está mais raro escutar nos confessionários que o ato sexual entre dois homens não é pecado. Acompanho o Fratres há anos. Peço, por caridade, que tomem cuidado ao falar sobre esses casos, pois há muitos (muitos mesmo, conheço!) católicos que sofrem com isso e não são “sem-vergonhas” ou “sodomitas”, ao contrário, oferecem como sacrifício e penitência essas dificuldades que não são poucas. Peço que rezem muito por mim, pela Igreja, pelos discursos do Santo Padre. Por mais que um simples discurso não seja infalível, ele pode fazer um mal tremendo dependendo dos ouvidos que o ouvirem. Rezo por todos do blog, uno meus sacrifícios a vocês de boa vontade que compartilham dessa mesma fé em Nosso Senhor. A Virgem Santíssima nos acompanhe a todos.

Tags: ,

59 Comentários to “Desabafo de leitor.”

  1. Pedro, vou orar por você e pela sua família. Sinto o mesmo quando ouço padres defenderem o ato de masturbação e até mesmo tendo filhos. Isso nos enfraquece e temos que nos segurar nessa rocha que é Jesus. Nossa Senhora rogai por nós!

  2. Excelente comentário, caríssimo Pedro. Que o Bom Deus te abençoe e te guarde sempre. Que a Virgem Santíssima venha sempre ao teu encontro para protegê-lo.

    Você não está sozinho, todas as pessoas solteiras estão na mesma luta para manter a castidade, independente de tendências e o mundo quer empurrar a todos para o comportamento desregrado, seja qual for a direção. Jovens heterossexuais também são empurrados violentamente para o abiso da fornicação, seja através das odiosas novelas e programas de TV, conversas com parentes liberais, nos ambientes acadêmicos e até mesmo pelo silêncio de muitos que deveriam exortar para a vida pura, etc.

    Você não está só nesta vida!! Além da força do alto, da proteção materna da Virgem Maria, você tem Santo Afonso Maria de Ligório, você tem são Geraldo Magela, São José de Cupertino (que levitava só de ouvir falar o nome sagrado da Virgem Santíssima), São Domingos Sávio (o menino que preferia morrer do que pecar, e que nos deixa corados de vergonha pela nossa tibieza), Santa Teresa de Ávila, São Francisco Salles e tantos outros. E mais, você tem São José, cujo dia festivo se aproxima!!! E, como se não bastassem todos esses santos, você tem o seu Anjo da Guarda, os Arcânjos Gabriel, Rafael e Miguel e toda a corte celeste para te proteger.

    Você não está só, caro Pedro, estamos todos no mesmo barco em busca do “Porto Seguro” e pedindo a Deus que nos dê um Papa Santo que cumpra o sonho profético de São João Bosco e bem conduza a Igreja entre as colunas da Eucaristia e de Nossa Senhora.

    Sugiro a todos os leitores que rezem agora mesmmo uma Ave-Maria pelo Pedro e por cada um de nós, para que o Bom Deus nos ajude a sermos castos, independente da tendência sexual de cada um.

  3. Caríssimos irmãos,

    São comoventes essas palavras de Pedro. Elas em si resumem tudo.

    Rezaremos, sim, por ti, meu irmão. Jamais deixes de dar teu testemunho. Testemunhos assim alimentam nossas forças para continuar lutando pela Verdade.

    Que Nossa Senhora do Bom Sucesso interceda continuamente por ti junto a Nosso Senhor!

    Um dia abençoado a todos,
    Per christum Dóminum nostrum.

  4. Em 2011 senti um chamado para orar por um colega meu de pós-graduação que tinha tendência homossexual, não tinha assumido nada porém fazia escova progressiva, depilava a sobrancelha… Resolvi incluir em minhas orações um outro colega que eu tinha ouvido um boato que era homossexual e um casal de lesbicas que estudaram em outra turma do meu curso durante minha graduação. Pedi para Deus afastar e expulsar o demônio que os tentava. Não rezei com muita devoção, mas foi um pedido sincero e pra minha surpresa poucos dias depois esse meu colega de pós-graduação apareceu com o cabelo cortado com corte masculino e vestindo terno e permanece assim até hoje. O outro colega começou a participar ativamente na Igreja (pena que é na rcc, mas Deus sabe o que faz), não sei dizer se está livre da tentação porque não tive mais contato com ele. E uma das lesbicas se casou com um homem e está grávida. Penso que além de rezar pedindo que Deus abençoe a pessoa é importante pedir que Deus se digne a expulsar o demônio que a atormenta. E também devemos rezar por nós mesmos e confessar e comungar sempre, pois o demônio furioso irá nos atacar, digo isso por experiência própria. Vou inclui-lo em minhas orações, tenha coragem que isso passará. Deus o abençoe!

  5. O rapaz tem razão qto à generalização das acusações. Nem todos são como o deputado histérico e oportunista e sua legião, e como essa praga esparramou-se pela sociedade, feito um câncer, há muitos que sofrem em silêncio e suportam sua cruz com resignação. Sim, pq é uma cruz, como ser cego, ter câncer, um casamento infeliz, problemas com os mais diferentes vícios…

    Eu sei que a intenção de quem combate o “lobby gay” não é generalizar, mas lembrar desse pequeno detalhe de colocar umas breves premissas… pode fazer a diferença para quem lê e sofre, pois pode lhe dar ânimo e coragem para continuar a ser casto. Ou recomeçar. Afinal, qual de nós nunca pecou?

    • …o rapaz tá sofrendo e é assim que você o anima,nós católicos estamos sendo mortos,crucificados no Egito,decapitados na Siría,espancados e queimados vivos na Costa do Marfim, experiencias quimicas com orgãos nossos na Coréia do Norte (católicos vivos),torturados até a morte na China,esquartejados em Cuba,fritos em óleo no Sri Lanka e você tem o “desparate” de falar – “Afinal,qual de nós nunca pecou ?”
      CATÒLICOS APOSTÓLICOS ROMANOS DO FRATES, por favor entendam uma coisa de vez por todas,roupa suja se lava em casa, é proibido por lei canonica que não se deve ficar justificando o pecado, vai confessar e pede perdão e não se fala mais nisto – “Eu PEQUEI,fala pra todo mundo ouvir,não se faz propaganda daquilo que não é bom.”
      SALVE MARIA – Pedro estou contigo nas suas orações.

    • Seu comentário mostra que vc não entendeu o que eu disse e muito menos minhas intenções (o que seria um feito digno de um santo: saber o que se passa na mente alheia…). E… se a boca fala do que o coração está cheio… vc nos deu uma prova clara disso.

      “CATÒLICOS APOSTÓLICOS ROMANOS DO FRATES, por favor entendam uma coisa de vez por todas,roupa suja se lava em casa, é proibido por lei canonica que não se deve ficar justificando o pecado, vai confessar e pede perdão e não se fala mais nisto – “Eu PEQUEI,fala pra todo mundo ouvir,não se faz propaganda daquilo que não é bom.”

      Essa frase, então, é uma obra-prima. Se vc responde a mim e escreve isso é pq entendeu que “eu” lavei minha roupa suja em público ou justifiquei algum pecado. Se engana mais uma vez. Não falava de mim, mas generalizava.

      Então, vamos caridosamente desenhar: o que eu quis dizer é que “a homossexualidade é uma cruz”. Ponto. As demais colocações foram meros exemplos: eu (que saiba) não tenho câncer, não sou cega, não tenho problemas em meu casamento ou qqr tipo de vício, pois eu não fumo, não bebo nem uso drogas, nem tenho algum apego irracional a coisas ou pessoas… Que roupa suja eu lavei? Que pecado meu expus? que propaganda eu fiz do que não é bom?

      Vc, contudo, em seu afã de “criticar por criticar” acabou de faltar com a caridade justamente com o Pedro, pois se ele falou do problema dele publicamente… ele acabou de lavar a roupa suja dele em público, pois, como vc fez questão de frisar: “é proibido por lei canonica que não se deve ficar justificando o pecado, vai confessar e pede perdão e não se fala mais nisto – “Eu PEQUEI,fala pra todo mundo ouvir,não se faz propaganda daquilo que não é bom”.

      Se tivesse lido o outro comentário meu… teria percebido que quem deu uma solução prática ao Pedro fui eu, que fui além das promessas e forneci uma saída. Pq não basta rezar, sobretudo se ele ficar em solidão. A cruz vai pesar de novo e de novo e de novo.

      Para a maioria dos que carregam a cruz da homossexualidade há uma CURA. Não tratamento, mas CURA. Isso já é sabido e confirmado, pois na grande maioria das vezes trata-se de uma questão comportamental, adquirida por condições particulares no meio ambiente onde nasceu e foi criado. Não é regra, mas geralmente acontece em lares em que a mãe é mais “forte” ou presente do que o pai, mesmo o pai estando em casa. Geralmente, o pai tem problemas com álcool ou drogas (de novo, não é regra!) e deixa para a mãe o comando da família. Há tb uma predominância de figuras femininas (mãe, tias, avós) e, então, no caso dos homens, acabam buscando em outros homens o “pai forte” que não tiveram, e as mulheres acabam buscando em outras mulheres a “mãe doce e meiga” que não tiveram. REPITO: não é padrão, mas é o que os especialistas de boa fé e boa vontade têm observado. Cada caso é um caso. O problema, obviamente, foi gerado pela revolução dos anos sessenta, com a “liberação” da mulher, o divórcio e a lassidão dos costumes. A segunda guerra mundial teve um papel preponderante nisso tb. Sem esquecermos a alimentação: somos bombardeados por hormônios por todos os lados…

      Enfim, eu reli o que escrevi, examinei minha consciência e ela continua leve como uma pluma. Não senti necessidade de dizer o óbvio: que rezaria por Pedro, pq me parece estar implícito nas “intenções” de todo bom católico, coisa que, modestamente, me reputo ser.

      E, por dever de caridade, vou lhe dar um conselho ou dois: (1) pesquise sobre ser “flammer”, isso vira um vício. E (2) não vejo no que criticar os outros venha a ser benéfico para o Pedro. Se serviu para vc “desabafar”… parabéns (fora a parte em que vc acaba ofendendo Pedro por tabela). Mas de útil mesmo serviu para eu comentar de novo e passar novas informações úteis ao Pedro e a todos os que carregam essa cruz ou similar.

      Há cura, e vai além das orações.

  6. Que a Virgem Santíssima te dê forças, Pedro. Como você mesmo disse…”É muito difícil nadar contra uma corrente cada dia mais forte”, mas Deus está contigo e sempre te ajudará a nadar com vigor.

  7. Caro Pedro, que traz no nome a devoção pelo Papa. O Papa Francisco não falou o que a Mídia tendenciosa disse. O que o Papa diz é uma coisa, o que dizem que ele disse é outra coisa. O Papa Francisco, assim como seu Predecessor, Bento XVI, são homens radicados na Caridade e focados exclusivamente na Misericórdia, na essência mesma do Evangelho. Se ele estuda o caso da homossexualidade, com certeza deverá estar estudando como o AMOR INFINITO de Deus atua nesses casos para livras ar pessoas desse pecado. Uma coisa é certa e é de Fé: Deus ama essas pessoas, e elas precisam saber disso. A homofobia não é cristã, pois é com Seu perdão infinito que Deus quer libertar essas pessoas desse pecado, assim como Ele agiu com a mulher pecadora, com Maria Madalena. Jesus Cristo não é jansenista, mas Aquele que com Seu abraço amigo liberta todas as pessoas de seus pecados, assim como libertou Maria Madalena e tantas outras pessoas pelo mundo e pelos séculos, inclusive você não se escapou desse abraço amigo de Jesus. Jesus é o Cordeiro de Deus que TIRA, não que CONDENA, os pecados do mundo. A homossexualidade sempre existiu, e antes do Concílio Vaticano II, que na minha opinião é sim o melhor Concílio da Igreja, pois nos libertou do juízo jansenista dos fariseus que diante do pecador querem mais condenar que libertar, esse tipo de pecado nem mesmo existia nos manuais de exame de consciência para a Confissão. Por falar em Confissão o Papa Francisco disse várias vezes para que os Sacerdotes sejam extremamente misericordiosos na administração desse Sacramento e que não façam do Confessionário um instrumento de tortura. A Igreja precisa se atualizar cada vez mais e ser edificada a partir da caridade, que é a virtude mais importante de todas, da qual provém todas as demais, porque do contrário não permitirão que Jesus Cristo tire os pecados do mundo. Caridade e fé se identificam. Você mesmo só se converteu porque Jesus não abominou nem repugnou te abraçar e te elevar em Seu Divino Coração. O Papa Francisco visa a conversão dos homossexuais, mas para permitir que eles se convertam é preciso ter um coração cheio de amor e misericórdia, igual o de Jesus diante de Madalena, não com um coração jansenista, igual ao dos fariseus que queriam condenar Maria Madalena. A Igreja está dividida hoje, e a divisão é um dos pecados contra a Caridade. A família está destruída, porque essa família não nasce na Igreja, mas fora da Igreja. Nota-se que os namoros não acontecem no ambiente paroquial nem entre os tradicionalistas nem entre os modernistas. Está acontecendo que um vai à Igreja e outro não, um pratica a religião e outro não. Por que acontece isso? Porque existe um tabu que inibe as pessoas de tal forma que fica moralmente impossível a pessoa procurar namoros e noivados no ambiente paroquial, então procuram fora, e assim as famílias católicas são construídas ás meias, porque os jansenistas com seu falso zelo pela castidade não permite. O ordinário, o ideal é que as famílias nasçam num ambiente paroquial, só assim haverá castidade, almas puras e mimadas, como se canta num hino Eucarístico. Pois bem, já que os homens da Igreja construíram famílias às meias, então nada mais do que justo que o Papa Francisco escancare as portas da Misericórdia para que os pecadores possam se libertar de todos os seus pecados, pelo Sangue do Cordeiro, como é Vontade de Deus. Amigos, rezemos o Rosário completo e nesse tempo da quaresma também nos convertamos á penitência, pois como disse Nossa Senhora em La Salette e em Fátima, só a oração e a penitência nos salvará. Então, amigos, acreditem no Papa, não na mídia.

  8. Este Pedro faz jus ao seu nome.

    Não só o pecado do homossexualismo deveria ser condenado pela igreja, mas também as relações heterossexuais ilícitas, mesmo sendo entre homem e mulher ela deve ser pautada no casamento e com a finalidade reprodutiva porém, no grupo “de jovens” da igreja católica é pior que casa de perdição. Hoje vejo que minha crisma foi sacrílega.

    O clero deveria voltar a promover as Filhas de Maria e os Congregados Marianos para os católicos leigos, mas na falta do clero hoje salvo raríssimas exceções todo decadente, cabe aos fiéis leigos lutar pela volta da pureza nos jovens,

  9. Prezados, com o intuito de colaborar, permitam que eu coloque aqui um vídeo muitíssimo interessante do Pe. Paulo Ricardo que trata exatamente do motivo desse post:

    “A Resposta Católica: Orientação a um homossexual”

  10. Orarei por você, Pedro.
    Obrigado pelo comentário.
    Sua voz é necessária!

  11. Força, Pedro, conte com nossas orações! Você é um homem corajoso e encara sua cruz com muita coragem e muita fé! Exemplo para muitos, independente do tipo de cruz que carregam!

    Concordo com o Luiz: o Papa tem um grande potencial, mas não o de restaurar a Igreja…

  12. Obrigado Pedro pelo seu testemunho e pelo comentário!

  13. Caro Pedro, parabéns pela coragem em reconhecer-se com tendência homossexual. Jamais desanime-se, pois Jesus veio para os doentes e pecadores (ou seja: para todos). “E quando somos fracos, é que somos fortes”, diz a Palavra de Deus. Todos nós encontramo-nos sob o fogo cruzado dessa guerra, seja na posição de heterossexual ou na situação de homossexual. A luta diária não é fácil, veja o meu caso: sou heterossexual, casado e pai. Em virtude do meu trabalho, viajo bastante e mesmo quando estou ao lado da minha família, sofro tentações para cometer pecados contra a castidade (adultério…). E, hoje, as coisas estão muito fáceis para todos, basta ter dinheiro e tempo ocioso. Mas, graças a Deus, tenho vencido esses apelos carnais. Estou convicto que todos nós temos o tal “espinho na carne” do qual nos revelou o apóstolo das nações: São Paulo. Nesse caso, vale a máxima: “a carne é fraca, mas o espírito é forte”, disse Jesus.

    Atualmente, o SEXO é a religião da nossa cultura decaída, portanto, a força mais poderosa do mundo. Não deveríamos nos surpreender com o fato de que seja o SEXO, mais do que o DINHEIRO, mais do que o PODER ou do que a FAMA, visto que o sexo é algo único. É SAGRADO!
    Somos TEMPLOS DO ESPÍRITO SANTO.

    A teologia do corpo, criada pelo papa João Paulo II, é a sua maior contribuição à posteridade, é a alternativa às duas filosofias do corpo da modernidade, falsas e destrutivas: de um lado, a materialização desumanizada; e de outro a espiritualização idólatra através da revolução sexual.

    Gostei muito das suas colocações: foi realista, pontuou as consequências negativas do “ser gay”, reconheceu “o sólido ensinamento da Igreja”, faz sacrifícios heroicos… seja sempre um herói anônimo da pureza e da castidade. “Mantenha todos os seus pensamentos cativos para obedecer a Cristo” (2Cor 10,5).
    Veja, enfim, a história da humanidade: sempre que o mundo produz uma heresia, a Igreja produz uma Doutrina. Sempre que o mundo produz uma mentira, a Igreja define uma Verdade. Sempre que o mundo produz grandes pecadores, a Igreja produz grandes Santos!
    Sede santos e perfeitos, é o que nos pede o Altíssimo para almejar o Paraíso, a nossa pátria celestial.

  14. É terrível esta afirmação, no seu “desabafo”: “Não está mais raro escutar nos confessionários que o ato sexual entre dois homens não é pecado. Meu Deus… O sal perdeu o sabor; a luz do mundo tornou-se trevas. Essa confissão, em vez de retirar, crava ainda mais fundo o “espinho na carne”. Só \Jesus, na sua infinita misericórdia, revelada nas escrituras e enfatizada no Diário de Santa Faustina Kowalska poderá nos salvar nesta calamitosa situação. Rezemos, às três horas da tarde, o terço da divina Misericórdia.

  15. Pedro, rezarei por ti.

    Luiz Fernando de Andrada Pacheco, vade retro, acusar o Santo Padre de ser o anticristo é próprio dos protestantes. rezarei por ti também.

  16. Caro Pedro, cada tentação vencida é um merecimento diante de Nosso Senhor. Tenha fé!

  17. Caro Pedro, a simples tendência homossexual, em si, não constitui pecado algum. Nesse caso, é preciso lutar contra essa má inclinação até o fim. Lembre-se das palavras de Nosso Senhor: “aquele que perseverar até o fim, esse será salvo”. O seu caso não é diferente dos que lutam para manter a castidade em geral, seja qual for a circunstância. É preciso vigiar e rezar muito. Fuja de toda pessoa que possa lhe influenciar para a queda, como se foge da peste (conselho de Santa Tereza D’Ávila). É preciso fugir também das ocasiões de pecado, tais como: ambientes sensuais, leituras indevidas, conversas licenciosas, e, principalmente, abomine da sua vida tudo aquilo que contiver conteúdo pornográfico.
    É dessa forma que se prova diante de Deus a reta intenção do coração. Quem assim proceder, seguramente não cairá em pecado e, no final, receberá a coroa da vitória. Nessa luta, convém repetir continuamente a sentença de São Domingos Sávio e de Santa Maria Gorete: “antes morrer do que pecar”.
    Quanto aos termos comumente empregados no Fratres, tais como “sem vergonhas” ou “sodomitas”, penso que as pessoas não estão se referindo a pessoas que vivem o seu drama. Mas àquelas que, de forma contumaz e recalcitrante, revelam-se impenitentes e não medem esforços para atacar à sã doutrina da Igreja e a todos que lhe obedecem.
    No que toca a suposta pretensão do papa de estudar o assunto, desejo ardentemente que ele estude com muita profundidade, e que Deus o ilumine para que se convença de uma vez por todas que o crescimento da iniquidade em geral aumenta na medida em que se avança na implementação da nova orientação da Igreja proposta pelo CV II, voltada para o homem e para o mundo.
    Ora, se na própria Igreja já não se ensinam as verdades de sempre sobre o pecado, o inferno, os castigos, o juízo divino, a condenação eterna da alma, a castidade, a cruz, a santidade dos sacerdotes e leigos, sobre a única e verdadeira Igreja de Cristo etc, então o que se pode esperar das pessoas em geral senão a busca desenfreada pelo ser, pelo ter e pelo prazer?
    Que Deus lhe abençoe e Nossa Senhora lhe proteja sempre!

  18. No Natal de 2012 o venerável papa emérito Bento XVI demonstrou sem meias palavras a total rejeição ao suposto “casamento” gay, levando a mais altos patamares de refutação.
    Assim, Bento XVI denunciou o que descreveu como “pessoas que manipulam o gênero dado por Deus para adaptar suas opções sexuais”, destruindo a “essência do ser humano” no processo e fez os comentários em seu discurso anual de Natal para os agentes administrativos do Vaticano, uma das falas mais importantes do ano, que ele dedicou neste ano à promoção dos valores familiares.
    Durante o discurso, Bento citou o rabino chefe da França ao dizer que a campanha para conceder direitos de casamentos aos homossexuais era “um ataque” à família tradicional composta de pai, mãe e filhos; destemido, como sempre, dava o “nome aos bois”.
    Nesse discurso, também incluiu denúncias ao casamento entre pessoas do mesmo sexo em sua mensagem de paz divulgada recentemente, quando disse que o casamento gay, assim como o aborto e a eutanásia, eram uma ameaça à paz mundial.
    Aí está, Pedro, fique firme, não vacile, para v se alicerçar doravante, assim como nos anteriores a ele dos quais nem se vislumbra pactuar com o homossexualismo, os quais sempre duramente o condenaram; jamais os homossexuais; cabe-o somente ao justo Juiz, Deus.
    Quanto a padres dizerem que relações sexuais entre homens não constituem gravíssimos pecados, relativizaram-se, no mínimo; seriam infiltrados na Igreja, (de)formados em seminarios socializados, eu os evitaria o quanto pudesse, ou se à falta de outro, nada lhes perguntaria, já que atuariam sob as previsões de N Senhora, constantes em La Salette outras idem profecias.

  19. Caro amigo, unimo-nos em oração por você e por todos os que sofrem este flagelo. Todos temos nossos “espinhos na carne” e sabemos o quão difícil é a vida do homem sobre a terra!
    Não desanime!
    Sugiro que você leia e pratique as indicações do livro do psiquiatra Gerard Van Ardweeg “A batalha pela normalidade sexual” da Editora Santuário. Vai ser muito útil.

  20. “…Nem todos são capazes de compreender o sentido desta palavra, mas somente aqueles a quem foi dado. Porque há eunucos que o são desde o ventre de suas mães, há eunucos tornados tais pelas mãos dos homens e há eunucos que a si mesmos se fizeram eunucos por amor do Reino dos céus.” (Evangelho segundo São Matheus 19, 11-12)

  21. PEDRO! Corajoso! JESUS te ama! Creia nisso! Amém!

    Não se culpe por ser assim! Ofereça em oblação a sua Castidade,para DEUS! Ore.Ore o Santo Rosario Mariano todos os dias, entregando-se a MISERICORDIA DIVINA e também rezando por todos os que sofrem como você! Não fique pensando muito nesse seu problema. Ocupe-se muito com trabalhos,( até mesmo trabalhos praticos, manuais), tarefas domésticas que demandem esforço fisico, estudos, Cursos, um Esporte. Mantenha-se ocupado. Faça caminhada todos os dias!

    Fuja das ocasiões de queda, de filmes, novelas, revistas, shows, locais , companhias, assuntos etc sobre homossexualismo. Fuja de comer carne vermelha, e de beber alcool! Prefira comidas “light”: verduras, frutas, legumes, peixe, frango. Nada de comidas pesadas!

    Não propague seu sofrimento! Você NÂO é o único homem que passa por isso! Seja silencioso. OK?

    Procure algum tratamento na Psicologia,mas tenha cuidado com o tipo de Psicologo que irá lhe tratar….Procure um PSICOLOGO CRISTÃO! NÂo aceite “conselhos” que lhe levarão para longe da EUCARISTIA diária!
    COMUNGUE todos os dias! Confesse-se toda vez que se sentir tentado, fraco, ou quando cair! Procure sempre se manter em abstinencia sexual, ou seja : casto! Ninguém morre por não ter isso!

    Frequente um GRUPO DE ORAÇÃO; faça ADORAÇÃO AO SANTISSIMO SACRAMENTO, pelo menos uma vez por semana; reze a VIA-SACRA! se possivel duas ou, tres vezes por semana.

    Dedique-se a uma causa Humanitária: pode visitar doentes em Hospitais, por exemplo e ler para eles o Evangelho, ou algo que os eleve! que lhes alegre! Faça algo de bom para o proximo, e esqueça que tem um problema.OK?

    Desculpe-me eu te dizer isto: mas poderias procurar ajuda de um Padre especializado em Exorcismos, e também um médico Endócrino que trata de problemas hormonais. Vale tudo de certo e bom, tentarmos, quando se quer solucionar um problema que nos angustia!

    DEUS te abençôe! DEUS te conforte! DEUS te livre do todo o mal! NOSSA SENHORA TE guarde!Vou orar por você também. Boa sorte e…..Coragem, JESUS venceu o mundo! e, ELE nos ama , e quer todos perto DELE! PAZ e BEM, PEDRO !

  22. Mesmo considerando a crise atual, e nem de longe querendo diminuí-la, tenhamos claro que entrada no céu requer luta com “temor e tremor”, é um caminho árduo, difícil, estreito e longo. Nosso consolo é porque constitui um caminho seguro, já conquistado por Cristo. É vitória certa, mas precisamos lutar.

    Pedro, quem lhe dá os parabéns é o próprio Cristo. Não está longe do reino dos Céus!

  23. Faço minhas as palavras da Maria e já segui a sua sugestão rezando uma Ave Maria, todavia pessoas como o Pedro merecem muito mais, pelo que os terei presentes no Santo Rosário. Um abraço Pedro desde Lisboa e que o amor ao Senhor e aos seus ensinamentos o guie sempre.

    Ontem publiquei o seguinte tweet “Quando muito se analisa corre-se o risco de entrar em diálogo com Satanás. Há valores humanos e cristãos em que nada há a acrescentar.”
    Bem-haja!

  24. É mesmo difícil acreditar que existam pessoas como o Pedro, do post desabafo. Que raridade de caridade. Entendi todo seu sentimento, e pode ter certeza Pedro , sem demagogia ,que colocarei seu nome no meu Terço. Acho que devemos rezar por todos, mas sem dúvida é mais que obrigação sentir um irmão tão próximo já angustiado como o que o Papa pode fazer.

    Eu não tenho essa tendência, mas acredito sem dúvida que você deva sofrer com ela, sobretudo se desse corda aos sentimentos. Mas ler que você usa isso com sua Cruz e procura a castidade , na minha opinião é de um valor inestimável amigo que realmente somente Deus poderá recompensá-lo.

    Além de tudo, ainda tem forças e Fé para dar o bom exemplo a todos os leitores, independente de serem heterossexuais ou não. B|ons exemplos servem para todos.

    Do fundo do meu coração, Pedro, desejo imensamente que Deus possa te manter assim, pois o Céu , como você mesmo disse que muitos não acreditam, querem pessoas assim, que carregam suas Cruz.

  25. Ele não é o Anticristo, é apenas alguem que “pode” precedé-lo. Se aprovarem o casamento de homosexuais na igreja não terei mais dúvida, ele é falso mesmo. Agora, enquanto nós ficamos esperando a hora da revelação que pra mim já foi suficiente essa polêmicas, pessoas como o Pedro sofrem com o que estão querendo fazer. Seu sacrifício é muito bem acolhido por Deus, você resistiu a armadilha mais inteligente que o demônio armou, a confusão na mente. O problema é que na maioria das escolas(sou prova disso) os jovens até crianças já ficam todos assim quando falam de sexo e talz e isso, envolve tanta coisa. Que digo pra vocês, já fui viciado na maldita pornografia já, mas por causa da minha inocência acabei caindo na época. O que o demônio tá usando como alvo são as crianças(percebam que nos estados unidos estão querendo aprovar relações sexuais de crianças). Porque até aos 7 anos elas são puras e ganharão céu, mas depois que ela fica consciente perde esse dom. Pedro reze para São Miguel e São bento, você deve ser um dos alvos preferidos do mal, cuidado com as pessoas que podem te cercar, esse penúltimo ataque do mal pode ser o mais forte em breve e provavelmente ele vai apelar para a homossexualidade sim. Então resista, não deixe de rezar e fique atento, o mal usa de muitas armadilhas para nos enganar! Colocarei seu nome nas 15 orações que rezo de Santa Brígida.

  26. PEDRO!

    Esqueci-me de te dar outras sugestões!!

    Tenha músicas GREGORIANAS em teu quarto, em tua casa! Ouça-as quando se sentir triste, tentado ou sofrendo! e, até mesmo, coloque-as baixinho, ao dormir! Imediatamente voce se acalmará! É certo!
    Tenha um CRUCIFIXO bento, na parede de seu quarto!

    Seja devoto de SAO MIGUEL ARCANJO! Reze as orações dele! Faça a QUARESMA DE SAO MIGUEL, que é de 15 de Agosto até 29 de Setembro! Nessa época, rezamos o ROSARIO DE SAO MIGUEL, a ORAÇAO DE EXORCISMO e a CONSAGRAÇAO A SAO MIGUEL, e a LADAINHA DE SAO MIGUEL ,…todos os dias! oK?

    Compre um CD com o OFICIO MARIANO- o OFICIO DE NOSSA SENHORA e tenha perto de sua cama. Ouça-o e reze com ele todos os dias! É tiro e queda! Podes comprar o TERÇO MEDITADO em CD, também!

    E, ao sentir tentações, invoque o SANGUE DE JESUS, e reze a Jaculatoria: “O MARIA CONCEBIDA SEM PECADO ROGAI POR NOS QUE RECORREMOS A VOS!” Asperja-se com água benta! Não tenha vergonha, não!

    Seja devoto de SAO JOSE, NOSSA SENHORA, SAO MIGUEL ARCANJO, teu SANTO ANJO DA GUARDA e do SANGUE DE CRISTO! Reze também para o ESPIRITO SANTO!

    É..irmão! …….é uma BATALHA ESPIRITUAL que voce enfrenta, aliás todos enfrentamos, de diversos tipos, e voce deve lutar também, com as orações! OK?

    Use, discretamente, uma Medalha MILAGROSA de NOSSA SENHORA DAS GRAÇAS. OK? Ande com um vidrinho de água benta na sua mochila, e um TERÇO MARIANO, também! Compre um daqueles vidrinhos de “spray”,para perfumes,…sabe? e, encha de agua benta! Aprendi nos livros de SANTA TERESA d”AVILA! é ótimo!

    Felicidades! Santidade! Coragem! DEUS te guie! Amém!

    • Parabéns Pedro, que Deus te guarde, meu irmão, nessa sua caminhada. Perseveremos todos juntos com nossos espinhos e um dia, com a graça de Deus, espero que nos encontremos no céu, se o Senhor assim, nos julgar merecedores de estar com Ele.

      Mariana, amei seu (seus) comentário, achei até engraçado. Ofereceste todas as armas necessárias para que possamos perseverar na fé em direção a Deus. Que Deus abençoe a todos, agradeço a Jesus por ter encontrado esse Site e pessoas que querem ser católicos verdadeiramente.

  27. Coragem, Pedro, Eu venci o mundo, disse Jesus. Se Seus quiser, e Ele quer, essa inclinação vai passar.

    Inclinação para o sexo oposto, todos nós temos e muitos se abstêm da prática (fora do matrimônio) por amor ao mandamento de Deus. Reze pelos padres que lhe dizem que a prática homossexual não é pecado. Ora, se a prática do sexo com o oposto, fora do matrimônio, é pecado por que o homossexualismo não seria, que inclusive é antinatural? Pode ser que o padre tenha dito que a inclinação não é pecado. Se foi isso que ele disse, acertou.

    Você me parece uma pessoa que estuda a doutrina católica. Continue. Para seu conforto espiritual vou-lhe lembrar um ensinamento de Jesus, mesmo sabendo que você já o conhece. “Há eunucos que nasceram assim do ventre de sua mãe, há eunucos que os homens o fizeram tais e há eunucos que a si se fizeram eunucos por amor do reino de Deus”

  28. O que o Papa disse e o que o Papa não disse, eis suas próprias palavras:

    “Os Estados laicos querem justificar as uniões civis para regular diversas situações de convivência, impulsionados pela exigência de regular aspectos econômicos entre as pessoas, como por exemplo assegurar a assistência de saúde. Trata-se de pactos de convivência de várias naturezas, dos quais eu não saberia elencar as diversas formas. É preciso ver os diversos casos e avaliá-los na sua variedade.”

    Longe de repetir o ensino da Igreja que condena qualquer reconhecimento do Estado em relação as uniões civis gays, o Papa diz que é preciso ver os diversos casos e avaliá-los na sua variedade.

    Avaliá-los para que, pergunto eu, para se chegar a uma conclusão diferente da que já foi dada pelo magistério? Se não, porque não repetir o que já já foi determinado sobre o assunto?

    Aí nós vemos o porque desse Papa receber premiações de revistas gays.

    Outra, dizer que o Papa quer estudar as uniões gays para descobrir as razões pelos quais alguns estados legalizaram as uniões civis homossexuais, a mim não passa de um método para lançar o debate na Igreja e permitir que os ‘Kaspers’ da vida lancem opiniões contrárias ao magistério.

    A Igreja cheia de problemas e as preocupações dessa Papa são aquelas pelos quais o Magistério já deu um resposta. Bons tempos o de Bento XVI em que a principal preocupação era a sagrada liturgia.

  29. Pedro o mundo precisa de mais Pedros. Como és feliz com estas respostas e avalanche de orações. São José foi o castíssimo esposo da sempre Virgem Maria, dia 19 é a festa Dele. A Mãezinha fica feliz quando pedimos a interseção de São José. Eu acredito que São José está no céu ao lado de Maria Santíssima. Pedro receba a benção Especial e Materna da Gospa Maria Rainha da Paz. Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.

  30. Caríssimo Pedro , é por causa de irmãos como vc que eu me orgulho de ser um membro do ÚNICO CORPO MÍSTICO DE JESUS , A IGREJA CATÓLICA , CUJA CABEÇA É O PRÓPRIO CRISTO !
    Reze clamando que as luzes do ESPÍRITO SANTO POR MEIO DO IMACULADO CORAÇÃO DA VIRGEM MARIA venham lhe iluminar e lhe dar sabedoria para enxergar nas entrelinhas desta entrevista o verdadeiro objetivo do Papa !
    Continue fiel , e vc verá que a sua fé na Igreja está sendo provada em mais uma etapa neste TENEBROSO VALE DA SOMBRAS (SL 22) !
    Fique firme e tenho certeza que vc passará para a próxima etapa com a FÉ mais fortalecida do nunca , para encarar os desafios da próxima etapa !
    Pois afinal , o que é a vida do Católico ?
    É vencer , esse longo e extenuante caminho , uma etapa após outra , das provações de FIDELIDADE E DE FÉ NA IGREJA VERDADEIRA , dia após dia , até a vitória final ; quando os frutos agradáveis à DEUS dessa nossa perseverança serão, pelas mãos da VIRGEM MARIA , apresentados à JESUS que assim nos acolherá no TRIUNFO ETERNO !
    Deus lhe abençoe muito Pedro !
    E obrigada por vc ser Católico !

  31. Rezarei por você, Pedro, e por todos os que buscam carregar sua própria cruz, pois todos temos uma cruz para carregar, e que as forças do mundo tentam torná-la mais pesada. Rezemos também pelo papa, porque a cruz dele parece ser a de querer agradar ao mundo mais do que a Deus e de com o mundo tornar as cruzes dos católicos ainda mais pesadas.

    Num dia surge a notícia de que Francisco se agrada com a “teologia de joelhos” do cardeal Kasper, para dar a Comunhão a recasados com condições que não incluem largar o adultério, e noutro dia surge a de que o papa quer estudar o porquê da legalização do “casamento” gay em muitos países, sem ser para conseguir uma solução ortodoxa para o problema. Se Bergoglio não quer mudar as Doutrinas da Igreja, ele não tem que criar a falsa espereça de que a Igreja vai mudar em muitos que poderiam buscar o matrimônio e formar uma família, e agora podem pensar que não importa mais o casamento e cair no pecado da fornicação ou do adultério, nem nos homossexuais que poderiam buscar uma vida casta, e que podem agora cair no gravíssimo pecado do homossexualismo, pela omissão do clero, que, em linguagem bíblica, se prostitui com o mundo e não mais defende o rebanho de Cristo, não mais combate as ciladas do demônio para proteger a Igreja! Antes desse sínodo, muitas pessoas em segundas uniões já recebiam a Eucaristia, agora certamente o número aumentará. Depois daquela entrevista que Bergoglio disse “quem sou eu para julgar” isto aconteceu: http://rorate-caeli.blogspot.com/2014/03/who-am-i-to-judge-pope-francis-t-shirt.html e pode acontecer coisas mais graves.

    Rezemos também pelo papa e por todo o clero prevaricador, para que eles tenham a mesma coragem do Pedro e busquem carregar a sua cruz sem largá-la para se misturarem ao mundo, porque se o clero peca e se perde, muitos que poderiam se salvar, com um clero santo, podem ser perdidos levados pelo clero!

  32. João Miguel,

    Perfeita sua colocação. Pedro, conte com minhas orações.

  33. Pedro, que Deus seja louvado pela sua vida!
    Sempre incluirei você em minhas orações.
    Infelizmente homossexualismo virou moda, mas é um assunto muito sério e destrói as famílias e vai de encontro ao que Deus assim criou.
    Pegue sua cruz e carregue. Não é fácil.
    Que Deus esteja sempre contigo.

  34. Nosso Senhor dá a cada um a cruz que lhe convém arrastar.
    Feliz de quem a leva com paciência, porque ter a tendência homossexual imediatamente fecha todas as portas: do sacerdócio (em lugares sérios), em mosteiros e conventos, fora que a paternidade por vias lícitas está vedada, ou o matrimônio. A tendência homossexual torna o agraciado como um pária, o que sobrenaturalmente pode ser fruto de muitas graças, afinal não existe cristão sem cruz.
    Mas ninguém jamais disse que seria fácil; basta que qualquer um se imagine a cada dia impossibilitado de dar um rumo a sua vida. O que seria de nós olharmos para nossos semelhantes e vê-los casando, entrando em mosteiros, se ordenando, se se a nós fosse vedado tal caminho? Tentemos nos colocar no lugar dos outros.Seria uma vida de solidão e um futuro incerto; se tivéssemos filhos assim, quão apreensivos estaríamos com o futuro deles?
    E a própria castidade, à qual todos são chamados e os solteiros de maneira ainda mais particular… Com o porém que muitos solteiros heterossexuais não teriam impedimentos neste sentido, e mudar de estado civil, caso encontrassem um(a) companheiro(a). E para os que são homossexuais? Realmente, feliz é quem não sucumbe, e ainda mais feliz é quem abraça esta cruz e dela não solta, já que Deus permitiu que tal dilema caisse sobre tantos e tantos ombros. Mas em meio a isso tudo encontrar no clero um convite a se conformar com o mundo… Só Deus tendo misericórdia de todos, especialmente dos que querem entregar os pontos, porque ainda ontem eu vi uma publicação americana de vários gays e lésbicas vestindo camisas com a foto do papa Francisco e a inscrição “quem sou eu para julgar?”.
    De Profundis…

  35. Pedro que Nossa Senhor Jesus Cristo e Sua Mãe Maria Santíssima o abençoe e fortaleça !

    Leia o Tratado da Verdadeira Devoção à Santíssima Virgem Maria e se torne um dEla , você terá mais forças para lutar contra a sua tendência homossexual e se tornará menos penosa a você luta . Está é a forma mais fácil de se salvar . Reze muitos rosários , o Rosário é o penhor da salvação de todos os católicos . E confie , a doutrina da Igreja é imutável . Se o Papa Francisco é bom ou mau , só Deus sabe , cabe a nós obedecê-lo no que nos compete e rezarmos por ele . Confie muito em Nosso Senhor e em Sua Mãe Santíssima e tenha um devoção especial por São José ( peça a ele a graça da castidade) e por São Miguel (reze a ele para te livrar dos embutes demoníacos) . E se possível participe do Santo Sacrifício diariamente , faça a lectio divina .Leia bons livros : como a Imitação de Cristo . E uma das coisas mais importantes , tenha um bom e santo diretor espiritual , que seja firme na doutrina e de moral ilibada.

    In Corde Iesu et Mariae

    • Corrigindo : Nosso Senhor Jesus Cristo

      Escrevi pensando na Virgem Maria =D

      Tudo por Jesus , nada sem Maria!

    • Caro João Paulo , SALVE MARIA !
      Muito me alegra o seu comentário , pois no próximo dia 25 estarei renovando pela décima vez os meus votos de escravidão à Virgem Maria pelo método de São Luís de Montfort por meio do TRATADO !
      Defendo que todo Católico deveria conhecer esta obra do Altíssimo que nos foi presenteada por meio deste Santo Sacerdote e cabe a nós que a conhecemos divulga-la como vc muito bem acaba de fazer !
      Parabéns , espero que o coração do Pedro acolha imediatamente este seu convite como um recrutamento pessoal da Virgem Maria !

  36. Luiz Fernando de Andrada Pacheco, rezo por mim e rogo que você também faça o mesmo.

    Se Nosso Senhor permite nós dois podemos chamar qualquer um de herege, possessa e protestante, até de Anticristo o próprio papa.

    Todavia, salvo melhor juízo, acredito que você não tenha o dom da onisciência para saber se o Santo Padre é o Anticristo, então, já que é uma opinião pessoal, e portanto particular, é necessário que tenha mais cuidado ao proclama-la, aliás, a partir do momento que a veicula és responsável pelos efeitos dela também.

  37. “Trabahai pela vossa salvação com temor e tremor”.
    A falta de apoio e clareza vinda de quem deveria vir é só mais um espinho nessa coroa que Deus reservou (cada tem a sua, com os seus espinhos, mas todos tem; alguns mais outros menos). Por algum motivo que não nos cabe conhecer claramente (mais um espinho) isso é justo e necessário, e pode se converter em algo bom (isso é um consolo).
    Por fim, a solução é repetirmos o que foi dito por São Pedro: “A quem iremos, Senhor? Só tu tens palavras de vida eterna”.

  38. Estranho, muito estranho… até o momento não encontrei nenhum comentário de um religioso (padre, freira, irmão, bispo…) sobre esse testemunho-confissão do Sr. Pedro…

    Todavia, deparei-me com o comentário favorável do Padre MANUEL MONROY LOPEZ
    11 março, 2014 às 3:11 pm sobre o tema da Teologia da Libertação: “Um herói (marxistoide) no Vaticano”, a saber: “Os senhores são gravemente venais, agora denigrem do cardeal Muller, outrora o exaltam. Como doe para o senhores que a Igreja avance no seu amor pela libertação dos pobres. Padre manuel Monroy Lopez”

    Sinto-me, às vezes, como ovelha sem pastor.

    Vem Senhor Jesus! Há tantos sinais: apostasia na Sua Igreja, rumores de guerras, terremotos…

  39. Deus te abençõe irmão Pedro, e a todos, sejam por quais razões, sofrem, estão em caminhada, buscando apoio, graça e bençãos divinas! Deus abrace com sua misericórdia todos aqueles que o buscam com fé.

  40. Caríssimo irmão,
    Corajoso Pedro,
    Salve Maria!

    Conforme o pedido da Maria (1) comentarista do Fratres, uma Ave Maria já foi rezada, a primeira de muitas que colocarei em suas intenções nos próximos Rosários que eu rezar.

    Saiba que aqueles a quem Deus mais ama são aqueles a quem mais Nosso Senhor prova, purifica e santifica!

    Deixarei abaixo o caminho da MAIOR ARMADURA ESPIRITUAL que nos foi dada pela misericórdia de Nosso Senhor: A TOTAL CONSAGRAÇÃO À SUA IMACULADA MÃE, SANTA MARIA, MÃE DE DEUS.

    Para realizar a Consagração, procure a Fraternidade Arca de Maria e o Padre Rodrigo Maria. Ou o Padre Paulo Ricardo, que possui aulas maravilhosas em seu site e está preparando a consagração de 2014.

    Que Nossa Senhora o abençoe com suas graças repletas de Amor em Cristo!

  41. Pedro, se você quer mesmo o “sólido ensinamento da Igreja” nessa matéria, aqui vai uma sugestão: Romano Amerio, Iota Unum- Capítulo IX-98

    “97. FILOSOFIA DA MODÉSTIA . VERGONHA DA NATUREZA
    Longe de ser um fenômeno social temporário e em vias de extinção ( redutível à psicologia e sociologia) o pudor é um fenômeno que atinge a base metafísica do homem e deveria ser estudado tanto pela antropologia como teologia.
    O pudor constitui uma espécie de vergonha: a vergonha que envolve principalmente matéria de ordem sexual. Vergonha é o sentimento que acompanha a percepção de um defeito, e como o defeito pode estar na natureza ou na pessoa, existe uma vergonha que é natural e outra que é moral.
    A natureza tem vergonha de suas próprias deficiências porque toda a natureza quer viver de acordo com o padrão de perfeição original, e se por alguma falta inata ou adquirida ela foge do padrão ideal, imediatamente ela percebe o defeito e essa percepção é acompanhada de um profundo constrangimento.
    E uma vez que a natureza só tem existencia real no indivíduo, e com ela seus defeitos, ocorre que a vergonha natural pelo defeito se torna igualmente a vergonha do indivíduo defeituoso.
    Alguns poderiam argumentar que o indivíduo não tem culpa e não pode se envergonhar dos defeitos de sua própria natureza. Mas tal objeção é superficial. Não importa que a pessoa não seja culpada pelos defeitos da natureza, pois é a própria natureza do indivíduo que o leva a se envergonhar do defeito que ele carrega. E os fatos mais comuns da vida o comprovam.
    Ninguém em sã consciência se vangloria ou é indiferente ao fato de ser corcunda, manco ou cego. Ninguém considera esses defeitos como algo normal nos outros e muito menos em si mesmo, por mais que alguém tente lhe convencer do contrário. Dizer que a pessoa não tem culpa por tal defeito não atenua o fato de que o defeito continua lá, nem tampouco serve pra evitar o constrangimento que a natureza sofre por causa disso.
    Por esta razão, é notável a dor e o constrangimento que o homem experimenta por causa de sua própria condição mortal que é o defeito mais radical da natureza humana, pois o ser humano foi criado pra imortalidade, pra perfeição, à imagem e semelhança de Deus.
    Vergonha é algo metafísico, pois é o desprezo pela destruição de um ser cuja estrutura original rejeita a morte, é a indignação por um defeito que não pertence ao indivíduo como tal, mas à sua natureza. O homem não se envergonha do fato de não possuir asas(não ter asas não é um defeito para ele), mas sofre por não ser imortal já que a mortalidade é um defeito.
    A profundidade do fenômeno da vergonha se manifesta até involuntáriamente. O ser humano pode corar por vergonha de si próprio ou de outros. Mesmo a contragosto, seu rosto se rubroriza. Não é a pessoa que se envergonha, mas a natureza da pessoa . A testa enrugada e rosto impassível são sinais de tristeza em povos de todas as raças.
    Mas muito mais profunda do que a vergonha da natureza é a vergonha de caráter pessoal, já que essa é causada por uma falha moral da própria pessoa. Essa é muito mais grave porque já não diz respeito a um mero sentimento ou inclinação, mas algo que a consciência detecta e detesta como um defeito voluntário do qual o próprio indivíduo é o único culpado.
    O fenômeno da vergonha tem um significado ainda mais profundo quando ele é analisado teologicamente A Libido é a mais devastadora forma de desobediência que opera na natureza humana desprovida de harmonia por causa da desobediência do pecado original. Apesar de não ser considerada como pecado em si, a concupiscência é o sintoma mais óbvio do estado decaído em que o homem pecador se encontra”.

    ******************************

    Aí está a base teológica pra você entender a origem das suas más inclinações, a vergonha natural que você sente por elas e a partir do conhecimento, buscar as armas que o próprio Cristo lhe deu para combatê-las e vencê-las.
    Todos nós deveríamos entender que assim como a febre é o sintoma de que uma doença mais profunda está em ação, a vergonha natural por nossas más inclinações e a vergonha moral que perturba nossa consciência quando damos vazão à essas más inclinações são sintomas claros de nossa natureza pecadora.
    Por isso o Apóstolo Tiago escreveu:

    “Ninguém quando é tentado diga que foi Deus que o tentou. Cada um é tentado pela sua própria concupiscência, que o atrai e alicia.
    A concupiscência, depois de conceber, dá à luz o pecado; e o pecado, uma vez consumado, gera a morte. (São Tiago 1, 15)

    Você não é o único a sofrer por não fazer o bem que deseja mas o mal que não deseja, lhe atrai. Em cada um de nós a corrupção do pecado original criou um “monstro diferente”. São Luis de Montfort descreve isso claramente no Tratado à Verdadeira Devoção.
    Alguns tem uma fraqueza pelas drogas, outros pela bebida, outros pela mulher do próximo e outros pelos bens alheios. Há quem coçe os dedos quando se vê diante de uma máquina registradora, outros que na área sexual são acometidos por uns apetites bem estranhos.
    O grande problema com o homossexualismo é que insuflados por Satanás, muitos dos que sofrem dessa má inclinação se tornaram cegos de orgulho e assim como os habitantes de Sodoma erram sem conseguir achar a porta.
    O que estamos assistindo atualmente com esse “lobby dos Sodomitas” é um assalto do inferno às famílias e instituições: “zombam da fé os insensatos, erguem-se em vão contra o Senhor”!
    Nunca houve nada igual na história da humanidade pois nem ladrões saem às ruas dizendo que se orgulham de seus roubos e reinvindicando coletes a prova de bala pra roubar com segurança, nem o bêbado, o drogado ou a prostituta se orgulham do estado lamentável em que se encontram. Orgulho é o início da queda.
    Coragem! Cristo venceu o mundo. Ao contrário de Bergoglio, João Paulo II tem uma mensagem muito positiva pra todos aqueles que travam um combate diário contra suas próprias concupiscências:

    “«Seria um erro gravíssimo concluir (…) que a norma ensinada pela Igreja é em si própria apenas um “ideal” que deve posteriormente ser adaptado, proporcionado, graduado — dizem — às concretas possibilidades do homem: segundo um “cálculo dos vários bens em questão”. Mas, quais são as “concretas possibilidades do homem”? E de que homem se fala? Do homem dominado pela concupiscência ou do homem redimido por Cristo? Pois é disso que se trata: da realidade da redenção de Cristo. Cristo redimiu-nos! O que significa que Ele nos deu a possibilidade de realizar toda a verdade do nosso ser; Ele libertou a nossa liberdade do domínio da concupiscência. E se o homem redimido ainda peca, não é devido à imperfeição do acto redentor de Cristo, mas à vontade do homem de furtar-se à graça que brota daquele acto. O mandamento de Deus é certamente proporcionado às capacidades do homem: mas às capacidades do homem a quem foi dado o Espírito Santo; do homem que, no caso de cair no pecado, sempre pode obter o perdão e gozar da presença do Espírito».164

    104. Neste contexto, abre-se o justo espaço à misericórdia de Deus pelo pecado do homem que se converte, e à compreensão pela fraqueza humana. Esta compreensão não significa nunca comprometer e falsificar a medida do bem e do mal, para adaptá-la às circunstâncias. Se é humano que a pessoa, tendo pecado, reconheça a sua fraqueza e peça misericórdia pela própria culpa, é inaceitável, pelo contrário, o comportamento de quem faz da própria fraqueza o critério da verdade do bem, de modo a poder-se sentir justificado por si só, mesmo sem necessidade de recorrer a Deus e à Sua misericórdia. Semelhante atitude corrompe a moralidade da sociedade inteira, porque ensina a duvidar da objectividade da lei moral em geral e a rejeitar o carácter absoluto das proibições morais acerca de determinados actos humanos, acabando por confundir todos os juízos de valor”.
    (Veritatis Splendor)

    http://www.vatican.va/holy_father/john_paul_ii/encyclicals/documents/hf_jp-ii_enc_06081993_veritatis-splendor_po.html

    • Gercione Lima ,
      excelente publicação , obrigada por esta vital referência bibliográfica , que, nestes tempos de abundantes trevas , serve para todos nós !

  42. O que alguns fratres expuseram acima é justamente a chave de resposta para o drama não só do Pedro ,mas de todos nós católicos: a cruz, a sua aceitação e a confiança nas palavras de Nosso Senhor Jesus Cristo.

    “Se alguém quer vir após mim, renegue-se a si mesmo, tome cada dia a sua cruz e siga-me. Porque, quem quiser salvar a sua vida, perdê-la-á; mas quem sacrificar a sua vida por amor de mim, salvá-la-á. Pois que aproveita ao homem ganhar o mundo inteiro, se vem a perder-se a si mesmo e se causa a sua própria ruína?” (Lucas 9:23-25)

    Os cristãos com tendências homossexuais têm uma grande cruz, sem dúvida, especialmente, porque hoje em dia há uma campanha tremenda para que todos “saiam do armário”, até mesmo quem tem dúvida ou não está dentro do tal armário. Para o mundo, tudo é válido, o importante é experimentar ou “não ter preconceito”. Em alguns países nórdicos, como a Suécia, por exemplo, as crianças já são educadas para o bissexualismo desde cedo.

    Mas nós temos a Revelação, as palavras de Jesus, dos Apóstolos, de Maria Santíssima e dos santos. Sabemos que e via e estreita. Sabemos que o mundo é um dos três grandes inimigos da nossa alma. E em meio a tantas dificuldades temos o nosso doce e amado Jesus a nos consolar dizendo “Vinde a mim, vós todos que estais aflitos sob o fardo, e eu vos aliviarei. Tomai meu jugo sobre vós e recebei minha doutrina, porque eu sou manso e humilde de coração e achareis o repouso para as vossas almas. Porque meu jugo é suave e meu peso é leve.” (Mateus 28-30)

    No caso das pessoas com tendências heterossexuais a cruz pode ser outra, mas nem por isso será leve. Nosso Senhor dá a cada um a cruz que for melhor para a sua purificação e santificação, conforme alguém já disse acima. Aos solteiros jovens dizem em muitos lugares católicos que se deve esperar “até o matrimônio”. Porém, pode ser que essa pessoa nunca venha a se casar, nunca venha a experimentar o amor humano conjugal em toda a sua plenitude. Ao contrário dos religiosos e sacerdotes, que escolhem e aderem à sua vocação por vontade própria, muitos fiéis leigos sofrem a cruz da falta de uma família e da realização conjugal sem escolha própria. Como cristãos, devemos olhar as coisas com o olhar sobrenatural. Só Nosso Senhor sabe qual a cruz é a melhor para cada um de nós e muitos demoramos anos e décadas para percebê-la.

    Que Nosso Bom Deus nos ajude a todos a carregarmos a nossa cruz com paciência e amor confiando sempre em Jesus e amparados em sua Santíssima Mãe. E, por que não, contando com a intercessão do glorioso São José, cujo dia festivo se aproxima?

  43. Meu caro, porque você se despede dizendo que o pecado dele não é diferente do pecado de qualquer um? É ridículo, pois atualmente a Igreja não considera ser gay como pecado (talvez fosse na época em que não se conhecia do que se falava), não ha como ele estar pecando se ele está justamente falando de sua cruz ao SER homossexual; caso contrário seria impossível a salvação para um homossexual. Tá errado!
    Pela ignorância nos posts aqui, pela caridade que se é pedida aos homossexuais q lutam com vocês, o mínimo seria estudar o que é ser homossexual, mas perguntando para um homem ou mulher homossexual, como isso se passa na vida deles. Isso consertaria a forma errada de pensar de muito tradi-bitolado que só se dá o trabalho de condenar e opinar baseado em suas vãs ideologias, antes de ouvir como Nso. Senhor Jesus Cristo Sempre fez.

    • Anderson ,
      ser homossexual não é pecado , mas sim praticar o homossexualismo !

    • Onde exatamente está escrito que a Igreja não considera mais o homossexualismo um pecado, Anderson? Em que documento? O que o padre de sua paróquia TL diz não é a palavra da Igreja, mas trevas. Vc confunde caridade com simpatia. A caridade maior é sempre com o bem da alma. Sexo fora do casamento É PECADO, como pode não ser pecado o sexo entre dois homens ou duas mulheres (ou mais de dois)? Nem a Igreja nem a lógica dão amparo a suas tolices.

  44. Parabéns, Pedro. Por seu posicionamento e por sua fé. E parabéns também por ter conseguido fazer esse povo tradicionalista do Fratres mostrar realmente uma cara bem fraterna. Aquela que todos aqui no fundo temos, mas que por aqui quase não é mostrada.

    Pra ti, proponho apenas que pense sempre o seguinte: quem é mais vitorioso? quem assume uma postura que o mundo as vezes rejeita ou quem luta consigo mesmo e contra tudo que for preciso, pra assumir a postura que Deus pede? Continue sendo um vitorioso, de verdade. Não de mentirinha como insentivam por aí. Parabéns mais uma vez.

  45. “E parabéns também por ter conseguido fazer esse povo tradicionalista do Fratres mostrar realmente uma cara bem fraterna. Aquela que todos aqui no fundo temos, mas que por aqui quase não é mostrada.”

    E pode ter certeza, Teresa, que essa ‘cara fraterna’ que você julga que quase não é mostrada, de fato não seria mostrada caso o leitor exigisse que a Igreja aprovasse sua tendência homossexual e legitimasse os atos libidinosos que muitas pessoas com essa tendência infelizmente praticam.

    Tradicionalistas são assim. Aplaudem e elogiam a virtude. Denunciam e recriminam o vício e a heresia.

    Cara fraterna ao vício e ao erro não é mais do que sem sem-vergonhice e cinismo.

    Desconfie daqueles que se fazem de afetados quando um tradicionalista mostra reprovação para certas atitudes. No fundo não passa de um individuo que aprova o ato condenado.

  46. Obrigado Pedro!

    Como alguém que também sente tudo isso, e que cresceu na maturidade de entregar tudo em desagravo ao Sagrado Coração de Jesus e Imaculado Coração de Maria, fico feliz por sua entrega a Deus, e por ver mais pessoas nessa luta tão mal compreendida.
    Só quem sente sabe o quanto isso é difícil, e agradeço a muitos por terem a caridade de entender que não somos do mundão, e estamos lutando, assim como qualquer católico fiel.

    Caso as pessoas não saibam, existe o apostolado Courage aqui no Brasil, ligado à Igreja Católica Apostólica Romana, que ajuda àqueles que querem buscar a santidade. Segue o link para aqueles que quiserem conhecer e indicar: http://www.couragebrasil.com/

    • Obrigada pela sua intervenção e informação, Bruno. É muito útil divulgar os trabalhos em prol dos que sofrem com a homossexualidade.

      Eu recebi ontem o link que informo a seguir, e já aprendi alguma coisa a mais, por exemplo que não devemos usar o termo “gay” pq faz parte de uma linguagem do ‘Lobby Gay” (aqui pode), para induzir as pessoas a aceitar isso como normalidade. Há mais informações úteis: http://conhecendoams.blogspot.com.br/

      Graças ao Pedro, passei a ver o assunto com outros olhos e, embora já publicasse artigos a respeito disso em meu blog, passei a estudar mais o assunto e comecei a publicar trabalhos de especialistas que realmente possam ajudá-los a suportar a cruz ou, até mesmo, a se livrar dela, pq, em muitos casos, há CURA.

      Esqueci de dizer que o mais importante é guardar a castidade e isso é possível com a oração e os Sacramentos. E Pedro é de uma coragem exemplar, um modelo para todos nós, pq nossas cruzes, seja quais forem, devemos carregá-las com serenidade e alegria até.

      Há cruzes que aparentemente são mais pesadas que outras por causa do estigma que carregam: por exemplo, como já disse, ter câncer é uma cruz, mas neste caso a sociedade se compadece da pessoa que a carrega. Já, no caso dos homossexuais – castos ou não – a sociedade costuma reprová-los “a priori”. Isso, de fato, aumenta o peso, não tem como negar. E as almas, não fim, se encontram sozinhas a carregar uma cruz que deve ser compartilhada: é isso que nos faz católicos! Sermos “fratres in unum”.

      Se quiser e precisar de mim, Pedro, estou à disposição, com orações, um bom ombro, meus humildes conselhos e o que mais que puder ser de proveito. Em meu blog tem meu email. O Fratres tb tem, caso queira ser mais direto.

      Isso vale para todos.

      Juntos em orações.

  47. Que Deus abençoe a Pedro e ao que está na Cátedra de Pedro, para que cumpra com seus deveres.

    Nos SS Corações de Jesus e Maria.