Revista “Credere”: Paulo VI será beato em 2014.

Segundo a revista dos Paulinos, a proclamação será em 19 de outubro, no fim do Sínodo dos Bispos.

Papa Paulo VIPor Vatican Insider | Tradução: Fratres in Unum.com – Paulo VI será proclamado beato em 2014, provavelmente em 19 de outubro, no final do Sínodo dos Bispos. Revelou-o a revista dos Períodicos São Paulo “Credere”, na edição que estará à venda no próximo 30 de abril. Em suas páginas, “Credere” explica que em 5 de maio os cardeais e bispos membros da Congregação para a Causa dos Santos se reunirão para confirmar o milagre atribuído à sua intercessão. E, imediatamente depois, o prefeito Angelo Amato irá se encontrar com Francisco para receber seu bom visto para a promulgação do respectivo decreto.

Depois da dupla canonização de João XXIII e João Paulo II, será elevado à honra dos altares também Giovanni Battista Montini, o Pontífice que sucedeu a Roncalli e que, entre não poucas dificuldades, conduziu a bom porto o Vaticano II, promovendo seu espírito de diálogo e pondo em prática a reforma litúrgica.

No artigo de “Credere”, assinado pelo vice-diretor Saverio Gaeta, são narrados detalhes do milagre atribuído à intercessão de Paulo VI: a prodigiosa cura de um menino que não havia nascido e que estava ainda dentro do ventre materno em 2001, nos Estados Unidos. E se realizou com a ajuda de Montini. Todos os testemunhos foram unânimes ao reconhecer que não se pode explicar cientificamente esta cura, mesma que foi confirmada oficialmente em 12 de dezembro de 2013 pela Consulta médica da Congregação para a Causa dos Santos.

Tags:

40 Comentários to “Revista “Credere”: Paulo VI será beato em 2014.”

  1. ‘Desgraça pouca é bobagem’, como fiz o velho ditado…

  2. Caros, a respeito do Papa Paulo VI segue o link de um extraordinário texto escrito e documentado pelo padre Luigi Villa:

    “Paulo VI – o Papa que mudou a Igreja”

    http://www.chiesaviva.com/441%20mensile%20port.pdf

    • Recomendo também.
      Foi esse papa que traiu Pio XII pelas costas quando era secretário dele fazendo acordos secretos com Stalin.Acordos esses embriões da Ostipolitik de João XXIII !
      Rogo a Deus que no dia dessas canonizações nos envie um sinal, bom ou mau, para dar a conhecer-nos se elas foram aceite no céu ou não.

  3. Santos a la canetada de “padre” Jorge Mario Bergoglio !

  4. Paulo VI foi um dos maiores culpados pela destruição da igreja nos últimos 50 anos. Viu de perto o prejuízo que o concílio causou à Igreja e mesmo assim não fez nada. Continuou promovendo liberais, e substituindo os conservadores. Pio XII nunca lhe conferiu o Barrete Cardinalício porque sabia das suas ideias e com quem andava, e preferiu não criar cobra. Como sábio ele era, pois 10 anos depois de sua morte, o Papa Montini destruiu a santa Missa, e substituiu por um rito anglicano muito mal copiado, ocasionando a completa derrocada mundial dos valores cristãos, e das vocações religiosas. Liberalizou a igreja, promovendo “modernizações”, muito piores das que pretendia seu antecessor. Depois dos bispos do concílio, Montini também ajudou a tirar tijolos de sustentação da igreja. Sem dúvida, deve estar sendo cobrado pelo que fez, afinal, o Purgatório serve pra isso. Rezo para que Paulo VI esteja lá.

  5. E assim, todos os papas do concílio, o mentor, o executor e o continuador, tornam-se santos da igreja. Seria cômico, se não fosse tão trágico. Nem se pode dizer que foram elevados às honras dos altares, pois eles mesmos ajudaram a demoli-los…

  6. Ele foi humilde suficiente para compreender mais tarde o que havia acontecido na Igreja. Ainda proibiu os métodos anticoncepcionais.

  7. Nesse momento tao critico para Igreja, recorramos a Nossa Senhora e a devocao mais que fundamental do Santo Rosario!

  8. O fim está próximo…

  9. Será que não tem uma vaguinha pra mim nas futuras canonizações.

  10. Já pensou: “São Paulo VI”?! rsrsrs Canonizam uns, beatifica outro, torna cardeal mais um e tudo isso pra que??? BLINDAR o Concilio a prova de balas dos questionamentos! E logo o Papa Chico dirá: “O Concílio Vaticano II foi uma inspiração do Espírito Santo a São João XXIII”.. e ai cabou-se! bal-bal tia chica! Estam BLINDANDO O CONCILIO!

  11. O fim está próximo (2).
    Fizeram o milagre de demolir a Igreja e deixá-la em escombros.
    O Anticristo está ajeitando as almofadas do trono emRoma…

    • “O Anticristo está ajeitando as almofadas do trono em Roma…”?
      Bem, M. Silva, eu penso que essa etapa de ajeitar as almofadas já passou…se me entendes.

  12. Jaqueline Emmendörfer,

    É exatamente isto que estão fazendo. Se todos os Papas pós concílio são Santos, como pode um concílio ensinar erros? Trivial, não?

  13. Eu considero a notícia alvissareira. O pior de um processo degenerativo é a estagnação. Neste caso o processo está bem ativo, e ocorrerá reações. Ninguém na existência humana retirou tantos católicos das igrejas como Paulo VI. Nem os inimigos declarados da Igreja conseguiram essa proeza. Contudo, dois pontos estão claros. Primeiro: Nos últimos anos o Concílio Vaticano II sofreu profundas críticas expondo excessivamente sua eficiência. Segundo: As beatificações e canonizações dos papas pós-conciliar revelam, infelizmente, um caráter mais político (ou ideológico) do que propriamente religioso porque denotam a ânsia de legitimar o polêmico Concílio. A fila está andando.

  14. Se isso tudo é para santificar o CVII, só faltam eles beatificarem Bento XVI ainda em vida, olha que em minha humilde opinião nos últimos 50 anos o único pontificado que realmente honrou a doutrina católica em toda sua plenitude foi Bento XVI, eu gostava de JPII pela sua luta contra a diabólica TL comunista e a favor da moral católica. Mas seja feita a vontade de Deus porque tudo que se faz Deus abençoa ou deixa acontecer porque de alguma maneira o gênero humano merece seja para o bem ou seja para nos castigar.

  15. Aqui se culpam os papas mas, os agentes principais que minaram o concilio ninguém fala nada deles, ou porque os desconhecem ou por medo ou porque estão de acordo com eles.

    • Há vários outros como Karl Rahner,Balthazar,Bugnini … porém graças a Deus nenhum deles tem processo de beatificação ou canonização em andamento.

  16. Rafael Teófilo, estou lendo o livro que você postou. É assustador.

  17. “Só faltam eles beatificarem Bento XVI ainda em vida”²

  18. Todos os Papas depois do CVII deram ao seu modo um golpe na figura representativa do Romano Pontífice, vejamos:
    Paulo VI – Depôs a tiara papal
    João Paulo II – aposentou a sede gestatória
    Bento XVI – retirou do brasão a tiara tripla
    Francisco – Nem quer que lhe chamem de Papa

  19. A entrevista do Prof. de Mattei postada uns posts atras já disse tudo.

  20. Há cerca de 40 anos a TFP, entidade constituída por leigos fez um abaixo assinado em boa parte do mundo pedindo medidas contra o clero esquerdista,

    A TFP se declarou em RESISTENCIA a Paulo VI por sua politica de mão estendida aos comunistas, perseguidores e carrascos dos Católicos.

  21. Fiz esse comentário no post sobre a entrevista do prof. Mattei e acho oportuno repeti-lo aqui, sem querer ser dono da verdade:

    Paulo VI foi um dos primeiros a apontar a “autodestruição da Igreja” que começou no Concílio, e ele próprio viu “a fumaça de satanás” lá no Vaticano. Estudando a fundo a história do seu pontificado, se vê claramente que o problema dele foi estar cercado de más influências (ex: cardeal Suenens) que tiravam dele toda a sua força de ação, problema que se agravou na década de 1970, quando a sua velhice e doença avançaram impressionantemente.
    Ele foi enganado por muitas pessoas. Em alguns casos tentou agir para impedir a desgraça (como com Annibale Bugnini, que 1976 foi mandado por ele para bem longe de Roma), mas já era tarde. Ele tentou sim de alguma forma reverter o quadro, como em 1968, quando peitou Suenens e vários padres conciliares e publicou a Humanae Vitae.
    Paulo VI tentou ainda conter a onda modernista que atingiu os jesuítas, mas também já era tarde e não teve forças (leia o livro Os Jesuítas, de Malachi Martin que você entenderá o que estou falando).
    Paulo foi um homem santo. Depois de se estudar a fundo a história de seu pontificado se verá que ele foi vítima e não “réu”. Ele merece o nosso abraço.
    Em Cristo,
    Carlos

    • Exatamente, Carlos. Ainda não temos como saber tudo sobre a ação diabólica no Concílio e após o mesmo, e há muita propaganda plantada por soviéticos e por muitos outros. De qualquer forma, sabemos todos que alguns erros são temporariamente permitidos por Nosso Senhor como forma de corrigir-nos, sem que o Depósito da Fé seja perdido ou a Santa Igreja derrotada- não esqueçamos do que disse a Mãe de Deus em Fátima sobre a conservação do dogma da Fé: sempre haverá lugares que a corrupção não alcançará (não parece que ela tenha feito referência exclusiva a Portugal, embora sobre esse ponto não se tenha divulgado tudo). Paulo VI foi papa: viva o papa! Se ele foi ou não usado como instrumento para nosso castigo, isso é outro problema, que, um dia, talvez a história esclareça; o que temos fora do juízo humano é um milagre. Tenhamos mais caridade para com a alma dele, e não deixemos de crer na misericórdia de Deus.

  22. À época do papa Paulo VI, bem sabemos, havia como desde o começo do século XX, varias sistemáticas infiltrações na Igreja de maçons/comunistas, protestantes e desses, existiam falsos sacerdotes interpretando erroneamente algumas deliberações eclesiais, aprontando escãndalos, fomentando também uma espécie de insurreição dentro do clero, justamente no momento em que o mundo assistia à insana proliferação de movimentos tresloucados, marcados pela contracultura, agitações estudantis, levantes e bandeiras de suposta liberdade, revolução, anarquismo, todos de viés comunistas, travestidos de libertadores de pobres e oprimidos.
    A dialética do proletariado comunista lhes dava carona na batalha dos “anos rebeldes” e o fenômeno atingiu proporções nunca dantes vistas, e hoje ainda mais com o aparecimento da internet, os laboratorios de engenharia socialistas fazem e acontecem com tudo quanto sejam fraudes de textos e mensagens papais – como o caso da Inquisição – onde odiosa e dissimuladamente vomitam seus ódios contra a Igreja.
    Um exemplo desse período são os primordios da TL, Ideologia social-comunista travestida de cristianismo pelas mãos da insurgente teologia liberticida, momentos de extremo sofrimento pelos desatinos, loucura, dureza de coração, dentro e fora da Igreja, quando ele desabafou que não conseguiu conter no peito: “Estão demolindo a Igreja!”.
    O papa Paulo VI segurou com rédeas curtas, o máximo que pôde o “cavalo indomado”, mas sentiu na carne a opressão rebelde de sacerdotes e até bispos guerreando ostensivamente conta o papado, e as listas de supostos membros da Igreja associados a sociedades secretas eram publicadas e, às vezes, comprovadas.
    Na verdade, os abusos e as distorções foram geradas externamente, mas aplicadas internamente por alguns bispos, padres e religiosos que estavam com pensamento e coração “lá fora”, porém, tramando o que iriam implantar “aqui dentro”, sendo desses o macular o culto divino e implantar suas “novidades” à revelia de Roma, foi essa a intenção.
    Pareceu-me que o papa Paulo VI teve as melhores intenções, foi traído por amigos contribuintes por facilitarem aparecimento de certos movimentos paralelos surgidos na Igreja de caracteres socializantes, de deturpações litúrgicas e doutras matizes, casos Bugnini, Benelli, Suenens etc., e ele não conseguiu controlar a situação a ponto de dizer explicitamente que: “por alguma fresta a fumaça de Satanás entrou na Igreja”.

  23. Com tantos papas santos nos últimos pontificados é de estranhar a situação em que a Igreja e o mundo estão, ou então concordar com “a Igreja nunca esteve tão bem”. No segundo caso, contudo, seriam necessárias algumas explicações.

  24. Era só o que faltava: “canonizar” Paulo VI! Jamais podemos esquecer aquele pensamento de Monsenhor Lefebvre sobre ele, “O Papa da dupla face, que derrubou o altar, aboliu o sacrifício e profanou o santuário”…

  25. Que “Bênção!” Aleluia, Maranathá!
    Agora ficou mais fácil proclamar Lutero santo e doutor da igreja, bem como Ana Bolena e Isabel I da Inglaterra como santas! Claro, Anínele Bugnini como santo patrono da litORGIA, os huguenotes que foram massacrados na noite do Bartolomeu (lembre-se, estamos em novos tempos, e esse sujeito era do passado!), mártires da fé….
    Ah, sim, quase me esquecia, tudo isso na neo-igreja, iniciada pelo santo João XXIII e com a nova litORGIA de Bugnini/Montini.
    Claro isso não é parte da Igreja Católica, aquela velha Igreja, fundada por Cristo, nosso Senhor, estabelecida pelos Apóstolos, defendida pelos Apologistas, fecundada pelo sangue dos Mártires e o Testemunho dos Confessores.
    Tudo isso foi abandonado nas sombras dos anos anteriores ao cãocílio das maravilhas…
    Depois pergunto se essa neo-igreja é séria e tem gente que faz beicinho…
    Agora mudo a pergunta:
    “ESSA NEO-IGREJA É CATÓLICA?”

  26. FRATRES;
    No lugar de Anínele, leia-se Aníbale.
    Quase me esquecia de um santo que certamente deverá ser cãnonizado:
    D. Hélder Câmara, o bondoso defensor da luta de classes, do deboche e do descaso para com as coisas daquele velho Deus, aquele Deus do passado…
    Claro, agora, aggiornado: “Deus é dez!”
    Maranathá!

  27. Paulo VI cassou santos por falta de formalismo na proclamação da santidade, o que caracterizaria ausência de evidência de santidade. Décadas depois o formalismo foi diminuído justamente para favorecer determinadas canonizações. A lógica da futura beatificação de Paulo VI, que provavelmente resultará em futura canonização, é que sejam cassados outros santos como Santa Teresa D´Avila, São Thomas Morus, São Domingos, São Bento, Santa Joana D´Arc, Santo Inácio de Loyola, Santa Hildelgarda, São Pio X,entre outros, porque estavam em desacordo com o espírito do Concílio Vaticano II, a nova Revelação, porque defendiam mortificação, sacrifícios, combates, condenação ao modernismo, clausuras, intransigência com outras culturas como a pagã (Santa Hildegarda). Devem cassar Santa Bárbara que se aliou a um grupo fachista que se reuniam para ler a Bíblia, porque ela também comprometeu seu próprio pai, funcionário graúdo do Império Romano devido sua intransigência em seguir a fé cristã. Quem sabe até abolir a devoção de Fátima porque a mensagem de Nossa Senhora não era em prol da irmandade dos povos, criticando a Rússia e o regime comunista que estava por vir.

  28. Todos que estão no céu são santos.Na Terra parece que a Igreja faz questão de estar sempre canonizando seus consagrados e sacerdotes,mas o povo comum também teve santidade.Não importa o título,mas sim estar com Deus.

  29. Leiam o link indicado pelo Rafael Teófilo, do Pe Luigi Villa no segundo comentário. Luigi Villa era um teólogo, bispo, agente secreto do vaticano, nomeado pelo Papa Pio XII, a pedido do Santo Padre Pio.

  30. Já se diz:”Honra a Deus; é celebrar a memória dos seus santos!”. Nossos “irmãos” protestantes (evangélicos) condena-nos por nosso culto de dulia aos homens e mulheres que por uma vinda santificadora mereceram a honra dos altares. Aliás, esse é um grande motivo das perseguições e martírios de vários santos, que lograr entrar no hall dos Santos. Como bem lembrado no cometário acima, vários Santos tiveram “suspensos” seus ofícios no Sanctorum, para um “enxugar” o Calendário Litúrgico e também a falta de “procedimentos” mais formais para a proclamação. Tanto a Beatificação quanto a Canonização, não desfazem os atos praticados pelos candidatos, mas sim os tornam exemplos, ou melhor, trazem a público o que eles fizeram para se SANTIFICAREM e terem alcançado a Salvação Eterna. Assim sendo, a negação de Pedro, nunca foi reformada a uma virtude, mas é até hoje uma “vergonha” que será lembra até o fim dos séculos nos Santos ;Evangelhos. Da mesma forma outros tantos Santos e Santas que mereceram a glória dos Céus, e por conseguinte a honra dos Altares, arrependendo e abjurando seus erros(pecados) passados. Lançar o nome no Hall dos Santos, não é em hipótese alguma reabilitar nos cânones os vícios praticados, mas sim confirma que tais vícios foram e são condenados pela Lei de Deus. Relembrado a grande Santa Maria Madalena. da qual o próprio Nosso Senhor falou: “…muito lhe foi perdoado, porque muito amou .” (Lc 7, 47). Seus erros passados continuam sendo pecados e repudiados por Deus, mas se “santificou” e se tornou digna da Misericórdia. Esperamos que tais candidatos tenha merecidos a penitência final, não nos cabe julgar a pessoa, mas examinar seus atos e assim imitar os bons e repudiar os maus. Acredito que não corremos risco de nos perder, basta que vivamos sempre a Lei de Deus (Decálogo) e nos aproximemos sempre dos Santos Sacramentos e tudo mais estará certo.

  31. Só para deixar um registro que deu no globo:

    A quase “linha de montagem” de novos santos iniciada por João Paulo II reacendeu uma polêmica durante sua própria canonização. Em seu livro “Making Saints”, Kenneth Woodward, editor de religião da revista “Newsweek”, argumentou que as importantes verificações e revisões do processo de santificação foram eliminados com a abolição do “advogado do diabo” – cujo trabalho é desafiar o postulador e encontrar falhas em seus relatórios.

    “Todos os envolvidos no processo de canonização têm agora um posicionamento positivo”, ressaltou. Ele ressaltou que isso poderia resultar na manipulação do processo e em candidaturas indignas. “Sem o advogado do diabo, quem pode remediar esses resultados? E, sem meios para tornar este processo público, quem saberia como as coisas são feitas?”.

  32. É lamentável constatar que muito mais do que conhecíamos até há pouco tempo, a respeito da apostasia na Igreja, vendo os diversos comentários acima, ficamos simplesmente estarrecidos e cada vez mais convencidos de que só muita oração e penitência podem minorar a tragédia a que a Verdadeira Igreja está sofrendo que, a partir do Vaticano Segundo está no seu ápice.

  33. Eu considero tãaao estranha ,essa “mania” que alguns comentaristas tem de……”malhar” logo, quem?………..os Papas!

    Que além de serem SACERDOTES DO ALTISSIMO,….foram CHEFES da IGREJA, por determinação celeste!
    Meu DEUS!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! Quanta…………….”coragem”……!!!
    Ainda não leram……. SABEDORIA 1,……nem tampouco, MATEUS 7, e também o LIVRO DO ECLESIASTICO, capitulo 7 (31 a 35) e o capitulo 11, também do ECLESIASTICO,de 1 até 9 !!!! Precisam ler…!!!! Urgente!

    Claro, que todos somos pecadores, podemos falhar….podemos sofrer tentações, tomar decisões desagradaveis, enganadas……!! É óbvio, que todos, vemos certas atitudes, palavras, ações vindas de ROMA/VATICANO, que pensamos serem esdrúxulas, erradas, mesmo…..Ninguém é bobo, cego, para não perceber, para não ver….. ainda mais, as pessoas estudiosas, os formados em TEOLOGIA, principalmente, esses podem avaliar bem, as decisões vaticanas,…..claro!!!

    Mas, o que me espanta…é a falta de respeito, os deboches, as ironias para com os PAPAS! E,….não deram, ou não dão,…….. as soluções, para o que”acham” que eles, fizeram ou fazem de errado…..!!!
    Interessante isso: críticas,….sem……as soluções, para os pretensos “erros” dos Papas!!!

    Não é fácil estar sentado no TRONO de SAO PEDRO!

    Não deve ser fácil ,dirigir uma INSTITUIÇÂO MILENAR, e tão grande, internacional, como é a nossa Querida MADRE e MESTRA , IGREJA CATOILICA APOSTOLICA ROMANA!!!

    Eu penso ser uma temeridade, como criticam os Papas!

    Sei, não………. Hum! pelo que eu já li nos Livros de Santos Místicos Canonizados ………….hum! …ih! lá do outro lado…os pecados de “lingua”, malhação e etc…….Nossa!…………. Há penas terríveis,….!!! e, não agrada, n a d a ao SENHOR JESUS, essas…………..”malhações”,…..logo de quem?……………..dos Papas! e,por ovelhas e carneiros, que às vezes, sei lá, podem ter pecados e decisões erradas, até m a i o r e s dos que tinham, ou tem, os Papas!!! CUIDADO!

    Nossa obrigação quando os vemos fazer algo “diferente” é…….rezar, por eles! Amém! E, quem twem a “coragem” de criticá-los,….que o faça, com frases e palavras respeitosas, pelo menos! Amém!

    Prudencia e caldo de galinha……nunca fizeram mal a ninguém!

    DEUs abençôe a todos ! Amém! Paz e Bem!!!

    MARANATHA!

  34. De onde vem essa informação sobre a excomunhão de maçons?