Dom Livieres se negou a renunciar e não pôde falar com Francisco.

Comunicado de Imprensa da Diocese de Ciudad del Este.

Tradução: Alexandre Semedo – Fratres in Unum.com: Mons. Rogelio Livieres Plano manteve duas reuniões realizadas esta semana em Roma, na Congregação para os Bispos, onde se lhe foi pedido fortemente que renunciasse a seu cargo pela falta de unidade na comunhão com os outros Bispos do Paraguai.

Apesar de ter pedido para ver os resultados da visita apostólica escrita, eles nunca lhe foram mostrados. Nem foi concedido o seu pedido para ser ouvido pelo Papa e para falar com ele no intuito de se defender e de esclarecer eventuais dúvidas.

Por respeito à sua consciência para os deveres que lhe tocam como pastor de uma diocese que, graças a Deus, floresceu e multiplicou seus frutos nos últimos anos, recusou a aceitar tal solicitação, que acredita infundada, e que é o resultado de um processo repentino e indefinido. No entanto, pela obediência à autoridade do Papa, aceitou com serenidade e tranquilidade a decisão a ser afastado do cargo.

A pedido do bispo que se retira, a diocese de Ciudad del Este aguarda com alegria e esperança seu novo Pastor, que a guiará ao Reino dos Céus, rezando desde já por quem deva assumir esta responsabilidade. Maria, Rainha da Paz e São Brás, padroeiro da Diocese, protejam e guiem a todos nestas circunstâncias difíceis. Quando o Bispo for devidamente notificado por escrito as decisões tomadas terão efeitos legais.

13 Comentários to “Dom Livieres se negou a renunciar e não pôde falar com Francisco.”

  1. “A pesar de solicitar ver los resultados escritos de la Visita Apostólica, nunca le fueron mostrados.”
    Ou seja, sem direito de sequer saber do que o acusavam…

  2. Ou seja, qualquer neopenteca, ateuzinho, muçulmano paz e amor, maçonzinho dono de jornal, entra e sai da Santa Marta quando quer e um Bispo sequer pode ver o Papa para se defender e ainda ter negado ler os documentos de acusação? Nossa, parece que já vi essa história antes, lá pelos idos de 1976.

    Alguém já saiu em defesa de Bergoglio explicando o inexplicável?

    • Isso acontecia e acontece no regime comunista. Por falar e comunista, o vaticano gosta de usar a palavra “comissariamento”, que no regime dito, tinha o mesmo sentido do usado pela Santa Sé. Mera coincidência?

    • La culpa non es de Bergoglio, pero de los que le poderiam abrir el camino hacia ele.

  3. Neste caso o que ele faz agora? Para onde vai ? ele vai ser bispo auxiliar de alguma arquidiocese? Ou será exilado em algum mosteiro? Deus proteja seu grande sacerdote

  4. Estão dizendo que esse Bispo é do OPus Dei.
    A beatificação de D. Álvaro Del Portillo é no Sábado que vem.
    Será coincidência a escolha desta data para anunciar a demissão desse Bispo ?

  5. Conta Roberto de Mattei que quando o Cardeal Ottavianni atingiu segundo as novas normas vaticanas a idade da renúncia, fê-la com muito bom gosto e disse risonho a um repórter: “Sono libero (Estou livre)!” Dom Rogelio Llivieres, em plena idade e vigor episcopais, virou arquivo, e provavelmente vai para alguma casa de repouso do Opus Dei, aonde formou-se e ordenou-se. Ótimo seria se este digno prelado continuasse, na aposentadoria, a escrever e a pronunciar-se pelo mundo, como fez dom Castro Mayer aposentado.

  6. “Apesar de ter pedido para ver os resultados da visita apostólica escrita, eles nunca lhe foram mostrados. Nem foi concedido o seu pedido para ser ouvido pelo Papa e para falar com ele no intuito de se defender e de esclarecer eventuais dúvidas.”

    Isso que é colegialidade, Francisco…

    Isso que é o espírito do Vaticano II…

    Francisco, desculpe-me o tratamento, mas vc engana quem não te conhece…bispo de Roma Bergoglio…

    A história há de mostrar a que vc veio realmente, tão “humilde”, tão “simples”, tão “amável”…

  7. Que pena do rebanho de Ciudad del leste, terá um “bispo’ nos moldes ou gosto bergoliano e “latino-cubano”.
    Se acha que cardeal Gerhard Mueller, chefe da Congregação para a Doutrina da Fé, iria deixar barato a perseguição ao seu diabólico, ops, “celeste” preferêncial pelos pobres??
    Miserere Nobis, Domini!!!!!

  8. Pelo CDC a diocese é obrigada a sustenta-lo até a morte, pagando plano de saúde e uma ajuda de custo estipulada pela curia diocesana, com direito a transporte (quando precisar). Além de uma moradia fixa, se for religioso é “entregue” a sua congregação e ele escolherá em qual casa religiosa vai morar , pois os religiosos tem estabilidade , ou seja , a congregação tem de cuidar do padre ou bispo aposentado.

    Se ele for do OPUS DEI, como dizem, ele escolherá em que casa OPUS DEI viverá, geralmente escolhem uma casa religiosa próxima de onde foi bispo. Ele deve ficar ou no Paraguay ou Espanha.

  9. Não sei até que ponto ele é tradicionalista mas poderia se juntar à FSSPX quem sabe… já que é pra ser marginalizado, que seja guardando a Fé.

  10. A Igreja do diálogo e da misericórdia – com o sandinista ,Kasper , Daneels,Ricca ,irmãos muçulmanos….

  11. Quando eu vi o rosto sério…o olhar “enviesado” do Pontífice BERGOGLIO,na direção do público….que ingênuamente ,o aplaudia…por sua eleição… Hah!…pensei algo….e, não me enganei…!!! INTUIÇÃO FEMENINA….penso eu…!
    Oremos por nossa IGREJA CATÓLICA…Amém.