Portas abertas.

Informação de “frei” Beto:

Líderes de movimentos populares de vários países terão encontro com o papa Francisco nos próximos dias 27, 28 e 29 de outubro, em Roma. Do Brasil estarão presentes João Pedro Stédile, pelo MST e Via Campesina, e representantes da Central de Movimentos Populares, Levante Popular da Juventude, Coordenação Nacional de Entidades Negras,  Central Única dos Trabalhadores, Movimento de Mulheres Camponesas e um indígena do povo Terena.

A carta convite é assinada por Stédile e por Juan Grabois, que representa o Movimento dos Trabalhadores Excluídos e a Confederação de Trabalhadores da Economia Popular, da Argentina.

O evento é um desdobramento do simpósio As emergências dos excluídos, realizado em dezembro de 2013, no Vaticano, do qual Stédile e Grabois participaram.

Denominado Encontro Mundial de Movimentos Populares, contará ainda com a participação de 30 bispos, “de distintas regiões, que mantêm fortes vínculos com o trabalho social e os movimentos populares.”

É, Dom Rogelio Livieres deveria ter pedido a Stédile que articulasse uma audiência com Francisco.

22 comentários sobre “Portas abertas.

  1. Teria conseguido, com certeza. As portas da casa do papa estão sempre abertas a toda qualidade de gente da esquerda, hereges, comunistas e ateus e hermeticamente fechadas aos católicos de verdade.

    Curtir

  2. kkkkk piada, não é, amigo Eduardo Gregoriano? Ele se fingiu de humilde a vida toda e agora que conseguiu o que queria, vai renunciar? Jamais. Está muito mais preocupado em esmagar os seus desafetos.

    Curtir

  3. Isso me enoja. Que Deus tenha piedade de nós. A Igreja não perecerá, mas muitos que estão à frente dela terão que responder a Deus por não ter feito nada para auxiliar no projeto de Deus para que Ela permaneça em pé. Não ter feito nada e ter ajudado a colocar fogo em Roma.

    Curtir

  4. Será que dessa vez D Claudio Hummes, um dos anfitriões dos vermelhos em Roma, mesmo Lula & Cia, mesmo o Boff não estarão presentes?
    Deve, antes de mais nada, lembrar-se que existe um nomenclatura de palavras que, para os socialistas apresentam exteriormente uma, mas internamente outra, caso de “democracia, significando “partido comunista”, embora o público julgue ser de fato a democracia representativa, basta conferir Orwell e a “Novilingua do PT”.
    Assim sendo, “Movimentos populares” não são nada mais que “milícias populares” e correlatos que se reunirão com o papa Francisco, os diversos grupos marxistas que os governos comunistas se apoiam em fase de implantação para depois os representar junto ao povo, inclusive com futuro poder de policia e tudo mais, como em Cuba, Coreia do Norte e agora na Venezuela, os truculentos “coletivos”.
    Se os fatos continuarem a se desenrolar dessa forma – iniciaram sufocando os Franciscanos da Imaculada, depois o magnífico Cardeal Burke, agora o anti marxi TL Dom Livieres, será que o próximo seria o saudoso Bento XVI?
    O grande bispo conhecido como o Atanasio brasileiro, D Manuel Pestana, dizia no prefacio do livro do famoso exorcista Pe Gabrielle Amorth: “Hoje, não é só a fumaça de Satanás penetrando por uma fenda oculta, mas o diabo, de corpo inteiro, que irrompe triunfalmente pelas portas centrais!

    Curtir

  5. Realmente, o Bispo e depois Cardeal Bergoglio e o agora Papa Francisco parecem ser duas pessoas completamente diferentes. Francisco está indo por um caminho muito perigoso ( o do populismo barato e demagogia) com muitas decisões estranhas que não levarão de modo algum a união, mas sim a um progressivo cisma. Uma das coisas que é absolutamente incompreensível é a quantidade de políticos e outras personalidades reconhecidamente corruptas da Argentina. Bergoglio mais parece um candiado a presidente nas próximas eleições argentinas do que um Papa.

    Curtir

  6. Os caipiras da minha terra. Sempre diziam: “Quando o céu estiver coberto de nuvens negras, podemos esperar. Virá chuvas férteis, para a nossas lavouras. Depois virá o sol radiante novamente.” O céu brilhará, trazendo um tempo de paz e tranquilidade. Na Paixão de Cristo, não foi assim! Quando tudo parecia perdido, era o momento que tudo começava. A vitória da Cruz, foi a derrota dos inimigo de Nosso Senhor. Nas horas mais difíceis da história da Santa Igreja. Ela ressurge triunfante e gloriosa. Quando o mar estar com suas ondas revoltas, os pescadores, aguardam na praia, esperando para quando o mar enfurecido acalmar. Nós precisamos fazer o mesmo. Nesta época de heresia, traições, de aparente vitória dos maus. Vamos rezar, redobrar as nossas penitências, para que permaneçamos fiéis aquilo que foi sempre ensinado, e por todos cridos. A vitória da Santa Igreja é certa! Não podemos ficar pensando assim: Puxa! Está tudo tomado, como será que Deus vai fazer para o triunfo da Sua Igreja. Ele tem infinitos meios de triunfa-La.
    Joelson Ribeiro Ramos.

    Curtir

  7. “Seja humilde e renuncie Bergoglio!”…

    Imagina… Ele só renunciará quando Deus altíssimo baixar sua mão poderosa…

    A sede de vingança que ele tem mostrado contra seus opositores é digna dos maiores ditadores que já conhecemos…

    Mutatis mutandis … A igreja de Deus já passou pelos Papas do chamado século de ferro, sec. X, já passou pelos Papas renascentistas, já passou por um Alexandre VI, já passou por um Paulo VI ( logo mais nos altares, CRUZ X CREDO), e passará por Bergoglio…

    Aproveito a oportunidade para aconselhar: leiam o livro do professor de Mattei, “O C. Vat II, uma história nunca escrita”, lá nos acalmamos e vemos que tudo, tudo que está acontecendo com a Igreja, foi maldosamente, perversamente arquitetado pelos piores cardeais, mais progressistas que existiam, e pelos piores teólogos, mais avançados que havia na época de então, o pior, todos acobertados e incentivados por Paulo VI no início do seu pontificado; mas, este Papa não tardou em colher e degustar os frutos amargos dessa barbárie que ele cometeu.

    “Acreditávamos que o Concílio traria dias ensolarados para a História da Igreja. Ao contrário, são dias
    repletos de nuvens, de tempestades, de nevoeiros, de procura, de incerteza”

    “a fumaça de Satanás penetrou no Templo de Deus”… etc…

    A chamada “aliança europeia”, depois ,”aliança mundial”, tirou paulatinamente, totalmente, as rédeas das mãos de Paulo VI durante o desenrolar do Concílio…

    Um fato curioso: Numa de suas primeiras audiências, Paulo VI fez questão de aparecer ladeado pelo cardeal Suenens, a fina flor da heresia modernista (algo parecido com o que Bergoglio fez com o cardeal Hummes).

    Alguns anos mais tarde, em 1968, o dito Suenens, junto com outros do mesmo nype que ele, foi um dos mais ferozes opositores da encíclica “Humanae Vitae”, causando tanto desgosto ao Papa que este nunca mais escreveu uma encíclica…

    Paulo VI pagou ainda em vida, pelo menos uma parte, por toda destruição que ele permitiu que se fizesse na Igreja; morreu amargurado, acabrunhado, infeliz, sozinho, pelo tsunâmi que ele deixou assolar a Igreja de Deus sem poder mais controlar…

    E agora vem um “Paulo VII” querer seguir o mesmo caminho???

    Vale aquela máxima: Errar é humano, perdoar é divino, permanecer no erro é diabólico”

    Mãe de Fátima, rogai por nós!

    Curtir

  8. Esse cidadão está excomungado automáticamente há décadas. Ele não somente é comunista nas idéias mas ajudou a criar as leis do socialismo em Cuba. Esse homem chamado ainda de “frei” é um desgraçado que atua como um parasita, que precisa de um hospedeiro, no caso, o corpo da Igreja.

    Senhor Jesus Cristo, tende piedade de todos nós!! Mãe Santíssima, rogai por nós! São José, valei-nos!

    Curtir

  9. Sr. Ferreti:
    Qual endereço de e mail devemos enviar a Roma a fim de que leia e vejam o quanto estamos indignados e tristes com o que O papa fez ao Santo Bispo Dom Rogélio Livieres?
    Agradeço a atenção!

    Curtir

  10. Comunismo em Roma…mas não há crise! Ainda tem alguém que acredite que está tudo em plena continuidade com o Tradição? Caso tenha que procure rápido um psiquiatra!

    Curtir

  11. Calma meus amigos Católicos. Mesmo que Sua Santidade receba os líderes de esquerda, do terrorismo e do mal, não quer dizer que concorde com eles. Não se esqueçam que a escolha do Papa tem a certesa de que o Divino ESPÍRITO SANTO está orientando. A Igreja nas palavras de NOSSO SENHOR é eterna, e devemos confiar na Fé, sabedoria e puresa de espírito do S. Papa Francisco. DEUS e Nossa Senhora orientarão o Papa.
    Tenhamos Fé
    Roberto

    Curtir

Os comentários estão desativados.