A Itália se levanta. A colegialidade se volta contra Bergoglio.

Candidato Bergogliano perde, de lavada…

Por Pe. Cristóvão | Fratres in Unum.com

Nem tudo são flores para Bergoglio.

Depois da histórica derrota no sínodo dos bispos, em que, apesar de todas as arquitetadas manobras da dupla Bergoglio & Baldisseri, não se conseguiu a maioria qualitativa superior a dois terços para que se aprovassem as teses de sua “revolução de outubro”, agora aparece uma silenciosamente ensurdecedora manifestação de resistência.

unnamed (3)A Conferência Episcopal Italiana (CEI) rejeitou para a vice-presidência da Itália Central, nada mais, nada menos, que o badalado secretário do Sínodo dos Bispos, Mons. Bruno Forte, autor delatado da “apologia gay” no relatório preliminar do Sínodo, derrotado com 60 votos contra os 140 de Mons. Mario Meini, bispo diocesano de Fiesole.

Foi uma bela resposta dos bispos italianos!

Já o Cardeal Francis Georges, arcebispo emérito de Chicago, no contexto da recente nomeação de seu sucessor, um bispo progressista inexpressivo, declarou ao The New York Times: “Gostaria de me sentar com ele (Francisco) e dizer: ‘Santo Padre, primeiramente, obrigado por me deixar aposentar. Eu poderia fazer algumas questões sobre as suas intenções?”…

… E a Assembleia do Episcopado Americano está apenas começando.

Toda esta revolução propulsionada por Francisco está promovendo, na verdade, um grande efeito colateral: os mornos estão se esquentando, e aqueles que há muito tempo não defendiam com brios a fé e a disciplina da Igreja estão reagindo.

Bispos se levantando para defender a fé a custa de seus cargos e posições pessoais é coisa que não se via há muito tempo!!!! Cabeças rolando por todos os lados…, mas cabeças não vendidas!

Fingindo usar a estratégia da colegialidade, no final das contas, Bergoglio precisa cada vez mais deixar em evidência o seu absolutismo. Aquelas suas palavras conclusivas do sínodo dos bispos são cada vez menos “casuais”:

“O Papa não é o senhor supremo mas, ao contrário, o supremo servidor — o ‘servus servorum Dei’; o garante da obediência e da conformidade da Igreja com a vontade de Deus, o Evangelho de Cristo e a Tradição da Igreja, pondo de lado qualquer arbítrio pessoal, embora seja — por vontade do próprio Cristo — o ‘supremo Pastor e Doutor de todos os fiéis’ (cân. 749), e goze ‘na Igreja de poder ordinário, supremo, pleno, imediato e universal’ (cf. cânn. 331-334)”.

Não é que o “bispo de Roma” resolveu, de repente, mostrar que é “Papa”?… “Suspeitei desde o princípio!”.

Tags:

26 Comentários to “A Itália se levanta. A colegialidade se volta contra Bergoglio.”

  1. Os fatos que surgem, á medida que o Papa Francisco age em sua governança, demonstram que o Espírito Santo está atuando no seio da Igreja, ou, como diria o Papa Emérito Bento XVI, que o Senhor Jesus parece dormir no interior da barca que atravessa uma tempestade. Temos que continuar rezando e rogando a Deus que nos faça cumprir a Sua vontade e que sejamos fiéis a Ele. O amor à Igreja vai exigir de nós muita coragem, coragem para interpelar, exortar e até mesmo sofrer as consequências de dizer a verdade.

  2. O verdadeiro sínodo ainda não aconteceu, por isso, todas as vezes que ouço dizer que Bergoglio foi derrotado tenho sérias dúvidas. Afinal, mal o sínodo acabou e as mudanças curias começaram, vamos ver quem serão os próximos a serem atingidos pela misericórdia do bispo de Roma.
    Aliás, a julgar pelos últimos atos de Bergoglio a derrota de Bruno Forte será tida como uma derrota pessoal e, por isso, serão necessárias algumas providências.

    Resta-nos rezar e ver as cenas do próximo capítulo.

    • Pessoalmente, creio que Bergoglio possa, depois dessa, nomear Bruno Forte para Prefeito da Congregação para a Doutrina da Fé!

    • Anderson Serafim, a vitória pode ser suada, mas virá. Enquanto o Papa é o Chefe de Governo daquela instituição fundada nos relatos do Evangelho de São Mateus, capítulo XVI; Nosso Senhor Jesus Cristo é o “Chefe de Estado” a exercer o “Poder Moderador” de toda a Igreja Militante. Deus é como um Bom Pai, que prova seus filhos para melhor educá-los.

  3. É o verdadeiro “Deus das surpresas” surpreendendo os modernistas. O problema é que Bergoglio, teimoso e autoritário como é, vai interpretar isso como um sinal de que deve radicalizar ainda mais.

  4. Na história da Santa Igreja, parece que nunca vimos um papa ter ideias tão contrárias a doutrina tradicional da Santa Igreja. Até as pessoas que não são católicas, estão escandalizadas com a depravação moral que este papa quer impor. Parece que o atual papa, tem uma missão muito má. Destruir a base moral das verdades, sempre defendidas pelos Romanos Pontífices. Precisamos redobrar as nossas orações, para que Deus, não deixe este papa esfacelar a doutrina imaculada.
    Joelson Ribeiro Ramos.

  5. “Pessoalmente, creio que Bergoglio possa, depois dessa, nomear Bruno Forte para Prefeito da Congregação para a Doutrina da Fé!”

    Boa ideia padre… Só acrescentaria para secretário de Bruno Forte o Genésio Bofado que num futuro não muito distante será reabilitado, afinal, a Cúria de Bergoglio promete… Quem sabe a Ione Buxada seja nomeada para o Culto Divino…E para a Assinatura Apostólica o frei Beto…

    É cômico se não fosse trágico…

    Deus nos ajude e livre desse pesadelo…

  6. A Igreja é sábia. Ela nos fala sobre a relatividade dos bens deste mundo, e nos ensina, por exemplo, que os bens materiais – e quaisquer outros, mesmo a glória – podem ser concedidos não como bênção, mas como punição ou castigo divino. Não quero ser presunçoso, mas penso em Jorge Bergoglio, elevado ao Sumo Pontificado (a maior honra que alguém pode alcançar neste mundo), para fazer do Pontificado uma ocasião de perturbar a paz da Igreja, merecendo assim ser publicamente reprovado por Cardeais, Bispos e uma imensa multidão de simples e anônimos fieis … Que vexame, Francisco!

  7. De fato, é difícil dizer que Bergoglio saiu derrotado. O maior problema que vejo nesse Sínodo é que eles ousaram colocar os ensinamentos de Nosso Senhor Jesus Cristo e dos Apóstolos em votação: a questão da comunhão para os casais que vivem em adultério e a questão das pessoas com inclinações homossexuais em atividade que deveriam ser aceitas como pessoas que tem dons especiais para servir à Igreja e não como os pecadores que são, em ambos os casos eles precisam abandonar o pecado para poder participar da vida divina.
    Ou seja, ousaram julgar a validade dos ensinamentos de NSJC! em questões ensinadas claramente por ele ou pelos apóstolos!
    Bergoglio foi vitorioso porque todos os Cardeais aceitaram a premissa de que tais ensinamentos podem ser colocados sob julgamento ao votarem sobre os mesmos, e se esses ensinamentos ainda não caíram na primeira parte do Sínodo é só porque 41 Cardeais impediram que o quórum necessário fosse alcançado.
    A verdade permanece, não porque é respeitada como tal mas apenas porque, pelo menos por agora, os homens não o permitem.
    A premissa foi aceita! podemos sim decidir a validade dos ensinamentos de Nosso Senhor Jesus Cristo e dos Apóstolos para os dias de hoje!
    O grande tabú foi quebrado nesse Sínodo!
    Por enquanto os homens concordam com Nosso Senhor… por enquanto…
    O resto é só uma questão de quórum! e fica para o ano que vêm.
    E aí vamos ver… já começou a grande caçada contra as vozes dissonantes que ousaram votar contra as mudanças na Doutrina da Igreja…

    É como se um delegado de polícia ousasse se reunir com os seus policiais e fizesse uma votação para decidir se vão ou não vão continuar a fazer cumprir as leis decididas pelo Congresso da nação e quais leis iriam cair! agindo o tempo todo como se tivessem autoridade pra isso, para alterar as leis decididas pelos verdadeiros legisladores…
    E ai dos policiais que não votassem do jeito que quer o Delegado! iriam perder rapidamente o emprego ou ter que ir trabalhar como carcereiros…
    Quem visse uma cena dessas se riria desses homens! quem pensam que são…

    Mas as palavras do Senhor Jesus permanecerão para sempre e nunca cairão! não importa a loucura e a tolice dos homens:

    Levítico 18,22 “Não te deitarás com varão, como se fosse mulher; é abominação.”

    1 Coríntios 6,9 “Não sabeis que os injustos não herdarão o reino de Deus? Não vos enganeis: nem os devassos, nem os idólatras, nem os adúlteros, nem os efeminados, nem os sodomitas.”

    1 Timóteo 1,10-11 “Para os devassos, os sodomitas, os roubadores de homens, os mentirosos, os perjuros, e para tudo que for contrário à sã doutrina, segundo o evangelho da glória do Deus bendito, que me foi confiado.”

    Romanos 1,26-27 “Pelo que Deus os entregou a paixões infames. Porque até as suas mulheres mudaram o uso natural no que é contrário à natureza; semelhantemente, também os varões, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sensualidade uns para como os outros, varão com varão, cometendo torpeza e recebendo em si mesmos a devida recompensa do seu erro.”

    Jesus disse: “Quem repudiar sua mulher e casar com outra comete adultério; … com a mulher repudiada pelo marido também comete adultério” (Lucas 16,18).

    1 Coríntios 7,10-11 – “Ora, aos casados, ordeno, não eu, mas o Senhor, que a mulher não se separe do marido (se, porém, ela vier a separar-se, que não se case ou que se reconcilie com seu marido); e que o marido não se aparte de sua mulher.”

    Jesus avisou: “Qualquer que repudiar sua mulher, exceto em caso de matrimônio falso, a expõe a tornar-se adúltera; e aquele que casar com a repudiada também comete adultério” (Mateus 5,32).

    E fica aqui o aviso para aqueles que quiserem mudar essas palavras, seja quem for:

    “Mas, ainda que nós mesmos ou um anjo do céu vos anuncie outro evangelho além do que já vos tenho anunciado, seja anátema. Assim, como já vo-lo dissemos, agora de novo também vo-lo digo. Se alguém vos anunciar outro evangelho além do que já recebestes, seja anátema”. (Gálatas 1,9).

    • Prezado Renato, disse o mesmo desde o inicio de tudo isso…

      “Bergoglio foi vitorioso porque todos os Cardeais aceitaram a premissa de que tais ensinamentos podem ser colocados sob julgamento ao votarem sobre os mesmos, e se esses ensinamentos ainda não caíram na primeira parte do Sínodo é só porque 41 Cardeais impediram que o quórum necessário fosse alcançado”.

    • Renato, apreciei seu comentário, mas comparar o Papa a um delegado foi um equívoco.

  8. Francisco não esquece, não perdoa.

  9. “CALIFA” DO ESTADO ISLÂMICO: ‘NÃO VAMOS PARAR ATÉ QUE ROMA SEJA CONQUISTADA’
    .
    (…)
    Na carta, Baghdadi explicou que seus subordinados estavam realizando seu dever muçulmano de jihad contra o Kufr ou não crentes [no Islã].
    (…)
    Ele prometeu que o Estado Islâmico não vai parar a sua jihad até que Roma seja conquistada:
    ‘Com a permissão de Alá, eles [coalizão liderada pelos Estados Unidos] serão derrotados. E de fato os muçulmanos serão vitoriosos. Pela promessa de Alá, eles serão vitoriosos. E a marcha dos mujahidin continuará até chegar a Roma’.
    (…)
    http://www.breitbart.com/Big-Peace/2014/11/13/Islamic-State-Caliph-We-Will-Not-Stop-Until-Rome-Is-Conquered

  10. O papa Francisco convidou a cantora punk Patti Smith para cantar no concerto anual de Natal do Vaticano, anunciou a Santa Sé nesta sexta-feira (14).

    http://noticias.uol.com.br/internacional/ultimas-noticias/2014/11/14/papa-convida-patti-smith-para-cantar-em-concerto-de-natal-do-vaticano.htm

  11. JB
    Não esteja preocupado com as bocas do califa do estado islâmico. O califa não faria melhor do que o nosso papa na destruição da Igreja. Enquanto as guerras e as catástrofes só tiram a vida do corpo e muitas vezes levam o homem à conversão, o que o papa está a fazer com os seus bispos apóstatas é levar as multidões ao inferno.
    Que venham os califas talvez assim a igreja em Roma se converta e fique sem a cabeça e salve a alma.

  12. Essa estória do punk me arrepiou a barba! Quer dizer que (já) chegou a hora do vale tudo? Vale até punk? É mesmo…? Bergoglio veio mesmo pra detonar tudo aquilo q ele não gosta, veio para ferir, espezinhar qualquer coisa que lembre a “Igreja constantiniana” e “imperial” que teria se “aliado aos poderosos” e “traído” o evangelho (dos pobres)! Não é isso q pensam os T.L.? Não é esta a tese do “Igreja, Carisma e Poder” de genésio boff? (uma versão remix-marxista do pagode de joão calvino e demais heresiarcas contra a Igreja de Deus). Nessa assustadora foto que ilustra o artigo de Pe Cristovão, vê-se a dureza, o mau-humor, a vontade férrea de quem veio mesmo pra passar o trator. As fotos de Lênin parecem até mais amenas, cordiais e civilizadas. Acho q Francisco não faz pior p q, no fundo, teme alguma reação frontal; ele vai comendo pelas bordas.

  13. Só queria dar os parabéns aos sacerdotes que ainda têm coragem de denunciar e que estão de olhos abertos para a crescente apostasia na Igreja de Cristo, refiro-me em particular ao autor deste artigo. Estamos apenas no principio e muitos bons sacerdotes serão perseguidos, caluniados, gozados e rejeitados pelos próprios colegas e bispos apóstatas, que os hão-de odiar e fazer tudo para que por cansaço desistam e fujam dos seus compromissos com Cristo. Todos sacerdotes estão nomeados nas minhas orações e os fiéis em particular.

  14. “”Toda esta revolução propulsionada por Francisco está promovendo, na verdade, um grande efeito colateral: os mornos estão se esquentando, e aqueles que há muito tempo não defendiam com brios a fé e a disciplina da Igreja estão reagindo.””

    É Francisco, o senhor pode até derrubar os defensores da Fé e aqueles que ainda resistem, mas o Espirito Santo não desampara Sua Igreja.

  15. Aparentemente, o caso da rejeição de Bruno Forte seria uma derrota para o papa Francisco, mas poderá compensar, e com muito se o previsto possível do Pe Cristóvão suceder; teria fundamento.
    O caso da suposta cantora punk cantar no Vaticano, se ela proceder tal qual se apresentam, ainda com trejeitos, roupagens, gestos e músicas com explícitas mensagens subliminares satanistas – teria entregue a rapadura estaria entregue – e com mais alguns cacos ajuntados, teríamos muito coisa a descartar dessas atitudes sucedidas ultimamente no Vaticano, notando que a direção pareceria ser a pior possível sob outros engodos.
    O saudoso emérito Bento XVI faria gracinhas para o rei do pó Evo Morales,o stalinista Stédile e seus asseclas?
    Se o papa Francisco proceder dessa forma, poderia sinalizar que estaria partindo para o confronto e, como autoridade máxima da Igreja, tem condições de o fazer, mas abrir-se para os de fora e ao mesmo tempo saírem outros de dentro, não seria boa estratégia nenhuma, ao contrario!
    Pelo visto, há muita agua para correr debaixo da ponte antes de outubro do ano que vem, restando aguardar de onde procede!

  16. Sinto vergonha por este site ser tão critico e malévolo em relação ao Pastor escolhido por Cristo, lamento que exista católicos como vocês, mas o Deus a quem tanto amo e que nunca dorme a de mostrar no tempo devido que todos vocês cometeram o grave pecado da critica destrutiva contra sua igreja, o que vem de Deus permanece.

    • Luiz Carlos,

      Antes de invocar o nome de Deus contra seus irmãos, lembre-se que Deus escolheu Saul como primeiro rei de Israel e escolheu Judas Iscariotes como apóstolo. Agora pense, estes dois foram santos apenas porque Cristo os escolheu? Estão acima de suspeitas porque Cristo os escolheu? Ou nós formamos um juízo acerca deles pelos seus atos? Pense nisso.

  17. Grande Francisco, o papa mais amado e mais popular dos últimos tempos está recuperando a imagem da Igreja perante o mundo e fazendo um grande esforço pro tirar a Igreja do buraco em que os reacionários estavam enterrando-a, vai dar trabalhar, mas ele vai conseguir tem apoio maciço do povo e é uma pessoa santa, iluminada e guiada pelo Espírito Santo. Esse papa é um grande milagre e uma grande alegria.

    • Fico pasmo como uma gente que nega toda a doutrina da Igreja, apoia tudo o que sempre foi considerado pecado, vem falar do Espírito Santo achando que isso lhes apaga as contradições. Isso funciona só com gente que desconhece o mais elementar da fé católica, viu? Aqui seu discurso é só confirma o que o site denuncia.

  18. Desde quando falar a verdade é “crítica destrutiva”? O que a maioria das pessoas que postam neste blog mais fazem é rezar pelo papa, em especial para que ele se afaste do caminho repleto de equívocos em que se encontra e o Espírito Santo o ilumine! Devemos obedecer ao papa em tudo aquilo que não violente nossa fé, em tudo aquilo que não nos afaste da Verdade estabelecida por Nosso Senhor e pelo Magistério Bi-Milenar da Igreja! Naquilo que for contra o “Deposito Fidei”, ele, respeitosamente, NÃO DEVE SER OBEDECIDO!

    A coisa está tão feia que até diversos cardeais antes silentes já começam a manifestar sua indignação com o atual estado de coisas…

    Luis Carlos Gomes, será que ainda não percebestes que as atitudes do Papa Bergoglio vão de encontro à Verdade estabelecida por Nosso Senhor e reafirmadas por todos os papas anteriores, inclusive os recém-canonizados João Paulo II e João XXIII?

    Acorde deste sonho, meu caro, porque estamos vivendo um pesadelo do qual somente acordaremos quando a Terceira Parte do Segredo de Fátima se desvendar diante deste mundo incrédulo e a Virgem Santíssima alcançar o Triunfo de Seu Imaculado Coração!