Despurpurado.

Cardeal Keith O'Brien, primaz da Escócia.
Ex-cardeal Keith O’Brien, antigo primaz da Escócia.

O boletim de hoje da Sala de Imprensa da Santa Sé traz um “Comunicado do Decano do Colégio Cardinalício”, no qual se informa que o Papa Francisco aceitou a renúncia aos direitos e prerrogativas do cardinalato apresentada pelo Cardeal Keith Michael Patrick O’Brien, arcebispo emérito de Saint Andrews e Edinburgh, Escócia.

Pouco antes do conclave que elegeu Jorge Mario Bergoglio ao sólio pontifício, O’Brien foi alvo de acusações de abusos sexuais e reconheceu “que algumas vezes minha conduta sexual caiu abaixo dos padrões esperados de mim como sacerdote, arcebispo e cardeal. Peço perdão àqueles que ofendi. Peço perdão também à Igreja Católica e ao povo da Escócia. Agora passarei o resto da minha vida em recolhimento. Não tomarei mais parte na vida pública da Igreja Católica na Escócia”.

O Cardeal O’Brien foi nomeado Arcebispo de St. Andrews e Edinburgh pelo Papa João Paulo II, em 1985, e era conhecido por seu progressismo.

4 comentários sobre “Despurpurado.

  1. Mais vale diante de Deus um pecador arrependido, que um justo orgulhoso, todos nós erramos e somos pecadores .Assim então todos nós temos a misericórdia divina de pedir perdão pelas faltas que cometemos. Que Deus conceda ao Cardeal a graça do perdão e a salvação eterna. Pela gravidade das falhas é um belo exemplo de humildade diante de Deus .

    Curtir

  2. Que Deus, na sua infinita Misericórdia, tendo em vista o eficaz arrependimento, lhe conceda o perdão de suas faltas e pecados.
    Progressista, é?

    Curtir

Os comentários estão desativados.