Folheto escandaloso atribuído a paróquia da diocese de São Miguel Paulista causa perplexidade em redes sociais.

saomiguel

Desde a noite de ontem, domingo, a imagem acima, de um folheto litúrgico, circula nas redes sociais causando agitação e perplexidade entre fiéis.

Algumas páginas atribuem o folheto à Paróquia Nossa Senhora do Carmo, de Itaquera, SP, pertencente à Diocese de São Miguel Paulista.

A suspeita aumenta quando vemos, na página da paróquia no Facebook, a imagem abaixo, publicada também ontem:

Luislima

Trata-se do sacerdote jesuíta Luis Lima, há muitos anos professor da PUC-Rio, já denunciado no Fratres por sua desavergonhada apologia ao gayzismo, sob as barbas complacentes de Dom Orani João Tempesta. Luis Lima celebrou (ou concelebrou) missa na paróquia exatamente no dia em que o folheto teria sido usado.

A paróquia à qual se atribui o folheto também já apareceu por aqui a incensar a beata Chaui, da Diocese de São Miguel Paulista, SP.

Dita diocese está absurdamente infiltrada por agentes da Teologia da Libertação que se passam por religiosos, inclusive um deles sendo preso por agir nos moldes próprios e em conluio com o filho primogênito da esquerda católica do Brasil, o PT.

Pedimos, portanto, a nossos leitores que telefonem ou escrevam ao senhor bispo de São Miguel Paulista, Dom Manuel Parrado Carral, pedindo esclarecimentos sobre a veracidade do folheto atribuído à paróquia:

Dom Manuel Parrado Carral
Rua José Dias Miranda, 100 – São Miguel Paulista
08011-020 – São Paulo – SP
Tel.: (11) 2297.8611
Fax: (11) 2297.0539
e-mail: smigueld@terra.com.br

59 Responses to “Folheto escandaloso atribuído a paróquia da diocese de São Miguel Paulista causa perplexidade em redes sociais.”

  1. Essa maldita teologia da libertação inferindo no meio católico esses conceitos demoníacos. Infelizmente o papa Francisco, com seu carisma libertador incentiva essas teses. Roguemos a bem aventurada Mãe Maria que suplique por nós a seu filho Nosso Senhor Jesus Cristo.

  2. Não sei dizer do tal padre, mas achar que é garota, moça, gostar de macho, sentir-se e agir como se fosse mulher não é mais impedimento canônico pra Ordenação? No Código antigo era… A Igreja evitaria muita dor de cabeça se as garotas fossem dissuadidas a servir o altar.

    • /dissuadidas *de*

    • É bem verdade que Cristo Jesus é contra o pecado e nos chama à conversão sincera e verdadeira com autêntica contrição de nos nossos pecados, com humildade espiritual. QUE SALVAÇÃO BUSCA QUEM VERDADEIRAMENTE NÃO SE ESFORÇA EM VENCER A TENTAÇÃO DE PECADO CONTRA A SUA PRÓPRIA CARNE E CONTRA O DIVINO ESPÍRITO SANTO, AO DESOBEDECER AO DIVINO DECÁLOGO, PERSISTINDO SEMPRE EM OFENDER SEMPRE MAIS A DEUS? Quanto aos coroinhas/acólitos, na tradição da Igreja sempre foram e devem continuar sendo os garotos ou homens a servir o altar.

  3. O catolicismo no Brasil está cavando a sepultura. Logo, logo, o país se transformará numa nação Protestante.
    Como há “lobos em peles de cordeiros” no seio da Igreja.
    Pior. A hierarquia (bispos, arcebispos, cardeais) somente é acessível apenas aos Sem-terra, aos demagogos de plantão, aos políticos e formadores de opinião liberais. Se duvida, tente marcar uma audiência com um bispo, certamente não conseguirá. Outro dias desses, meu pai tentou conversar com algum bispo de Brasília para expor algumas sugestões, simplesmente a secretária dos bispos de Brasília-DF desligou o telefone na sua cara. Mais. Meus pais estão quase virando protestantes…
    Lamentável tudo isso.
    Saudações cristãs a todos!

    • Puxa, Renato, comece a rezar o terço por seus pais e faça a entronização do sagrado Coração na casa deles; exorte-os a não ver nem ouvir qualquer programa dessa seita crocodilesca e maldita que é o protestantismo (em todas as suas falsas denominações, sem exceção alguma).

    • …os seus pais não tem nada que virar protestantes…Não se esqueça…são as Igrejas protestantes que financiam de modo indireto e oculto toda esta safadeza dentro da Igreja de Nosso Senhor Jesus Cristo.
      Pulso firme e terço na mão de seus pais…o Cristo esta novamente no caminho rumo ao Golgotá.
      Paz e Luta contra esses jesuitas que se dizem servos de DEUS como esse padre Jesuita falso e asqueroso…nunca…jamais traga um padre jesuita para jantar na sua casa…DEUS NOS LIVRE DESSES HEREGES QUE USAM O NOME DO SENHOR.

      Salve Maria

    • Caro Santiago R., meus respeitos! Não concebo, não aceito e acho muito indigno de sua parte e contra todos os preceitos de nossa Igreja Católica Apostólica Romana seus dizeres que infelizmente preciso reproduzir em seguida:
      “seita crocodilesca e maldita que é o protestantismo (em todas as suas falsas denominações, sem exceção alguma).”.
      Essa igreja da qual você fala e vai mais longe, generalizando e ainda fortificando o “sem exceção alguma”, por acaso também não é Cristã? Poderá(ão) haver diferenças e divergências, mas são mínimas se considerarmos o objetivo final que é a aceitação de Cristo e o segui-Lo!
      Vejo como lamentável o seu comentário e o convido a retratar-se como um bom cristão!
      Abraço e saudações Cristãs!

    • Prezado Dorival S. V.,

      A Religião Cristã é a Religião Católica.

      Quanto às seitas oriundas da chamada “Reforma”, cabe apenas dizer que elas corroem e aviltam o Evangelho. Não é possível que as seitas protestantes, atoladas até testa no lodo da mentira, agradem a Deus, que é a Verdade Eterna.

      Se, pois, alguma verdade cristã ainda é professada por essas seitas, é forçoso reconhecer que tais verdades não estão aí como senhoras e rainhas, mas como servas e lacaias da mentira. Dizer isso a um herege protestante – o Protestantismo é uma heresia – é fazer-lhe verdadeira caridade, por duro que possa ser. Já testemunhei conversões estupendas dessa gente, quando a verdade lhes é apresentada na alta conta em que deve ser tida: como algo preciosíssimo que é ótimo conhecer e amar, e péssimo ignorar ou ultrajar.

    • Triste…muito triste. Deus nos livre da gravidade de nos perder no protestantismo que engana tanto quanto o demonio. Perverter-se ao protestantismo é grave. Mas alguém deu causa. Ai de que deu.

      Não há santos entre os protestantes. Geralmente se tornam por não conseguirem se livrar de algum vicio. Muitos, depois de se decepcionarem pelo desvio, acabam indiferentes.

    • Senhor Renato Assis,

      Sei que o senhor já sabe, mas sempre bom lembrar.

      A receita para os católicos de hoje é habito de ler a vida dos santos. Livro que adquiri na juventude, mais de muita riqueza, tenho desde os treze anos de idade: Na Luz Perpetua, pode procurar nos sebos.

      Outra: ser devoto de um santo e tê-lo como protetor. Na atual conjectura, talvez a Pequena Via de Santa Tereza de Lisieux . Conhecer bem o catecismo. Por exemplo, o livro de cabeceira de Gustavo Corcão(pessoa culta) foi o catecismo.

      Não se pode faltar a devoção diária de rezar o santo terço, ao menos para começar, o e rosário para alguns. Não digo isso por julgar que não faça. Mas é a minha receita para suportar esse mundo averso.

      O catecismo é o mapa para o céu. Eu ainda tenho o meu de infância. Não passei daquelas pequenas quedas.

      E bem sabemos que não estamos em uma conjectura em que a média dos católicos, entre os presbíteros, longe de um padre Columba. Papas? Quem dera um São Pio X e vida exemplar do laicato, procure os bem recomendados. Na coluna lateral do site, quantos paginas interessantes. Vezes me perco nelas. Então a simplicidade de uma criança(não estou dizendo infantilismo). O senhor tem família. Dedique-se a ela. É o que basta.

      Estou apenas falando em termos médios. Então leia a vida dos santos e regozije-se com eles. Foi assim que se tornaram santos. Lendo e conhecendo a vida dos santos.

      Quantas almas brilham no céu que encanta-nos pelo brilho delas.

      Hoje é raro encontrar uma família toda católica. O sofrimento hodierno é o preço do pecado, porém proveitoso para obter santidade e conversão para o mundo.

      Serenidade e confiança na Onipotência Suplicante, a Sempre Virgem Santíssima.

    • Obrigado a todos vocês pelo apoio e sugestão.
      Realmente, estou tentando convencê-los que eles (meus pais) só tem a perder e nada a acrescentar ao deixar a Igreja católica por um ramo protestante, tais como: a devoção a Virgem Maria, os pilares da Igreja (bíblia, tradição e magistério) – os protestantes se baseiam tão-somente na Escritura, história dos santos, Eucaristia, confissão, papa, dentre outros.
      Citei inclusive o exemplo de São Francisco X Lutero. Enquanto um ficou firme na Barca de S. Pedro, o outro criou outra barca e casou-se etc…

    • Diga a seus pais,para olhar pra Jesus e não para o bispo.
      Assista a aparição de Nossa Senhora da Salete,ela disse sobre a igreja e as atitudes do clero.

  4. A mesma paróquia promoveu de maneira este evento verdadeiramente satânico: http://www.igrejapaulistana.com/2015/05/cerca-de-75-do-clero-e-gay-diz-ex.html

    Apesar de profundamente nauseante, tem de ser lido!

    Nos Corações de Jesus e Maria

  5. ENQUANTO ISSO, O CLIMA

    Com tanto assunto palpitante para ser solucionado, com tanta matéria teológica e de costumes a serem enfrentados de frente e resolvidos completamente, tirando o mal pela raiz, o Papa me vem com a salubridade do meio ambiente.

    Não nego que é condição essencial para a vida humana o meio ambiente equilibrado. Mas, antes de ver a qualidade do ar, seria interessante verificar os ares que a Igreja de Cristo anda respirando atualmente.

  6. A Paróquia Nossa Senhora do Carmo e o Santuário Nossa Senhora da Paz são os antros TL’s da Diocese de São Miguel há décadas e o senhor bispo, tanto o atual como o anterior, jamais tomaram providências!

  7. A suspeita do Frates in Unum é correta. No link abaixo segue o cartaz que divulga a programação de um evento inacreditável promovido no interior dessa igreja, batizado de “Septenário Dominical de Nossa Senhora do Carmo”. A fonte é a página do Facebook de um dos seus promotores, o padre Paulo Sérgio Bezerra, que comenta a imagem assim: “Convidamos a todos para o 4º domingo do Septenário de N. Sra. do Carmo, 21 de junho, missa das 10h, na Igreja N. Sra. do Carmo, Itaquera. Teremos a alegria de receber o Pe. Luís Corrêa Lima (PUC-RJ), cuja alocução discorrerá sobre o tema: ‘Igreja e Sexualidades: um diálogo necessário’ (salvem o post antes que seja excluído)”. O dito padre explica que “septenário” são “7 domingos”, nos quais, se observarem bem os temas, são compostos de missas (!!!!) plenas de “diálogos” com temas caríssimos a esse mundo (e ao príncipe dele). Podemos até ouvir as suas longas línguas bífidas sibilando freneticamente, nesse espantoso “serpentário”… ops, “septenário” (desculpem, não resisti) que se cria sob o báculo da gloriosa Diocese de S. Miguel Paulista. Que o Senhor tenha muita piedade de nós!

  8. Não deixem de mostrar o repúdio a essa bagunça no perfil da paróquia: Ele sequer tem vergonha de divulgar isso no perfil da Paróquia no Facebook: https://www.facebook.com/pages/Par%C3%B3quia-Nossa-Senhora-do-Carmo-de-Itaquera/151304738270487

  9. Para os canalhas que fizeram este folheto o fato de você dizer o que é certo ou errado sobre adultério e relações contra a natureza é “demonizar” as relações “afetivas”. Isto não é um sacerdote, mas um servo de Satã!

  10. A Beata Anna Catarina Emmerich profetizou tudo isso: a Igreja da Trevas que suplantaria a Verdadeira Noiva de Cristo! Santo Atanásio rogai por nós!

  11. Acabo de enviar um fax (011 2297-0539) a Dom Manuel Parrado Corral informando que este site estampa folheto distribuído na Santa Missa de Domingo último, em Paróquia de sua Diocese, no qual não se cheira a “fumaça de Satanás” (Paulo VI), mas a presença real do próprio Demônico manipulando a ingenuidade dos fiéis, em prol da ideologia gaysista. Roguei pela proteção do Pastor ao seu rebanho e a urgente convocação de um exorcista.

  12. Apostasia!

  13. Mas é o padre é o mesmo que consta como autor no folheto. Enquanto isso, os fiéis de a diocese de S. Miguel aguardam pela Missa Tridentina.

  14. São usurpadores,impostores…Penso que os católicos da Diocese devem pedir ,judicialmente,que devolvam os espaços católicos para os verdadeiros católicos.

  15. Meu Deus, a que ponto pode-se chegar!!!

  16. De fato e vergonhoso esta apologia ao gaysismo!

  17. Peraí, gente, esse folheto é verdadeiro mesmo??????????

    • Esse link mostra somente uma parte de tudo o que ocorreu:http: //www.igrejapaulistana.com/2015/05/cerca-de-75-do-clero-e-gay-diz-ex.html

      Nos Corações de Jesus e Maria.

  18. 1) Vejam só que contraste: há alguns posts atrás uma linda imagem de várias pessoas na marcha contra a introdução da Ideologia de Gênero na escolas italianas, no “Dia da família”.

    2) Enquanto isso, uma diocese de Banânia utiliza um conhecido papel higiênico (leia-se folheto da “missa” – entre aspas e minúsculas) para incluir orações satânicas.

    3) Parabéns por ter salvado o cartaz. Essa foi por pouco! Que tal fazermos uma vaquinha para garantirmos a presença daqueles paladinos da batalha da PUC de Goiás nos eventos de 28/6 e 5/7?

  19. Não surpreende ver, no canto direito do folheto, aquela música “Se calarem a voz dos profetas…”. TL até nos pequenos detalhes…

  20. Juro, juro que não estou acreditando nisso!

    Não foi só o autor das preces, mas quem digitou o texto, quem imprimiu os folhetos, quem leu as prece durante a Missa.. tudo isso não causou estranhamento de ninguém?

  21. Pelo layout e fonte do folheto, logo achei tratar-se do DEUS CONOSCO, impresso em Aparecida. Todo domingo o levava pra casa, quando garoto, tenho uma coleção gigante deles. Dias atrás revi minha coleção às gargalhadas, tantas as doideiras na seção “Sugestões à Equipe de Liturgia” e na seção “Vida e Missão”, a homilia do verso. Na Quarta-Feira de Cinzas de 2000, o “Deus Conosco” sugeria que o pároco convidasse um pastor protestante para a celebração e partilhasse a homilia com ele, já que a Campanha da Fraternidade era ecumênica!

    Na minha cidade, um finado padre carnavalesco resolveu abolir o folheto dominical da paróquia porque este amarrava a sua criatividade — o padre era mais criativo que o folheto. Houve revolta dos fiéis. Muita gente achou impossível “participar” da missa sem o folhetinho, sem ler o que o celebrante reza em português e em voz alta, respondendo-o em tudo. De minha parte, um dos motivos me incentivaram a abandonar a Missa de Paulo VI foi não conseguir encaixar nela nenhum dos devotos Métodos de ouvir a Santa Missa propostos nos devocionários do povo simples de antigamente, ou nas “Excelências da Santa Missa” do Frei Leonardo de Porto Maurício.

  22. São lobos em pele de serpente. Na semana passada os comunistas do PSOL estavam na Câmara de vereadores de Araraquara-SP (minha cidade) com um cartaz com frases do Papa Francisco como pretexto para que os católicos lá presentes aceitassem a chamada “ideologia de gênero”. Não deixei barato.

    Ora, se fosse em minha cidade eu iria até aos paroquianos e entregaria a eles os panfletos do IPCO que tenho sobre os livros do Pe. David Francisquini contra o vício homossexual e o aborto.

  23. Mensagem enviada!

    Fiquem com Deus.

  24. Esse folheto parece até aqueles filmes antigos de monstros encontrando monstros, tipo “Drácula versus Frankenstein” ou “Godzilla versus King Kong”.
    Nele o nome do filme seria “Ideologia do Gênero encontra a MIssa Nova”!

    É uma catástrofe só!!!

  25. O septenário, com as apresentações de esquerdistas constantes no cartaz acima, está muito adequado a ser posto em prática em qualquer celebração promovida por agentes teelistas nos acampamentos do MST e correlatos, tendo de tudo como doutrinação marxista sob aparências de ensino religioso católico, o conhecido MARXISMO CULTURAL do POLITICAMENTE CORRRETO, amplamente usado pelo revolucionário, utilitarista, psicopata e anarquista PT!
    Se algum sacerdote aceitou usá-la como folheto dominical, suspeitar-se-ia de agente comunista sob aparencias de sacerdote católico – existem diversos, como os da TL e fora dela, simpatizantes – infiltrado, doutrinando como “agente de transformação”, como são conhecidos os supostos religiosos a serviço das mafias promotoras das diabólicas ideologias marxistas!
    Aliás, se os comunistas estão no poder, caso do PT – o falsario Lula já o reconheceu publicamente – agradecem, reconhecendo que o apoio dos religiosos dissidentes católicos da Igreja e outros dissimulados por não se associarem oficialmente a esses foram cruciais para galgarem ao poder, assim como algumas seitas protestantes, a IURD, TMI, ABB, CMI etc.
    Será que isso foi feito à revelia do sr bispo?
    Aguardemos a reação da diocese!

  26. Faz muito tempo que essa paróquia prega essas coisas. Já mandei um e-mail para Dom Manuel porém nunca fui respondido.Tentarei novamente. Pela cor do folheto com certeza é da Paróquia Matriz de Nossa Senhora do Carmo. Oremos pelo Padre Paulo e por todos os fiéis que estão sendo envenenados cada dia mais por essa seita diabólica.

  27. Quando penso que nada mais me surpreenderia eis “o folheto”, satanás sabendo que pouco tempo lhe resta está cada dia mais ousado. Misericórdia Jesus

  28. Acho que o caso deve ser levado muito mais adiante, até a Congregação para Doutrina e Fé, até porque trata-se de uma prece aceita por clérigo, a suplicar a aceitação de algo que o próprio catecismo condena de forma bem consistente. O máximo que o dom bispo vai fazer é falar umss três linhas e abafar o caso.

  29. Apesar do horror dessas abomináveis “orações”, devo dizer que ainda acho necessário terem folhetos litúrgicos, pois estou vendo aqui nos comentários muitas críticas a eles. Os folhetos ainda era o que tínhamos no lugar do missal. Sem nada, é pior. Minha diocese aboliu os folhetos, e o resultado é terrível. Ao sair da missa perguntemos a qualquer um quais foram as leituras. Ninguém saberá responder. São mal-feitas, por pessoas mal preparadas, os templos as vezes tem eco, o volume por vezes é baixo, quem lê pode até mudar o sentido se não respeitar a pontuação. Acaba que as pessas não ouvem direito, não entendem, não guardam nada, não conseguem fixar a atenção, não tem algo pra reler e meditar depois ou durante a homilia. E os que ouvem mal? ficam mais perdidos ainda.
    O pior é que depois as pessoas vão embora levando na memória apenas a homilia (do padre ou do “ministro da Palavra” pois é feita de forma mais compreensível), como se ELA fosse realmente A Palavra de Deus.
    Se tiverem nas mãos a Palavra Sagrada escrita, podem confrontá-la com o restante das baboseiras ouvidas, e fazer a escolha certa. Mas se não tem nada, fica difícil pra muita gente.
    Pelo menos pras leituras bíblicas era preciso continuar tendo o folheto. Alguns tinham até a oração eucarística pra se acompanhar em silêncio, o que é sempre muito rico e bonito.
    Onde os folhetos foram eliminados, tudo ficou muito pior. Como disse um leitor acima, deu mais liberdade pra criatividades absurdas.
    Claro que no caso em questão o próprio folheto foi usado pra estuprar os fiéis, tentando forçá-los a dizer dizer amém ao que a maioria certamente não gostaria de dizer. Mas se manipulam a Palavra de Deus, o que não farão com um folheto? noutro dia um ministro leu no seu “lecionário” uma oração que chamava Jesus de “luz das trevas”. Eu estremeci por dentro. O pobre do ministro só leu, e quem escreveu talvez nem teve intenção, mas chamou Jesus de lúcifer. É a liberdade! a criatividade! … a demência total.

  30. 5. Para que as paróquias do Brasil se livrem dos bispos e padres comunistas, do lobby gay, do ambientalismo barato, do racismo cotista, do patrocínio a vitimismos e revanchismos, e da novilíngua bífida em que tudo isto é disfarçado, enquanto se insulta a inteligência e a piedade dos fiéis.
    T – Senhor, escutai a nossa prece.

  31. Rezar por um “beneficio” para pecar, por si só, tal ação, é pecado grave. Deve ser satanismo mesmo.

  32. Vou abrir uma caixa postal para doação desses folhetos. Podem enviar quantos quiserem. O papel higiênico tem subido bastante de preço e isso vai dar uma aliviada na minha economia doméstica.

    Querem acompanhar a Missa? Levem os missais! Não têm missais? Levem a Bíblia!
    Já existe definido um cronograma completo de todas as leituras, ano após ano. Não muda.

    Além disso, aposto quanto quiserem que os trechos citados das Sagradas Escrituras encontrados nesses folhetos já estão totalmente modificados ou deformados conforme a conveniência desses corruptos da fé.

    A palavra de Deus não é para estar em folhetos! Parem de banalizar as coisas de Deus!

  33. Essa oração dos fiéis deveria estar pedindo para que se mantenha o aborto e a eutanásia como crimes no brasil, orando pelas crianças que foram impedidas de nascer porque foram abortadas, pedindo pelas mães carentes que não pratiquem o aborto, enfim, pela conservação da vida, dom de Deus!!

  34. Eu reforço aqui, nós cristãos temos que colocar nossa confiança somente no Senhor, a Igreja Católica instituída por Jesus é Santa, mas feita de pecadores, portanto, não abandonemos a nossa Fé Católica por conta desse ou daquele padre, bispo, seja lá quem for, estes são pecadores, homens e mulheres que nos decepcionam! Tenhamos os olhos fitos N’Ele, no Senhor! O inimigo quer nos confundir, conservemos a Fé que recebemos dos primeiros cristãos. “Se tu creres, veras a Glória de Deus” e não nos deixemos desanimar. Foi pela Fé em Deus que Abraão entrou na terra prometida!!
    Sr. Renato, uma dica de livros para ler e auxiliar: “Todos os Caminhos Levam a Roma” ; “O Banquete do Cordeiro” , o autor Scott Hahn e sua esposa Kimberly, um ex pastor protestante que se converteu ao catolicismo. O livro é fantástico, e, outro livro “Por que sou Católico” do prof. Felipe Aquino.
    Fiquem na Paz de Nosso Deus Trino e que sejamos fiéis, obedientes e tenhamos o coração com o da Virgem Maria e sejamos conduzidos pelo Amor de Jesus pela intercessão da Mãe, mulher de escuta, de decisão, da Ação.

  35. O que esperar da “Societas Iesu”, e de um Papa Jesuíta, a não ser o que vemos hoje: a TENTATIVA implosão Santa Igreja Católica?

  36. Quem eram os jesuítas…! Será que há algo de histórico que, a despeito de tudo que aprendemos de grandioso a respeito dessas ordens religiosas contrarreformistas e missionárias, explique a decadência em que elas se encontram hoje nas pessoas de seus membros. Existira um gérmen maldito que ninguém vislumbrou e que hoje dá frutos à larga? Meu Deus, pensar isso é insultar a memória do excelso S. Inácio etc… Mas o que há com os jesuítas, franciscanos, carmelitas, redentoristas, hoje em dia é aterrador! Faço com relativo conhecimento de causa pois sou fiel da Arquidiocese Primaz do Brasil, onde há clérigos dessas ordens todas e mais algumas. Os beneditinos têm resistido, pelo menos aparentemente, em matéria de fé e liturgia, em que são impecáveis, assaz obedientes ao catecismo, ao CDC e às rubricas do missal romano: ouvem confissões no confessionário, cantam gregoriano etc. Os padres da congregação de São João tb, usam casula nas missas em dia de semana (!!!) etc. Mas os outros! Dos carmelitas não resta nem seu antiquíssimo convento, que ora é um hotel de luxo da rede pestana!!! Dos outros tanto não restam hábito, modos etc. Como um filho de São Francisco ou de Santo Afonso, por exemplo, pode interromper o fiel no meio duma confissão. Logo um redentorista, gente, que deve fazer do confessionário um dos seus maiores meios de apostolado. Como podem, como algum destes aqui em SSA, permitir missas “sincréticas” com atabaques e gente do candomblé vestida “a caráter” na “procissão” do ofertório da Igreja de S. Lázaro?
    Declaro por fim que não peço muito dos sacerdotes, sejam eles regulares ou seculares. Não peço que eles estejam livres do pecado mortal ao celebrar os sacramentos; não me importo com isso pois o seu pecado não os invalida. Peço-lhes que observem as prescrições de Roma ao celebrá-los e que oportunizem o clima de silêncio, para que rezemos como convém. Peço que usem as fórmulas corretas e integrais de absolvição, bem como rezem a missa conforme consta no missal, sem mudar uma letra, e que usem os paramentos todos prescritos, não abdicando do uso obrigatório da casula, por conta de uma permissão da CNBB relativa à celebração de missas fora duma igreja. Pedir pela pureza deles, para servirem dignamente os santos mistérios, para crerem nos mistérios que celebram, eu peço em particular. Publicamente eu exijo que eles, como ministros do serviço de Deus, façam tudo conforme ele lhes disser por via de sua Igreja!!! E que calem suas heresias todas e seus atentados contra a fé, ainda que creiam piamente neles, porque eu não sou obrigado a ouvi-los!!! O DIREITO DE ASSISTIR UMA MISSA CATÓLICA, DE FAZER UMA CONFISSÃO CATÓLICA, INTEGRAL, É O QUE EXIJO APENAS! O DIREITO DE NÃO SER OFENDIDO EM MINHA FÉ NUMA HOMILIA. Façam-nas medíocres e omissas, conforme vossa limitação intelectual e vossa má-fé vos permitem, mas não a façam acatólica, herética, meus caros!!! Nenhum cristão se interessa por seus vícios, pecados e crenças heréticas particulares. Só não as publicize numa missa nem busquem legitimá-las. Eu tb peco frequentemente, peco mortalmente com frequência, mas enquanto me arrepender e for perdoado, serei salvo.
    Tentar legitimar minha prática não me salvará nem dará paz à minha consciência. Por missa sem tambores e instrumentos de percussão, por canções cujas letras sejam verdadeiramente católicas!!! e não hinos socialistas. Por confissões sem opiniões vossas a respeito do que quer que seja, mas apenas com a REPRODUÇÃO dos ensinamentos da Santa Igreja, já que muitos de vocês não podem dar sadia orientação pastoral conforme às necessidades de cada penitente, é o que por fim peço.
    Valei-nos Nosso Senhor do Bonfim e Nossa Senhora da Conceição da Praia!!!
    Por fim, gente, o que é dá música litúrgica hj em dia no Brasil? Qual foi o fim dela? Como se deu isso!!!
    Gente, no conteúdo e na forma, é tudo muito absurdo. Tenho 23 anos, peguei o bonde andado portanto…
    Quem o viu partir, pode me contar a que se deve a lixeira que se chama de “hinário” hj em dia? É cada latri.. letrina hj em dia de tirar-nos do sério, para não falar da hegemonia do violão, mal tocado, nas missas, e das vozes de cantores de praça de alimentação de shopping center, bem “românticos”. Aff.
    Quem vos viu quem vos vê!! Até os anti-clericais, como Eça de Queirós, descrevem os ritos católicos com certo enleio, com certa devoção e respeito… Hj, nem isso sobra como atrativo p a fé.

  37. 5-
    Senhor, escutai as nossas preces.

  38. Também já enviei mensagem ao sr. Bispo sobre a questão.
    Será que os paroquianos não se manifestam contra isso???

  39. O que este cidadão que se transveste de sacerdote não disse é que as preces dos fiéis segue um roteiro, previsto na Orientação Geral do Missal Romano, devendo contemplar as seguintes intenções:
    a) pelas necessidades da Igreja;
    b) pelos poderes públicos e pela salvação de todo mundo;
    c) pelos que sofrem qualquer dificuldade;
    d) pela comunidade local.
    Como tudo na Liturgia católica, também a Oração dos Fiéis deve buscar iluminação na PALAVRA DE DEUS, especialmente aquela que é anunciada no rito celebrativo. Logo, não cabe na Liturgia da Igreja um apoio explícito a uma causa, o que eles fizeram foi aparelhar a missa de modo a obter da assembleia o apoio para uma causa específica, que mesmo que para ele pudesse parecer justa, não cabe na Liturgia da Missa.

  40. Este é um folheto distribuido por todo Brasil. Como é o folheto O DOMINGO. esse as letras sao verdes …anos atras fui numa paroquia de Olinda-PE E era usado desse concorrente do O DOMINGO.

Trackbacks