Reflexões sobre temas da Sagrada Escritura.

Por Padre Élcio Murucci | FratresInUnum.com

“Toda a Escritura divinamente inspirada é útil para ensinar, para repreender, para corrigir, para formar na justiça, a fim de que o homem de Deus seja perfeito, apto para toda a obra boa”. (II Timóteo, III, 16 e 17).

hqdefault

Aqui o Apóstolo São Paulo faz um justo e belíssimo elogio da Sagrada Escritura divinamente inspirada. Além de indicar sua inspiração divina, diz que é útil para: ensinar as verdades da fé; refutar os erros contrários a estas verdades santas; combater e reformar os maus costumes; dirigir as almas em todos os caminhos da justiça e da santidade. Estes são, como observa Santo Tomás, os quatro efeitos produzidos pelo estudo da Sagrada Escritura. Na verdade, um homem não tem direito de se impor a outro homem. Só Deus domina os espíritos e os corações.

Um dos benefícios que Tobias reconhecia haver recebido do Anjo São Rafael era restituir-lhe a vista; quanto maior benefício é haver-nos, não um Anjo, mas o Espírito Santo aberto os olhos, não do corpo, mas da alma, para vermos a luz, não a material do sol, mas a espiritual das doutrinas de nossa santa Fé Católica!

Caríssimos, grassa no mundo uma conspiração contra a Verdade e o Decálogo. A iniquidade multiplica-se sobre a face da terra. A fé extingue-se nos corações. Estarrecidos e tristes, assistimos a destruição da família cristã. E, neste afã iníquo em aniquilar a célula da sociedade, não bastassem os comunistas e maçons, bispos progressistas, sob a capa de misericórdia, parecem empenhados em tranquilizar as consciências no pecado, ao invés de o tirar delas como fizera o Cordeiro de Deus, Nosso Senhor Jesus Cristo.

Para obstar a tantos males, só a palavra de Deus! Pois, diz ainda o Apóstolo na Epístola aos Hebreus, IV, 12: “A palavra de Deus é viva, eficaz e mais penetrante do que toda a espada de dois gumes; chega até à separação da alma e do espírito, das junturas e das medulas, e discerne os pensamentos e intenções do coração”. Por isso o escritor (ou pregador) que tem por base a Palavra de Deus, apóia-se em terreno sólido. Seu escrito (ou pregação) não é feito “só de palavras, como diz São Paulo, mas da virtude do Espírito Santo e da abundante plenitude dos seus dons”.

Lemos no antigo Testamento que os Israelitas, ouvindo a leitura do livro de Baruc, choravam e oravam; oxalá que os povos modernos, convencidos e convertidos, chorem igualmente sobre as suas faltas e orem, ao lerem a Palavra de Deus, e sobre ela reflitam!

Não quero terminar sem antes trazer à lembrança aquela cena comovente de um São Paulo apresentando-se diante de Félix. Assim, com eloquência, a descreve o cardeal Gibbons:  “O Apóstolo, carregado de cadeias, de rosto emagrecido pelas privações sofridas durante dois anos na prisão, de pé, em face dum governador escravo duma mulher adúltera, levanta as mãos ligadas pelos grilhões e prega a justiça, a castidade, o juízo derradeiro. Félix perturba-se, sente o remorso duma consciência culpada e tem pressa em sair do tribunal. Tinha razão de sobra para temer: a justiça, desconhecia-a; a castidade, havia-a ultrajado; e as vinganças divinas, devia receá-las”. (Cf. Atos, XXIV, 24 e 25). Será possível pintar com mais relevo o ascendente da inocência em ferros sobre a corrupção coroada? Caríssimos, que tocante exortação para o ministro de Deus que tenha de denunciar a iniquidade e o vício!

Para empregar uma comparação feita pelo Cardeal Maffi: “Náufrago no mar tempestuoso, o pobre Camões com uma das mãos batia as ondas e com a outra levantava fora d’água o manuscrito dos Lusíadas que o haviam de imortalizar”. E fazendo minha a sua aplicação: Sobre as ondas ameaçadoras e lodosas dos pecados do mundo moderno está a palavra, não de um simples mortal, mas do Altíssimo, palavra esta que elevarei pelo alto. Ela será minha guia, minha força, minha esperança;  e, oxalá para muitos e muitos seja salvação. Amém!

Anúncios
Tags:

8 Responses to “Reflexões sobre temas da Sagrada Escritura.”

  1. “E fazendo minha a sua aplicação: Sobre as ondas ameaçadoras e lodosas dos pecados do mundo moderno está a palavra, não de um simples mortal, mas do Altíssimo, palavra esta que elevarei pelo alto. Ela será minha guia, minha força, minha esperança; e, oxalá para muitos e muitos seja salvação. Amém!”

    Parabéns Pe. Élcio que Deus o ilumine sempre.

  2. O texto expressa de modo explícito a dura realidade pela qual a Igreja passa nesse momento tão doloroso: de apostasia, a começar de determinados Altos Hierárquicos!
    No entanto, nas profecias de Nossa Senhora, o caos vem se instalando paulatinamente, desde a Reforma(Rebelião) Protestante, adiante.
    Nossa Senhora veio à montanha de La Salette e advertiu-nos:
    “No ano de 1864, Lúcifer, juntamente com um grande número de demônios, será solto do inferno. Eles vão pôr fim à fé pouco a pouco, mesmo naqueles que se dedicam a Deus. Eles irão cegá-los de tal maneira que, a menos que recebam uma graça especial, essas pessoas irão assumir o espírito desses anjos do inferno; várias instituições religiosas perderão toda a fé e perderão muitas almas.
    Livros maus serão abundantes na terra e os espíritos das trevas espalharão por toda parte um relaxamento universal em tudo que concerne ao serviço de Deus. Os chefes, os líderes do povo de Deus negligenciaram a oração e a penitência, e o demônio obscureceu sua inteligência. Eles tornaram-se estrelas errantes que o velho demônio arrastará com sua cauda para fazê-los perecer.
    Sim, os sacerdotes estão pedindo por vingança, e a vingança paira sobre suas cabeças. Ai dos sacerdotes e pessoas consagradas a Deus, que por sua infidelidade e suas vidas perversas estão crucificando o meu Filho de novo!” (Virgem de La Salette, 19 de setembro de 1846).
    Assim sendo, já que Lúcifer e um grande número de demônios foram soltos do inferno, realmente quis dizer que, a partir dessa data a humanidade desviou-se do curso normal da história; entrou no último período da saga terrena da humanidade, período em que Satanás liderará sua batalha final sangrenta, seduzindo e destruindo almas!
    Satã está ao vivo nos males todos presentes, como da corrupção geral, via partidos comunistas e aliados eleitores em muitos países, impondo sua diabolista agenda da destruição da fé cristã, das múltis perversões ético-morais, das drogas etc., eleitos por dezenas de milhões de “católicos”, com ajuda de diversos “sacerdotes” e até de “bispos”, da mesma laia…
    Nas manifestações até hoje aqui no Brasil nunca se postou um cartaz de repudio à peste que é o comunismo em destruir a fé católica, e a revolta atual contra o PT é unica e exclusivamente por questões financeiras, nada + nem -, apenas, exclusivamente por isso!
    Aliás, se o PT proporcionasse o que propaga de bens materiais, exceto muito poucos, estariam plenamente satisfeitos, como os animais após as panças cheias!
    Nossa Senhora do Bom Sucesso adverte para o presente, excetuando-se poucos que se arremetem contra as infidelidades gerais, contra os católicos alienados, cultuadores das devassidões dentro do lar, assistindo às lascivas novelas e afins, além de grande parte de mulheres alienadas, seminuas pelas ruas: as mais jovens, então, tirar mais o quê?…
    Eis suas advertências em trechos seletos:
    “Quase não se encontrará a inocência nas crianças nem pudor nas mulheres, e nessa suprema necessidade da Igreja, calar-se-á aquele a quem competia a tempo falar” (II, 7).
    “Tempos funestos sobrevirão, nos quais …. aqueles que deveriam defender em justiça os direitos da Igreja, sem temor servil nem respeito humano, darão as mãos aos inimigos da Igreja para fazer o que estes quiserem” (II, 98).
    A S Comunhão nas mãos e os riscos mais diversos de pisoteio de partículas que caem no chão e desvio de Hostias Consagradas!
    “O mesmo sucederá com a Sagrada Comunhão. Mas, ai! quanto sinto ao te manifestar que haverá muitos e enormes sacrilégios públicos e também ocultos de profanação da Sagrada Eucaristia. …. Meu Filho Santíssimo ver-Se-á jogado ao chão e pisoteado por pés imundos”.
    “Quanto ao Sacramento do Matrimônio, que simboliza a união de Cristo com a Igreja, será atacado e profanado em toda a extensão da palavra. …. Impor-se-ão leis iníquas com o objetivo de extinguir esse Sacramento, facilitando a todos viverem mal (5),
    “…Extravasarão as paixões e haverá total corrupção dos costumes por quase reinar Satanás …. , o qual visará principalmente a infância a fim de manter com isto a corrupção geral.
    Eis a realidade do reinado temporário de Satã nesse mundo, por certo tempo!

  3. Sensibilizado e do fundo do coração, agradeço ao “FRATRES IN UNUM” este gentil, e – por que não dizê-lo? – generoso convite para escrever aqui, todo domingo, um artigo sobre textos das Sagradas Escrituras. Considerando o enorme alcance deste conceituado Site, sinto-me profundamente honrado e feliz em poder assim contribuir mais eficaz e amplamente para o bem das almas. Peço as orações de todos para que, com a graça e bênçãos de Nosso Senhor Jesus Cristo através de sua Mãe Santíssima, possa procurar sempre a maior glória de Deus e o bem das almas.

  4. Reverendo Padre, sua bênção. O senhor poderia indicar livros sobre a Bíblia que não estejam corrompidos pelo modernismo? Obrigado pelo excelente texto e pela atenção e cuidado por nossas almas.

  5. Parabéns ao Fratres que estará mais evangelizador com o Pe Elcio, sempre muito explicito e contundente, sem essa de umas fajutas misericórdia, compreensão e tolerancia (com o erro), tomando a frente de uma CNBB passiva, inerte, mais se parecendo sucursal do PT, cujo ensinamento abaixo ela é que deveria estar repassando aos presbíteros e esses ao povo:
    “Caríssimos, grassa no mundo uma conspiração contra a Verdade e o Decálogo. A iniquidade multiplica-se sobre a face da terra. A fé extingue-se nos corações. Estarrecidos e tristes, assistimos a destruição da família cristã. E, neste afã iníquo em aniquilar a célula da sociedade, não bastassem os comunistas e maçons, bispos progressistas, sob a capa de misericórdia, parecem empenhados em tranquilizar as consciências no pecado, ao invés de o tirar delas como fizera o Cordeiro de Deus, Nosso Senhor Jesus Cristo”.
    A CNBB deveria ser a primeira a desinfestar seu ambiente de infiltrados dentro dela a serviço das potencias do mal, maus elementos do martelo e foice e da tenebrosa ordem do avental!

Trackbacks