“Permaneça absolutamente firme na doutrina”.

Por Il Timone | Tradução: Gercione Lima – FratresInUnum.com: “Halten Sie sich um die unbedingt Lehre!” Permaneça absolutamente firme na doutrina.

Bento XVI, ainda Pontífice reinante, em Castel Gandolfo.

Bento XVI, ainda Pontífice reinante, em Castel Gandolfo.

Esta foi a recomendação que o Papa Emérito Bento XVI deu privadamente a um prelado alemão que lhe perguntou como lidar com o terremoto em curso depois do último Sínodo. Foi o que revelou Edward Pentin, correspondente do Vaticano para o jornal americano National Catholic Register, talvez o melhor cronista até agora dos eventos relacionados ao Sínodo, ao qual dedicou um livro com revelações escaldantes, publicado pela principal editora católica dos EUA, a Ignatius Press, e intitulado The Rigging of a Vatican Synod? An Investigation of Alleged Manipulation at the Extraordinary Synod on the Family,  ou seja, “Um Sínodo do Vaticano manipulado? Uma investigação sobre presumidas manipulações ocorridas durante o Sínodo extraordinário sobre a família”.

16 Comentários to ““Permaneça absolutamente firme na doutrina”.”

  1. Todos nós católicos convictos. Não podemos vacilar em um milímetros dos Dogmas já definidos pela Santa Igreja. Ela tem um manancial inerrante durante os vinte séculos de cristianismo. Sua doutrina continua verdejante, cristalina, com total segurança para todos os seus filhos dedicados. Jamais um católico, pode pensar assim: E agora! Será que nós estávamos enganados? Será que esta doutrina que aprendemos nos documentos oficiais da Santa Igreja; eles nos enganaram? Será que nesta lista de centenas de Papas piedosos e muitos deles santos. Forneceram águas poluídas, ou misturadas com heresias? Será que a Santa Igreja, errou em canonizar um São Pio V, um São Pio X? Sem querer mencionar dezenas de outros que pautaram com firmeza na doutrina infalível da Santa Igreja? Os ensinamentos que eles nos deixaram podemos confiar? Ou a Igreja católica, é como a lua que muda diversas vezes no nosso céu durante o mês? Não! E Não! Meus amigos de luta. Nós temos certeza que esta Igreja; a qual defendemos com todas as garras. Não nos enganou! Ela é o eco do céu. Ela tem promessa divinas. Os inimigos jamais irão de sufoca-La. Neste mar revolto, tem umas mãos invisíveis que governa e nos socorre. É o nosso Divino Redentor. É Ele que nas horas que tudo parece que está perdido. É momento que está próximo à Sua vitória. Não foi assim na Paixão? Os ímpios pensaram: Matamos Aquele que nos importunavam. Sua morte foi a vitória da Cruz. Abril o céu para todos nós. Vamos rezar por este sínodo que está sendo realizado, para que os cardeias, bispos, padres, leigos do mundo inteiro. Reza com fervor o Santo Rosário. Só uma força sobrenatural, é capaz de impedir tamanha baderna. Vamos dobrar os nossos joelhos, para impedir que não aconteça mais uma desgraça no mundo de hoje. Onde muitos despreparados poderão escandalizar com os acontecimentos atuais.
    Joelson Ribeiro Ramos.

  2. Foi perseguido porque tentou guardar a família, a luta contra o aborto, a luta contra a ideologia de gênero e a condenação dos atos sexuais contra a natureza.
    Passou a incomodar o mundo e o mundo o detestou. Simples assim!
    O que resta de vida natural na Igreja está sumindo. E não restará mais nada.

  3. Eu respeito o cripto Papa Bento XVI, principalmente por pronunciamentos e ações passadas suas.Compreendo a tragédia de todos nós, diante de tantas doutrinas semelhantes ou dissemelhadas dentro do que se está chamando A Igreja, mas dizer a um torturado cristão: permaneça firme na fé, provoca uma reação de humorismo negro: QUAL fé?A Doutrinal ou a Pastoral?Segundo qual Cardeal, qual associação pia, qual Encíclica ou Alocução Papal?

    • Não saibe que ordens está dando o Cardeal Ratzinger – Papa Emérito?

      Não pode ser diferente:

      Senhor Meu Jesus Cristo,
      Vós quereis que haja
      um só rebanho
      e um só pastor:
      fazei-me, pois,
      Aceitar a vossa Doutrina toda.
      Ajudai-me a observar
      os vossos mandamentos.
      Que eu viva assim
      unindo à vossa Santa Igreja
      E, guiado POR ELA,
      caminhe seguro
      para a pátria feliz do céu.
      Amém.

      ——–

      “Pastoral é a prática modernista para jogar pedras no Sagrado Magistério que ensina a Doutrina de sempre. O termo pastoral é hoje usado para achincalhar a Igreja dos Santos e liberar o homem para pecar: ofender a Deus. É golpe do demonio. Ela pretende, na prática, se os modernistas acreditassem mesmo na existência do inferno; mandar o pecado para o inferno e o pecador para o céu. Mas duvido até mesmo disso, tamanha a falta de Fé de hoje.

      Exemplo da pseudopastoral(mentira do demonio):

      O hipossuficiente peca por fornicação atrás da moita enquanto o abastado peca no motel. Ora, o conforto do rico nesse caso é um pecado grave. Ou ele se torna pobre e vai fornicar atrás da moita ou ele dá reparte o quarto do motel com o fornicador pobre. Não havendo isso, seria injustiça da parte do abastado. Vade retro Satana! Lamartine, entendeu?

  4. Só o tempo mostrará, para os que ainda não tem essa consciência, quão grande foi/é Bento XVI. Não tenho receio em afirmar que este senhor já se encontra no panteão dos doutores da Igreja, ao lado de santos como Teresinha e Agostinho de Hipona!

  5. “Permaneça absolutamente firme na doutrina”.

    Santidade, não fale isto, senão uma “freira” de 70 e tantos anos que tem vindo aqui no Fratres in Unum proferir suas pérolas pode acabar tendo um piripaque.

  6. Sua Santidade Papa Emérito Bento XVI foi duramente perseguido por guardar a Sã Doutrina.. Saudades de seu Pontificado

  7. Saulo, a Ir. Glacy não tem doutrina, ela apenas repete chavões liberteiros dos anos 70. A fé dela está no livre exame da Bíblia, na sovietização do povo, na falsa caridade dos hipócritas, ou seja, se ela faz algum bem na casa dos setenta anos, talvez seja nos revelar o que pensam e como agem alguns religiosos que são cobras criadas pelo concílio das maravilhas. Cada postagem dela aqui é o desmascaramento dessa realidade jujuba que temos hoje.

  8. Sr. RODRIGO. Pelo jeito eu sou tudo o que não presta e você e seus amigos são tudo o que é bom, puro e verdadeiro. Isso me lembra a parábola contado por Jesus do Fariseu e do publicano no templo. Lambra disso? Lembra também o estado Islâmico na Síria e no Iraque que matam todos que pensam diferente. Imagine se existisse novamente a inquisição e vocês fossem os TORQUEMADAS? Quem sobraria? Pela fúria do seu julgamento, ninguém. Qual a diferença de vocês e os Fariseus na época de Jesus? Nenhuma, ambos vivem pela lei, pela regra. Graças ao concílio a Igreja aos poucos está deixando de ser uma Igreja rígida, FRIA, cerimonialista, fechada, engessada, para ser uma Igreja mais humana, acolhedora, misericordiosa e Francisco está ajudando muito. Vocês não conseguirão deter a Espírito de Deus. O amor vai vencer. Pense nisso. Um grande abraço ao Sr. Saulo seu colega de ódio também.

    • “Graças ao concílio a Igreja aos poucos está deixando de ser uma Igreja rígida, FRIA, cerimonialista, fechada, engessada, para ser uma Igreja mais humana, acolhedora, misericordiosa e Francisco está ajudando muito. ”
      Quanto me deparo com este tipo de argumento, dou-me conta que os vaticanosegundistas não são católicos. “Quod semper, quod ubique, quod ab omnibus”, é nisso que a Igreja crê, e no entanto os modernistas crêem que a verdadeira fé começou há 50 anos, e antes disso todos os papas, santos, doutores, fiéis, eram nada mais que um bando de fariseus encerrados no doutrinalismo e ritualismo rígidos e vazios.

    • Sra. Glacy,

      Com sua licença, mas a senhora citou equivocadamente a Inquisição. A Inquisição não foi do jeito que a senhora (e, por tabela, o restante dos mundo (notadamente os detratores da Igreja)) pensa que foi.

      Também fiquei em dúvida sobre o seu dejeso que “o amor vença”! A Igreja Católica não foi sempre amorosa? Só agora é amorosa? O amor vai vencer como? Qualquer “tipo de amor”? Até o “amor” supostamente existente entre dois homens?

      São Miguel Arcanjo, ajude-nos na batalha!

  9. Irmã Glacy, porque quando vocês são confrontados com suas incoerências quem vos confronta é quem vos odeia? Vocês são os maiores artífices da destruição da Fé Católica, sim essa Igreja rígida e fria pré-conciliar que a senhora no alto de sua sabença acusa de maneira acintosa, porque já não faz mais parte dela, afinal aderiu à nova igreja gestada no Concílio. Porque não vai trabalhar? Vai procurar algum Gulag pra senhora realizar seu apostolado impostor. Pare de encher o saco! Religiosa deveria se ocupar menos de internet e mais de sua vida religiosa, se é que a senhora tem alguma. Passar bem.

  10. Na falta de argumentação sólida, a Irmã Glacê (sim, aquela cobertura adocicada dos bolos) chama carinhosamente de fariseus e hipócritas, de Torquemadas (quanto bem ele fez à Igreja!) os que criticam a postura e a impostura dos operários dessa fábrica de doces chamada igreja pós-concliar. Que fique claro que nessa nova igreja à qual pertence a irmã Glacy entra todo mundo que odeia o Verdadeiro Catolicismo. Para eles serve aquela frase: aos amigos marmelada, aos inimigos paulada. E nós somos os inimigos, afinal não fazemos parte do pão e circo que eles frequentam. Fico pensando o que diria a fundadora ou fundador da congregação à qual esta irmã tão caridosa pertence? Com certeza já teria sido expulso de seu instituto por ser tão católico!

  11. Ir.Glacy,

    Fácil notar que a sra. tem uma concepção
    muito, muitíssimo equivocada da História da Igreja.

    Essas palavras agressivas contra a Santa Igreja encheriam
    de orgulho Lutero, Satã, Kardec, Marx e toda sorte de hereges,
    ateus e protestantes confessos. Mas a sra. não é herege, não é?
    Talvez um tanto desinformada?

    Mas a sra. odeia o passado da Igreja Católica, cumprindo aquele
    grande temor de Pio XII:

    “Ouço em torno de mim inovadores que querem desmantelar a
    Sagrada Capela, destruir a flâmula universal da Igreja,
    rejeitar seus ornamentos, DAR-LHE REMORSOS DE SEU PASSADO
    HISTÓRICO (…).”

    Acontece que o passado histórico da Igreja Católica é belíssimo,
    Ir. Glacy, e os hereges, os ateus e os modernistas é que deveriam
    ter vergonha na cara antes de ficar repetindo críticas…
    A senhora conhece essa história?
    A senhora tem ideia do que seria nossa sociedade
    se a Igreja fosse isso que a sra. falou?

    A senhora já parou para pensar que, se a Igreja fosse assim
    tão ruim, ela não seria a Igreja de Nosso Senhor, já que
    Ele falou que “pelos frutos conhecereis a árvore”?

    Enfim, vou deixar um link de um curso ministrado por um professor
    de História mundialmente conhecido.
    Ele tem mais autoridade para falar sobre esse assunto
    do que esses discípulos de Marx que a sra. parece tomar por mestres.
    Por favor, assista-o antes que volte a proferir ofensas à Santa Igreja:

    https://www.youtube.com/user/kandungus

  12. Irmã Glacy. Como pode a Igreja ter sido rígida, fria, cerimonialista, fechada, engessada, e que depois do Concílio tornou-se maIs humana, acolhedora, misericordiosa se Bergoglio adotou seu nome de FRANCISCO em homenagem ao santo do século XII?