“O Zelo por tua casa me consome” (Sl 69,10).

Do Facebook de Dom Odilo Pedro Scherer, imagens dos jovens católicos que se ofereceram, voluntariamente, para limpar as pichações feitas por feministas na Catedral da Sé, de São Paulo. De acordo com a assessoria de imprensa da Arquidiocese de São Paulo, o “arcebispo lamentou as pichações e ressaltou que a Igreja seguirá proclamando com firmeza e serenidade a Palavra de Deus”.

“Pô, meu, sacanagem meu, essa é a casa de Deus e também a minha! Eu durmo aqui”! Depoimento, segundo o padre João Bechara Ventura, de um morador de rua que no último domingo ajudou a limpar as pichações feitas na Catedral de SP pelos abortistas.

Anúncios

11 Comentários to ““O Zelo por tua casa me consome” (Sl 69,10).”

  1. O difícil será cessarem tais desrespeitos e similares, pois o governo comunista do PT aprova esse tipo de ação justamente para destruir a Igreja, a fé e implantar o relativismo – olhe que tem conseguido colher excelentes dividendos – e seguidas ações desse gênero são indicativos de quanto já conseguiu deformar as mentes.
    Nesse caso, para que as feminazistas acuassem, teria de haver um repudio geral dos católicos, a começar de uma reação contundente da CNBB; mas de como procede há 35 anos amasiada co’os comunistas, estaria favorável!

    • Isaías, não é para defender o PT, mas que governo em qualquer país nominalmente católico, por mais conservador que declare ser, defende mínimamente sua religião? Isso acontece em todos os lados, todos os governos nisso são iguais e recebem ordens de poderes supranacionais (muitas vezes chamado “Nova Ordem Mundial”) e trabalham para destruir a Igreja.
      O único governante cristão (embora não católico) parece ser o presidente da Rússia: em 2012 um grupelho de “punk feminista” profanou o altar da principal catedral ortodoxa de Moscou com seu protesto, cantando uma canção ofensiva à Virgem, e foram em cana. Obviamente, todos os meios de comunicação internacionais falaram que o regime russo é “opressor” e proibe a “liberdade de expressão”. Eu pessoalmente quisera ver um governante católico assim.

  2. Steiner, Mol, Hummes, Casaldáliga e a CNBB como um todo são cúmplices desse sacrilégio cometido contra a Catedral da Sé, pois eles dão todo apoio e moral a estes ditos “movimentos sociais”.

  3. Parabéns pela bela iniciativa!

  4. A ala da teologia da Libertação (feministas, MST, PT, CUT, comunistas, CNBdoB…) está colhendo o que plantou nas últimas décadas.
    Lamentável tudo isso…
    Feliz a nação cujo Deus é o Senhor!

  5. Depois essas feminazis acusam a Igreja de intolerância!! Agorana prática percebemos quem são os verdadeiros intolerantes.

  6. Professor Olavo disse no Face: “Dom Odilo Pedro Scherer talvez entenda agora que meio século de afagos em cabeças de comunistas só podia dar mesmo nisso.:0”

  7. “Porei ódio entre ti e a mulher, entre a tua descendência e a dela. Esta te ferirá a cabeça, e tu ferirás o calcanhar.” (3,15).

    Como o ódio da Antiga Serpente (hoje: feministas, esquerdistas…) é explícito contra Maria (“tire seus Rosários…”).

    Que São Bento nos proteja com a sua belíssima oração:

    “Crux sancta sit mihi lux / Non draco sit mihi dux
    Vade retro satana / Numquam suade mihi vana
    Sunt mala quae libas / Ipse venena bibas”

    Vade Retro Satana!

  8. Está parecendo-me que as esquerdas estão começando a radicalizar.

  9. Muito bom! Esse caro irmão limpando a Catedral é conhecido na Igreja Nossa Senhora do Brasil e arrebores, onde assistia com frequência as missas. Conta-se que um dia, após a aclamação do Santo, onde alguns disseram “Santo, Santo, Santo, é o Senhor Deus dos exércitos”, ele tenha comentado: ” Não é necessário dizer o ‘é’, pois Deus já é o Ser em plenitude.”

    Que Deus o abençoe!

  10. É realmente uma coisa muito bonita de se vê! As pessoas se sentindo parte da Igreja.