Natal dos cristãos refugiados no Líbano.

Tags:

2 Comentários to “Natal dos cristãos refugiados no Líbano.”

  1. Os cristãos, antes da eclosão da guerra civil na Síria cujo objetivo era derrubar a dinastia Assad, fortemente opressora, como todo regime islamita; apesar disso, seu presidente Bashar Al-Assad, da facção alawita, convivia lado a lado com cristãos, sem percalços.
    No entanto, desde a entrada do comunoislamita Barack Obama do Partido “Democrata” nos EUA – o PT americano – por disputas hegemônicas no Oriente Medio, interessess estratégicos e outros mais, além de Obama ser radicalmente anti cristão, católico em particular!
    Obama teria armado grupos radicais do Islã, como o EI e outros mais radicais inimigos dos cristãos e de Assad – o qual era aliado do russos e desgostava os americanos – daí instigando disputas internas, disso sucedendo um verdadeiro genocidio contra os cristãos que ficaram sob fogo cruzado; antes, viviam em paz, ao menos sem confrontos armados, como agora.
    Mas, como os muçulmanos começaram a trazer problemas internos agressivos nos EUA e Obama fingir ser um presidente do bem, obrigou-se a retroceder e combater os que apoiava para redimir-se junto ao povo americano pelo fiasco, de crer em relativistas e alienados do Islã, inimigos entre si e desorientados pelo Al Corão que instiga os odios generalizados contra opositores; confira as suratas 5, 31 e 5, 33, dentre varias mais semelhantes!
    A situação é de alta complexidade; os anticristãos contam com a midia globalista para desinformar aparentando o contrario, além de por cima contarem com o prestimoso apoio de países social-marxistas que são aliados dos tais quais muçulmanos!
    Eis também o caso do governo comunista do Brasil via Dilma na globalista ONU apoiando o ISIS, incitando-o a promover o desterro e massacre dos cristãos – com ajuda dos eleitores que votaram no PT e das autoridades eclesiásticas silentes e ou coniventes, nem menos em denunciarem formalmente tal descalabro, como censurarem o PT – canes non valentes latrare? – em especial os que se mostram a favor do EI e de seu braço armado ISIS!
    Assim, uns em mais e outros em menos, estão também por detrás das penurias de que são vítimas os cristãos em toda a região, caso dos refugiados no Líbano etc., perseguidos até para onde fogem, como nos campos de refugiados!

  2. Será que mesmo nessa hora de “via crucis” tão dolorosa o Francisco I não tem uma palavra de piedade, incentivo, apoio e de estímulo a perseverança na Santa Fé Católica Apostólica e Romana? Essa omissão chegar a estarrecer e deixa-nos perplexos! NADA A DIZER A FAVOR DESSES PERSEGUIDOS BRUTALMENTE PELOS MUÇULMANOS!!!
    Pois quando se trata de “refugiados” (entre aspas de propósito, pois nunca tinha visto refugiados com tanta quantidade de jovens fortes, atléticos e só de algumas mulheres e crianças como MST faz no Brasil) o Bispo de Roma brada a plenos pulmões em altas vozes em favor deles e condenando o Ocidente (o que tem a ver com isso?) e os países que procuram se defender não dos “refugiados” mas de invasores que querem trazer terror e tentar escravizar os europeus não muçulmanos. Vide o caso francês, norte americano e etc.