Nota de Repúdio à Rede Globo, por Associação Nacional Pró-Vida e Pró-Família.

NOTA DE REPÚDIO CONTRA A REDE GLOBO

A Associação Nacional Pró-Vida e Pró-Família manifesta seu repúdio à Rede Globo pelo programa Zorra Total ter escarnecido da fé dos brasileiros, em esquetes exibidas nos dia 19 de dezembro de 2015, zombando do sentimento religioso da população, majoritariamente cristã, especialmente católica. Em tais esquetes é utilizada a aparição de Nossa Senhora de Fátima para fazer chacota, infringindo dessa forma o art. 208 do Código Penal  e ainda por ofender princípios e garantias constitucionais, especificamente o art.5°, VI, da Constituição Federal que estabelece a inviolabilidade da liberdade de crença, sendo assegurada o livre exercício dos cultos religiosos e garantida, na forma da lei, a proteção aos locais de culto e as suas liturgias, esquetes essas que foram ofensivas à moral cristã, motivo este a justificar o mais veemente e público ato de repúdio.

Prof. Hermes Rodrigues Nery – Presidente

141d486a-774c-4227-b840-502f1f5ed2b9

Tags:

25 Comentários to “Nota de Repúdio à Rede Globo, por Associação Nacional Pró-Vida e Pró-Família.”

  1. Apoio a manifestação da Associação Nacional Pró-Vida. Mas porque a CNBB se cala?

    • Salve Maria!

      Claudia, você espera de fato alguma coisa da CNBB? É uma seita!

      Ad Majorem Dei Gloriam,

      Eduardo Ferreira.

  2. Que Deus esteja conosco e que Maria nos perdoe pelo ato da empresa mais destruidora de família do mundo.

  3. Todos os católicos que tenham um mínimo de fé deveriam excluir a Rede Globo da Perversão infanto-juvenil de seus lares, pois a um clic via suas sexo-novelas, graças á atual tecnologia, vocês (infelizmente até filhos menores) pais e mães, péssimos exemplos de fé e escandalosos, permitem que em casa todos adentrem quartos de moteis ou de zonas boemias, tanto faz!
    Nada melhor que um total boicote á Rede Globo da Zona de a deixar sem audiencia até que mude de programação – ou mude de atividade – depende maximamente de nós!
    E comparecermos ao local, conforme apelo acima para desagravarmos as ofensas injustas contra N Senhora por essa apóstata emissora, a qual merece nosso incondicional repudio!
    Trata-se de uma guerra aberta: Satã x Jesus e seus fieis; mostremos de que lado estamos!

  4. Pena que o Brasil é católico só no IBGE

  5. Se você é cristão – não assista a Rede Globo – que tem programas horríveis como o BBB – novelas apelativas – e, ainda, desrespeito à religião de grande parcela da população!!! Faz tempo que eu não assisto nada mais nessa emissora – até o jornal da noite – substitui pela TV CANÇÃO NOVA (que é maravilhosa!!!!

    • Procure se informar melhor a respeito da Canção Nova que v diz ser “maravilhosa”: ela tem adotado pentecostalismo protestante – como o mons. Jonas em videos no “xirilialaxirilaiaê”, danças na frente do SS Sacramento e bastante modernista – a começar por permitir um dos maiores relativistas do Brasil: Pe Fabio de Melo – saia dela!

    • Se você é Cristão, jogue sua tv fora. Faça leitura com seus filhos, pratique esportes, reze as orações cotidianas em família, visite lugares bons para aprendizado histórico. etc. Foi o que eu e minha família fizemos com a tv.

  6. Vamos somar, devemos fazer tudo para repudiar essas blasfemias e uma boa reparação é manifestar nossa indignação. Quem quiser poderá manifestar diretamente à Rede Globo:

    http://ipco.org.br/ipco/religiao/blasfemia-e-cristianofobia-a-caminho-do-satanismo

  7. O primeiro ato de protesto ( e eu duvido que a maioria silenciosa que se diz Católica faça!) é não acessar nem canais de internet e nem a rede aberta da Rede Globo. Boicotem seus programas e novelas, não contribuam com suas campanhas como o tal “Criança Esperança”.
    O fato de uma emissora que ataca com tamanha ousadia todos os valores cristãos ser considerada “campeã de audiência” num país que se diz “católico” diz volumes sobre a quantas anda a fé dos Católicos desse país.
    Eu já tive o canal pago de cable, a Globo Internacional. E olha que era só pra ter acesso às notícias do Brasil e as notícias locais do meu Estado. Cancelei tudo assim que percebi o baixo nível da programação, a pornografia descarada de suas novelas, a mentira deslavada e o baixo nível profissional de seus jornalistas que falam um inglês péssimo com erros primários de concordância e pronúncia.
    Recentemente a companhia de cable que eu assino me ofereceu como bônus o canal internacional da Globo de graça e eu recusei.
    A agenda dessa emissora é declaradamente anti-cristã. Enquanto suas novelas étnicas e seriados promovem abertamente tudo quanto é culto pagão: budismo, hinduismo, islamismo, espiritismo…etc, os cristãos são apresentados apenas como fanáticos, preconceituosos, intolerantes, hipócritas.
    A coisa é tão ridícula que a gente vê nesses programas de auditório da Globo, apresentadores que são pecadores públicos e empedernidos ridicularizando, atacando, criticando o Cristianismo enquanto um auditório composto por idiotas que se declaram cristãos os aplaude efusivamente!
    Qual seria a reação desses apresentadores se cada um que se diz Católico se levantasse e deixasse o auditório vazio? Qual seria a reação da diretoria dessa emissora ao ver seus índices de audiência caindo virtiginosamente? Será que os gatos pingados que se dizem ateus dariam audiência suficiente para atrair anunciantes e patrocinadores? Duvido! O mal cresce quando as pessoas que se dizem de bem se omitem.
    E não esperem que os impostores da CNBB se pronunciem. Desligar a TV não depende dos Bispos e sim do bom senso de cada um.
    A reparação deve ser feita sim, mas do modo como Nossa Senhora pediu e não num simples ato de protesto.
    Nossa Senhora apareceu à Irmã Lúcia em 10-12-1925, em Pontevedra, Espanha e disse-lhe então:

    “Olha, minha filha, o meu coração cercado de espinhos que os homens ingratos a todos os momentos me cravam com blasfémias e ingratidões. Tu, ao menos, procura consolar-me e diz que prometo assistir na hora da morte, com todas as graças necessárias para a salvação, a todos os que, no Primeiro Sábado de cinco meses seguidos, se confessarem, receberem a Sagrada Comunhão, rezarem um terço e me fizerem companhia durante quinze minutos, meditando nos 15 mistérios do Rosário com o fim de me desagravar”.
    Nª Senhora mostrou o seu Coração rodeado de espinhos, que significam os nossos pecados. Pediu que fizéssemos atos de desagravo como a devoção reparadora dos cinco Primeiros Sábados. Em recompensa, promete-nos “todas as graças necessárias para a salvação”.
    Jesus nos dois anos seguintes, 15 de Fevereiro de 1926 e 17 de Dezembro de 1927, insiste para que essa devoção seja propagada. Lúcia escreveu: “Da prática da devoção dos Primeiros Sábados, unida à consagração ao Imaculado Coração de Maria, depende a guerra ou a paz do mundo”.

    O Padre José Bernardo Gonçalves (1894-1966) propôs em Maio de 1930 à Irmã Lúcia, de quem foi confessor, seis perguntas para as quais pedia esclarecimento.
    Eis o que se refere à quarta, com a respectiva resposta dada por escrito:
    «Porque hão-de ser ‘5 sábados’ e não 9 ou 7 em honra das dores de Nossa Senhora?
    Ficando na capela com Nosso Senhor parte da noite do dia 29 para 30 deste mês de Maio de 1930, e falando a Nosso Senhor das duas perguntas 4.ª e 5.ª, senti-me de repente possuída intimamente da divina presença; e, se não me engano, foi-me revelado o seguinte:
    ‘Minha filha, o motivo é simples: são 5 as espécies de ofensas e blasfémias contra o Imaculado Coração de Maria:
    1.ª – As blasfémias contra a Imaculada Conceição.
    2.ª – Contra a Sua virgindade.
    3.ª – Contra a Maternidade Divina, recusando, ao mesmo tempo, recebê-La como Mãe dos homens;
    4.ª – Os que procuram publicamente infundir, nos corações das crianças, a indiferença, o desprezo, e até o ódio para com esta Imaculada Mãe;
    5.ª – Os que A ultrajam directamente nas suas sagradas Imagens.

    Eis, Minha filha, o motivo pelo qual o Imaculado Coração de Maria Me levou a pedir esta pequena reparação; e, em atenção a ela, mover a minha misericórdia ao perdão para com essas almas que tiveram a desgraça de A ofender».

    Primeira ofensa: negação da Imaculada Conceição.
    A 8 de Dezembro de 1854, definiu o Papa Pio IX: «Declaramos, pronunciamos e definimos, que a doutrina que sustenta que a bem-aventurada Virgem Maria, no primeiro instante da sua Conceição, foi por graça e privilégio singular de Deus Todo-Poderoso… preservada e imune de toda a mancha do pecado original, foi revelada por Deus e como tal deve ser firme e constantemente acreditada por todos os fiéis».
    Recusam este privilégio várias confissões protestantes, os racionalistas, e implicitamente aqueles que negam o pecado original, pois que a Imaculada Conceição é precisamente a isenção dessa mancha, que em tal hipótese não exisitria.

    Segunda ofensa: negação da Virgindade perpétua de Maria.
    A 6 de Novembro de 1982 disse João Paulo II no Santuário do Pilar em Saragoça, Espanha: «De modo virginal ‘sem intervenção de varão, e por obra do Espírito Santo, Maria deu a natureza humana ao Filho Eterno do Pai. De modo virginal nasceu de Maria um corpo santo. É a fé que…o Papa Paulo IV articulava na forma ternária de Virgem ‘antes do parto, no parto e perpetuamente depois do parto’. É a mesma que ensina Paulo VI: ‘Cremos que Maria é Mãe sempre Virgem do Verbo encarnado».
    Opõem-se a esta verdade os que negam que a Conceição e o parto de Jesus não foram virginais, e que Maria não conservou no parto a sua integridade, assim como aqueles que afirmam que Ela teve mais filhos além de Jesus.

    Terceira ofensa: negação da maternidade divina e espiritual de Maria.
    Declarou o III Concílio de Constantinopla no ano de 680: «Nosso Senhor Jesus Cristo – nasceu do Espírito Santo e de Maria Virgem, que é, segundo a humanidade, própria e verdadeiramente Mãe de Deus».
    É também Mãe espiritual dos homens, pela sua participação no Mistério da Encarnação e Co-redenção.

    Quarta ofensa: ódio para com a Imaculada Mãe de Deus.
    A ideologia Marxista-comunista procurou eliminar todos os vestígios de religião, a começar pelas crianças. O Ministério da Educação soviética declarou nesses tempos: «A educação comunista tem como fim principal eliminar todos os vestígios da religião». Ensinava-se às crianças o racionalismo puro e, além disso, em certa nação, os pequeninos aprendiam «ladaínhas» de injúrias contra a Mãe de Deus.
    Quinta ofensa: ultrajes às sagradas imagens.
    Chegou-se ao descaramento de destruir e ultrajar as imagens de Nossa Senhora, sobretudo quando expostas em público. Certamente também desgostam a Maria Santíssima aqueles que tiram dos templos as suas imagens ou as reduzem ao mínimo, contrariando o Concílio Vaticano II. «Observem religiosamente aquelas coisas que nos tempos passados foram decretadas acerca do culto das imagens de Cristo, da Bem-aventura Virgem e dos Santos».

    São estas cinco ofensas a Maria que devemos reparar nos cinco primeiros sábados.
    http://www.fatima.pt/portal/index.php?id=2415

  8. Que os cariocas se mobilizem em peso para assim fazer uma grande vigília em desagravo.

  9. Chacota maior com Nossa Senhora faz o clero modernista – do qual é claro incluo taxativamente o Papa Francisco, bem como os fiéis leigos e o que ainda restou da nobreza católica, devendo incluir aqui os católicos que se dizem filiar ao tradicionalismo porém não tomarem uma atitude anti-comunista dos quais alguns chegam a fazer propaganda de Putin como o “Carlos Magno do séc. XXI”, recusando assim o pedido feitos por Nossa Senhora em Fátima, ou seja, a Consagração da Rússia ao Imaculado Coração de Maria.

  10. Diz o Código de Direito Canônico: “Cân. 375 — § 1. Os Bispos, que por instituição divina sucedem aos Apóstolos, são constituídos Pastores na Igreja pelo Espírito Santo que lhes foi dado, para serem
    mestres da doutrina, sacerdotes do culto sagrado e ministros da governação. § 2. Pela própria consagração recebem os Bispos com o múnus de santificar também o múnus de ensinar e governar, que, todavia, por sua natureza não podem exercer senão em comunhão hierárquica com a cabeça e os membros do Colégio”.
    Se os Bispos recebem pela consagração o munus de ensinar, governar e santificar o povo de Deus, Ao silenciar sob a deformação que a TV impõe ao povo cristão, eles renunciam a um dever que lhes foi imposto. Porquê se calam?.

  11. Televisão: Um “Fast Food” envenenado para a alma, parte I:

    Televisão: Um “Fast Food” envenenado para a alma, parte II:

  12. Eu, sinceramente, não perco meu tempo vendo esse programa que, aliás não presta para nada. Acho uma afronta o que fizeram. A vigília é muito importante mas além disso devemos boicotar essa porcaria, que só joga lixo nas nossas casas.
    Graças à Deus o movimento pró-vida é bem ativo aqui no Rio de Janeiro, e principalmente nós que frequentamos a Igreja de Nossa Senhora do Parto, que tem um centro social que ajuda gestantes carentes, sofre muito quando a passeata feminista passa em direção a Avenida Rio Branco. Elas afrontam, gritam, xingam enquanto reivindicam seus “direitos” de matar o inocente.
    Temos que orar por esse movimento que tão bem faz a sociedade, inclusive, quando ajudaram a polícia a desmantelar uma quadrilha que praticava abortos aqui no Rio de Janeiro.
    Esse centro social também recebe ajuda com leite, fraldas, enxoval. Entrem na página do facebook, e quem puder ajudar a essas mamães que deram seu SIM para a vida, estarão contribuindo com esse trabalho maravilhoso.

  13. 2016 e ainda tem Católico assistindo Globo?? Aí complica hein galera, dar audiência pra um canal aberração desses é brabo, temos q repensar nossas atitudes. Eu msm acessava mto as páginas dessa emissora na internet mas aos poucos tô começando a abandonar, graças à Deus. Não é de hoje q eles agridem não só nossa crença mas a cultura cristã como um todo de tudo quanto é jeito, seja às claras ou nas entrelinhas.

  14. Se de um lado a rede bobo envenena a sociedade com sua programação imunda e anticristã, de outro a Montfort envenena o meio tradicional com suas teses obsessivas do sectarismo fedeliano, causando divisões e contendas que parecem não ter fim.
    Nem perco meu tempo vendo qualquer coisa desse grupo que, sob o pretexto de defender a Igreja, se acha no direito de dizer quem é e quem não é católico.
    Já me convenci de que, se não pensar e agir como eles, não pode ser católico.
    Eis a razão pela qual os líderes desse grupo expulsaram um de seus membros pelo fato de ele ter ousado assistir a uma palestra do Prof. De Mattei, sob a acusação der cometido um pecado mortal. Que absurdo! Quanta cegueira!
    A essa altura, fico imaginando o que esses sectaristas fedelianos devem estar pensando a respeito de D. Atanásio Schneider, pelo fato de ele ter celebrado recentemente uma missa pontificial pela passagem dos 20 anos de falecimento do ilustre Prof. Plínio Correia de Oliveira.
    Será que o eminente bispo também cometeu um pecado mortal?
    E se esse bispo um dia for eleito papa (queira Deus), será que os sectaristas fedelianos vão virar sedevacantistas?

  15. A rede Bôbo está fazendo a parte dela; preparando as almas a ela confiada para aplaudir e referenciar o anticristo, não acredito que reclamações irá surtir efeito, apenas servirá para mostrar que nem todos seguem sua agenda prostituída.

    O correto é fazer o que Gercione e outros falaram; simplesmente abolir essa prostituta eletrônica (televisão) de seus lares, nem os desenhos são neutros. Os pais tem que gastar tempo com seus filhos educando na fé de sempre e acompanhando seus filhos em lazeres honestos.

  16. Pior do que a globo são as revistas “superinteressantes” que circulam por aí.
    Quem financiou o sucesso desta revista foram os próprios católicos que compraram e comentavam seus textos.