Fogo! Socorro! Acudam!

Por Dom Fernando Arêas Rifan, 25 de outubro de 2017

Junto com a divulgação da imoralidade fantasiada de arte e a propaganda maciça do homossexualismo travestido de respeito à diversidade, reaparece a doutrinação da Ideologia de Gênero, também com ares de liberdade e de orientação sexual. São Paulo já advertia: “Fostes chamados à liberdade. Porém, não façais da liberdade um pretexto para servirdes à carne” (Gl 5, 13). A família está sendo alvo de ataques que visam a sua destruição. Se a crise social, política e familiar por que passamos é, sobretudo, moral, essa propaganda em nada a faz diminuir, mas, pelo contrário, aumenta-a rompendo todas as barreiras éticas que deveriam pautar o comportamento humano. Os bons ficam acuados. A família perde seus direitos na educação dos seus filhos, que se tornam alvo fácil da propaganda destruidora da moral. E os meios de comunicação, através de novelas e entrevistas direcionadas, vão divulgando essa mentalidade de modo bem orquestrado.

É preciso dar um basta! É preciso que as forças morais de toda a humanidade se levantem e deem o seu brado de inconformidade com tudo isso. É hora de gritar com São Luiz Maria Grignion de Montfort: “Fogo! fogo! fogo! Socorro! socorro! socorro!… Socorro, que assassinam nosso irmão! Socorro, que degolam nossos filhos!…”.

A Igreja levanta a sua voz de repúdio a tudo isso: sua doutrina clara já condena esses erros. É preciso que os católicos sejam lógicos e coerentes com o que a Igreja lhes ensina.

É hora, principalmente de os leigos agirem. Não fiquem se perguntando: o que a Igreja vai falar ou fazer sobre isso? Vocês também são a Igreja. A pergunta deve ser: o que nós estamos fazendo contra tudo isso? Não fiquem esperando pelos pastores. As ovelhas têm o direito de se defenderem dos lobos que as atacam. Falem, protestem, escrevam, alertem os filhos, os amigos. Gritem nas redes sociais! Pais de família, reajam! É preciso que o mundo escute a voz dos bons e saiba que ainda existem famílias corretas, pessoas de bem e de coragem que não concordam com a imposição dessas ideologias.

Dom Prosper Guérranger (L’Année Liturgique), sobre o episódio em que um leigo, Eusébio, levantou-se em meio à multidão contra a impiedade de Nestório, salvando assim a fé de Bizâncio, comenta: “Há no tesouro da Revelação pontos essenciais, cujo conhecimento necessário e guarda vigilante todo cristão deve possuir, em virtude de seu título de cristão. O princípio não muda, quer se trate de crença ou procedimento, de moral ou de dogma. Traições como a de Nestório são raras na Igreja; não assim o silêncio de certos Pastores que, por uma ou outra causa, não ousam falar, quando a Religião está engajada. Os verdadeiros fiéis são homens que extraem de seu Batismo, em tais circunstâncias, a inspiração de uma linha de conduta; não os pusilânimes que, sob pretexto especioso de submissão aos poderes estabelecidos, esperam, pra afugentar o inimigo, ou para se opor a suas empresas, um programa que não é necessário, que não lhes deve ser dado”. >

 

19 Comentários to “Fogo! Socorro! Acudam!”

  1. Só um detalhe: este texto é de outubro do ano passado. Sua repostagem neste blog parece oportunista, como se Dom Rifan estivesse dando apoio a um tal Bernardo. Inadequado.

    • A data está bem indicada no início do post, não?

    • Qual seria o problema?

    • Fabiano, o Bernardo por acaso descobriu alguma novidade? Ou só esta expondo o que a CNBB faz às claras ha décadas, impune? Não lhe ocorre que o texto de Dom Rifam possa ter sido causa e não consequência do trabalho do Bernardo? Oportunismo é sim querer, em uma guerra tão desleal e desigual, lançar uma pedra em Davi que já está tão ocupado em derrotar Golias.

  2. Muito bem, D Rifan, mas o Revmo Bispo junto conosco que estamos alertando a Igreja dos desvarios que cometem diversos do Alto Clero dentro dela, pressionado-os, necessitaria agir sintonizado conosco pois se todas essas mazelas sucedem no Brasil vêm de décadas atrás, desde o tempo de D Hélder – com ajuda e/ou omissão da CNBB de não denunciar ao povo o que as ideologias marxistas dos PCs, caso especialmente da dupla infernal PSDB-PT impingiam no povo, amparados pelos mesmos maus elementos dentro do igual sabotador PMDB; que tal cobrar-lhe publicamente por desculpar-se e mudar de direção para o arrocho cessar, que tal?
    E as cartas de D Manuel Pestana interpelando a CNBB nesse sentido, recorda-se? Estão na *net
    Se pergunto: desde quando a omissa CNBB combateu a esquerdista TL, o comunista PT e mais PCs que infernizam o Brasil e as redes midiáticas que pervertem as familias, apoiadas pelos PCs, especialmente do PT via esquerdista Rede Globo da TeleSacanagem, perversora oficial da familia brasileira pelos BBBs, seriados e sexo-novelas?
    Ou *A FAZENDA da Rede Record do sedizente e auto ordenado bispo Edir Macedo da Igreja Universal, que era aliado dos comunistas do PT etc., que ambas fazem de seu lar as mesmas cenas de quarto de motel para os mais velhos se perverterem e as crianças se tornarem em breve uns zumbis, relativistas e maus elementos?
    Estamos colocando a CNBB em tal polvorosa que as reclamações dela de pesado assedio estão bastante evidentes, como podem conferir no site e no FACE dela, com discursos de cardeal D Sergio nesse sentido, parecendo pelos dizeres dele que seriam injustificados – serão mesmo, até atacando a Igreja? Só se for a igreja dos amigos dos revolucionarios da TL + PCs!
    De forma alguma, CNBB, pois eu mesmo já vi o gângster Lula, bandido-mor do Brasil vociferar que se não fossem os chegados dele e do Partido dos “Trabalhadores” dentro da “Igreja” – entendi: das igrejas das esquerdas, aquelas montadas em laboratorios de engenharia socialistas com as bênçãos da maçonaria eclesiástica – não chegaria e se manteria no poder o PT e ele tem razão!
    A Igreja Católica Apostólica Romana nada tem a ver com esses acima, bandos de depravados que representam as esquerdas, diversos deles estando travestidos de eclesiásticos, embora cupinchas dos mesmos, encarnando perfeitamente o abaixo, dedicado a grupos de mafiosos, malfeitores e idem a seus apoiadores:
    “Seus pés correm apressadamente para tudo quanto é maligno, são ágeis em derramar sangue inocente. Seus pensamentos são continuamente maus; ruína e extermínio marcam seus caminhos. Não conhecem o Caminho da Paz; não existe justiça em suas intenções e práticas. Eles transformaram todo o direito em caminhos tortuosos; quem andar por eles jamais verá a paz” Is 59 7-8.
    “Porque eles não dormiriam sem antes haverem praticado o mal, não conciliariam o sono se não tivessem feito cair alguém, tanto mais que a maldade é o pão que comem e a violência, o vinho que bebem”. Pro 4 16-17.
    E O CERCO À MARTELO E FOICE DIREÇÃO DA CNBB IRÁ CONTINUAR; também, nada de exagerado ou errado nos relatou o Bernardo Küster!
    *http://www.providaanapolis.org.br/index.php/todos-os-artigos/item/266-a-morte-do-atan%C3%A1sio-brasileiro

    • O grande cerne da questão é esse: O silêncio dos prelados que se dizem contrários a infiltração comunista na CNBB e na Igreja no Brasil! Não adianta nada pregar, fazer seminário, artigos e palestras sobre os males do comunismo e se calar quando há manifesta articulação e apoio da cúpula da CNBB a Teologia da Libertação! A omissão é tão gravoso pecado quanto a comissão! Onde estão os bispos contrários a TL??

  3. Se vocês se calarem, as próprias pedras falarão (Lc 19, 40)
    Fabiano, você está confundindo alhos com bugalhos.
    Esse “tal Bernardo” é um profeta, visto que a maioria dos pastores da Igreja (bispos, arcebispos, cardeais e até papa…) – em regra – está seguindo a cartilha do Politicamente Correto, não anunciam a Verdade do Evangelho, não denunciam a cultura da morte (Ideologia de gênero, aborto, Partidos de Esquerda, MST…), são verdadeiros PILATOS, que lavam as mãos!
    A CÁRITAS (órgão da CNBB, recebe verba da Fundação Ford, defensora do aborto) publicou recentemente um edital que exigia EXPERIÊNCIA EM GÊNERO.
    Na Campanha da Fraternidade (VIA SACRA) há citações de GÊNERO…
    Colégios ditos “católicos” há disseminação de GÊNERO.
    Na PUC-MINAS, o reitor (DOM MOL, bispo auxiliar de BH) instituiu o NOME SOCIAL (GÊNERO).
    Se vocês se calarem, as próprias pedras falarão” (Lc.19, 40). E as pedras estão clamando dia e noite enquanto os pastores estão dormindo em berço esplêndido.
    Está na hora de cada bispo se pronunciar. a VERDADE sobrepõe a misericórdia.

  4. Pois bem D. Rifan…
    O que ainda é pior do que tudo que acontece agora, pode ser o que se planeja fazer no tal sínodo para Amazônia…
    Cuidado pro senhor e outros prelados não tomarem um susto e dizer que não sabiam de nada…
    Francisco, através de seus mentores, tipo d. Hummes e companhia, vai querer colocar em prática a questão dos viri probati, ideia colocada numa Missa celebrada em Aparecida por d. Valentini em alto e bom tom, começando para Amazônia
    “O proximo passo é ouvir as conferências, que farão suas propostas e, a partir de então, formar um manual de alinhamento para depois ser discutido em 2019. O principal é encontrar soluções para as comunidades que não têm eucaristia regular, como podemos enfrentar essa situação”. (Dom Erwin Krautler, secretário da Comissão Episcopal para a Amazônia da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).
    “É necessário determinar quais tarefas podem ser confiadas aos homens de fé, sobretudo nas comunidades mais remotas” — disse o Pontífice à época.
    Dessa forma, acontecerá como aconteceu com a MALDITA PRÁTICA DA COMUNHÃO NA MÃO…Começou-se localizada numa Diocese, depois, DESGRAÇADAMENTE, de exceção tornou-se regra em 98% das Dioceses do Brasil e do mundo…
    Dessa maneira, o celibato vai por água abaixo…
    E, logo mais, teremos ao lado de SÃO PAULO VI, SÃO FRANCISCO….kkkkkkk
    É rir pra não chorar…
    Rainha de Fátima, esperamos em vós!

  5. Gente, e vocês acreditam que a TL é a mãe de todos os males e que a tal emissora é sua agente maior….. tsc,tsc,tsc. A ingenuidade é tão grande que vocês pensam que destruindo a TL, e isso vai acontecer um dia, o céu se abrirá, as flores nascerão e os homens novos tomarão conta desse mundo com justiça e valores conservadores(evidente)!!!!! Nos poupe desses discursos.
    Vamos gastar nosso tempo em coisas práticas, gente. Prefiro rezar em silêncio (o silencio está fazendo falta nesse mundo conturbado), pois temo que quando livrarmos do dragão vermelho, virá outro maior ainda (de outra cor, claro) e não teremos tanta força para derrotá-lo.

    • Sérgio, por um lado o senhor está correto, a oração é essencial, é necessária, porém, de outra parte o senhor está errado, na crítica aos irmãos que estão fartos e agora denunciam as barbaridades do clero, as duas posições são necessárias, antes agradeça a coragem desses nossos irmãos.

    • Sérgio, falou tudo.

  6. Como se diz “há leigos e leigos”, quer dizer há vários tipos de leigos. Há muitos leigos que são muito ativos e conscientes dos problemas da Igreja. Já outros, provavelmente a grande maioria que se identifica com as massas das cidades grandes e o povo sem cultura e catequese do interior do país sejam a maioria. No interior do Brasil, há ainda o problema de que a Teologia da Libertação é muito forte e é difícil de ser combatida pela fato da ignorância cultural e religiosa do povo. Há cidades no interior em que as igrejas estão cheias, mas vai ver como as missas são celebradas nessas igrejas: são missas transformadas em eventos sociais, em eventos da comunidade, missas protestantizadas, missas no “espírito do Concílio”, e o povo, me desculpem a expressão, como zumbis, sem ter a mínima consciência do novo modelo de Igreja que está colocando em prática nas paróquias e igrejas.

  7. Seria bom que os próprios Bispos combatessem os autores das más ideias e não ficarem delegando aos leigos essa missão, enquanto que se cumprimentam, se encontram e se banqueteiam em reuniões da CNBB. Estamos cansados, estamos abandonados, somos ultrajados pela maioria do clero todos os dias e certos Prelados continuam se omitindo.

  8. Prezado Sérgio, você sabia que o Quietismo é uma heresia?…
    Ora et Labora já dizia o velho Bento lá dos confins da Núrcia.
    Parece que o jovem padece daquele problema de achar que a parte que nos cabe é tão somente esperar…
    O problema é multidisciplinar e exige uma guerra multimídia!!!

    • Prezado Marcus, Talvez a maioria dos amigos não conhece, mas o quietismo, de fato, é uma heresia e como tal, precisa ser afugentada de nossas vidas.

  9. Bernardo?!
    Who?!

  10. Capitão EB Durval Ferreira, pela perspectiva estratégica, informa em vídeo que a de 2018 será a eleição que definirá os próximos cem anos. Como a esquerda globalista intensificará seus ataques aos valores cristãos e seus defensores conservadores, sugiro que os casados fortaleçam (cristãmente) seus laços conjugais, visto que presenciei, na administração municipal petista na década de ’90, a tática esquerdista de irritar os que eles vêem como empecilhos para sua agenda até que brigas separem o casal (para a causa revolucionária, quanto mais duradouro e exemplar o casamento mais significativa sua dissolução) e haja sempre um esquerdista pronto a “fazer feliz” o lado do casal que se sente injustiçado pela irritação do outro, e para garantir que não aconteça uma reconciliação (como o exemplo do famoso casal William Bonner e Fátima Bernardes).