Ao combate!

Nossos amigos do Centro Dom Bosco estão organizando uma procissão nesta sexta-feira (22), no Rio de Janeiro, pela conversão dos abortistas. O momento é gravíssimo! Não bastasse toda a pressão internacional, recentemente, o PSOL ajuizou a ADPF 442 perante o STF na tentativa de legalizar o aborto no Brasil até a 12ª semana de gestação. Assim, pedimos a todos os sacerdotes cariocas que nos leem que, se possível, participem e convidem seus paroquianos a participarem do evento nas missas que celebrarem até essa data. Precisamos todos nos unir contra esse crime que brada aos céus. A hora é agora!

procissao rj

Chega de meias palavras! Chega de eufemismos! A outrora católica Irlanda dobrou-se aos caprichos do lobby feminista. A Argentina está prestes a sancionar a nefanda lei abortista, cuja aprovação no parlamento foi insanamente festejada por centenas de feministas.

O que estamos esperando? Manteremos a postura tíbia de “diálogo com as realidades contemporâneas” ou partiremos para o bom combate, tal como fizeram incontáveis santos e mártires no passado glorioso?

O destino será a igreja da Candelária, onde, nesta mesma data, grupos de feministas pretendem se reunir para pedir a legalização do aborto. Os organizadores pedem apenas que os participantes levem seus terços e mantenham uma atitude pacífica durante a procissão, mesmo se provocados. Se algum leitor puder emprestar megafones, por favor, entre em contato com o CDB (contato@centrodombosco.org).

Reverendíssimos pastores, reajam!, conduzam-nos!, protejam-nos! Não permitam que o rebanho que lhes foi confiado seja devorado pelos lobos da Revolução. Olhemos o exemplo da Polônia, é possível frearmos ou ao menos postergarmos essa onda avassaladora se tivermos Fé e Coragem, confiando sempre no poder de Deus e na intercessão da Virgem Maria.

Reverendíssimos sacerdotes, os senhores são mais que bem-vindos à procissão! Compareçam e ajudem a espalhar o Evangelho da Vida em nossa cidade!

“Prega a palavra, insiste oportuna e importunamente, repreende, ameaça, exorta com toda paciência e empenho de instruir. Porque virá tempo em que os homens já não suportarão a sã doutrina da salvação. Levados pelas próprias paixões e pelo prurido de escutar novidades, ajustarão mestres para si. Apartarão os ouvidos da verdade e se atirarão às fábulas.” (II Tim 2-4)

2 Comentários to “Ao combate!”

  1. Quem diria hem? Com a cara de santinhos, pastores protestantes conspiram na penumbra e o número deles é assustador; nem tanto se imaginaria como força bastante similar à esquerda “católica”, representada pela CNBB-TL-CEB e outros movimentos sedizentes católicos, braços direitos dos comunistas para ascensão ao poder, comparsas do quadrilheiro Lula, assim como entre os carismatistas, todos de fachada, mas à realidade são filhos do Dragão Cor de Fogo do Ap 13, empunhando a bandeira vermelha do sangue dos adversarios, do martelo e foice representando a destruição e a morte aos desafetos, evidentemente todos comparsas desses abortistas, já que não os combatem.
    Aquela reunião denunciada pelo Bernardo Küster de mais de 60 bispos apoiadores daquelas profanações contra a fé católica, sem acanhamento algum mesclando-se a hereges pastoras protestantes foi bastante significativa, até hoje não constando nem haverem se desculpado, exultantes após o inicio do pontificado do papa Francisco, cada vez mais eufóricos com suas “reformas”, ou então, quem sabe, partícipes da edificação da igreja marginal à Igreja católica que nem tanto se importa com o aborto, mitigando até o perdão dele previsto quando da violação do 5º Mandamento.
    Assim, refiro-me ao blogger mais conceituado e lido entre os protestantes, Julio Severo; confiram a revelação dele, sendo inimigo das esquerdas dentro das seitas, tendo varias denuncias contra elas e mesmo cita a CNBB como igual no modus agendi:
    … * “Ela(Marta Suplicy) sofre por causa da sua fé no aborto, no homossexualismo e no sexo depravado. Será por isso que muitos evangélicos simpatizem e votem nela?]
    Diante de uma platéia de cerca de 50 pastores de diversas denominações protestantes [Quanta injustiça, não? Em 2002, Lula, com toda a sua defesa do aborto e do homossexualismo, conseguiu o apoio de mais de 500 importantes líderes evangélicos. Marta só conseguiu 50? Cadê o resto dos burros?], o presidente disse que “ninguém sofreu mais preconceito” que ele mesmo. “Ninguém tem mais horas nas costas de preconceito do que eu. Agora quem está sofrendo preconceito é a Marta, é uma campanha de preconceito. E justamente pelo que ela fez de bom pela cidade.” [Pelos elevados investimentos que o governo Lula faz no homossexualismo, para ele a sodomia é o bem maior.]”.
    Sigamos as pegadas indicadas; pressionemos pelas redes e em movimentos externos de preces, sendo isso o resultado de eleições indevidas de carrascos e promiscuos, desde FHC e depois o PT, pelas dezenas de milhões de católicos desinformados pelos “agentes de transformação” da TL nas paroquias e de idem hereges das seitas, todos comuno-maçonistas, como sabemos da IURD, IMPD, RRSoares e mais centenas de esquerdistas do topo “evangélicos”, do mesmo naipe desses “católicos” que se iluminam sob o pentagrama satãnico que é a estrela de 5 pontas, vermelha!
    * http://juliosevero.blogspot.com/search?q=Lula+diz+que+evang%C3%A9licos+n%C3%A3o+devem+retribuir

  2. Liguei na Catedral de São Paulo. Ninguém está sabendo de nada…Perguntei se estaríamos unidos em São Paulo aos sacerdotes no Rio de Janeiro e a resposta foi que de nada sabiam… Que triste…