Bolsonaro em L’Osservatore Romano

Fratres.In.Unum – O quotidiano oficioso do Vaticano, L’Osservatore Romano, deu hoje destaque ao atentado contra o presidenciável Jair Messias Bolsonaro, esfaqueado em Juiz de Fora-MG na tarde de ontem.

O jornal referiu-se a Bolsonaro como “expoente da direita radical e defensor da linha dura contra o crime“.

Pelo jeito, a editoria de L’Osservatore Romano resolveu fazer coro com a esquerda para atacar o candidato. Vale lembrar que, há poucos dias, Papa Francisco enviou livro com dedicatória ao ex-presidente e atual presidiário Luiz Inácio Lula da Silva. Já não é mais segredo para ninguém as preferências alla sinistra do atual pontificado…

Enquanto isso, porém, o estado de saúde de Bolsonaro é estável e, mesmo convalescente, ele continua na corrida eleitoral.

40 Comentários to “Bolsonaro em L’Osservatore Romano”

  1. Nenhuma palavra de Francisco sobre a tentativa de assassinato de um candidato 1o lugar nas pesquisas aqui no Brasil? Nada? Isso é nojento! Desculpem-me, mas não suporto a hipocrisia desse papa.

    • Menos, menos.

    • Não temos papa. Temos algo estranho.

    • Sendo Cristão Católico devemos lembrar de Davi quando estava sendo perseguido de morte por Saúl, até então rei, e defendeu a vida deste, respeitou a UNÇÃO deste por DEUS. Devemos sempre nos lembrar dessa VERDADE mesmo nos momentos difíceis que vivemos…será que não seja uma DETERMINAÇÃO dos DESÍGNIOS do Supremo e Poderoso, Soberano DEUS PAI DIVINO ? Nos observa, vê como procedemos, agimos…?…Cuidemos do nosso ‘falar, dizer, escrever a PUBLICO’…quem pode AFRONTAR uma decisão DIVINA ?

    • Ué por que a surpresa? Por acaso vc viu algum sacerdote, bispo ou religioso no Brasil se pronunciando sobre esse atentado? A hipocrisia reina em terras tupiniquins também!

    • Menos, meu caro, parafraseando João Paulo. O problema mesmo é dizer que Trump não é cristão “porque quer criar muros” e além disso ter aquela reação diante do “foiceemartelofixo” do ditador comunista Evo Morales. E quando vazou que George Soros tava financiando uma série de bispos pra apoiarem o papa e Francisco não disse nada? Oremos muitos Terços Marianos e da Misericórdia e ofereçamos muitas comunhões reparadoras ao Sagrado e Imaculado Corações, de modo especial através da Dupla Novena! Em alguns anos toda essa tribulação vai acabar. A Rússia será consagrada, virá o Aviso, o Milagre e os três dias de trevas e o Imaculado Coração triunfará! Viva São Pio X! Fora modernismo, TL e todas as heresias e revoluções! A Paz e o Amor de Nosso Senhor Jesus Cristo estejam para sempre com todos nós.

    • Amados, temos papa sim. Francisco, ainda que herege material (não podemos julgar se ele é formal), é o sucessor de São Pedro reinante e deve ser obedecido e respeitado enquanto e como tal e nas devidas questões. Não podemos jamais ser sedevacantistas (nem modernistas). E tenhamos cuidado com as palavras. Caríssimo Ricardo e todos nós, peçamos ao Divino Espírito Santo a graça de fazer um bom exame de consciência sobre o nosso modo de falar e afirmações imprudentes, de modo especial com a oração: “Vinde, Espírito Santo, enchei os corações dos vossos fiéis e acendei neles o fogo do Vosso Amor. Enviai o Vosso Espírito e tudo será criado, e renovareis a face da terra. Amém”. Não sabemos como e quando seremos julgados por Nosso Senhor e Salvador, estejamos sempre preparados e rezemos o Terço, o Santo Anjo do Senhor e o Terço da Misericórdia com frequência. Aconselho muito rezar um Pai-Nosso, uma Ave-Maria e um Santo Anjo ao dormir e acordar. E não, não é “decisão divina” que Francisco tenha qualquer atitude incorreta, escandalosa e/ou pecaminosa (o que não é o caso por se abster de comentar o atentado a Bolsonaro em si). É decisão que ele *possa* fazer isso no sentido de permissão divina, nunca como se fosse o próprio Deus falando através dEle. Não foi Deus quem incitou Saul a pecar e, embora Davi respeitasse a unção que o último recebeu, nem por isso devemos considerar que a perseguição injusta e os erros de Saul devessem ser respeitados e tidos como desígnios de Nosso Senhor Deus. O respeito ao cargo de Francisco deve ser tido no modo de falar sobre ele, nunca na hora de aceitar seus eventuais erros como se viessem de Deus, seus erros devem ser odiados com o mais profundo ódio, pois eles ofendem a Deus e podem levar as almas para o inferno, incluindo a dele próprio!

  2. O que aconteceu com o Jornal Lixo de Roma ” Le Observatore Romano ” ?? Com os Comunistas são ” bonzinhos ” ??? Maduro elogiado na Hipócrita e Falida ONU como combatente da fome na Venezuela. Enquanto isso o Êxodo dos Venezuelanos pela América do Sul em busca de comida.O Papa Francisco elogiou o sanguinário também ??? Lula Ladrão da Silva chefe de quadrilha quebrou o país . Foi elogiado também ?? O Papa se cala no caso do Jair Bolsonaro e porquê ???? Papa Hipócrita e falso.

  3. Simplesmente indignante que o órgão oficial do Vaticano se refira a Bolsonaro como “ extrema-direita “, um epíteto digno de figurar no Pravda bolchevique ou no Gramna dos irmãos Castro. A não ser que OR tenha se filiado à uma associação mundial dos periódicos comunistas.

  4. Papa Francisco perdeu totalmente o pudor de se alinhar plenamente ao que tem de pior na esquerda mundial.
    Mostrando com uma constância obscena de simpatia pelo PT, e os bandidos que o dirigem. A sua relação com Maduro, um genocida, não é menos indecente.
    Não é à toa que seu público diminui a cada viagem, a cada locução do Angelus. Já temos sinais de um cisma iniciando nos EUA. Bergoglio não é um lutador, ele não tem a dignidade própria do cargo de mostrar que é capaz de responder às “calúnias” a si impostas. Mantendo- se no silêncio e na omissão
    Onde será que o Papa pretende chegar?!

  5. “RADICALE” não deveria ser o esfaqueador de esquerda?
    São as falácias comunistas no jornal do Vaticano…

    • Pobre homem, esfaqueado por um criminoso “reles”, e ainda é considerado de”destra radicale”. No entanto, visto que combate pela “linha dura contra o crime”, por quem combate e o que defende este pontificado de “alla sinistra”?! Os criminosos?! Com a abolição da pena de morte, que conclusões se podem tirar?! Ainda há-de correr muita tinta sobre tudo isto. Espero que mais sangue não. Que Nossa Senhora de Aparecida proteja, neste momento, Jair Bolsonaro.

    • Todos os católicos devemos ser radicais e enquanto direitistas, no sentido de opositores à mentalidade revolucionária e defensores das bases que construíram as civilizações ocidentais, radicais também. Sejamos extremistas, como São Tomás de Aquino, Santa Teresinha, São Francisco de Assis, São Pio X, o beato Palau e Pio XII o foram! Devemos crer e viver extremamente, isto é, 100%, na Verdade, no Bem, no Amor, em Deus! 100% para Deus, 0% para o demônio! Não há meio termo na luta contra o diabo, o mundo, a carne e as heresias e revoluções utilizadas pelo cujo para destruir a Igreja! Quanto a Bolsonaro (venho repetindo constantemente sobre ele :) Para além de apoiador da ditadura militar que permitiu aos comunistas se infiltrarem nas escolas e universidades do Brasil e autor da infeliz frase desrespeitosa para com os quilombolas, piada de muito mau gosto, é defensor do casamento gay, e o mesmo assumiu isso em entrevista a Augusto Nunes. Ser o menos ruim e menos esquerdista dos que têm maiores chances de vencer não o torna o melhor. Se eleito, vai preparar de forma positiva em muitos aspectos o Brasil para o Triunfo e Reino de Cristo em Maria, mas não é um candidato verdadeiramente católico, inimigo da Revolução e nem mesmo inimigo pleno do progressismo nem soldado de verdade do Reinado Social de Nosso Senhor Jesus Cristo. Oremos pela conversão e salvação dele e por ele de modo geral e pelas mesmas do Brasil e do mundo, além de pelo fim da maldita Revolução e sua mentalidade e a eterna criminalização e fim do aborto no Brasil e no mundo inteiro! Viva São Pio X! A Paz e o Amor de Nosso Senhor Jesus Cristo estejam sempre conosco! Salve Maria Imaculada!

  6. O proprio papa Francisco em certas situações *pronuncia a partir de si mesmo e depois confessa serem seus ensinamentos, “talvez heresia, não sei”, o típico comportamento de um esquerdo-revolucionario, o qual não veio trazer a paz, no entanto, apenas a infernal revolução, anarquia, baderna e terrorismo, quando o homem passa para o principio de ele mesmo resolvendo de per si e dispensando o Senhor Deus de se colocar à sua frente para o instruir, mas ele tão limitado que é e repleto de contradições querendo tomar o lugar dEle!
    Dia 02/08/2018 o papa Francisco na Casa Santa Marta Celso recepcionou o Chanceler martelo foice Celso Amorim que esteve no desgovernos dos mega larapios Lula e Dilma ocupando o cargo de 2003 a 2010 dos ex presidentes Lula e Dilma Rousseff do Brasil numa reunião por quase uma hora, agora apenado e apreendido para cumprir 12 anos de prisão, sujeita a posterores acréscimos.
    Dessa forma, o papa Francisco quereria dar um jeito não apenas de sua soltura, assim como poder voltar à política como candidato (da EXTREMA ESQUERDA TROTSKI-STALINISTA), como se nada houvera feito de errado e devastado a nação com seus quadrilheiros, com plenos poderes, em outras palavras, voltar à presidencia impunemente, excitando a ira do povo, não só contra si mesmo como migraria da suposta “opção preferencial pelos pobres”, como as esquerdas pobristas de plantão mas “, mas pelo Lula como corrupto e corruptor, doravante na “opção preferencial pela bandidagem”!
    Há mais situações em que se envolveria similarmente que se poderiam enquadrarmos na segunda maléfica opção dele de interferencia na política brasileira pró extremistas das esquerdas, para não me estender.
    Spanish Original shows Francis admitted his Teaching is “perhaps a Heresy, I don’t know”
    May 27, 2015
    *https://novusordowatch.org/2015/05/spanish-original-heresy/

  7. Não há pessoas mais Católicas que Nosso Senhor Jesus Cristo e Sua Mãe Santíssima. Tampouco, mais radicais. Levando em conta suas Naturezas. O Deus-Homem Jesus é Católico tanto quanto a Santíssima Trindade o É. E Sua criação mais perfeita: a santíssima Virgem Maria.

    ———————————————————————————————–

    Jair Bolsonaro foi casado? E agora é divorciado?

    Gostaria de saber se se pode votar em candido “divorciado recasado”?

    Qual a opinião do Papa Francisco I sobre votação em casos como esses: candidatos divorciados recasados?

    Qual o parecer de Dom Orani sobre nestes casos? Qual a opinião de Dom Odilo sobre a licitude de se se votar em candidatos vivendo em adultério?

    Isso, considerando o quadro geral da tirania comunista no Brasil, seria então lícito votar em Bolsonaro, estrategicamente falando?

    Quando um candidato que vive moralmente contrário à moral católica e apoiado amplamente por protestantes, causadores de toda a desgraça que está por aí, e, hoje, tomando conciencia da criminalidade desenfreada que está no Governo(se pastores protestantes realmente se importam com isso?!) e na socidade se se pode votar em candidatos que não são exemplos de boa moral? E mesmo hereges? Geraldo Alckmin? Candidato de esquerda eu tenho certeza de que não devo votar. Mas no caso da neodireita?

    Sei que o quadro é péssimo. Portanto gostaria mesmo de saber como agir em tal situação.

    Rezo para que ele se converta e seus asseclas protestantes voltem ao catolicismo, verdadeira e Única Religião de Deus.

    • Eu não tenho a menor duvida de meu voto no Bolsonaro e estou perfeitamente ciente de que a expressão que resume o candidato é “é o que tem para hoje”.

    • Respondo isso de forma bem simples: o rei Davi arquitetou a morte de Urias pra ficar com a mulher dele… o ideal seria que fôssemos santos, porém é o q temos pra hoje e comparando com os outros, bem, ele é um “asceta”, “anacoreta” e por aí vai,

    • O fato do candidato está distante do sacramento da comunhão não o torna inelegível para os católicos, pois suas qualidades são maiores que suas incompatibilidades.

    • Caríssimos, podemos votar em Bolsonaro só se for o menos ruim, não havendo outra opção. Vocês acham que o nanico José Maria Eymael é pior do que uma pessoa com esse currículo: Bolsonaro é, além de apoiador da ditadura militar que permitiu aos comunistas se infiltrarem nas escolas e universidades do Brasil e autor da infeliz frase desrespeitosa para com os quilombolas, piada de muito mau gosto, é defensor do casamento gay, e o mesmo assumiu isso em entrevista a Augusto Nunes. Devemos ser Eymael no primeiro turno (a menos que haja alguém melhor, vocês conhecem alguém mais alinhado com a Doutrina Moral e Social da Igreja do que ele?) e Bolsonaro no segundo (a menos que votemos nele para que o segundo turno não se torne uma disputa de socialistas como Alckmin e o mata-policial financiado pela China Comunista, Ciro Gomes). Ser o menos ruim e menos esquerdista dos que têm maiores chances de vencer não o torna o melhor. Se eleito, vai preparar de forma positiva em muitos aspectos o Brasil para o Triunfo e Reino de Cristo em Maria, mas não é um candidato verdadeiramente católico, inimigo da Revolução e nem mesmo inimigo pleno do progressismo nem soldado de verdade do Reinado Social de Nosso Senhor Jesus Cristo. Oremos pela conversão e salvação dele e por ele de modo geral e pelas mesmas do Brasil e do mundo, além de pelo fim da maldita Revolução e sua mentalidade e a eterna criminalização e fim do aborto no Brasil e no mundo inteiro!

  8. Estou aqui esperando o posicionamento da CNBB. Afinal quando Marielle Franco foi assassinada, a Arquidiocese do Rio soltou uma nota de solidariedade para com a família. Será que um atentado contra a vida de um candidato, em plena campanha eleitoral, não é digno de solidariedade também? Ou será que a solidariedade só vale para quem compartilha dos ideias esquerdistas? Fica a dúvida…

  9. Há no Brasil, atualmente, uma evidente sede de Justiça e um despertar da tirania ideológica da esquerda religiosa, cultural e política. Socialmente falando vemos signos de uma graça que Deus está dispensando à Terra de Santa Cruz num sentido anticomunista, que há anos atrás não havia. A TFP semeou durante décadas contra a corrente o anticomunismo. Deus está fazendo com que aquelas sementes agora comecem a florecer. É preciso votar ao mau menor, pois não votar será dar um voto à esquerda.

    • Eu não sou brasileira, como tal isenta. Por isso vou dar a minha opinião. Concordo inteiramente consigo Eliseu.
      Claro que seria óptimo que Bolsonaro, além de íntegro, politicamente falando, fosse também um católico exemplar. Mas onde estão os políticos ideais, no mundo de hoje?!
      Em Portugal temos o Presidente Marcelo Rebelo de Sousa, nas mesmas condições familiares que Bolsonaro. No entanto VETOU o Projecto-Lei da mudança de sexo, no registo civil que havia sido aprovado no Parlamento.
      O seu antecessor Cavaco Silva, com um casamento “perfeito”, “grande católico”, em 2010, após todos os salamaleques a Bento XVI, na sua visita a Portugal, mal o Papa entrou no avião, ASSINOU a lei de “casamento”, entre pessoas do mesmo sexo.
      Quem diria?! Foi horrível, um terrível golpe, porque havia uma Esperança no seu VETO.
      Estes são os factos. Não quero dizer que todos os políticos católicos são hipócritas…o que é necessário é estudarmos os seus programas de governo e depois votar em quem nos parece melhor. Às vezes não temos opção e, nesse caso seria melhor votar em branco…

    • Cara Maria, políticos socialistas e revolucionários de qualquer espécie, por definição, não são católicos. Podem ter sido batizados e crer em alguns ensinamentos nos quais a Igreja crê e ensina, mas se não seguem a Doutrina Moral e Social da Igreja, como é o caso, não podem ser católicos. Simples assim. Em tempo, sou brasileiro e estou morando em Portugal. Oremos para adiar o máximo possível a punição profetizada por Irmã Lúcia pela aprovação do genocídio do aborto neste país outrora católico. Eliseu e todos vocês aqui do Fratres, votar em Bolsonaro é votar na Revolução, então é votar na esquerda. O militar, para além de apoiador da ditadura militar que permitiu aos comunistas se infiltrarem nas escolas e universidades do Brasil e autor da infeliz frase desrespeitosa para com os quilombolas, piada de muito mau gosto, é defensor do casamento gay, e o mesmo assumiu isso em entrevista a Augusto Nunes. Ser o menos ruim e menos esquerdista dos que têm maiores chances de vencer não o torna o melhor. Se eleito, vai preparar de forma positiva em muitos aspectos o Brasil para o Triunfo e Reino de Cristo em Maria, mas não é um candidato verdadeiramente católico, inimigo da Revolução e nem mesmo inimigo pleno do progressismo nem soldado de verdade do Reinado Social de Nosso Senhor Jesus Cristo. Oremos pela conversão e salvação dele e por ele de modo geral e pelas mesmas do Brasil e do mundo, além de pelo fim da maldita Revolução e sua mentalidade e a eterna criminalização e fim do aborto no Brasil e no mundo inteiro!

  10. Até hoje, nunca havia votado em Bolsonaro para deputado, como eu mesmo já tive oportunidade de dizer a ele próprio. E isso por duas razões: ele nunca precisou do meu voto para eleger-se deputado e eu preferia dar uma chance a outros candidatos conservadores com menos possibilidades, de modo a ampliar a presença conservadora no Congresso; em segundo lugar, dados alguns problemas com seu posicionamento moral a respeito de formas não naturais do controle da natalidade. Ainda assim, não nego que sempre me senti representado por seus posicionamentos na tribuna da Câmara, ou pelo menos pela maior parte deles.
    Agora, porém, o cenário é completamente diferente: não se trata mais de dar chance a outros, porque, no cenário atual, a única chance é ele. O que são os outros? Defensores de agenda de gênero, de aborto, de criminalidade, até um que parece “liberal” na economia (e que a mídia trata como “de direita”) já está falando de tributar as igrejas… E os que se fizeram de inimigos nos últimos anos, estão agora muito unidos, todos contra Bolsonaro. Por algo será.
    Sugiro, a quem interessar, que se assista ao vídeo https://www.youtube.com/watch?v=yNfhg07U1Gs. Nele vejo, do ponto de vista católico, o comentário mais acertado de tudo o que já vi até agora acerca do quadro das próximas eleições.
    Procurar escusas para não votar em Bolsonaro porque ele não é santo, não acata o ensinamento moral da Igreja, é divorciado etc., desculpem-me, parece-me aquilo de “coar o mosquito e tragar o camelo”, um posicionamento que só trará um mal muito maior ao Brasil. Não tenho a menor dúvida de ser ele o que temos para hoje. Suplico ao Senhor e a Nossa Senhora Aparecida que, a partir do próximo governo, possa ter início, de fato, um tempo novo para o Brasil, de reconquista da nação, segundo os seus basilares e indeléveis fundamentos.

    • Caríssimo Luciano, Bolsonaro, para além de apoiador da ditadura militar que permitiu aos comunistas se infiltrarem nas escolas e universidades do Brasil e autor da infeliz frase desrespeitosa para com os quilombolas, piada de muito mau gosto, é defensor do casamento gay, e o mesmo assumiu isso em entrevista a Augusto Nunes. Ser o menos ruim e menos esquerdista dos que têm maiores chances de vencer não o torna o melhor. Se eleito, vai preparar de forma positiva em muitos aspectos o Brasil para o Triunfo e Reino de Cristo em Maria, mas não é um candidato verdadeiramente católico, inimigo da Revolução e nem mesmo inimigo pleno do progressismo nem soldado de verdade do Reinado Social de Nosso Senhor Jesus Cristo. Oremos pela conversão e salvação dele e por ele de modo geral e pelas mesmas do Brasil e do mundo, além de pelo fim da maldita Revolução e sua mentalidade e a eterna criminalização e fim do aborto no Brasil e no mundo inteiro! Rezemos muito o Terço por essas intenções!

  11. FORÇA, CAPITÃO!!!!!!!!!!!!!!!!! FACA NA CAVEIRA!!!!!!!!!!!!!! BRASIL ACIMA DE TUDO, DEUS ACIMA DE TODOS!!!!!!!

  12. Ele lutou contra Donald Trump; vejamos, o candidato venceu a corrida presidencial. Deus não permitiria tamanho mau sem considera um bem maior. Jair Bolsonaro ganhará no 1° turno.

  13. Li em algum lugar que Jair Bolsonaro, em suas duas uniões, casou-se com mulher evangélica.

  14. Hoje na missa que “participei” o padre disse que quem promove a violência torna-se vítima da própria violência e que a igreja trabalha por uma cultura de paz, e blábláblá…

    Queria tanto ter perguntado a ele sobre essa notícia: http://www.folha1.com.br/_conteudo/2018/08/geral/1238090-apos-ser-esfaqueado-padre-lio-segue-internado-em-estado-estavel.html

    Afinal, colocar a culpa na mulher que foi estuprada não me parece correto, né?

  15. Mas se a vítima do atentado fosse o condenado Lula, a Dilma, o Stedile (do MST), o frei Betto, o Leonardo Boff, Evo Morales (Bolívia), o Maduro (Venezuela)… haveria solidariedade (Notas de Repúdio, comunicados oficiais, greves de fome, abaixo-assinado…) do papa do Fim do mundo Francisco, da CNBdoB, da CPT, da imprensa marrom e do ópio dos “intelectuais” de plantão.
    Alguém duvida disso?!?

    • E o pior é q nem se trataria de uma natural empatia com outros, mas no caso atual escolher um lado faz-se mister, pois é bastante claro q trata-se (é só olhar as agendas) de uma luta do bem contra o mal, claro q nenhum candidato fará nada sozinho é preciso o engajamento de todos e não me refiro só as questões sociais/econômicas, mais aos valores, pq essa cambada socialista ( que trata-se de uma religião), quer se imiscuir em tudo, as questões econômicas, são “apenas periféricas”.

  16. Infelizmente estou chegando ao ponto de adotar a política de que: se o Vaticano for contra, é porque eu sou a favor. É público e notário que o Estado do Vaticano não mais representa a autonomia da Santa Igreja Católica, é manifestamente um braço da ONU para espalhar o materialismo, o relativismo, o bem estar neste mundo. É triste ver a usurpação do poder da Igreja para ser utilizado em favor da derrocada da natureza humana. Pronunciamentos vazios, politicamente corretos, defendendo a liberdade humana contra a Deus, contra a Lei Natural, contra a própria Moral e os bons costumes. Realmente não temos candidatos perfeitos, ou ao menos que se aproximem do que se espera para o bem das almas, até mesmo dentro da Santa Igreja temos esse problema. Contudo, respondendo a um comentário acima, temos que escolher o “menos pior”, aqueles que mas se aproximam ao menos da Lei Natural, da Moral e da Ética. Ainda que não comunguem da mesma religião, pois estes não existem, ou se existem não temos para todos os cargos que temos que votar. Rezemos, rezemos muito e façamos ativa nossas orações em apoiar candidatos que, ainda que não cristãos, mas procuram defender o mínimo para se ter esperança em viver em um mundo onde a decadência é evidente. Tomemos cuidado com os maus padres, bispos, falsos religiosos que se venderam a luxúria, ao paganismo, ao libertinagem política. Basta examinarmos os partidos políticos, suas ideias, o que defendem abertamente e são omissos. Creio que seja impossível o candidato católico fazer parte de partidos que defendem aborto, liberdade de gênero, legalização de drogas, o comunismo, o socialismo, o controle da doutrina dentro das igrejas, etc. Que Nossa Senhora da Conceição Aparecida, proteja seu povo brasileiro em atenção aos poucos que verdadeiramente a amam e ao seu Divino Filho.

  17. É MUITO TRISTE E Nos dias de hoje, por mais que desejemos seguir a trilha de nosso Divino Mestre, certo é que ficamos baralhados com as notícias de várias fontes que se dizem cristãs! O que é mais verdadeiro um homem ( Bolsonaro e a sua equipa) desejar que o seu país volte a ter os valores sólidos baseados nas Escrituras Sagradas onde impera disciplina na família, na educação e nas instituições civis e religiosas ou pelo contrário que se viva como animais selvagens, sem respeito, sem valores de nenhuma espécie e em que existe um só deus: o dinheiro para os que mandam e seus pares( CORRUPÇÃO) e miséria para os simples, humildes ou de ideias opostas a essa ideologia diabólica que parece ser a que vai triunfar neste mundo sem lei e sem moral cívica onde a verdade se tornou mentira e a mentira verdade que cada um deseja para si A SEU belo prazer!

    • Cara Nema, Bolsonaro, para além de apoiador da ditadura militar que permitiu aos comunistas se infiltrarem nas escolas e universidades do Brasil e autor da infeliz frase desrespeitosa para com os quilombolas, piada de muito mau gosto, é defensor do casamento gay, e o mesmo assumiu isso em entrevista a Augusto Nunes. Ser o menos ruim e menos esquerdista dos que têm maiores chances de vencer não o torna o melhor. Se eleito, vai preparar de forma positiva em muitos aspectos o Brasil para o Triunfo e Reino de Cristo em Maria, mas não é um candidato verdadeiramente católico, inimigo da Revolução e nem mesmo inimigo pleno do progressismo nem soldado de verdade do Reinado Social de Nosso Senhor Jesus Cristo. Oremos pela conversão e salvação dele e por ele de modo geral e pelas mesmas do Brasil e do mundo, além de pelo fim da maldita Revolução e sua mentalidade e a eterna criminalização e fim do aborto no Brasil e no mundo inteiro!

  18. Temos PAPA:SUA SANTIDADE BENTO XVI!
    BerGOGlio é…..”o….ESTRANHO”!👍😁

  19. Jair Bolsonaro gosta de frases de efeito, mas o que o preocupa é a perda da soberania brasileira sobre partes do território ocupadas por quilombos e reservas. Indígenas exatamente para impedir ao. Brasil acesso às riquezas do subsolo dessas áreas. Ele sabe que os indígenas e quilombolas estão sendo usados pelos globalistas para perpetrar essa usurpação sob a capa de resgate de dívida histórica para com as minorias, e propõe devolver-lhes a dignidade com a possibilidade de se integrarem à sociedade brasileira, e não condenados a viver como uma curiosidade antropológica. Racistas e entreguistas foram os que criaram e participaram dessa armadilha à nossa soberania.

  20. Veja o relato de alguém que conviveu com o socialismo desde a ditadura militar:
    http://carlosliliane64.wixsite.com/magiaeseriados/um-relato-pessoal

  21. No L’Osservatore de sábado, 15/09: “Bolsonaro torna in terapia intensiva”.
    O candidato da direita foi transferido novamente para UTI após cirurgia intestinal. A. B. O., 40 anos, preso por esfaquear o candidato, chamou a agressão de “um incidente” e disse que agiu porque teria se sentido ameaçado pelos discursos do ex-militar brasileiro. O agressor pareceu calmo e respondeu todas as perguntas da juiza, ainda que às vezes tenha parecido confuso, como quando tentou minimizar o acontecido. Ele assumiu já ter usado medicamentos prescritos por psiquiatras, mas falou que atualmente não estava fazendo uso de nenhuma substância controlada. A defesa pediu uma perícia psiquiátrica.