Faleceu o Monsenhor José Luiz Marinho Villac.

Na primeira hora deste sábado, dedicado a Nossa Senhora e véspera de Cristo Rei, quis Nosso Senhor chamar para junto de si o Monsenhor José Luiz Marinho Villac.

Nossa oração e gratidão pela sua vida e obra.

Descanse em paz.

Tags:

13 Comentários to “Faleceu o Monsenhor José Luiz Marinho Villac.”

  1. Senti muito com esta triste notícia! Mas seja feita a santíssima vontade de Deus! Cônego José Luiz Marinho Villac foi meu reitor no Seminário Maior, meu professor no Seminário Menor e Maior, e meu pároco na Igreja de Nossa Senhora do Terço em Campos, RJ. Era de uma bondade que fazia lembrar S. Francisco de Sales. Quando, por motivos de saúde saiu de Campos e voltou para sua terra, tive a honra, embora imerecida, de ter sido nomeado vigário em seu lugar. Colhi os frutos da messe bem cuidada por ele. Tenho certeza que pela sua vida virtuosa e zelo ardoroso pela salvação das almas, Deus, Nosso Pai do Céu, reservou-lhe no Paraíso um galardão imenso. Sempre rezarei nas missas por sua bondosa alma.
    Num meu post: PESADELO OU DEMÔNIO, referi-me a ele, e escrevi errado o seu nome. Peço desculpas e já corrigi.

  2. Nossa Senhora do Carmo o tenha na glória celeste. Nunca deixou de usar a batina nem de celebrar a Missa no rito tridentino. No decurso de sua longa e irrepreensível vida, sempre esteve ao lado do Prof. Plinio Corrêa de Oliveira, seu padrinho de ordenação sacerdotal, nas inúmeras batalhas em defesa da Santa Igreja, do Brasil e da Civilização Cristã. Que Mons. Villac interceda por todos nós. R.I.P.

  3. Um verdadeiro alter Christus. Dele, recebi a Primeira Comunhão qdo foi Pároco da igreja de Nossa Senhora do Terço, e Diretor do Seminário Maior de Maria Imaculada, na Diocese de Campos dos Goytacazes. RIP.

  4. Tive a grata honra e misericórdia de me confessar com ele algumas vezes, de reta postura, inabalável princípios morais e de augusta seriedade nos conselhos do sacramento da confissão , também me ajudou a trilhar os caminhos da fé, virtude e desejo do céu. Que Nossa Mãe Santíssima e sua corte celestial o receba em seu seio sobretudo porque teve a graça de falecer num dia de sábado dedicado a Nossa Senhora. Descanse em paz Monsenhor Villac

  5. Monsenhor Villac era leitura obrigatória na “ Palavra do Sacerdote”, todos os meses, no mensário fundado pelo Prof. Plínio. Não tive a graça de o conhecer pessoalmente, mas o admirava à distância, com suas orientações precisas, em linguagem verdadeiramente pastoral, afiliadas à ortodoxia, ao Magistério infalível e a Tradição. RIP

  6. Ele era parente da minha família!
    Descanse em paz!

  7. Fui agraciado por Deus tendo Mons. José Luiz como meu Reitor e meu professor no Seminário Diocesano da Assunção, em Jacarezinho-PR, nos primeiros anos de seu ministério sacerdotal. Com muita honra, eu e minha esposa participamos da solene celebração de seus 50 anos de sacerdócio, em São Paulo. Dizer o quê de Mons. Villac? Um santo já em vida… homem de muita oração, muita fé, muita dedicação à sua Igreja e muito carinho com todos aqueles que o cercam, enfim, um homem fiel. Deus o recompensa hoje por todo o bem que realizou em sua vida terrena. Viva na alegria do céu, Mons. José Luiz. Saudades!

  8. Talvez o Fratres in unum pudesse colocar as fotografias de sua ordenação sacerdotal (segue link ao final) ocorrida no ano de 1957, e de seu padrinho de ordenação, o Prof. Plínio Correa de Oliveira. Mons. Villac junto com o pe. David Franciscquini, eram um dos pouquíssimos padres que não aderiram à reforma de auto-demolição da Igreja do Concílio Vaticano II e por isso sofreram perseguições do clero modernista.

    https://www.pliniocorreadeoliveira.info/DIS_EXT_900925_sacerdocio.htm

  9. Conheci o então Cônego Villac em 1970, depois tivemos inúmeros encontros em Campos, quando ele era professor no Seminário Maior. Em 1972, conheci em Barueri sua tia, Madre Villac, co-fundadora das Irmãs de Jesus Crucificado. Em 1987, nos EUA, veio para atender confissões durante um retiro de Exercicios Espirituais de Santo Inácio, do qual participei. Foi ocasião de uma confissão geral, onde me deu ótimos conselhos. Nosso último encontro foi la Fazenda Nossa Senhora das Lágrimas, onde vivia, por ocasião de seu 88o. aniversário. Me reconheceu e tratou pelo nome.
    Já estava fazendo planos para ir ao Brasil por ocasião de seu 90o. aniversário, em julho do próximo ano, quando a triste notícia me colheu de surpresa.

  10. Mas Cristo Rei nao é 4 domingo de Novembro?

  11. MEU IRMÃO….DESDE PEQUENINA ATÉ OS DIAS DE HOJE UNIDISSIMA A VOCÊ…NOS AMBOS TÃO PROXIMOS EM IDEAIS , POR UMA GRAÇA TALVEZ EDPECIAL VIEMOS RESIDIR NO PARANÁ
    ! QUE FALTA SENTIREI NO TEU APOIO…NAS BENÇAOS TÃO ESPECIAIS MESMO ATÉ PÊLO TELEFONE. 3 DIAS ANTES DE VOCÊ PARTIR ABENÇOOU-NOS.

  12. Ao Sr BISPO de JACAREZINHO INFORMO QUE MONS.JOSE LUIZ MARINHO VILLAC AO TER SAÍDO DO SEMINÁRIO POR ELE RECONTRUIDO EM ALVENARIA, FOI SER PÁROCO DA MATRIZ DO TERÇO NA CIDADE DE CAMPOS….DP RESIDIU POR ANOS EM S.PAULO EXERCENDO SEU MINISTÉRIO SACERDOTAL, RESIDINDO COM SEUS PAIS. SÓ DO DO FALECIMENTO DESTES PASSOU A RESIDIR EM SUA MODESTA ERMIDA DE MADEIRA NO PEDAÇO DE TERRA HERDADA DE SEUS PAIS. AÍ CONTRUIU SUA CAPELA. FICARIA FELIZ QUE : POSTACEM O CORRETO