Retrospectiva 2018 – Nº 3: As implicações eclesiais da vitória de Jair Bolsonaro.

Continuamos publicando os 10 posts mais lidos de 2018. Na terceira posição, matéria publicada em 29 de outubro de 2018.

Por FratresInUnum.com, 29 de outubro de 2018 — Aconteceu. Era impensável na mente dos brasileiros outro desfecho. Jair Bolsonaro foi a única alternativa realmente factível contra o criminoso esquema de poder arquitetado para durar décadas pelo Partido dos Trabalhadores, com as bênçãos da CNBB.

Continuar lendo…

2 Comentários to “Retrospectiva 2018 – Nº 3: As implicações eclesiais da vitória de Jair Bolsonaro.”

  1. A vitoria de Bolsonaro repercutiu péssima e negativamente nas esquerdas, também enfrentando serios problemas internos e entre si, de possuirem suas mentes recheadas de esterco marxista postas à vista de todos e escorraçadas porém, apesar disso, não desanimaram de continuar conspirando contra tudo pertencente ao tronco judaico-cristão e Igreja católica, pois são hordas satânicas, considerando elas tão somente terem perdido uma batalha, não a guerra, portanto, de nossa parte, vigilancia máxima, como se fôra contra o diabo-comunismo, tanto faz, da mesma laia e idem projetos!
    No entanto, que elas estão estrebuchando de odio e esgadanhando-se de terem perdido a chance de implantarem o comunismo no Brasil, por certo sim, embora saibam que as redes sociais que tentaram controlar – eufemismo sofisticado de censurar – ferraram-nas, deixando-as extremamente furiosas e deprimidas pela ferrea oposição desfechada contra elas que se mantém sem cessar e estarão continuamente perseguidas por serem maléficas!
    Dessa forma, as plataformas digitais desnudaram-nas desde os maís íntimos de seus propósitos e de seus cupinchas – quase todos provindos das redes sociais que as assediaram e desmantelaram as vadias, autoritarias e sanguessugas comuno-esquerdas, as malignas e audazes seitas da cobiça e da inveja e apresamento dos bens alheios!
    Nesse pacote de nitidamente inconsolaveis, infrustrados e revoltados estão a CNBB-TL-PCs em geral, seitas protestantes quase todas venderam-se ao maldito lupetismo, mesmo o papa Francisco das esquerdas nada teria apreciado essa vitoria etc., enquanto um dos grandes colaboradores vindo desdomesticando e reeducando as mentes desde varios anos do politicamente correto, o Olavo de Carvalho, vibra de alegria, de poder ainda vivo ver seu trabalho de opositor antimarxista ter funcionado a contento, mesmo certos diagnósticos seus acerca do pró esquerdismo do papa Francisco-NOM, pareceriam se confirmando!

  2. NB: infrustrados = frustrados.