Ato (falho) de consagração.

Hoje, em Brasília, ocorreu o tão esperado ato de Consagração-sessão-solene-homenagem-grupo-de-oração desorganizado pela Frente Parlamentar Católica e Movimentos Marianos. O evento foi regado a políticos eclesiásticos e eclesiais, desde carismáticos fracassados na música que tentam se firmar no Congresso, a conservadores que propagandearam o evento como se fosse a restauração do Estado Católico (e depois correram para se explicar às turbas enfurecidas nas redes sociais) e “estrelas” de uma rede de televisão que se alia a quem quer que esteja no poder (que Dilma o diga).

O que fica do evento é a imagem acima: muitos risos, flashslives, curtidas e compartilhamentos. Muita expectativa na véspera e choque de realidade na hora. Que façamos muita penitência, pois de nossos representantes só podemos esperar um bom e velho pastelão eclesialmente brasileiro.

44 Comentários to “Ato (falho) de consagração.”

  1. Que Nossa Senhora não olhe para essas misérias mas como Mãe acolha a intenção dos brasileiros e verem nosso país sendo abraçado e cuidado por Ela. Aliás, Ela já o fez quando foi retirada das águas para ser a nossa Padroeira. Embora venham muitas tribulações em breve, não desfaleceremos se ficarmos agarrados às Suas Santas Mãos. “Eles não sabem o que fazem”!

  2. Foi o maior micão. Isso qie dá confiar em rccistas. Que mico!

  3. Achei todos os 3 discursos muito bons. Do deputado, do padre, e do ministro. Poderia ser muito melhor, poderia, mas já é algo. Fiquei feliz pelo momento. Vcs são muito negativos.

    • Concordo Luciano. Eles pelo menos fizeram algo. Este post do Fratres foi desnecessário, só criticou e não disse o que fazer.

    • Também considero louvável a iniciativa. Muito bom saber que há pessoas que levantam de suas confortáveis cadeiras e PCs – verdadeiros muros de lamentações – e fazem algo pela fé católica e pelo país!

    • Não podemos menosprezar a abertura do Presidente da República em acolher os que ali estavam. Mesmo não sendo oficial do ponto de vista dos critérios necessários, foi válido! Continuemos rezando pela conversão dos pecadores e inimigos da Santa Igreja!
      Valeu sim! A Santíssima Virgem escuta a seus filhos! Sendo ato político ou não, não seria diferente se oficialmente o fosse! Pois entrou no Planalto a ação é política!

    • Concordo com o Luciano. Gosto muito do Fratres, mas achei a crítica injusta. Não foi o melhor ato, concordo, mas provavelmente foi o melhor que podemos ter atualmente. O que o autor da matéria esperava? Uma consagração com todos os membros o congresso de joelhos e rosário nas mãos, incluindo a conversão espontânea de comunistas?

  4. Nesses tempos atuais, devemos mais é levantar as mãos para os céus por tal iniciativa! ´É preciso levar em conta que estamos em um mundo “pós-cristão”, óbvio q não podemos fazer as coisas de qualquer jeito, ainda mais quando se trata da “realidade envolvida em questão”, porém Deus aproveita qualquer fresta q abramos para q assim possamos, pela graça, ter a possibilidade de salvação. Tb tenho minhas reservas a certas coisas da RCC, porém no referido ato, ouve alguma profanação? Mesmo titubeantes na fé e as vezes em condição até pior…porém as pessoas estavam lá e sabiam o porquê. Não façamos portanto um papel de auxiliar do “acusador”, esperemos q dentro de nossas misérias, uma vez que a procuramos e chamamos por “ela”, Nossa Senhora guie nosso país e nosso povo a Deus.

  5. O ato de consagração não se restringiu à cerimônia oficial:

  6. Que Nossa Senhora possa acolher esta intenção e desejo que venha um novo tempo de paz para a política brasileira e na sociedade, perante toda a oposição no congresso a bolsonaro e seu governo achei uma inspiração do alta esta é uma pena que tenham colocado que foi um acto falhado vocês não sabem isso é já criticar antecipadamente.

  7. Qual é o valor de uma consagração ao Coração Imaculada de Maria, feita por um Presidente ecumenista e sincretista que, evidentemente, não cumprirá com os compromissos que se assumem com esta consagração? Bolsonaro não é nem a sombra de Gabriel García Moreno, e nunca será. Quando realizamos a Consagração ao Imaculado Coração de Maria, pelas mãos da mesma Virgem Santa, renovamos nossas promessas batismais e assumimos Jesus Cristo como nosso Senhor e Salvador e prometemos nos esforçar para cumprir com todo o necessário para propagar a realeza de Nosso Senhor Jesus Cristo e trabalhar pelo restabelecimento do seu reinado em todo o mundo, porque é preciso que Cristo reine (Santo Afonso Maria de Ligório). Com certeza o nosso Presidente não faz nem ideia da metade, ou nem de 1/4, de todas estas coisas, do compromisso inescusável de cumprir as obrigações vinculadas. Na verdade, neste caso, o único compromisso evidente é o de campanha, em agradecimento pelos votos recebidos dos católico brasileiros. O mesmo compromisso, descompromissado, cumprido com os protestantes e judeus. Enfim, repito uma vez mais, qual o valor de uma consagração ao Coração Imaculado de Maria quando não se pretende assumir, verdadeiramente, os compromissos dessa mesma consagração? Ou seja, tudo isso não passa de um compromisso de campanha e que servirá de desencargo de consciência para aqueles que votaram em Bolsonaro e que nutrem uma falsa esperanças em relação ao novo governo.
    O mais cômico, e não menos trágico, é ver pseudo intelectuais, conservadores, muitos dos quais autointitulados filósofos, não enxergarem e preverem um quadro evidente de fracasso como esse. Os mesmos pseudo intelectuais que editam e publicam livros, versando sobre questões mil vezes mais complexas – como a do Papa herético, por ex. – mas que não conseguem nem mesmo enxergar o óbvio em um quadro tão simples que há semanas vem sendo pintado.

  8. Que ocorreram falhas e que estas mereçam críticas é fato. Que o atual presidente comete falhas e merece críticas também é verdade e a liberdade de expressão deve ser plena. Existe o mau, o bom e o perfeito. As vezes parece que ESTE SITE quer desprezar o bom porque não é perfeito e o que nos sobra é o mau. Isto também penso ser criticável.

    Agora comparem os tempos atuais com os tempos ligeiramente anteriores… Onde a CNBB e a grande maioria do clero batiam palmas e alguns ainda batem para a quadrilha que efetuou o maior assalto da história do crime. Diante disse todas as mancadas que foram realizadas ontem (e houveram e merecem críticas) ainda são um vendaval de esperança.

  9. NOTA OFICIAL DO CDB [CENTRO DOM BOSCO] SOBRE A CONSAGRAÇÃO:

    Apesar de considerarmos que a Bancada Católica está muito aquém do que a Igreja Católica considera como Católica, resolvemos acreditar na promessa de Eros Biondini de que haveria uma Consagração pública e oficial do Brasil à Nossa Senhora. Assim sendo, divulgamos em nossas redes o evento agendado.

    Por algum motivo, não suficientemente claro, o presidente não proclamou a fórmula da consagração, nem assinou o documento de consagração. Após o evento, Dom Rifan resolveu fazer uma consagração particular para tentar minorar a frustração geral pelo ocorrido.

    Consideramos que o Eros Biondini deva ser responsabilizado por esse testemunho público de falta de amor à Igreja Católica.

    Por fim, pedimos desculpas aos nossos amigos por divulgar algo que não correspondia às nossas expectativas. De tudo isto, fica ao menos uma lição positiva. Depois de duas décadas de governos anticristãos, um presidente da república recebeu Nossa Senhora em sua presença. Sigamos em frente, pois este é apenas o início da reorganização das forças católicas no país.

    Nossa Senhora de Fátima, Rogai por nós.

    • “Por algum motivo, não suficientemente claro, o presidente não proclamou a fórmula da consagração, nem assinou o documento de consagração.”

      Não ficou claro? Então eu esclareço.
      Não o fez para não se comprometer com os evangélicos que se voltariam contra ele caso fizesse.

  10. Acompanho o site, acho importantíssimo a luta pelo retorno da tradição católica séria e verdadeira, seja na liturgia ou no modo de ser cristão. Entretanto, achei a crítica mesquinha e prepotente. A intenção e o fato em si são bons. Ou vcs realmente acham um pastelão proclamar bem aventurado O Imaculado Coração de Maria em pleno coração da república, com a presença do presidente, que tem autoridade sob Deus? A consagração aconteceu? Não. Mas foi uma demonstração de fé pública nunca antes vista desde a última constituinte. Deveriam se envergonhar de fazer uma crítica tão boba a um assunto tão sério. Os inimigos não são os proponentes da “homenagem”.

  11. Caríssimos Irmãos do Fratres, na minha opinião (e é apenas uma opinião), o Acto, em sim mesmo não é falhado, pelo simples facto de que foi feito e Deus vê os corações. A circunstância de ter sido realizado, em presença de um Presidente eleito, cuja autoridade também vem de Deus, não deixa de ser uma Grande Graça.

    Apenas lamento dois aspectos: É muito triste fazerem a Oração de Consagração de frente para as câmaras, em vez, de recolhidos ficarem de olhos na Imagem de Nossa Senhora;
    O segundo aspecto, concordo que muitos terão usado o momento solene como um comício, com interesses duvidosos e políticos, não devia acontecer.

    A cerimónia deveria ter sido organizada, com mais solenidade concordo. Que Nossa Senhora e o Brasil merecem muito mais e melhor? merecem…

    Apesar de imperfeito, como eu gostaria de ver o clero e os governantes portugueses a renovarem a nossa Consagração, como no tempo da Monarquia…mesmo que fosse, assim mesmo, dessa forma desajeitada…

  12. O presidente parecia incomodado! Não discursou e tampouco foi ele quem fez a leitura da consagração.Talvez por não querer incomodar aos seus mais próximos, os protestantes, que jamais aceitariam tal ato em uma nação, que nasceu Católica, mas foi usurpada por muitos maçons, ateus e católicos de meia tigela.Desde os tempos do império maçônico, de um golpe dos generais maçônicos a uma princesa católica, os militares bem intencionados de 64, porém sem um pingo de noção de o que é uma nação católica, vivemos tempos calamitosos e longe de termos a tão sonhada civilização católica. Que a Divina providência nos assista e que a Santíssima Virgem mediante a tantos “flash´s” e vazios em todas as almas que se dizem católicas nos ilumine e nos proteja. Que Cristo seja o Rei e nada mais!

  13. Deveriam é levantar os braços e agradecer a Deus por esse ato singelo mas muito bonito, que certamente agradou o coração de Deus. Ao inves de ficarem resmungando em redes sociais. Se estão insatisfeitos vão la e façam uma melhor, se organizem, só sabem reclamar.

  14. É inacreditável este post… Seja na política ou na religião… Povo desunido… Pessoal que se acha dono da verdade… Com telefone do céu… Depois de tanta coisa errada acham que num passe de mágica estará tudo resolvido… Deus tenha misericórdia de todos nós… E parabéns aos parlamentares da frente católica pela iniciativa…

    • Concordo com você, Cristiano. Aliás, às vezes penso que nem precisaríamos de outros “inimigos”… Certos “católicos” nos bastam.

  15. Padre Marcelo Tenório: “Consagração é algo sério. Nossa Senhora pediu a Consagração do mundo e da Rússia ao seu imaculado coração. Para ser válida tinha que ser o papa com os bispos do mundo inteiro e o nome da Rússia deveria ser mencionado explicitamente. Pio XII fez em Roma com alguns bispos e não pronunciou explicitamente a Rússia. Nossa Senhora apareceu a irmã Lúcia dizendo que o Ato de Consagração não tinha sido aceito.”

  16. O mais importante não é a Consagração, creio eu … Finalmente, foi reparada a ofensa feita ao Rosário pelo Presidente Jango no famoso comício da Central, em 13/03/64: “O cristianismo nunca foi o escudo para os privilégios condenados pelos Santos Padres. Nem os rosários podem ser erguidos como armas contra os que reclamam a disseminação da propriedade privada da terra, ainda em mãos de uns poucos afortunados.”

    Agora, as reformas sairão!!!

    • A reparação foi quando do Mistério … e o Presidente Bolsonaro rezou também … é só comprovar nos vídeos.

  17. Sempre leio os artigos dessa página, mas, sinceramente, esse artigo serviu não para comentar o ato de consagração, mas para destilar a raiva que os membros do fratres tem da RCC. Moro em Brasília e sei das dificuldades que os católicos enfrentam para defender sua fé nos 3 Poderes. Se não fosse o esforço de muitas pessoas, entre elas os “carismáticos fracassados na música”, provavelmente nem a imagem de Maria entraria no recinto. Outra coisa: Gostem ou não, foi a RCC que levou o primeiro canal católico ao ar. Outra coisa, a TV Canção Nova se mantém sem anúncios publicitários. Então, sejamos honestos. Critiquem o quanto quiserem a Renovação Carísmática, mas não zombem dos esforços dos parlamentares católicos que muito empreenderam para que o ato acontecesse. Não saiu do seu gosto? Lamento. Mas, tenho certeza, foi fruto de muito negociação, oração e bravura dos envolvidos. Não menosprezem, com críticas rasas, o esforço desses nossos irmãos. Mais: O Presidente da República é evangélico. Certamente houve muita conversa de bastidores para que ele comparecesse e permitisse o evento acontecer. Não se trata de um evento paroquial. Este seria fácil, sairia “direitinho do nosso gosto”. Mas não é.

    • Apoiadíssimo!!! Como M.Tereza de Calcutá disse : ” se queres fazer diferença no Mundo, comece pela sua casa”….
      Em um mundo politico descrente de Deus, qualquer Ato que una pessoas para honrar a Virgem Maria e Deus é salvifico… Ela pediu a Consagração a Rússia, mas Ela saberia q seria difícil e por isso ja profetizou q a Rússia espalharia erros… Masssss ela tbm pediu para cd ser católico rezar o TERÇO todooooss os diasss e reparação do I. Coração nos sábados…
      A pergunta é??? Vcs que criticam obedecem a Nossa Senhora??,…
      Eu nao rezo todos os dias é muito difícil.. e ainda nem fiz a reparação!!!
      A salvação é Individual!!! E a união do Mundo é Coletiva!!

    • A consagração foi lícita, porque contou com a presença de parlamentares e ministros católicos, padres e bispos. Quanto ao presidente Jair Bolsonaro, ele é católico, não é evangélico, e se vê o mesmo orando no ato.

      Este momento é único, após 2 governos social democratas e 4 de esquerda, temos sim que comemorar, pois a Igreja Católica foi reconhecida pelo Planalto como parceira vital no projeto conservador de nação.

  18. Talvez o Bolsonaro tenha ainda uma boa intenção de fazer algo importante, talvez. Mas o fato é que como católico ele está “casado” com uma protestante. Como “casado” já está no seu terceiro “casamento”. Tem filho (s) com cada uma dessas “esposas”. Contrariamente a isso, a Sagrada Escritura nos diz que o casamento é indissolúvel (S. Marcos, 10). E daí, caro Presidente? Como ficará isso no dia do juízo? Sem dúvida, tenho rezado todos os dias sem, falhar um só, por esses erros de tantos que vivem como querem, sem mais obedecer as Leis de Deus.

  19. Na época do FHC, o vice-presidente Marco Maciel promovia uma missa semanal dentro do Palácio do Planalto.

    Escrevo isso apenas para lembrar aqueles que estão iludidos, achando que essa acolhida tenha sido algo considerável….

    Tudo bem, depois de anos de petismo ateu, até que foi algo louvável.

    Mas realmente foi tudo muito bagunçado e caricato.

    • Prezado Eduardo, Vice tem sua importância, assume na vacância e não é desprezível, mas na rotina do dia-a-dia não apita nada. Quem manda é o titular. Marco Maciel poderia ter transformado o palácio do Jaburu num mosteiro que isso não mudou a realidade de que FHC na sua presidência embalou o Brasil de presente para os comunistas do Foro de São Paulo e ficou bem feliz com isso.

      Bolsonaro tem seus defeitos e merece críticas. Mas uma análise honesta passa pela comparação com estes três comunistas que o antecederam.

  20. Tem como colocar o nome dos políticos da Frente Parlamentar Católica, que eu nem sabia que existia, e que participaram dessa palhaçada?

  21. Talvez o Excelentíssimo Senhor Presidente da República tenha sido avisado sobre o ocorrido com o último presidente latino-americano que se pôs a brincar com os Céus…

  22. O católico moderno pensa que está fazendo um favor para Deus, e “a cavalo dado não se olha os dentes”. Para essa espécie, não importa se teve consagração, se não teve, se foi homenagem, “o que importa é o coração”, é “ter certeza de agradar o coração de Deus”, etc.
    Não sabem discernir matéria e forma. Não sabem o que é jurisdição, competência, delegação, autoridade; só sabem balançar as cabecinhas ao som das horríveis músicas carismáticas e pensam que a emoção causada pela música é unção do Espírito Santo. Histéricos.
    Raciocinem analogamente: se até no mundo puramente natural, o dos homens, existem fórmulas sem as quais os atos humanos não valem, (por exemplo: uma escritura, uma compra e venda), que dirá um ato soleníssimo como esse, o de um chefe de estado e governo consagrando a nação a uma Instância sobrenatural, que é o Imaculado Coração de Maria!
    Isso me lembra os meus tempos de escola “católica” primária: a Tia Lúcia do violão tocava, a criançada cantava, a missa nova (quando tinha) era uma verdadeira presepada e no final todo mundo saía sem entender nada da palhaçada, louco para voltar para as suas maldades cotidianas.

  23. Caro Rafael Teófilo, Nossa Senhora jamais pediu a consagração do mundo. Pediu somente a consagração da Rússia ao seu Imaculado Coração, a qual deveria ser feita pelo papa, em comunhão com os bispos do mundo inteiro. Jesus e Nossa Senhora jamais apareceram à irmã Lúcia para dizer que a consagração foi feita. Isso é uma falácia. O que houve, na verdade, foi uma suposta carta de Irmã Lúcia dizendo que a consagração fora feita. No entanto, a assinatura era falsificada. Isso foi comprovado por peritos americanos e canadenses. A consagração feita por JP II, em 1984, não valeu porque não foi mencionado a Rússia, mas o mundo e, ademais, os bispos não deram a menor importância. E a grande prova de que não valeu é que os erros da Rússia se espalharam pelo mundo, a Rússia não se converteu à fé católica e o mundo está à beira da III guerra mundial.

  24. Foi um gesto significativo sim, pois foi um evento oficial da República e seguiu todo o protocolo. Estou vendo tanta gente falando de Gabriel Garcia Moreno. Mas nessa mesma época tínhamos Princesa Isabel que foi uma gigante da fé. O manto e a coroa original de Nossa Senhora Aparecida foram doações dela. Alguém já leu ou viu algum livro ou estudo falando da vida de nossa princesa? Eu não. Vamos valorizar mais o nosso país.

  25. O presidente Bolsonaro se afirma católico, o que no Brasil muitas vezes significa ter uma fé misturada a muita confusão conceitual. Mas, como político, ele tem consciência de que CADA GESTO vale para levar a realidade para onde se propõe, e sua atitude só será mais vigorosa se os católicos participarem mais efetivamente da política, o que redundaria em aumento de seu poder no embate de forças que é a política. Como não estamos em uma monarquia, o presidente só pode atuar a partir de força disponibilizada por seus eleitores. O mandatário se propôs a salvar o Brasil do comunismo, com risco da própria vida. Seus eleitores é que estão atrasados em fazer sua parte. Quantos católicos conservadores estarão na manifestação de 26 de maio para equilibrar a balança contra o sistema que está em peso se preparando para expulsar ou neutralizar o presidente e sua agenda conservadora?

  26. Considero um avanço monstruoso, de tudo que tínhamos (comunistas e satanistas no governo) ao menos se quer consagrar a nação ao Imaculado Coração de Maria, renovando todo o ano, não me importa se são rccistas fracassados na música ou tradicionalistas desvairados, Deus escreve certo por linhas tortas… devemos interpretar o sinais! Afinal, diante do teatro de horrores que é o Vaticano, me parece uma benção de fato!

  27. Reconheço [como muitos aqui] as falhas do ato, mas a sincera e justa intenção de um é maior do que todos os erros dos outros — isso me faz lembrar da atuação de Aarão e Hur na controvérsia do bezerro de ouro, um por motivações incertas errou, o outro por intenções certas não pode agir; espero que nesta consagração tenha havido muitos como Hur [ignorados pelos incautos] e poucos como Aarão.

    Que o Senhor nos ajude, Deus sabe melhor!

  28. Mimimi demais. Fizeram um ato religioso e mesmo assim têm os descontentes de sempre. Quem acha que pode fazer melhor, faça. Mesmo com algumas ressalvas, no todo é positivo.. Esse país está sendo jogado na mãos dos protestantes, comunistas,etc., faz tempo. E vão reclamar disso agora ? Tirem os antolhos.

  29. Ainda bem que Nossa Mãe está, com seu Filho, acima de todos!

  30. Pessoal,

    “Onde o pecado abundou, superabundou a graça” (Romanos 5:20)

    A consagração do Brasil à Maria é página virada. Ato perfeito, válido, eficaz e consumado!
    Detalhe: até as autoridades da Igreja são desobedientes aos pedidos de Nossa Senhora (papa João XXIII..), no tocante à Consagração da Rússia. Explico:
    A Igreja, por razões diplomáticas (idem reconhecimento de Jerusalém como capital de Israel), não ocorreu nos termos expressos da profecia de Fátima.
    Todavia, verificamos que os Céus, mesmo assim, deu um voto de confiança para a Igreja. Senão, vejamos:

    – O papa Pio XII, após a consagração do mundo (e não da Rússia, como queria N.S. Fátima), houve uma virada nos destinos da II Guerra Mundial, com a vitória dos Aliados contra os países do eixo (Alemanha nazista, Itália fascista e Japão imperialista).

    – E após uma nova consagração pelo papa São João Paulo II, desabou o Muro de Berlim, e por reflexo o Comunismo como um castelo de cartas. Houve o retorno do nome original do país: Rússia (que substituiu URSS), Igrejas católicas Ortodoxas foram restauradas e reconstruídas, São Petersburgo, segunda maior cidade da Rússia, também recuperou o seu nome original (antes Petrogrado e Leningrado).

    “O reino de Deus está próximo”, muito próximo, pessoal!

    Vem Senhor Jesus!

    Moral: coube a dois idealizadores: um religioso (padre Oscar Pilloni) e um leigo (deputado federal Eros Biondini) o ato de consagração do Brasil à Nossa Senhora, presidido pelo Exmo. Sr. presidente do Brasil: Jair Messias Bolsonaro. Tal evento ficará gravado para sempre nos anais de história do Brasil, Terra de Santa Cruz!

    Em tempo: os dois moram em Belo Horizonte-MG, sob a administração do presidente da CNBB (para muitos: CNBdoB), Dom Walmor. É o cumprimento da profecia: “Onde o pecado abundou, superabundou a graça” (Romanos 5:20). Mais. O padre Oscar é um profundo conhecedor das profecias modernas: desde La Salette, passando por Fátima e Akita, e chegando à Mediugórie.