Saiu o Hino do Sínodo Pan-Amazônico.

🎼🎧
*Hino do Sínodo da Amazônia*

(Composição: Antônio Carlos)

Na vazante do Rio
Todos se põem ao plantio
Pois, quando as águas subirem
Eis o maior desafio que é viver.

A colheita há de ser
Antes das águas revoltas
Pois, quando a vazante inundar
Sei onde vou aportar o meu barco.

*Ribeirinhos guardiões*
*Da nossa casa comum*
*“Laudato si”*
*É Francisco chamando um à um.*

10 mil anos de história
Pan-Amazônia ancestral
Pão de uma eucaristia
Cosmo da “Ecologia integral”.

Nem uma folha se cai
Sem a vontade do PAI
Pois na vazante da vida
CRISTO é semente de LUTA e de PAZ.

*Ribeirinhos guardiões*
*Da nossa casa comum*
*“Laudato si”*
*É Francisco chamando um à um.*

Igreja samaritana
Contra-cultura da grana
Tantas feridas abertas
No seio da floresta e a ganância.

Irmão sol, irmão lua
Irmão de todos os povos
É Deus Tupã que reclama
Deus que nunca abandona a sua OBRA.

Tags:

38 Comentários to “Saiu o Hino do Sínodo Pan-Amazônico.”

  1. De revirar o estômago. Perderam todo o pudor!

  2. Não acredito…só rindo.

  3. É um hino de sínodo ou o festival de Parintins? Perderam a total noção.

    • Acho que o Sr deveria ter mais respeito, não se pode ir chegando assim e ofendendo o festival de Parintins

  4. Há tanta coisa errada nesse hino que eu nem sem por onde começar; tática sagaz do acusador — que nos ataca por tantas frentes que não podemos combatê-lo sem que ele nos pegue de outro modo. Que Deus nos ajude!

  5. Vergonha! Os discípulos de Cristo e os filhos prediletos de Nossa Senhora flagelado, coroando de espinhos e crucificando a Igreja do Deus vivo. Isto não ficará impune! Esses homens não têm fé em Deus, se perderam dentro das suas próprias arrogâncias!

  6. Nunca entendi os hinos da CNBB. Parece que compõem escrevendo frases aleatórias em papéis e sorteando-as de dentro de um saquinho.

  7. É impressão ou estão fazendo uma alusão ao Deus Pã das florestas?

  8. Sou ribeirinho e senti vontade de vomitar ao ler esse “hino”. Esses senhores perderam a vergonha na cara e agora nem escondem mais a sua vontade de perverter a igreja e implantar a revolução dentro dela. Rezemos para que Cristo proteja a sua igreja e Roma volte a pregar a doutrina de sempre

  9. Heeeehhhhhh !!!!!

  10. Deus Tupã. Hã?

  11. Bem característico ao que se propõe, destruição do catolicismo, triste.

  12. É a “política” do “bom selvagem”. Parece que estamos na revolução hippie dos anos 60.
    Tudo vem de onde, neste momento?! É o que dá eleger um Papa que nada tem a ver com a cultura Ocidental. Aliás ele despreza tudo o que vem do Ocidente, da Igreja Tradicional e dos Valores de origem europeia, construídos a partir da Ética judaico-cristã, do Direito Romano e da Filosofia Grega. Penso que o colocaram no lugar errado. Está mais para Cacique do que para Papa. Cada vez fica mais claro…
    Não tem como disfarçar o que se pretende.
    Entendo que o objectivo será desconstruir para construir não se sabe bem o quê?! Outra “igreja”?! Fica tudo muito diluído, inconsistente.
    Ainda teremos que ver muita asneira ou “besteira”, (porque é mais besta do que outra coisa), até mesmo um índio de tanga a celebrar “missa”, com a esposa, ao lado “despida”, com seios à mostra e os filhos nus, acolitando. Pior, chamando os “espíritos” e todos os deuses mesclados com um “jesus” qualquer…Pagãos dirigindo “uma igreja” que não é a de Jesus Cristo.
    Porque não deixam lá os indígenas sossegados, com todo o respeito, ajudando no que for possível?!
    Tudo é “Laudato Si”. Tudo “mãe terra”. É nosso dever impedir este avanço…dê por onde der…Vamos pedir ao Divino Espírito Santo que nos indique a forma de agir. Só não podemos cruzar os braços…

  13. Considerando o que o novo Presidente da CNBB, Dom Walmor, disse em entrevista à Veja:

    “A sociedade brasileira, incluindo os cristãos, tem mostrado vergonhosamente que, sob o ponto de vista moral, tem um longo e urgente caminho a percorrer. Todos nós temos de ser mais coerentes com a fé que professamos, o Deus ao qual nos referimos.” (https://fratresinunum.com/2019/05/23/nao-darei-recados-para-o-presidente-vou-me-oferecer-para-o-dialogo/).

    O que esta Igreja pós-conciliar aberta e escancarada ao mundo moderno tem de bom pra levar para o bioma da Amazônia?

  14. Todos os ídolos dos pagãos são demônios, já dizia São Paulo, inclusive o Tupã.

  15. Onde estão Cristo Senhor Deus, com o Pai e o Espírito Santo?
    Um lindo hino para panteístas e gnósticos não botarem nenhum defeito!
    O diabo agradecerá todos que compartilharem desse sincretismo sob fora de hino!

  16. Constrangedor…

  17. Dom Hummes passou ao politeísmo ou escancarou o que sempre foi às escondidas: deus Tupã? Quem diabo é deus Tupã? Existe alguma citação da Bíblia, do Magistério ou da Tradição chamando o Deus Uno e Trino pelo nome de Tupã? Trata-se de uma vontade incontrolável de destruir a Santa Igreja fundada pelo Filho de Deus. “Super hanc petram aedificabo ecclesiam meam et portae inferi non praevalebunt adversum eam”. Durma com esta frase, eminentíssimo filho de Tupã.

  18. Esse sínodo irá mudar pontos importantes da doutrina.
    Vão implantar o ecoterrorismo com a ajuda de ongs, empresas, onu, etc. Vão fazer, ainda mais, a américa latina e o caribe um inferno socialista.

  19. Para além de todos os erros doutrinários, o mau gosto predomina na CNBB.

  20. Como é triste ver alguém a quem a velhice trouxe panteísmo e escândalo ao invés de sabedoria e fidelidade. Veja como a pessoa joga segundo as conveniências do tempo: antes da renúncia de Bento XVI, Cláudio Hummes até casula dos Arautos do Evangelho usava, e João Scognamiglio foi ordenado sacerdote com seu placet e ainda se tornou Cônego da Basílica de Santa Maria Maior, em Roma com pouquíssimo tempo de sacerdócio (não tenho nada contra João Scognamiglio nem contra os Arautos, esses ao menos amam a Igreja). Agora, como se ninguém tivesse memória e com a maior cara de peroba do mundo, dom Hummes põe cocar na cabeça e canta hinos ao deus Tupã. E depois nós, os Padres novos, que somos acusados de sermos apegados ao poder. A CNBB está totalmente desconectada da realidade das ruas, já há muitos anos não fala a mesma língua do povão. Eu, digo sinceramente, não acredito em mudança. Precisa passar uma ou duas gerações de Bispos para que comecemos a ver qualquer pequeno sinal de correção no rumo da barca.

  21. Pra mim, o único Tupã de respeito é o ex-jogador do Coringão. 1º titulo brasileiro. CNBB fazendo gol contra já virou normal.

  22. Como diz o Senhor : ” os filhos da trevas são mais sagazes que os filhos da luz.”

  23. Esse hino ficou muitíssimo ao gosto da Teologia da Libertação!!! Daí da para se pensar no que pode vir desse Sínodo…

    A propósito, o Papa Francisco fez algumas nomeações ultra modernistas. Vejam!

    https://g1.globo.com/mundo/noticia/2019/05/24/papa-nomeia-mulheres-para-cargos-chave-no-vaticano-pela-primeira-vez.ghtml

  24. Deus Tupã? Sério mesmo isso?

  25. “Deus” Tupã, o deus trovão reverenciado por padres, bispos e leigos
    A catequese dos Jesuítas pelos Tupis é um sucesso completo…
    Nessa nova religião sincrética da CNBB Vamos aguardar quando farão as oferendas a exu caveira nas encruzilhadas e os louvores a Iemanjá nas cacheiras…

  26. Acho que quem quer respeito, precisa começar oferendo respeito. Irmão sol, irmão lua
    Irmão de todos os povos. Isso me é familiar, agora, de onde tiraram essa historia de Deus tupã? Isso veio do Índio já catequizado? Acho bom vê isso, e deixar o “vê isso” só para os corruptos. Misericórdia, Senhor!

  27. Sem dúvida, “contra-cultura da grana” foi uma das coisas mais patéticas que já li na minha vida.

  28. Deus Tupã, que nojo!

  29. Alguém aviso ao Cacique que contracultura é junto e um a um é sem crase. Obrigada!
    Aos homens da Igreja que permitiram isso: cloacas de impurezas!

  30. Simplesmente gostei do ritmo empregado à letra. Não vejo ofensa alguma no que diz respeito à cultura amazônica. É hora de celebrar e de abrir o coração ao novo. Rezemos mais, e deixemos as querelas de lado. Que esse sínodo nos faça reconhecer o quão importante é a Amazônia e o que estamos fazendo para preservar o meio em que vivemos.

    • Eu só quero saber quais os bispos que proclamaram tupã como “deus”( pior, colocaram este como sinônimo da Santíssima Trindade) para que eu não os siga, pois são ANÁTEMAS!

    • Mas a igreja tem que se ocupar de assuntos relacionados a ela e não de uma pseudo-ecologia, fazer culto e louvor a Deus Tupã, à mãe terra. Isso é um sincretismo. Respeito a cultura e crenças dos povos, mas cada um na sua.

    • Ao invés de você vir com esse papinho manjado de “é hora de celebrar e de abrir o coração ao novo”, conversa que quase ninguém mais cai, você deveria estudar (e ficar preocupado) um pouco sobre a pauta pouco cristã desse sínodo, as pessoas que estão patrocinando, a mudanças doutrinais que devem vir a acontecer, o quanto isso vai contra a legislação e soberania dos países do qual estão a Amazônia(principalmente o Brasil) e do projeto do sínodo para fortalecer o ecoterrorismo, o marxismo verde.

  31. “Tupã” é uma palavra indígena que significa ‘Deus’, e chegou a ser usada pelos jesuítas para fazer com que os índios assimilassem o catolicismo.
    Então, de si, não chega a ser uma heresia.

    Mas acontece que a imensa maioria dos povos da amazônia JÁ CONHECEM a Cristo e a Igreja – e nem sequer usam mais essa língua.

    Assim, esse hino é um horror, praticamente New Age, e não tem nada de cristão.

    Leonardo Boff deve estar vivendo uma epifania com essa desgraça