A cumplicidade culposa dos cleaners bergoglianos.

Por FratresInUnum.com, 7 de outubro de 2019 – Começou ontem o Sínodo da Amazônia, antecedido na manhã de sexta-feira por um ritual indígena na presença do próprio Papa Francisco — coitado, certamente se dirigiu até lá na melhor das intenções e, oh, quem poderia imaginar!?, viu-se enganado em uma cerimônia pagã!

Imediatamente, começou a euforia dos cleaners, tentando criar a narrativa de um papa inocente, sequestrado por conspiradores ecoteólogos da libertação maus ou, no máximo, enganado por sua própria bondade “franciscana”.

Pajelança também após a Missa de abertura do Sínodo.

“Francisco chorou no consistório, ao impor o barrete num Cardeal torturado por comunistas”. “Bento XVI recebe Francisco, com os treze novos cardeais”. “Francisco adota um tom mais moderado e conciliador, trazendo a Cruz para o centro do Sínodo”.

Anestesias! Anestesias em doses dinossáuricas, calculadas para produzir um efeito meticulosamente planejado: paralisar a opinião pública católica para neutralizar a única resistência que tem conseguido fazer frente à apostasia aberta desse Sínodo, ao esquerdismo declarado, à absoluta sujeição da Igreja à agenda anticristã da ONU.

Nós, aqui, reafirmamos: Francisco é a causa e o cérebro por trás de toda esta balbúrdia que estamos para presenciar.  O Sínodo forma um todo coerente com tudo aquilo que ele diariamente implementa em seu pontificado. Faz parte de um programa minuciosamente elaborado! Só não o vê quem deliberadamente prefere ignorar os fatos acachapantes que se impõem todo santo dia deste infelizmente pontificado.

Ele está desfigurando a Igreja Católica e, diante disso, é a fé dos nossos filhos que não pode ser colocada em risco. É hora de lutar e se opor com todas as forças. O nosso, é um chamado à resistência.

O bom-mocismo dos cleaners é apenas uma tentativa irresponsável de conservarem a sua própria imagem de “católicos” e “papistas”, a despeito do verdadeiro bem da Igreja e das almas. É o bom-mocismo de sempre, tingido com o falso verniz da ingenuidade crédula, mas que consiste no puro e simples negacionismo dos fatos: Bergoglio não é um coadjuvante, ele é o protagonista do desmonte. Digamo-lo claramente!

A manobra de mídia, orquestrada por Vatican News e outros órgãos oficiosos da intelligentsia vaticana, visa apenas causar a impressão de que Francisco recuou e de que está levantando a “bandeira branca da paz”, proclamando uma anistia para todos os católicos de bem!

Ora, qualquer pessoa minimamente esclarecida sobre a psicologia dos ideólogos sabe que eles nunca agem movidos por princípios racionais, mas são cegos pelas suas próprias fixações e fanatismos. A cúpula do Sínodo toda se enquadra nisso.

Afinal, quem convocou o Sínodo? Quem nomeou seus cabeças? Quem lançou o debate em entrevistas a jornalistas ateus, ou em cartinhas desaforadas a hereges silenciados por um Papa emérito que vive ali, a alguns metros de Francisco?

Então, por que o resultado seria diferente?

23 Comentários to “A cumplicidade culposa dos cleaners bergoglianos.”

  1. Finalmente a Igreja Latino-Americana se faz ouvir no Vaticano!!! Agora vai!

  2. Não esqueçam que isso tudo não começou com Francisco. Foi Paulo VI quem demoliu a liturgia tradicional (com a cumplicidade de centenas de bispos e cardeais). Foi João Paulo II quem realizou as primeiras cerimônias sincréticas, com beijo no Alcorão, bênção de sacerdotes pagãos, estátuas de Buda, danças profanas, etc. Depois, foi Bento XVI quem celebrou missa “inculturada” aborígene (exatamente igual às “missas afros” que tanto denunciamos). Foi também Bento XVI quem escreveu recentemente carta agradecendo Francisco por todo o “bem” que ele tem feito pela Igreja. Então, por favor, não se enganem como se tudo isso tivesse começado com Francisco. O problema é mais fundo.

  3. Que coisa. A Igreja está ocupada ir demônios encarnados.

  4. Tenho conversado com poucos religiosos, mas após lhes contar alguns envolvimentos do papa Francisco com as esquerdas, doravante ostensivo apoiador e de diversos maus elementos delas, ocupando determinados cargos relevantes dentro, influenciando maleficamente as mentes dos incautos dentro do Vaticano com relativismo – uns estilo TL – e disseminando-os mundo afora, quase todos escamoteiam o assunto nessa lenga-lenga: então reze por ele, aumente as orações, mas não deixo por menos, replico, pois ORA ET LABORA e esfriam-se, notando claramente deles mau humor daí em diante se afastam, caem fora!
    Já os cleaners bergoglianos, uns omissos, cegos talvez propositais, desde muito longa data – alguns poucos mudaram forçosamente pois seus sites abundavam duras réplicas, mas sempre que podiam, davam uma de bombeiros, embora extinguindo incendios com nafta – uma enfermidade contagiosa a defesa do impossível – caso Lula querer sair da prisão após ser totalmente isentado de crimes, um fato reservado para dia de São Nunca!
    Eles são uns omissos e deles bem profetizou N Senhora, serve também de forma geral, embora mais diretamente dedicado aos componentes ordenados, desde a desde a Alta Hierarquia incidentes e coniventes com os imensos erros secularistas e por quererem servir às meias, serão esses religiosos renegados por Deus!
    O Menino Jesus revelou a Madre Mariana que muitas almas religiosas e sacerdotais *“querem servir-Me às meias, conservando seus caprichos e gênios, em tudo satisfazendo suas vontades e tomando liberdades incompatíveis com seu estado e profissão. Eu não as tolero; nada pela metade me agrada. Eu as abandono e deixo que sigam todos os desejos de seu coração pervertido para desconhecê-las diante de Meu Pai Celeste. Ai daqueles e daquelas!” (II, 93).
    * N Senhora do Bom Sucesso.

  5. Permitir “despachos” nos jardins do Vaticano, e com o Papa presente, é algo estarrecedor. Isto em um Sínodo da Igreja.Não tem como ser conivente com isso !!

  6. Vendo essas barbaridades, me vêm à mente as profecias de La Salette sobre a perda da fé em Roma, as profecias de São Malaquias sobre a linhagem papal, e também aquela frase dita por um certo possesso: “Ele [Francisco] faz tudo que eu mando”.

    • Pois é, muitos têm ressalvas quanto à profecia de São Malaquias, mas vendo tudo que está acontecendo, fica difícil não acreditar que estamos cada vez mais próximos do fim, e não só acreditar, mas torcer, porque com o nível dos cardeais que estão sendo nomeados, que tipo de “próximo papa” teremos? Esperar que Dom Athanasius Schneider seja nomeado cardeal, ou que Sarah ou Muller ganhem um possível conclave seria sonhar alto demais

  7. A lavanderia do Vaticano vive cheia, mas é sempre—sempre—das mesmas figuras. Não poderia ser diferente, se sujam tanto no lamaçal da sinecura montinista que precisam voltar para lavar suas roupas todos os dias.
    Este abençoado sítio nos dá um registro textual daqueles que frequentam essa lavanderia e o que eles procuram limpar com tanta frequência.

  8. Quem pode me convencer que alguém que destrói congreções, institutos e a própria Igreja e a imagem de Deus perante o mundo e os Céus não pode impedir no, ato uma pagelança nos jardins do Vaticano?? Oh! não sabia e ficou constrangidinho com tudo aquilo…segundo se tem sabido nos meios de comunicação nomeia abortistas, homossexuais, pedófilos, oculta abusadores, despede o prefeito da CDF, pinta e borda e fica constrangidinho com pagelança e não impede??? Mas quem consegue acreditar???

  9. Parabéns, mil vezes, parabéns.
    Esses cleaners são uma praga.
    Fiquem com Deus.
    Abraço,
    Pedro Erik

  10. Bravo! O brado vigoroso de Fratres in Unum é um oportuno alerta e um chamado ao bom combate. Basta de enganação! Sancte Michael Archangele, defende nos in prælio! Nossa Senhora da Vitória, rogai por nós!

  11. Para quem gosta de cleaners. Nunca vi tantos jeitos de acomodar a bagunca. Sempre conseguem converter o caotico em catolico.

  12. Falsas teses e manjadas dos MANJADORES de mandioca:

    – Os Europeus são intrinsecamente maus e perversos; a conquista das Américas consistiu unicamente na história de sangue e genocídio das populações indígenas. TODAS essas populações eram boazinhas e inocentes, incapazes de se matarem e se oprimirem mutuamente, e não comiam carne humana de seus inimigos vencidos; elas também nunca praticaram a escravidão nem ofereciam hecatombes de sacrifícios humanos. Elas não conheciam nenhuma figura de poder; foram os Europeus maus e feios que lhes ensinaram a dominação;

    – Os Europeus trouxeram consigo o mito do senhorio do homem sobre as demais criaturas (“povoai e sujeitai toda a terra; dominai sobre os peixes do mar, sobre as aves do céu” etc); POR ISSO, a civilização europeia é essencialmente predatória e devastadora. Chegou o tempo de uma cultura mais holística em que a natureza seja preservada da racionalidade egoísta dos homens-brancos-maus-e-feios;

    – Deus se apraz com as diversas religiões e as quer a todas indistintamente: tanto faz Jesus Cristo ou Tupã. POIS as religiões dizem fundamentalmente a mesma coisa mediante os “símbolos” com que cifram o mistério divino o qual é essencialmente incognoscível e, portanto, não-revelável. As religiões mais institucionalizadas não devem alimentar mitologias, mas cultuar e servir diretamente o homem;

    – Todos os seres, inclusive Deus, participam ESSENCIALMENTE do mesmo “plasma ontológico”. POR ISSO, tudo está ligado a tudo. Trata-se de um monismo ontológico essencial que não reconhece a distinção entre Deus e o universo: a absoluta transcendência divina ensinada pela Igreja constantiniana e imperial é um recurso ideológico de opressão; ela afasta os pobres de Deus e justifica a existência de um sacerdócio que faz a mediação entre o deus-das-nuvens e o povo;

    – É preciso EMANCIPAR a divindade da figura tradicional do Deus-Pai-cristão que serve para manutenção do patriarcado. POR ISSO, falar de “Mãe Terra” é assaz oportuno por disseminar a noção de um o “feminino primordial” na linguagem e no imaginário das pessoas; é preciso insistir no caráter sacral da natureza e incentivar os cultos de fertilidade que realçam o matriarcado;

    – O Cristianismo assumiu do racionalismo grego a figura de um deus frio, indiferente e distante; do judaismo assumiu a figura do legislador e retribuidor; do amálgama de ambos surge a imagem de um Deus que age e julga APENAS conforme um código racional de finalismos que não contempla a “história existencial” e a consciência de cada um; chegou agora a era da superação do racionalismo e do legalismo: Bergoglio, o grande “a-nomos”, veio ensinar a prioridade absoluta da consciência (mesmo a perversa e má in-formada);

    – As comunidades indígenas, com seu comunitarismo, mesmo aquelas em que as mulheres parem e no mesmo dia estão colhendo milho, e trabalham muito mais que os homens, são um exemplo de partilha e respeito para o branco-europeu-mau-feio-e-perverso.

    – Todos os eventuais abusos cometidos na colonização da América contra as populações indígenas foram perpetrados com o expresso aval e aplauso da Igreja católica que nunca protestou contra tais abusos; o Cristianismo é essencialmente proselitista e hegemonista e a Igreja institucional é o veículo desse imperialismo. Devemos aprender com a simplicidade dos povos da Mata os quais desconhecem a categoria de neurose chamada “culpa” com que a Igreja imperial e constantiniana oprime a liberdade humana, monopolizando, sugando e destruindo as consciências, gerando divisão e morte.

  13. Um belíssimo hino mariano, anônimo, do século XVII, ensinado aos indígenas peruanos de idioma Quechua. Contemplemos a monumental obra de evangelização e de civilização que a Santa Igreja Romana promoveu e indefectivelmente promoverá para a confusão e humilhação de seus miseráveis e andrajosos inimigos.

    Com legenda.

  14. Agora no jornal nacional apareceu a entrevista do Papa Francisco dizendo que a Igreja não deve tentar converter a fé dos povos amazônicos, tem que se aproximar de ponta de pé… O que dizer disso meu Pai do Céu!!! Quando esse homem vai sair da Igreja???

  15. Quem poderia imaginar que um dia um Sínodo de Bispos seria aberto com ritual de macumba? Entretanto, esse pesadelo realizou-se, e no Vaticano. Em vez de levarem uma imagem de Nossa Senhora (por exemplo de Na. Sra. de Guadalupe, que veio à Terra para converter os indígenas, livrando-os do paganismo), eles levaram uma imagem da Pachamama (a deusa da mãe terra). Imagem pagã demoníaca… Sempre é bom relembrar que “Omnes dii gentium dæmonia” (Todos os deuses dos pagãos são demônios), afirma a Sagrada Escritura (Salmos 95, 5).

  16. Eu sou um cleaner. Para tudo que faz o Papa eu invento alguma boa intenção, me convenço de que o faz por algum bem oculto, que está sob pressão, que vive refém de inimigos e sempre cede em algo para não ceder em outro algo maior.

    É uma forma de não dizer a mim mesmo que o papa e os bispos não estão ligando para os católicos, que não estão vendo os inimigos destruírem tudo e ainda posando ao lado deles.

    que difícil ser católico hoje!!!! não se entende nada. os profanadores de Missas tem as graças do clero, os que falam contra eles são mal falados pelo clero. simplesmente não é possível entender.

  17. Não haverá nenhum protesto diante disso tudo? Afinal, se o papa é tão pacífico e amigo do povo, deve ser democrático também para saber ouvir os que não concordam.

  18. Curioso é que toda essa “afronta” a Nosso Senhor ocorra justamente no mês em que se celebra grandes festividades cristãs. Mês do Santo Rosário, um grande remédio para grandes males. Nossa Senhora indica esse santo remédio a São Domingos de Gusmão, contra os albigenses. A célebre batalha de Lepanto, novamente o Santo Rosário uma arma contra os inimigos da Fé. Não podemos esquecer da Santa Padroeira das Missões, Santa Terezinha do Menino Jesus, que nunca saiu do Convento mas mesmo assim é a patroeira dos Missionários. São Francisco de Assis, o santo que deixou tudo para seguir a Cristo convertendo os pobres. Santo esse que não era padre, mas viveu a Santa Castidade por amor ao Reino e se jogava nos espinhos para vencer as tentações. Festa dos Santos Anjos da Guarda, nesse mundo em que se duvida até do Inferno, devemos rogar ao nosso Anjo da Guarda que nos livredo mal. Celebraremos no dia 24 a festa de São Rafael Arcanjo, que nos livre das moléstias desse mundo. Outra grande festividade, e essa deveria calar os adoradores da mãe terra, a Maternidade de Nossa Senhora, 11 de outubro, quando relembramos a Maternidade Divina de Maria Santíssima e nossa mãe também. Para nós brasileiros uma festividade toda especial, Nossa Senhora da Conceição Aparecida, é essa a verdadeira Rainha da Amazônia, Mãe de todos os brasileiros que a tem por Mãe de Deus, Filha dilecíssima do Pai, Esposa Amibilíssima do Espírito Santo. E encerrado o útimo domingo de outubro Solenidade de Cristo Rei, basta dizer Cristo Rei e pronto, nada mais a acrescentar. Outubro mês das Santas Missões, quantos de nós, nossos pais, avós não tiveram a graça de participar desses piedosos exercícios de verdadeiro avivamento de nossa Fé. Infelizmente hoje isso é proibido, converter para quê? Converter quem? Liberdade religiosa é a moda, ou melhor é proibido ter religião. A exemplo dos antigo romanos, vamos construi um grande pantheon e aceitar todos os deuses, e não deuses. Vamos viver nossas paixões, nossas necessidades nesse mundo. O inferno é aqui, o que segue a após essa vida é nada. A apostasia impera até dentro da Igreja de Roma. Infelizmente “os mornos” enchem as igrejas, cada vez mais o indiferentismo religiosa e depravação do gênero humano se torna comum. Quando o Filho do Homem voltar à terra, encontrará Fé ainda?

  19. Tb não é assim! Tem gente q deve estar enquadrada entre esses “cleaners” que enxergam bem o q está acontecendo, porém é preciso certa prudência para separar o joio do trigo, pq enquanto houver possibilidade de salvar alguma coisa temos q tentar, lembro da passagem de Jonas em Nínive, se fosse pelo julgamento humano do profeta, ela teria sido destruída, é óbvio q as vezes dá vontade de “por a faca nos dentes” e creio q essa tensão entre ações mais radicais e outras mais diplomáticas ( sem necessariamente ser “passar pano”), ajudem a não “jogarmos fora a água suja com o bebê dentro”.

  20. Ate Bernardo Kuster parece estar lendo muito o site da Catequista. Virou cleaner tambem ? espero que nao.

LEIA ANTES: os comentários devem ser respeitosos e relacionados estritamente ao assunto do post. Toda polêmica desnecessária será prontamente banida. Todos os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam, de maneira alguma, a posição de Fratres in Unum.com. Não serão aprovados os comentários escritos integralmente em letras maiúsculas. A edição deste blog se reserva o direito de excluir qualquer comentário que julgar oportuno, sem demais explicações. O espaço para comentários é encerrado automaticamente após quinze dias de publicação do post.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s