Misericórdia ululante.

7 Comentários to “Misericórdia ululante.”

  1. Caminhando pela rua?
    Só se for na via Appia em Roma ou nas vielas dos jardins do Vaticano onde ninguém o conhece.
    Duvido que esta peste tenha a coragem de passear na Av. Atlântica em Copacabana ou na Av. Paulista em SP a plena luz do dia.
    Será corrido a pau como cachorro raivoso, com toda a equipe de proteção da PF.

  2. Uma explosão de canalhice.

  3. — disse a serpente para Eva.

  4. Os dois se merecem …

  5. Bergoglio tem décadas de artimanhas políticas, frases ambíguas e tiradas vazias de significado mas que emocionam o povão. É um tipico peronista à esquerda. Quanto a Lula dispenso falar, pois para mim é o ser mais abjeto sob a face da terra e sorte a dele que nunca será julgado por mim.
    O Papa Francisco finge ingenuidade e fala o que fala e propõe o que propõe dando a entender aos seus puxa- saco que é tudo de boa fé. Do tipo bem comunista, “eu não sabia…” , “eu achei…” e etc…
    Temos infelizmente um representante de Pedro de baixíssima qualidade intelectual e caráter, para quem não vejo a hora de uma substituição.

  6. Alguns ainda acham que o Bergoglio está sendo mal aconselhado. “São os assessores, secretários dos subsecretários que estão usando a boa vontade do papa para isso”, dizem os cleaners. Alguns, inclusive certo youtuber católico que não deixa de pesar a mão para falar – com justiça – das hipocrisias e do esquerdismo psicótico da CNBB, acham que o argentino é um senhorzinho ingênuo, manipulável, essencialmente católico. Não é.
    Francisco sabe muito bem quem é e o que fez Lulla e pouco se importa se está recebendo, em santo solo, o chefe do maior esquema de corrupção da história da humanidade. Se alinha propositalmente com ele na esperança de retornar o continente da esperança ao socialismo bolivariano do século XXI. Francisco não é ingênuo, ele tem método. Ingênuos são seus aduladores. Francisco é tão católico quanto Lulla, simples assim. Quem sabe o manguaceiro de São Bernardo não tenha deixado o Vaticano com um barrete cardinalício in pectore…. Dom Lulla da Silva, cardeal presbítero-casado de São Helder Câmara na Via Esquerdoza.
    Cinismo de lado, alguns ainda se recusam a aplicar a máxima “pau que bate em Chico também bate em (Papa) Francisco”. Se os bispos são criticados pelo esquerdismo, por que não o bispo de Roma? Afinal, se fala como esquerdista, escreve como esquerdista, prega como esquerdista, recebe esquerdistas, nomeia esquerdistas, é o quê? Católico é que não é!